Milhões de brasileiros serão indenizados pelo Facebook; Saiba se você está na lista

Um vazamento indevido de dados, em 2021, resultará em um pagamento de R$ 72 milhões de indenização. O culpado será a plataforma Facebook, que foi responsabilizado por danos morais e terá que pagar multa para 533 milhões de pessoas em 106 países, incluindo o Brasil. 

A decisão, expedida pela Vara de Interesses Difusos e Coletivos do Maranhão nesta quinta-feira (23) e o valor deverá ser revertido para o Fundo Estadual de Direitos Difusos do estado.

De acordo com informações do O Globo, na ocasião, foram publicizadas informações pessoais como número de telefone, e-mail, nome e data de nascimento de aproximadamente 533 milhões de pessoas com contas na rede social em 106 países. Desses, 8.064.916 moram no Brasil.

Além do pagamento de R$ 500 em indenização, o juiz Douglas de Melo Martins, entendeu que a rede social deve pagar 10% do valor da condenação, ou seja, R$ 7,2 milhões, em custas processuais e honorários de advogados.

Saiba se você também tem direito a receber a indenização

Apesar da lista de usuários do Facebook que tiveram os dados vazados não ser pública, há ferramentas digitais que permitem checar se as informações já foram tornadas públicas. O Have I Been Pwned? — um dos principais sites que permitem verificar se houve divulgação indevida de conteúdo pessoal — é um desses portais.

A ferramenta, criada pelo especialista em segurança Troy Hunt, permite que qualquer pessoa possa checar se e-mail e telefone celular já foi vazado por alguma plataforma de tecnologia. A checagem a partir do número de celular foi incluída depois da divulgação indevida sobre usuários do Facebook, em 2021.

Para descobrir, basta entrar com o e-mail ou com o número de celular no formato internacional — o código +55, que é o identificador internacional do Brasil, o código do estado, o DDD, e o número de telefone. Se aparecer a resposta “Good news — no pwnage found!” em um fundo verde, quer dizer que não houve nenhum vazamento associado ao endereço. Por outro lado, se aparecer “Oh no — pwned!” em um fundo vermelho, significa que o e-mail ou telefone já foi publicizado equivocadamente.

 

Caminhoneiro salgueirense e esposa morrem em acidente no interior de Alagoas

Um caminhoneiro salgueirense de 47 anos, conhecido popularmente como “Boca”, e a esposa dele, de 41 anos, morreram em acidente neste sábado, 25, no km 8,7 da BR-104, em São José da Laje, no interior de Alagoas.

O caminhão desceu na ribanceira em um trecho da rodovia conhecido como curva da melancia. A mulher morreu no local e o caminhoneiro ainda chegou a ser socorrido, mas teve uma parada cardíaca.

As mortes dos salgueirenses provocaram comoção na cidade. Boca e a esposa eram muito queridos por familiares, amigos e conhecidos.

Compartilhe: