Concurso Nacional Unificado, confira as taxas de inscrição

O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) divulgou, nesta quarta-feira (10/1), os valores da taxa de inscrição para o Concurso Nacional Unificado (CNU), também chamado de “Enem dos Concursos”.

No total, o CNU, vai ofertar 6.640 vagas, distribuídas em 21 órgãos federais.

A taxa de inscrição será de R$ 60 para vagas de nível médio e de R$ 90 para vagas de nível superior. Segundo o MGI, o concurso também vai oferecer isenção desse pagamento para os seguintes candidatos:

inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico)

seja ou tenha sido bolsista do Programa Universidade para Todos (ProUni)

seja ou tenha sido financiado pelo Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies)

doadores de medula óssea

Além da taxa, conta no Gov.br

Para se inscrever no CNU, é necessário ter uma conta na plataforma Gov.br. No site do governo, o candidato deve preencher os formulários e anexar os documentos exigidos no edital.

Só no momento da inscrição que o candidato vai escolher pelas carreiras, que estarão divididas em oito blocos temáticos. Cada bloco reúne as carreiras que possuem semelhanças entre si.

De acordo com cronograma divulgado pelo MGI, o período de inscrições começa em 19 de janeiro e segue até 9 de fevereiro. Os resultados deverão ser divulgados em 30 de julho, com convocação dos servidores aprovados em 5 de agosto.

O “Enem dos Concursos”

Idealizado a partir de dificuldades apresentadas pelos próprios órgãos federais, o concurso segue os moldes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A proposta da pasta Gestão e da Inovação é “promover igualdade de oportunidades de acesso aos cargos públicos efetivos”.

As vagas serão distribuídas no âmbito dos órgãos e das entidades da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional, mediante a aplicação simultânea de provas em todos os estados e no Distrito Federal.

Veja como ficou o cronograma do Concurso Nacional Unificado

Divulgação do edital: 10 de janeiro;

Início das inscrições: 19 de janeiro;

Prazo máximo para inscrições: 9 de fevereiro;

Divulgação dos dados finais de inscrições: 29 de fevereiro;

Divulgação dos cartões de confirmação: 29 de abril;

Aplicação das provas: 5 de maio;

Divulgação dos resultados das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e redação: 3 de junho;

Divulgação final dos resultados: 30 de julho;

Início da convocação para posse e cursos de formação: 5 de agosto.

Compartilhe: