Prefeito do Recife, João Campos, e deputada Tabata Amaral anunciam que estão com Covid-19

O chefe do Executivo municipal afirmou que está sem sintomas e que se isolou, em casa, depois do diagnóstico.

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), e a deputada federal Tabata Amaral (PDT), namorada dele, tiveram diagnóstico positivo para Covid-19 (Foto: Reprodução)

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), e a deputada federal Tabata Amaral (PDT), namorada dele, tiveram diagnóstico positivo para Covid-19. O anúncio foi feito pelas redes sociais, neste sábado (16). O chefe do Executivo municipal afirmou que está sem sintomas e que se isolou, em casa, depois do diagnóstico.

No Instagram, o filho do ex-governador Eduardo Campos disse que, desde o início da pandemia, se submeteu a exames periódicos de coronavírus. O Recife tem o maior número de mortos e casos confirmados, em Pernambuco: são 54.521 confirmações e 2.798 óbitos.

Diversas autoridades de Pernambuco já tiveram a doença, como o governador Paulo Câmara (PSB), a vice-governadora Luciana Santos (PC do B), o ex-secretário de Saúde do Recife Jailson Correia e o secretário de Saúde do estado, André Longo.

“Ao longo da pandemia, eu fiz vários exames para testar o coronavírus. Todos deram negativo, nunca apresentei sintomas ao longo desse período inteiro. Ontem eu fiz mais um, deu negativo, e a contraprova, de hoje, deu positivo. Então, eu testei positivo para coronavírus, estou sem sintomas, estou bem, estou isolado em casa e vou seguir assim pelos próximos dias, seguindo as recomendações médicas”, disse João Campos (veja vídeo acima).

Também pelas redes sociais, Tabata Amaral disse, na sexta-feira (15), que havia tido confirmação para a doença. Ela está em São Paulo, onde mora.

“Desde o início da pandemia, realizo testes periódicos de diagnóstico da Covid-19. O resultado do último exame que fiz acabou de dar positivo. Estou bem e em casa, respeitando todas as recomendações médicas e de isolamento, e também cancelei as próximas agendas presenciais”, disse.

Pandemia em Pernambuco

Pernambuco registrou, neste sábado (16), mais 1.450 casos da Covid-19 e 29 mortes de pacientes contaminados pelo novo coronavírus. No estado, há 240.605 confirmações e 9.993 óbitos. Os dados começaram a ser registrados em março de 2020

Mudança: após aeronave sofrer pane, pacientes do Amazonas só chegarão em João Pessoa no início da tarde deste domingo

Segundo o secretário, a Administradora Portuária informou que o avião sofreu uma pane, com isso, a decolagem com destino a João Pessoa só acontecerá após o retorno da Aeronave do voo de Brasília.

A aeronave que iria trazer os 15 pacientes do Amazonas para João Pessoa sofreu uma pane na noite deste sábado (16) (Foto: Reprodução)

A aeronave que iria trazer os 15 pacientes do Amazonas para João Pessoa sofreu uma pane na noite deste sábado (16), suspendendo a decolagem do avião com destino a capital paraibana. A informação é do secretário de saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros. 

Segundo o secretário, a Administradora Portuária informou que o avião sofreu uma pane, com isso, a decolagem com destino a João Pessoa só acontecerá após o retorno da Aeronave do voo de Brasília. 

A aeronave com destino a Brasília sai às 21h30 com 18 pacientes infectados com a Covid-19. Além deles, seis pessoas que compõem a equipe médica. 

Ainda de acordo com o secretário, a aeronave deverá pousar em João Pessoa por volta das 12h50 deste domingo (16). 

O primeiro horário informado pela equipe da Operação Manaus, seria de que os pacientes chegariam na madrugada deste domingo, em João Pessoa. Além dos 15 pacientes, a capital paraibana receberá 06 pessoas que compõem a equipe médica. 

Eles serão internados no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW-UFPB). O hospital confirmou ao ClickPB, que os pacientes ficarão internados nos leitos disponibilizados na enfermaria e cerca de 60 profissionais da área assistencial envolvidos na ação humanitária. Ao todo, a enfermaria está equipada com leitos elétricos, bombas de infusão, ventiladores mecânicos e material para ventilação não-invasiva. 

Afogados registra 35 novos casos e 35 curas para covid-19

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que neste sábado (16), foram registrados 35 casos novos para a COVID – 19. Desses, todos já estavam em investigação e 29 já receberam alta por cura.

São 19 pacientes do sexo feminino, com idades de 3, 15, 18, 21, 27, 31, 32, 33, 35, 35, 40, 41, 48, 48, 52, 59, 65, 66 e 72 anos; 
e 16 pacientes do sexo masculino, com idades de 12, 16, 21, 23, 26, 28, 33, 31, 34, 43, 45, 48, 49, 65, 74 e 80 anos. Entre as mulheres: 02 profissionais de saúde, 03 aposentadas, 06 agricultoras, 02 estudantes(rede privada), 03 estudantes(rede pública), 01 atendente, 01 auxiliar de serviços gerais e 01 cozinheira. Já entre os homens: 01 profissional de saúde, 02 aposentados, 04 agricultores, 01 estudante (rede privada), 01 estudante (rede pública), 01 eletricista, 01 autônomo, 01 vendedor, 01 agente de registro, 01 armador de ferro, 01 atendente e 01 funcionário público. 
Hoje nenhum caso novo entrou em investigação.
Hoje 73 pessoas apresentaram resultados negativos para COVID -19. 
Neste sábado, 35 pacientes apresentaram cura após avaliação clínica e epidemiológica. O município atingiu a marca de 2175 pessoas (94,85%) recuperadas para covid-19. Atualmente, 94 casos estão ativos. 

Morte de professora carnaibana por coronavírus causa comoção

Faleceu vítima da covid-19 a professora carnaibana Vera Magdala Augusto, 54 anos. Ela estava internada no Hospital Eduardo Campos, em Serra Talhada.

Magdala era filha do saudoso José Augusto com a professora Socorro Augusto. Tinha quatro irmãos, entre eles a tesoureira do município Marcília Augusto e do gerente da Caixa Econômica de Afogados, é ex-secretária de Assistência e Inclusão Social.
O prefeito Anchieta Patriota decretou luto por seu falecimento através do Decreto Municipal n.º 01/2021.

 

Compartilhe: