Pernambuco tem Dia D de vacinação contra a gripe nesse sábado

 

Todos os municípios pernambucanos estarão mobilizados nesse sábado, 13, para o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. Mais de 2 mil salas de imunização estarão em funcionamento no Estado, que recebeu desde o início da campanha, no dia 7 de março, mais de 1.724.000 doses da vacina contra as cepas A H1N1, A H3N2 e o tipo B do vírus.

Até o momento foram aplicadas 461.922 doses, o que representa uma cobertura total para os grupos prioritários de 15%. O grupo que apresenta o maior registro de doses aplicadas é o de idosos, seguido de crianças e trabalhadores da saúde. Segundo o Ministério da Saúde, Pernambuco tem 3.597.531 pessoas nos grupos prioritários.

“Mesmo com a data oficial da campanha de vacinação definida para 25 de março, o Ministério da Saúde antecipou para os Estados o envio das primeiras remessas de doses da vacina contra a gripe e, ao mesmo tempo, autorizou que cada gestão municipal iniciasse suas estratégias como forma de garantir a proteção da população diante da sazonalidade de vírus respiratório em diversas regiões do país. Com isso, começamos a ação junto às gestões municipais com um total de 1.653.000 de doses. Com pouco mais de um mês de campanha já visualizamos importantes acréscimos nas coberturas vacinais”, destaca a superintendente de Imunizações de Pernambuco, Jeane Tavares Torres.

Prefeitura de Afogados desenvolve projeto de empreendedorismo rural

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira realizou esta semana algumas reuniões junto às associações das comunidades rurais da Serra da Opa, Minador, Brejo, Umbuzeiro e Leitão da Carapuça. A ação faz parte do projeto   “Zona rural sem fronteiras: empreender é possível”, realizado em parceria com o SEBRAE. O projeto é um

a ação integrada entre as Secretarias de Agricultura e de Administração, Desenvolvimento Econômico e Turismo. 

O objetivo da Prefeitura de Afogados é fomentar o empreendedorismo junto às comunidades rurais. “Fizemos, em parceria com a Secretaria de Agricultura e o SEBRAE, um estudo de solo para saber as potencialidades de cultivo e identificamos um grande desperdício da produção de jabuticaba na Serra da Opa. Junto com o SEBRAE, e dialogando com os agricultores, iniciamos a produção de diversos produtos para agregar valor à produção, como doces e geleias,” destacou o Secretário de Administração e Desenvolvimento Econômico, Ney Quidute. Segundo Ney, o projeto também contempla as produções de coco catolé, castanha, caju e umbu. 

A reunião contou com a presença do Secretario de Agricultura de Afogados, Valberto Amaral. O projeto, e os produtos frutos desta ação, serão apresentados no congresso da Amupe, nos próximos dias 15, 16 e 17 de abril. 

No stand da Prefeitura de Afogados, durante o congresso, os participantes poderão adquirir os produtos dos nossos agricultores familiares, como geleia e licor de jabutica, licor de umbu, castanhas de caju selecionadas, biscoito de castanha e cocadas de coco de catolé. 

Ao todo, noventa e oito famílias participam do projeto e contaram com o apoio da Gestão Municipal para a estruturação da associação com freezeres para o armazenamento das frutas, panelas, embalagens descartáveis e rótulos com o logo tipo dos produtos para a comercialização. 

A reunião também contou com a participação da agente de crédito do Banco do Nordeste, Viviele Marques, que apresentou a linha de crédito do Crediamigo.

O projeto “Zona rural sem fronteiras: empreender é possível” é um dos finalistas do prêmio SEBRAE – Prefeitura Empreendedora, cujos vencedores serão anunciados na próxima Segunda, 15 de Abril, dentro da programação do Congresso da Amupe.

 

Compartilhe: