Assassinado por um bolsonarista, o militante petista Marcelo Arruda foi enterrado nesta segunda-feira (11) sob aplausos e pedidos de fim do ódio.

Marcelo foi morto pelo policial penal Jorge Guaranho no último sábado (9), após ele invadir sua festa de 50 anos que tinha como temática o PT. O atirador também foi baleado e está internado em estado grave – ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça.

Durante as despedidas do militante chamado de herói, amigos e familiares relataram que nos momentos finais Marcelo conseguiu salvar os presentes na festa.

“Lembrem que ele será sempre um herói. Um herói que não usou capa, não voa, não solta raio pelo olho. Mas é um herói que salva vidas. E que a gente possa ter essa história como ensinamento, e vamos acabar com essa história de ódio”.

Ele foi enterrado com uma toalha com a imagem do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Marcelo foi velado em um ginásio esportivo na cidade, com a presença de familiares, colegas de trabalho e militantes políticos. Além dos parentes, diversos colegas do PT de Foz do Iguaçu, do qual Marcelo era tesoureiro, e da Guarda Municipal compareceram ao local.

Entre as figuras políticas, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, compareceu ao velório.

Por volta das 14h, o corpo do guarda saiu do ginásio para um cortejo pela cidade, sob aplausos e gritos de “Marcelo presente”. O comboio de veículos passou em frente a Guarda e depois se dirigiu ao cemitério municipal do bairro Jardim São Paulo.

No cemitério, vários amigos e familiares discursaram sobre Marcelo, descrito como alguém pacífico e que lidava bem com as diferenças políticas.

Entre os familiares, apesar do clima de comoção, a reportagem ouviu relatos de que há um sentimento de vontade de levar adiante os ideais de Marcelo.

Marcelo nasceu na favela, foi engraxate e, segundo familiares, o engajamento em questões sociais veio dessa história.

Atualmente, Marcelo era diretor da executiva do Sindicato dos Servidores Municipais de Foz do Iguaçu (Sismufi).Na política partidária, Arruda era tesoureiro do PT. No partido havia mais de dez anos, ele concorreu a vereador e a vice-prefeito pela sigla em eleições municipais recentes.

Ele entrou para a Guarda no primeiro concurso da corporação.

De esquerda, soube conviver com as diferenças em um ambiente e tinha amigos das mais variadas ideologias. Como ex-militar e guarda, convivia e se dava bem com muitas pessoas mais à direita, incluindo bolsonaristas.

Segundo amigos e familiares, o guarda jamais teria iniciado uma briga como fez o bolsonarista que invadiu sua festa e o matou -o homem foi baleado e segue internado. (Via: Folhapress)

Marília Arraes recebe novos apoios em Bonito e Belo Jardim

Uma das principais lideranças políticas de Bonito, a ex-prefeita da cidade e ex-deputada estadual, Maria Lúcia Heráclio, declarou apoio à pré-candidata ao Governo de Pernambuco, Marília Arraes. 

O anúncio foi feito neste final de semana, durante uma recepção do grupo político dos Heráclio à comitiva de Marília, que cumpriu uma extensa agenda na Mata Sul e no Agreste do Estado.

Encabeçado por Maria Lúcia, o grupo conta com diversas lideranças locais, incluindo o ex-vereador do município, Ricardo Heráclio.

Belo Jardim – Marília Arraes, recebeu três apoios políticos vindos do município de Belo Jardim. São três vereadores que, ao lado do Delegado Rossine Blesmany, irão caminhar ao lado da neta de Arraes: Thallys (Cidadania), Soldado Edvaldo (PSB) e Doutor Romulo (DEM). 

“Marília Arraes representa a esperança do povo pernambucano. Será a nossa governadora a partir do ano que vem”, afirma Thallys. “Estar ao lado de Marília e Rossine é caminhar ao lado de quem quer o melhor para Pernambuco”, ressalta Soldado Edvaldo. “Marília será a primeira mulher governadora de Pernambuco”, complementa Doutor Romulo.

 

Afogados: rotatória com letreiro da cidade é inaugurada no Padre Pedro Pereira

O Prefeito Sandrinho Palmeira inaugurou na noite do domingo (10), uma obra urbanística na entrada da cidade: uma rotatória – com sinalização vertical e horizontal de trânsito – e um letreiro colorido com o nome Afogados da Ingazeira. 

Cada letra mede 2,5 metros. O projeto da rotatória, assim como o da praça inaugurada na sexta, foi idealizado pelos arquitetos Marília Acioly e Elizeu Lira, e executado pelo empreiteiro Aurélio. As letras foram obra do artista Ed-Ek Brito. 

Ao todo, praça e rotatória, a Prefeitura investiu mais de R$ 240 mil, em obras que além de embelezarem uma importante entrada da cidade, traz mais segurança para o trânsito no local, beneficiando os moradores que tem o seu bairro, o Padre Pedro Pereira, mais valorizado. 

O Presidente da CDL, Darlan Quidute, esteve presente à inauguração e destacou a importância da obra para a melhoria do ambiente de negócios. “Só numa primeira olhada, estou vendo aqui na área dessas obras, mais de 40 empreendimentos, que agora terão um melhor ambiente para receberem e atenderem seus clientes”, destacou Darlan. 

“Essa é uma obra que alia beleza e utilidade. Deixa a entrada de nossa cidade mais atrativa, eleva a autoestima dos moradores aqui do bairro Padre Pedro Pereira, e também ajuda no disciplinamento do trânsito, com essa rotatória,” avaliou o prefeito Sandrinho. 

A inauguração contou com as presenças de secretários de governo, do vice Daniel Valadares, dos vereadores Sargento Argemiro, Gal Mariano, Raimundo Lima, Reinaldo Lima, Douglas Eletricista, César Tenório, Toinho da ponte, além dos moradores do bairro.

 

Paraná Pesquisas: Marília 30,7%, Raquel 15,6%, Anderson 13%, Migue 12,5% e Danilo, 7,5%

Blog de Jamildo

A pesquisa eleitoral divulgada nesta segunda-feira (11) pelo Instituto Paraná Pesquisas mostra a intenção de voto para o Governo de Pernambuco. Marília Arraes (SD) chegou aos 30 pontos percentuais, marca inédita para a eleição deste ano.

Segundo o levantamento, divulgado no Estado com exclusividade pelo Blog de Jamildo, a deputada federal possui quase o dobro de intenção de voto de Raquel Lyra (PSDB), que está em segundo lugar. A tucana perdeu dez pontos percentuais desde a entrada de Marília na corrida pelo Governo de Pernambuco.

A ex-prefeita de Caruaru é seguida de perto, num empate técnico, por Anderson Ferreira (PL) e Miguel Coelho (UB). Ambos oscilaram, dentro da margem de erro, em comparação à última pesquisa eleitoral do Paraná Pesquisas em Pernambuco.

Danilo Cabral (PSB), pré-candidato governista, também oscilou, ficando em quinto lugar na disputa. João Arnaldo (PSOL) e Jones Manoel (PCB) ficaram empatados, com menos de um ponto percentual cada.

Veja o ranking:

Marília Arraes (SD): 30,7%

Raquel Lyra (PSDB): 15,6%

Anderson Ferreira (PL): 13%

Miguel Coelho (UB): 12,5%

Danilo Cabral (PSB): 7,5%

Jones Manoel (PCB): 0,6%

João Arnaldo (PSOL): 0,6%

Não sabe ou não respondeu: 7,2%

Brancos e nulos: 12,3%

O instituto divulgou a primeira parte da pesquisa eleitoral no último sábado (09).

Como a coluna adiantou, já foi publicada a intenção de voto para a Presidência da República em Pernambuco, além da avaliação do presidente Jair Bolsonaro (PL).

A pesquisa eleitoral do Instituto Paraná Pesquisas em Pernambuco ouviu, através de entrevistas pessoais, 1.510 eleitores, entre os dias 4 e 8 de julho deste ano.

“Tal amostra representativa do Estado de Pernambuco atinge um nível de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,6 pontos percentuais para os resultados gerais”, anuncia o Paraná Pesquisas.

O pré-candidato a deputado estadual José Patriota recebeu o apoio de lideranças comunitárias de Recife, em evento realizado neste sábado (9) pelo vereador eleito e secretário de Governo de Recife, Carlos Muniz. O evento contou com a presença também dos pré-candidatos, a governador, Danilo Cabral; a senadora, Teresa Leitão; e a deputado federal, Pedro Campos. Também participaram os prefeitos, de Recife, João Campos; de Carnaíba, Anchieta Patriota e de Afogados da Ingazeira, Sandrinho Palmeira.

“Estamos aqui para honrar o legado de Miguel Arraes e Eduardo Campos. Estamos para fazer uma política que trabalhe para fazer bem para o povo de Pernambuco, principalmente quem mais precisa”, afirmou José Patriota em seu discurso.

No evento, João Campos destacou a competência de Patriota na gestão pública. “Em Afogados da Ingazeira, conseguiu ser eleito com quase 83% dos votos válidos”, lembrou. Também ressaltou da importância de quadros como o presidente licenciado da Amupe na política de Pernambuco. “Por tudo que já fez, Patriota não precisa ser pré-candidato deputado, mas Pernambuco precisa dele presente na política pernambucana”, concluiu.

 

Marília Arraes visita Toritama e Taquaritinga do Norte

A pré-candidata ao Governo de Pernambuco, Marília Arraes, e o pré-candidato ao Senado, André de Paula, continuaram os compromissos do final de semana nos municípios de Toritama e Taquaritinga do Norte. 

Neste domingo (10), ao lado de dezenas de aliados políticos, os dois participaram de uma visita ao Parque das Feiras e ao Festival Café Cultural, respectivamente.

“Toritama e região possuem um grande potencial econômico e turístico para o turismo de negócios. Polos como esse em Toritama são fundamentais para fazer o Estado sair desse marasmo que está”, afirma Marília, que teve um encontro com Camilo Brito, que está à frente do Parque das Feiras.

A pré-candidata também reconheceu a importância de André de Paula para a busca por recursos para o desenvolvimento de Pernambuco. “Com certeza vamos precisar de alguém que conhece Brasília de verdade. Uma pessoa que vá buscar recursos para a água, estradas, potencial logístico e outros assuntos importantes”, continua. 

Em Taquaritinga do Norte, Marília foi recepcionada na casa do ex-prefeito Jânio Arruda. No Festival Café Cultural, o carinho da população aqueceu o coração dos pré-candidatos. 

Estiveram nas agendas: a pré-candidata a deputada estadual, Helloysa Ferreira, o pré-candidato a deputado federal, Zé Augusto Maia, o vice-prefeito de Jataúba, Mamão, o vereador de Caruaru, Jorge Quintino, a vereadora de Toritama, Rossana, os vereadores Morica e Lolo, o ex-vereador Fabio Florentino, os vereadores de Taquaritinga, Natália de Luquinha e Amauri.

Medida é valida para municípios com mais de 100 mil eleitores

A partir do dia 15 de julho, os municípios com eleitorado superior a 100 mil pessoas devem habilitar os locais de votação convencionais ou específicos para recebimento do voto em trânsito, que é permitido somente nessas localidades. A data está prevista no calendário eleitoral.

 

A medida deve ser cumprida para permitir que o eleitor possa solicitar o voto em trânsito, cujo prazo começa no dia 18 e vai até 18 de agosto. Na ocasião, o cidadão poderá indicar o local onde pretende votar fora de seu domicílio eleitoral.

O voto em trânsito é permitido somente para os eleitores que estão com o título regularizado. Quem estiver fora de seu estado, poderá votar somente para presidente da República. O eleitor que estiver fora de sua cidade, mas em um município localizado no mesmo estado, poderá votar para todos os cargos em disputa.

Essa modalidade não vale para urnas eletrônicas instaladas no exterior, porém, o eleitor brasileiro que mora fora do país e estiver no Brasil poderá solicitar o voto em trânsito.

O primeiro turno ocorrerá no dia 2 de outubro, quando os eleitores vão às urnas para eleger o presidente da República, governadores, senadores, deputados federais, estaduais e distritais. Um eventual segundo turno para a disputa presidencial e aos governos estaduais será em 30 de outubro.

Agência Brasil

O microempreendedor individual (MEI) que não entregou no prazo a Declaração Anual Simplificada para o MEI (DASN-Simei) ainda pode regularizar a situação e enviar o documento. No entanto, pagará multa de 2% ao mês, com valor mínimo de R$ 50 e máximo de 20% sobre o valor total dos tributos declarados.

Tradicionalmente, o prazo de entrega da declaração do MEI acaba em 31 de maio de cada ano. Em 2022, no entanto, a data limite foi estendida para 30 de junho.

A guia de pagamento da multa é emitida automaticamente após a declaração ser transmitida. A Receita Federal orienta todo MEI que atuou em qualquer período de 2021 a enviar o documento, mesmo com o pagamento da multa, para evitar transtornos.

Enquanto não entregar a declaração, o MEI não conseguirá gerar o documento de arrecadação do Simples Nacional (DAS) e ficará devedor com o sistema de pagamento simplificado de tributos. Além disso, o empreendedor pode ter os benefícios previdenciários bloqueados pela falta do pagamento das contribuições devidas e ficar impossibilitado de parcelar os débitos relativos ao período abrangido pela declaração.

Para preencher a declaração do MEI, é preciso acessar o serviço do DASN-Simei, disponível no portal do Simples Nacional, informar o CNPJ da empresa e clicar em avançar. Todo o processo é feito pela internet.

As principais informações a serem apresentadas são as receitas obtidas durante o ano, segundo os diferentes tipos de atividades, como comércio, indústria e prestação de serviços. O microempreendedor que estava ativo, mas não faturou no ano passado, deve preencher o valor R$ 0,00 e concluir a declaração. Quem contratou empregado em 2021 deve marcar sim no campo que aparece no formulário.

Depois disso, o programa listará os pagamentos mensais de tributos feitos no ano passado. Após transmitir a declaração, o contribuinte obtém o recibo, que deverá ficar guardado por cinco anos. No caso da entrega fora do prazo, é automaticamente gerada a multa referente ao atraso.

Enquadramento

Podem ser enquadradas como MEI as empresas individuais com faturamento até R$ 81 mil por ano (R$ 6.750 por mês). Acima do teto, a pessoa jurídica é enquadrada como microempresa.

Na condição de participante do Simples Nacional, o microempresário é obrigado a recolher mensalmente o documento de arrecadação simplificada do microempreendedor individual, que unifica numa guia a contribuição de 5% do salário mínimo para a Previdência Social e o pagamento de R$ 1 de Imposto sobre Serviços, caso o autônomo atue nesse ramo, ou de R$ 5 de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), caso o profissional atue no comércio. Existe, ainda, a nova figura do MEI-Caminhoneiro, com alíquotas próprias de contribuição.

Segundo o Painel Mapa de Empresas, da Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, há 13.598.106 empresários individuais no país, de um total de 19.381.597 empresas ativas. Isso equivale a 70% do total de negócios em operação no Brasil.

“discurso de ódio estimulado por um presidente irresponsável”.

O ex-presidente e pré-candidato ao Planalto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) lamentou a briga política que terminou com a morte do líder do PT em Foz do Iguaçu Marcelo Arruda e do policial penal Jorge Jose da Rocha Guaranho, que seria apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL), na madrugada deste domingo (10). 

Pelo Twitter, Lula disse que Arruda estava comemorando o aniversário de 50 anos quando “uma pessoa, por intolerância, ameaçou e depois atirou nele, que se defendeu e evitou uma tragédia maior”. O ex-presidente destacou que, devido à briga, “duas famílias perderam seus pais”. “Filhos ficaram órfãos, inclusive os do agressor.”
Lula ainda pediu compressão e solidariedade com os familiares de José da Rocha Guaranho, que segundo ele, perdeu a vida devido a um “discurso de ódio estimulado por um presidente irresponsável”. “Pelos relatos que tenho, Guaranho não ouviu os apelos de sua família para que seguisse com a sua vida. Precisamos de democracia, diálogo, tolerância e paz”, finalizou.
O crime 
Os dois teriam discutido depois que Jorge Jose da Rocha Guaranho invadiu a festa de aniversário de Arruda, que tinha como tema o PT e o ex-presidente Lula. Na discussão, num estacionamento próximo ao local, Marcelo reagiu à abordagem de Jorge Jose e os dois acabaram mortos a tiros. Ambos tinham porte de arma por serem policial penal e guarda municipal, respectivamente. A Polícia Civil investiga o caso. 

Pâmela Suelen Silva, viúva do guarda civil Marcelo Arruda, afirmou ao Metrópoles que nem ela nem o marido conheciam ou sabem quem é o bolsonarista Jorge José da Rocha Guaranho, que invadiu a festa de aniversário temática do PT e matou o aniversariante.

“Eles não se conheciam. A gente não sabe quem é essa pessoa. Eu só sei que ele é um louco e que acabou com a nossa família. É isso que eu sei”, respondeu a viúva ao Metrópoles.

O marido de Pâmela era guarda civil, tesoureiro municipal do PT e já tinha concorrido aos cargos de vereador e vice-prefeito pelo partido de esquerda.
Gritos de ordem
“Ele pediu uma decoração do PT, a gente fez uma coisa muito simples para brincar e estávamos todos brincando até então.”
Segundo Pâmela, logo após os parabéns, um carro branco chegou próximo ao local da festa, a Associação Recreativa Esportiva Segurança Física Itaipu (Aresfi).
O motorista fez o retorno e começou a gritar: “Bolsonaro, mito”,”morte aos petistas”, “fora, PT”, “Lula Ladrão”. “O Marcelo foi intervir, pedir para ele se retirar. Ele sacou a arma e apontou para o Marcelo”, relatou.
Pâmela, que é policial civil, também se aproximou para ajudar o marido e viu que no carro ainda estavam uma mulher e uma criança.
“A esposa dele estava com o bebê no carro e pediu ‘pelo amor de Deus’ para que parasse aquela discussão. O cara com a arma em punho falou: ‘Vou voltar’, e saiu com o carro”, relatou a viúva.
Armas
As armas da policial e do guarda civil estavam guardadas no carro. Mas após a ameaça do agente penitenciário federal, o petista decidiu buscar o revólver.
“A gente foi para a festa, não era para usar arma. Era uma festa de família. O Marcelo, como tem experiência de 28 anos de guarda municipal aqui em Foz do Iguaçu, falou: ‘Não, eu vou ficar armado’, e colocou a arma na cintura”, relatou Pâmela.
De fato, o bolsonarista retornou após 15 minutos. “Quando ele desceu do carro, ele já estava atirando”, afirmou.
“Infelizmente, esse louco chegou. Eu não sei quem é, a gente não sabe. Ele chegou atirando a esmo e poderia não ter acertado só o Marcelo, mas qualquer outra pessoa ali. O Marcelo foi heroicamente bravo e defendeu a todos que estavam ali. Infelizmente, meu parceiro perdeu a vida.

Policial penal Bolsonarista que matou petista está vivo após ser baleado

O agente penitenciário José da Rocha Guaranho, que matou o guarda municipal Marcelo Arruda, em Foz do Iguaçu, está sob custódia da polícia em um hospital da região. O crime aconteceu por volta das 23h40 deste sábado (09). A informação foi divulgada pela delegada responsável pelo caso, na tarde deste domingo (10).

 

A polícia havia informado mais cedo que o agente morreu depois de ser baleado. O atirador foi internado em estado grave após Arruda, que também estava armado, conseguir revidar os disparos.

“Ele está vivo e estável, custodiado pela Polícia Militar e foi autuado em flagrante”, afirmou a delegada. Guaranho foi levado para o Hospital Municipal Padre Germano Lauck.

Marcelo de Arruda comemorava seu aniversário de 50 anos em festa com temática do PT quando Guaranho passou em frente ao local de carro e, depois de discussão, afirmou que retornaria. Cerca de 20 minutos depois, ele voltou e disparou contra Arruda. O crime é investigado como tendo motivação divergências políticas.

“Ele chega na festa ouvindo músicas que remetiam a #Bolsonaro. Testemunhas contaram que ele teria gritado ‘Aqui é Bolsonaro’. O guarda pede para ele se retirar e ele não vai embora. O guarda municipal joga pedras contra ele. Assim começa a briga. vamos ouvir mais testemunhas. Informamos anteriormente que Jorge tinha vindo a óbito, mas ele está vivo e estável”, afirmou a delegada.

16ª Expoagro: exposição de animais gerou volume de negócios de mais de 200 mil reais

Ascom

A Expoagro não é apenas a programação artística que todos respeitam. É também um importante espaço de exposição e comercialização da caprinovinocultura nordestina.

A  XVI  Expoagro foi palco de uma das maiores exposições ranqueadas, reunindo dezenas de criadores de Pernambuco e de outros Estados do Nordeste.

Organizada pela Prefeitura de Afogados da Ingazeira, a feira contou com mais de quinhentos animais vindos de cidades dos sertões do Pajeú e Moxotó, bem como dos estados de Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte e Paraíba.

Segundo o secretário municipal de Agricultura, Rivelton Santos, essa foi uma das melhores de todos os tempos também na exposição de animais. “Tudo correu bem, tivemos a participação de mais de cinquenta criadores,  gerando um volume de negócios de mais de duzentos mil reais. Concluímos a feira com uma avaliação muito positiva e agradecendo a participação de todos os criadores”, afirmou Rivelton. A premiação concedida pelo município aos criadores totalizou 40 mil reais.

Concursos e seleções oferecem 3.121 vagas de emprego com salários de até R$ 7,5 mil em Pernambuco

Sede da Secretaria de Educação de Pernambuco fica no bairro da Várzea, na Zona Oeste do Recife — Foto: Reprodução/Google Street View

Concursos e seleções simplificadas realizados pelo governo do estado estão com inscrições abertas. Ao todo, 3.121 vagas são oferecidas. As oportunidades são para cargos de níveis técnico, médio e superior.

Os salários chegam 7,5 mil, no certame da Secretaria Executiva de ressocialização. Confira as informações principais de cada processo seletivo. Confira:

Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase)

  • Inscrições: até 28 de julho
  • 133 vagas
  • Salários: R$ 1.584
  • Cargos de nível médio
  • Confira o edital

Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres)

  • Inscrições até 24 de julho
  • 81 vagas
  • Salários de até 7,5 mil
  • Cargos de níveis técnico e superior
  • Confira o edital

Secretaria Estadual de Educação (SEE)

  • Inscrições até 18 de julho
  • 2.907 vagas
  • Salários de até 3,9 mil
  • Cargos de nível superior (professor)
  • Confira o edital

 

 

Dois homicídios registrados no Pajeú

A região do Pajeu registrou dois homicídios neste sábado (09). Os crimes aconteceram nas cidades de São José do Egito e Tabira.

A primeira vítima é a jovem Géssica Priscila Maciel, de 32 anos, residente no Sítio Lagoa do Mato, em São José do Egito.

De acordo com informações colhidas pelo blog do Marcello Patriota, o esposo da vítima relatou que ouviram o barulho dos cachorros durante a madrugada, momento em que a vítima saiu com uma lanterna e foi alvejada por dois disparos de arma de fogo nas costas.

O companheiro da vítima, que cumpre pena há cerca de seis meses em regime aberto por crime de homicídio, é o principal suspeito do assassinato da jovem. Ele foi detido e conduzido ao plantão da Delegacia Regional de Afogados da Ingazeira.

O suspeito nega a autoria do crime. Ele alega que alguém foi à residência para matá-lo e acabou vitimando sua esposa.

O IC (Instituto de Criminalística) fez a perícia no local do crime e o corpo da jovem foi encaminhado para o IML de Caruaru. Foi o sétimo homicídio do ano em São José do Egito.

O segundo homicídio ocorreu durante a manhã deste sábado, no Bairro da Jureminha, em Tabira.

A vítima foi identificada como Raí do Grau, idade não revelada. Ele foi morto a tiros nas proximidades do açude da PE-320.

A motivação e autoria do crime ainda são desconhecidas. A Polícia Civil investiga o caso. O corpo foi encaminhado ao IML de Caruaru.

Um homem foi preso após roubar um carro pertencente a um padre na Paróquia São José, em Canapi (AL), e distribuir parte do dízimo de fiéis que estava dentro do veículo pelas ruas de Caruaru (PE), onde o crime foi cometido, na última terça-feira (05). O líder religioso estava na cidade para participar de um retiro

 

O soldado Lucas Araújo, do 1º Batalhão Integrado Especializado da Polícia Militar (1º BIESP), informou que a equipe foi abordada por um popular dizendo ter avistada uma Fiat Toro rodando pela estrada de Maniçoba com apenas três pneus e uma roda na carcaça, sem a borracha. A equipe saiu em diligência e conseguiu localizar o veículo, com o suspeito na direção.

“Encontramos muitas roupas de padre, várias batinas, e muito dinheiro, o interior do carro estava repleto de dinheiro. Ao fazermos a contagem, a gente percebeu que havia mais de R$ 23 mil, procedente do dinheiro dos fiéis da igreja de Canapi, em Alagoas”, afirmou Araújo.

“Ele confessou que tomou esse carro durante a madrugada. Ele pediu uma carona, o padre foi solícito, mas ao chegar perto do hospital Mestre Vitalino, ele tomou o carro de assalto, subtraindo a quantia em dinheiro e também o notebook e os pertences do padre”.

De acordo com o soldado Araújo, o padre disse ainda que o suspeito teria feito menção de que estava armado e, por medo, desceu do carro para buscar ajuda.

Em ofício, a Polícia Civil de Pernambuco informou que havia registrado a prisão do suspeito, sob a acusação de roubo de carro e ameaça. Um inquérito policial foi aberto para investigar o caso e o homem ficou à disposição da Justiça.

 

 

Safadão surpreende ao postar vídeo após cirurgia; Assista

Dias após passar por uma cirurgia para retirada de uma hérnia de disco na coluna, o cantor Wesley Safadão retornou à web para acalmar o coração dos seus seguidores. Em vídeo publicado em seu perfil oficial do Instagram, o artista aparece usando meias de compressão e caminhando pelo hospital onde esteve de recuperando.

 

Assista:

Safadão passou pela cirurgia nesta quinta-feira (7) e acabou tendo que cancelar os shows marcados até este domingo (10), inclusive um que estava previsto para acontecer durante o São João da Bahia 2022, no Parque de Exposições de Salvador.

 

Conforme publicado pela assessoria do artista nas redes sociais, ocorreu tudo bem no procedimento cirúrgico ao qual o cantor foi submetido. A previsão é de que o artista receba alta médica ainda nesta segunda-feira (11).

“Após a realização de novos exames e avaliação médica liderada pela equipe do Dr. Francisco Sampaio Júnior e Professor Dr. Roberto Kalil Filho, informamos que o cantor Wesley Safadão foi submetido a uma intervenção cirúrgica no disco intervertebral, para remoção de hérnia discal”, informou.

Os últimos shows de Safadão, antes de o cantor começar a se queixar dores na coluna, ocorreram ainda no final de junho, nas cidades de Santo Antônio de Jesus, Cruz das Almas, Conceição do Jacuípe e Ibicuí, no interior da Bahia. O artista também passou pelos municípios de Santa Luzia e Monteiro, na Paraíba.

 

Mega-Sena acumula e pagará R$ 27 milhões dia 13

 (Foto: Marcello Casal Jr. / Agência Brasil)
O concurso 2499 da Mega-Sena, realizado neste sábado (9), acumulou e pagará na próxima quarta-feira (13) prêmio estimado em R$ 27 milhões. As apostas podem ser feitas até as 19h. A aposta mínima custa R$ 4,50. 
Eis as dezenas sorteadas ontem: 11, 19, 38, 47, 56 e 59. As informações são do site da Caixa Econômica Federal.
A quina (cinco acertos) teve 30 apostas ganhadoras, com R$ 74.169,24 para cada uma delas. E a quadra (quatro acertos) registrou 3.158 apostas ganhadoras, com R$ 1.006,54 para cada uma.

De fio dental, Anitta ‘esfrega’ bumbum na tela e enlouquece internautas; Veja vídeo

Anitta é daquelas artistas que faz a internet parar toda vez que compartilha algo em suas redes sociais e neste sábado (09) não foi diferente. A cantora, que revelou a necessidade de fazer uma cirurgia após descobrir uma doença, causou alvoroço na web ao aparece rebolando ao som da própria música ‘Nó Más’, em parceria com Quavo, J Balvin e Pharrell.

 

Nas imagens, a Poderosa, que elegeu o homem mais bonito do mundo, aparece em uma lancha, usando um maiô fio dental e praticamente “esfregando” o bumbum na tela, o que levou os seguidores ao delírio. Nos comentários, muitos fãs elogiaram a performance e também a boa froma da artista.

 

Marília Arraes inicia agenda do final de semana no município de Escada

A comitiva de Marília também irá visitar os municípios de Primavera, Amaraji, Bonito, Toritama, Taquaritinga do Norte e Belo Jardim

Os compromissos políticos da pré-candidata ao Governo de Pernambuco, Marília Arraes, começaram cedinho neste sábado, na Zona da Mata Sul do estado. 

No município de Escada, região historicamente ligada a Miguel Arraes, Marília iniciou a agenda no Sindicato dos Trabalhadores Rurais, a convite de Genival do Sindicato, presidente do STR e vice-prefeito da cidade. 

Bastante emocionada com a presença de arraesistas históricos e de lideranças da Fetape, Marília esteve ao lado de André de Paula, pré-candidato ao Senado.

Durante entrevista à Rádio Digital FM, em Escada, Marília reforçou seu compromisso em garantir o abastecimento de água para todas as pessoas de Pernambuco. 

“Queria relembrar que Arraes em 1998 saiu do Governo e deixou o estado eletrificado. Fazendo um paralelo com a água, faz 16 anos que esse grupo governa Pernambuco e não deixou o estado 100% abastecido. Falta foco e meta”, afirma.

Marília também falou sobre a necessidade de recuperar a PE-45, vital para o desenvolvimento da região. “Porque não resolveram o problema da PE-45? É pouco mais de 30 km que já deveria ter sido recuperado. É uma estrada estratégica para a região”, continua.

Acompanhando toda a agenda deste sábado, André de Paula fez questão de explicitar a alegria e responsabilidade que é caminhar ao lado de Marília Arraes. “Participar dessa caminhada ao lado de Marília é um privilégio. Conheço muito bem o trabalho que ela tem na Câmara, por isso sei de sua competência.”

Também estiveram na atividade José Alves (ex-prefeito de Escada); Eduardo Coutinho (ex-prefeito de Água Preta); o deputado estadual Wanderson Florêncio; e diversos vereadores da cidade e região.

 

 

SERTÃO: COLISÃO ENTRE TRÊS VEÍCULOS DEIXA UM MORTO E DOIS FERIDOS NA BR-232

Um grave acidente na noite deste sábado (09), resultou na morte de um homem e deixou dois feridos, no Km 241, na BR-232, no município de Arcoverde no Sertão de Pernambuco.

Dois carros (Ônix e Siena) que seguiam em sentidos contrários colidiram lateralmente e rodaram na pista. Na sequência, uma caminhonete (S10) colidiu na traseira do Ônix.
O motorista do Ônix identificado como Geraldo Vaz, ficou preso nas ferragens e veio a óbito no local, dois ocupantes da S10 ficaram feridos e foram socorridos para o Hospital Regional de Arcoverde, já o motorista do Siena se evadiu.
 
Além da PRF, a PM, Corpo de Bombeiros, IC e Polícia Civil estiveram no local. A Polícia Civil vai investigar o caso.

O MEC (Ministério da Educação) prevê para 2023 um orçamento com R$ 300 milhões a menos em relação ao dinheiro disponibilizado neste ano para os institutos federais. Reitores afirmam que os cortes de verba têm aumentado nos últimos seis anos.

A previsão de orçamento desse setor para o próximo ano é de R$ 2,1 bilhões. A informação foi enviada pelo MEC nesta semana aos reitores dos institutos. Essa verba é destinada ao pagamento das despesas de custeio, que incluem gastos como água, luz, limpeza e bolsas dos alunos.

“São R$ 300 milhões a menos comparado com 2022, que já tem um orçamento insuficiente, que não considera a inflação nem o IPCA [Índice de Preços ao Consumidor Amplo]”, explica Cláudio Alex Jorge da Rocha, presidente do Conif (Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica).

O valor ainda é uma previsão, porque o governo precisa enviar o PLOA (Projeto de Lei Orçamentária Anual) até agosto ao Congresso. A expectativa é que os recursos para 2023 comecem a ser discutidos pelos parlamentares após as eleições, que acontecem em outubro.

Rocha, que também é reitor do IFPA (Instituto Federal do Pará), afirma que o orçamento ideal deveria ser de R$ 3,2 bilhões. A verba para 2022 é de R$ 2,4 bilhões. 

Na comparação com os últimos dez anos, o orçamento previsto para 2023 só não será menor do que o de 2021 —que ficou em R$ 2.080,54 com a correção pelo IPCA.

A diferença, no entanto, é que no ano passado a maioria dos institutos federais estava com aulas remotas ou em sistema híbrido, diminuindo assim os gastos básicos de funcionamento das instituições.

Para impedir um orçamento tão baixo, os reitores se reuniram na quarta-feira (6) com diferentes deputados para falar sobre o tema. Segundo o Conif, há uma preocupação com os estudantes de baixa renda —70% da rede federal é formada por alunos de famílias da classe C e D, que dependem, por exemplo, das bolsas de permanência.

Café da manhã sobe mais que o dobro da inflação em um ano

Aumento da refeição foi de 26,15%; no mesmo período, preço do café moído cresceu 61,83%, cinco vezes mais que o índice

 

Os itens do café da manhã, juntos, tiveram uma alta maior que o dobro da inflação média (Foto: freepik)

 

Tomar o café da manhã está cada vez mais caro. A principal refeição do brasileiro teve um aumento de 26,15% entre junho de 2021 e junho de 2022, enquanto a inflação registrada no período foi de 11,89%, segundo o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), divulgado nesta sexta-feira (8) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Para o cálculo, foi considerada uma refeição matinal completa, com café, leite, pão francês, manteiga, bolo, pão doce, iogurte, pão de queijo, biscoito, pão de forma, queijo e requeijão. Só o preço do café moído subiu 61,83% nos últimos 12 meses, cinco vezes mais que a inflação no mesmo período. O pão de forma teve aumento de 21,72%, e o pão francês, de 16,61%.

“Os itens do café da manhã, juntos, tiveram uma alta maior que o dobro da inflação média”, avalia o economista Andre Braz, do FGV IBRE (Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getulio Vargas), responsável pela análise. Para ele, o grande vilão do ano foi o café. “Ele subiu muito porque, no ano passado, ocorreram geadas no inverno, em julho, o que provocou grandes perdas nos cafezais, principalmente em Minas Gerais, que é o maior produtor do Brasil”, explica.  

Entretanto, o economista afirma que o preço do café tende a diminuir: “Como o ciclo de produção é bianual, leva dois anos para o processo se normalizar, então, estamos vivendo essa carestia em função disso. Mas, a próxima safra já promete ser melhor, e o preço deve começar a se normalizar.”

Braz também destaca o custo do trigo, que elevou os preços do pão de forma, do pão francês e dos demais produtos feitos com farinha. “Esses produtos subiram bastante, a maioria mais do que a inflação do mês e mais do que a acumulada. O trigo é uma das commodities que foi prejudicada pelo conflito entre Rússia e Ucrânia, que são os maiores produtores mundiais. Os embargos aos dois países estão fazendo os grãos escassear”, diz.

Fábio Pizzamiglio, diretor da empresa Efficienza, especializada em negócios internacionais, fala que a alta dos alimentos matinais, principalmente dos derivados de trigo, também está relacionada a dificuldades atuais do comércio exterior, causadas especialmente pela guerra na Ucrânia. “O valor dos contêineres continua elevado, há impedimentos para o escoamento da produção agrícola nas regiões em conflito, e ainda buscamos soluções para a crise dos fertilizantes. Por mais que a importação tenha aumentado, os valores estão elevados”, afirma. 

“Temos que considerar, ainda, que a inflação dos combustíveis também impacta a logística internacional, principalmente no transporte de mercadorias”, lembra Pizzamiglio.

Levando em conta a variação dos preços entre maio e junho de 2022, os itens do café da manhã subiram, em média, 3,43%, enquanto a inflação do período foi de 0,67%, um aumento de cinco vezes o valor da inflação. “O leite subiu muito no mês, é o vilão da inflação no mês de junho”, diz Braz. “Isso tem a ver com a entressafra, época em que chove pouco, as condições de pastagem pioram, o capim não cresce, e o gado não encontra alimento farto. A consequência é a perda da produção de leite”, explica.
O economista conta que a oferta de leite fica temporariamente reduzida e, mesmo os produtores compensando as perdas com rações especiais e outros nutrientes para o gado, eles não conseguem obter o volume produzido no verão, por exemplo. “Dada a lei da oferta e da procura, quanto menor é a oferta, maior o preço. É isso o que está acontecendo com o leite. A boa notícia é que esse efeito é temporário. Logo depois que começar o periodo das chuvas, lá para setembro, o preço do leite volta ao normal, apenas uma parte do aumento que deve ficar, porque o diesel subiu, as rações ficaram mais caras, a mão de obra encareceu. Uma parte desses 10,72% vão ser incorporados à inflação deste ano, mas a maioria disso é gordura relacionada à entressafra”, comenta. 

Para o professor Liao Yu Chieh, educador financeiro do C6 Bank, há fatores regionais, internacionais e climáticos que estão fazendo o café da manhã baseado em derivados de leite e trigo pesar mais no bolso do consumidor, como a desvalorização do real frente ao dólar, o preço alto das rações para o gado e o aumento dos combustíveis usado no transporte dos produtos. “Estamos em um momento delicado, e o mais recomendado é fazer substituições. Em vez de café, leite e pão, a melhor opção para o café da manhã pode ser comer frutas que estejam com um preço bom. Além de gastar menos, a família vai ganhar em saúde”, afirma. “É importante entender que as mudanças nem sempre vão trazer uma piora. No auge da pandemia, as pessoas tiveram de fazer diversas adaptações em seus hábitos, e muitas delas ficaram”, finaliza. 

Operação ‘Campônio’: polícia investiga desvio de R$ 2 milhões do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de cidade do interior de Pernambuco nos últimos 16 anos

A Polícia Civil realizou na quinta-feira (07) a operação “Campônio”, com o objetivo de cumprir mandados contra suspeitos de lavagem de dinheiro e peculato, em Cupira e Jurema, no Agreste de Pernambuco. A polícia está investigando um desvio de R$ 2 milhões do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cupira nos últimos 16 anos.

“A gente conseguiu comprovar a participação de um grupo que vinha atuando nos cargos de gerência do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Cupira. Ao longo de 16 anos eles praticaram, de foram reiterada, desvio de valores do sindicato”, informou o delegado Jeová Miguel.

A polícia também conseguiu aprender cerca de R$ 36 mil em espécie durante a operação. Foram cumpridos um mandado de prisão, oito mandados de busca e apreensão domiciliar, medidas cautelares diversas da prisão, sequestro de ativos financeiros, hipoteca e arresto, expedidos pelo Juízo da Vara Única da Comarca de Cupira.

 (Foto: Christian Braga / Greenpeace Brasil)

Foto: Christian Braga / Greenpeace BrasilPor: João Gabriel Freitas – Correio Braziliense

A Floresta Amazônia teve 3.988 km² desmatados nos seis primeiros meses de 2022, de acordo com o Sistema de Detecção de Desmatamentos em Tempo Real (Deter), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). O valor é o maior já registrado para esse período desde 2016 e o triplo do valor registrado em 2017, de 1.332 km².
A pesquisa divulgada nesta sexta-feira (8/7) reportou que os dados referentes ao mês de junho foram os mais altos da série história, com 1.120 km² de área desmatada. É o quarto ano consecutivo com recordes de desmatamento no período, com um aumento de 10,6% em comparação ao primeiro semestre de 2021, que era o recorde anterior. 
Entre estados, o Amazonas liderou pela primeira vez com maior área desmatada no semestre inicial do ano — 1.236 km², o que representa 39,9% do total. O segundo é o Pará com 1.105 quilômetros quadrados, 27,7% do total, seguido pelo Mato Grosso, com 845 quilômetros quadrados, 21,1% do total.
Mais da metade da destruição na região amazônica ocorreu em terras públicas, 51,6%. Em relação às categorias fundiárias, florestas públicas não destinadas tiveram maior área em alerta de desmatamento (33,2%), 1.315 km². A segunda maior incidência foi em propriedades rurais (28,3), 1.120 km².
Repercussão
Para Rômulo Batista, porta-voz do Greenpeace Brasil, o cenário é “péssimo”, mas não é surpreendente. No último semestre, quatro meses apresentaram recordes de desmatamento, apesar de via de regra ocorrer menos desmatamento em relação aos meses de agosto, setembro e outubro. Ele disse que o olhar deve ser dobrado, pois é um ano importante para decidir o futuro da Amazônia.
“Temos que promover a ciência, aumentar a demarcação de terras indígenas, o financiamento à preservação e aos programas de biodiversidade. Mas, infelizmente, o Brasil está cada vez mais na contramão, investindo na exportação de grãos. Essa política de expansão da área de exploração é do século passado. Esse ano a população tem que olhar para políticos que pensem na floresta em pé, seja no Executivo, seja Legislativo.”
Ele acrescentou que o maior empecilho à preservação das florestas é a falta de políticas públicas que priorizem o meio ambiente, no entanto, é importante considerar vários aspectos na discussão.
“O principal fato é a falta de uma política do atual governo, além de sinalizações muito ruins do Legislativo, como discussões para destruir matas ciliares, projetos para abrir terras indígenas para atividades predatórias. Também tem as empresas privadas que excedem os limites permitidos, pois falta fiscalização, o que dá aos criminosos o sentimento de impunidade. Não há uma causa só, mas uma soma de fatores gerados a partir de uma visão retrógrada de que é necessário destruir a natureza para avançar.”
Após a divulgação dos estudos, instituições de defesa ao meio ambiente se manifestaram a respeito da situação no Brasil. Em nota, Mariana Napolitano, gerente de ciências do WWF-Brasil, disse que o desmatamento da Amazônia no primeiro semestre de 2022 foi alarmante e coloca o bioma cada vez mais perto do ponto a partir do qual a floresta não conseguirá mais se sustentar, nem prover os serviços ambientais dos quais nosso país depende.
“Perdemos 3.988 Km² na Amazônia Legal em apenas seis meses, confirmando a tendência de intensificação do desmate dos últimos três anos. Quando perdemos floresta, colocamos em risco nosso futuro. A Amazônia é chave para a regulação das chuvas das quais dependem nossa agricultura, nosso abastecimento de água potável e a disponibilidade de hidroeletricidade. O roubo de terras públicas e o garimpo ilegal, que não geram riqueza ou qualidade de vida, está destruindo nosso futuro”, afirmou Mariana.

O Prefeito Alessandro Palmeira inaugurou no início da noite desta sexta-feira (8), uma nova praça, espaço importante de convivência comunitária, ao lado da rotatória de saída para as cidades de Tabira e Carnaíba, onde antes funcionava uma borracharia e a feira do troca. 

A nova praça conta com playground, escorregador, balanço para crianças, pista de cooper, uma pequena arquibancada, bancos em aço e madeira, bancos com assento em pedra fria, jardinagem e uma bela iluminação em Led. A Prefeitura ainda concluiu o asfalto da rua que contorna a praça.

O poeta Diomedes Mariano, morador do bairro, agradeceu pela obra. “Esse é um espaço belo, harmonioso, que só engrandece o nosso bairro. Aqui antes era uma poeira danada, agora está uma maravilha,” destacou Dió. 

O Prefeito Alessandro Palmeira agradeceu a todos os envolvidos na execução da obra. “Essa é uma ação que traz mais dignidade, que oferece à população um espaço de convivência, um espaço para caminhada, e uma área de lazer para as nossas crianças,” destacou o Prefeito Sandrinho. 

A praça leva o nome da senhora Maria de Lourdes Rodrigues, moradora do bairro falecida recentemente. O requerimento para a construção do espaço foi feito pelo vereador Raimundo Lima. O requerimento da homenagem foi dos vereadores César Tenório e Toinho da Ponte. 

Além deles, também se fizeram presentes o vice-prefeito Daniel Valadares, os vereadores Erickson Torres, Reinaldo Lima, Cícero Miguel, Sargento Argemiro, Douglas eletricista e Gal Mariano, além da população, secretários e gestores municipais.

A praça da rotatória, com o letreiro da cidade, será inaugurada neste sábado (09), às 19h.

 

Secretaria do Trabalho de Pernambuco oferece cursos gratuitos em Afogados da Ingazeira e mais três municípios do Sertão

Por meio do Programa Novos Talentos, a Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco (Seteq-PE) está oferecendo cursos gratuitos de estética e beleza em Afogados da Ingazeira (Barbearia), e nos municípios de Santa Maria da Boa Vista (Depilação), Exu (Barbearia), Serra Talhada (Design de Sobrancelhas).

O período das inscrições, que podem ser feitas neste link, varia de acordo com o município. Em Afogados da Ingazeira, começaram nesta quinta-feira (07), e terminam nesse domingo (10); em Serra Talhada, começam terça-feira (12), e vão até o dia 18; em Exu e Santa Maria da Boa Vista ocorrem 18 a 22 de julho.

As aulas começam a partir do dia 11 de julho nos seguintes locais: Escola Municipal Domingos Teotônio (Afogados da Ingazeira), Posto Avançado do Senac (Serra Talhada), COPE (Exu) e Escola Agamenon Magalhães (Santa Maria da Boa Vista).

 

UPAE de Afogados da Ingazeira abre processo seletivo

 
UPAE de Afogados da Ingazeira abre processo seletivo
A Unidade Pernambucana de Atendimentos Especializados (UPAE) Dom Francisco de Mesquita Filho, em Afogados da Ingazeira, abriu processo seletivo (Nº 003/2022) para contratação imediata de profissional FISIOTERAPEUTA, a fim de desempenhar as funções inerentes à sua profissão. A vaga conta com prazo determinado de contratação, de 30 dias. Os interessados devem encaminhar um currículo para o e-mail selecao@upaeafogados.org.br, até o dia 10 de julho de 2022, com o assunto constando o nome completo do candidato e a função pleiteada. O resultado final será divulgado no dia 12 de julho de 2022. O edital com todas as informações está disponível no site da UPAE (http://upaeafogados.org.br/index.php/editais).

Marília Arraes participa de ato no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ipojuca

Evento, organizado pelo presidente da Câmara Municipal, Deoclécio Lira, reuniu lideranças da região

Na noite desta quinta-feira (7), a pré-candidata ao Governo de Pernambuco, Marília Arraes, visitou o município de Ipojuca, um dos maiores e mais importantes do litoral sul pernambucano.

Em ato no Sindicato dos Trabalhadores Rurais da cidade, Marília não escondeu a emoção ao relembrar sua ligação histórica – iniciada com seu avô, o ex-governador Miguel Arraes – com a cidade e com a luta dos trabalhadores canavieiros.

O evento foi organizado pelo presidente da Câmara Municipal de Ipojuca, o vereador Deoclécio Lira. Ao lado do pré-candidato ao Senado, André de Paula, Marília destacou a importância de se garantir e ampliar o desenvolvimento regional, as oportunidades de emprego e geração de renda e a dignidade da população pernambucana.

A pré-candidata falou sobre a sua proposta de trazer uma edição renovada e ampliada do programa Chapéu de Palha, criado por Arraes e responsável pelo apoio e garantia de renda para milhares de trabalhadores e trabalhadoras rurais do Estado há décadas.

“O Novo Chapéu de Palha vai trazer mais oportunidades e garantias para os homens e as mulheres do campo, não só na entressafra, mas durante todo o ano. E isso será estendido aos trabalhadores empreendedores urbanos. Essa nova versão do programa também integrará ações de capacitação, concessão de crédito e uma infinidade de outras novidades que eu tenho certeza vão ajudar muito a resgatar nosso Estado da situação triste em que vivemos”, destacou.

Durante a atividade – que também marcou o lançamento da pré-candidatura de Igor Lira a deputado estadual – Marília relembrou Arraes. “Estar aqui, em um Sindicato dos Trabalhadores Rurais, é bem simbólico. Não tem como a gente não lembrar de Miguel Arraes, de sua luta, de seu respeito e seu legado. E é com muita alegria que eu sigo neste mesmo caminho, sempre do lado onde sempre estive, do lado do povo”, destacou.

Com um chapéu de palha na cabeça e os olhos fixos em Marília, Adilson de Arandepe, fez questão de falar sobre a esperança de que a região viva um novo momento.

“Eu sou militante do PT há 32 anos. Tenho uma admiração imensa por Arraes pelo que ele fez por nosso povo. E tenho muita confiança de que a gente vai poder ver de novo nossa terra receber investimentos e atenção. Marília será uma governadora que olha para as pessoas, assim como foi Arraes”, comentou.

Para Deoclécio Lira, Ipojuca viveu um momento histórico. “Estamos aqui no sindicato, lugar em que seu avô, Miguel Arraes, visitou várias vezes. Marília fala a mesma língua que nós falamos, a língua do trabalhador, do homem do campo”, ressaltou. “Aqui em Ipojuca você tem pessoas que estão ao seu lado. Eu sempre digo que o remédio para curar o Brasil e Pernambuco é Lula e Arraes”, complementou Igor Lira.

André de Paula, que tem acompanhado Marília em todas as agendas por Pernambuco, fez questão de reafirmar seu compromisso com Estado. “Tenho certeza de que Marília será a melhor governadora que esse estado já viu. Eu vou ser o senador de todos os pernambucanos e pernambucanas e nosso estado vai voltar a ter o protagonismo que merece”, concluiu.

Por: Thays Martins – Correio Braziliense

A Polícia Federal prendeu, nesta quinta-feira (8), o peruano Rubens Villar Coelho, conhecido como Colômbia, em Tabatinga, no Amazonas. Ele é suspeito de ser o mandante dos homicídios do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips. A informação foi confirmada pelo blog da Andréia Sadi, no G1.  
Colômbia foi ouvido na delegacia de Tabatinga e negou envolvimento com os assassinatos. Apesar disso, ele foi detido por está usando documentos falsos.
De acordo com a PF, o homem seria um traficante de drogas e os assassinos de Dom e Bruno trabalhavam para ele na pesca ilegal na região. Três pessoas estão presas preventivamente suspeitas de terem matado os dois. Outras cinco pessoas são investigadas suspeitas de ter participado da ocultação de cadáver. 
Nesta quinta, a juíza titular de Atalaia do Norte, Jacinta Silva dos Santos, determinou o envio da investigação do crime para a Justiça Federal. A justificação é a motivação do crime está relacionada a questões de direitos indígenas, que é de responsabilidade federal. 
A expectativa é que nesta sexta, a Polícia Federal dê uma entrevista coletiva em que dará mais detalhes sobre em que ponto está a investigação. 
Dom e Bruno foram mortos em 5 de junho quando faziam uma  viagem para Atalaia do Norte. A viagem de 72 quilômetros deveria durar duas horas. Após 10 dias, os corpos deles foram encontrados em 15 de junho. Segundo laudo, Bruno morreu após ser atingido por três disparos, dois no tórax e um na cabeça. E Dom foi atingido uma vez, no tórax.

Ascom

Em seus dezesseis anos de existência, a Expoagro registrou ontem um fato inédito em sua história: pela primeira vez, dois artistas inseridos na programação cantaram juntos. O fato ocorreu durante o show de Dorgival Dantas. Antes, Vitor Fernandes, no encerramento de seu show, fez um elogio carinhoso ao talento e a qualidade musical de Dorgival. “É um mestre, tenho a honra de cantar na mesma noite que ele,” disse Vítor.

O elogio não passou despercebido. No meio do seu show, Dorgival chamou Vitor Fernandes ao palco, onde os dois cantaram juntos um dos maiores sucessos de Dorgival, “destá”. O público, logicamente, foi ao delírio.

A noite contou ainda com a participação dos talentosos músicos da banda “Os Megas”, remanescentes da banda “megabyte”, que fez muito sucesso na nos anos 90 e 2000. A noite foi encerrada por Gustavo Pinheiro, Júnior & Emanuel, com um repertório eclético, que oscilou do sertanejo às músicas da “sofrência” mais antiga, a exemplo da boate azul. O mais importante é que, graças à qualidade do trio, o bom público dessa segunda noite de festa não arredou o pé do centro desportivo, curtindo até o fim a programação de shows.

Inauguração

Nesta sexta-feira, às 19h, o prefeito Alessandro Palmeira irá inaugurar as obras da rotatória, na saída para Tabira e Carnaiba. Também será inaugurada uma nova praça no bairro Padre Pedro Pereira, ambas as obras são próximas ao Pajeú Auto Serviço.

Mulher é presa no Centro de Serra Talhada após fazer ‘arrastão’ em loja

Uma mulher foi presa na tarde dessa quinta-feira (07) após furtar diversas peças de roupas em uma loja no centro comercial de Serra Talhada. Segundo informações da Polícia Militar, a suspeita é bastante conhecida no município pela prática de furtos. 

De acordo com a PM, durante a abordagem, foi encontrada na bolsa da ladra 11 peças de roupas sendo dois shortes, 2 calças e 7 blusas. Todas as peças estavam com a etiqueta da loja. O gerente confirmou que as peças de fato pertenciam ao estabelecimento comercial.

Ainda segundo o boletim de ocorrência repassado ao Farol de Notícias, a suspeita confirmou e detalhou a ação dentro da loja. “Eu entrei no local por volta das 14h30, e furtei tudo sem quem nenhum funcionário percebesse. Fui eu que furtei mesmo”, reforçou. Diante os fatos, as partes envolvidas foram conduzidas à delegacia de polícia local.

 

Emendas parlamentares, obras públicas e incentivos fiscais são uma caixa-preta nos estados e no Distrito Federal, aponta levantamento do braço brasileiro da ONG Transparência Internacional.

Dedicada ao combate à corrupção, a ONG fez um estudo inédito da transparência em todos os governos estaduais. O resultado está no Índice de Transparência e Governança Pública (ITGP), um ranking lançado nesta semana que avalia as administrações segundo 84 critérios.

Entre eles está a divulgação de dados relacionados às emendas parlamentares estaduais, um instrumento que deputados usam para enviar recursos a obras e projetos de seu interesse –mecanismo semelhante ao empregado no Congresso Nacional.

O problema é que, de acordo com a Transparência Internacional, nenhum estado publica informações completas sobre essa prática.

O levantamento da ONG também considera, por exemplo, o grau de acompanhamento que cada estado permite sobre a execução de obras públicas (incluindo aquelas que dispõem de verbas federais), bem como sobre a concessão de incentivos fiscais e os resultados alcançados com eles.

Nesses dois casos, apenas uma minoria dos governos estaduais satisfaz as exigências da Transparência Internacional.

A maioria se sai mal mesmo diante de um critério bem mais simples: apenas 7 unidades da Federação (DF, ES, GO, RJ, RS, RO e SC) divulgam diariamente as agendas de seus respectivos governadores, permitindo o acompanhamento de reuniões e outros eventos que envolvam grupos de interesse (lobby).

“O ITGP é a mais abrangente e detalhada avaliação independente de transparência e governança da administração pública já realizada no Brasil”, afirma Bruno Brandão, diretor-executivo da Transparência Internacional no Brasil.

A consolidação do Índice de Transparência e Governança Pública mostra em sua classificação geral apenas cinco estados na faixa considerada ótima, com desempenho de pelo menos 80 pontos: Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Rondônia e Goiás.

O mapa reflete em certa medida as desigualdades regionais do país, mas Brandão chama a atenção para a presença de Rondônia no topo e para a colocação mediana de São Paulo, no 12º lugar.

“Isso aponta para a conclusão de que as condições gerais econômicas e institucionais importam, mas que decisões de políticas públicas podem ser igual ou até mais relevantes para elevar padrões de transparência e boa governança.”

Para chegar ao índice, que terá atualização anual, a ONG selecionou critérios que permitem avaliar não só a presença de mecanismos para prevenir e combater a corrupção, mas também a transparência em geral e a existência de boas práticas de governança pública.

A Transparência Internacional coletou os dados em sites oficiais e redes sociais dos órgãos em questão. Não foram incluídas na pesquisa, portanto, práticas que envolvam orçamentos secretos ou folha de pagamento secreta, por exemplo.

Após essa coleta de dados, os resultados preliminares foram submetidos aos respectivos gestores para que pudessem apresentar eventuais esclarecimentos ou solicitar possíveis correções.

“Como o intuito é estimular a elevação dos padrões, apresentamos o ‘gabarito’ antes de aplicar a ‘prova’, em um processo de conscientização e diálogo com os gestores públicos”, diz Brandão.

De acordo com ele, durante o processo, foram feitas adaptações normativas e procedimentais seguindo os critérios de avaliação, o que permitiu um aumento das notas. “Com isso, conseguimos amplo engajamento dos agentes públicos e as melhorias ocorrem em tempo real”, afirma o diretor-executivo.

As notas gerais do ranking refletem a média das pontuações obtidas em 8 dimensões nas quais se dividem os 84 critérios: marcos legais; plataformas; administração e governança; transparência financeira e orçamentária; transformação digital; comunicação; participação; dados abertos.

Dentro dessas dimensões, a da transparência financeira e orçamentária é uma das mais problemáticas. Nela ficam critérios sobre emendas parlamentares e incentivos fiscais, entre outros, que a ONG considera áreas de risco mais elevado para corrupção, privilégios e prejuízos aos cofres públicos.

“O ciclo orçamentário é um dos maiores focos da chamada ‘macrocorrupção’ e onde as maiores distorções e desvios no uso de recursos públicos ocorrem, junto com o sistema tributário”, diz Brandão.

Ele diz que, a exemplo do que acontece no nível federal, as emendas parlamentares sem controle podem ser fonte não só de corrupção e desperdício de dinheiro público, mas também de cooptação política.

“E o resultado do nosso estudo mostrou que os estados são campo férteis para a ocorrência de velhas e novas práticas de captura do processo orçamentário”, afirma o diretor-executivo da ONG.

Apesar dos inúmeros problemas identificados pelo índice, Brandão afirma que, nas últimas décadas, o país passou por melhoria geral nos padrões de transparência e governança pública.

Mecanismos como a Lei de Transparência (aprovada em 2009, no governo Lula), Lei de Acesso à Informação (2011, governo Dilma Rousseff) e a Lei Anticorrupção (2013, governo Dilma) impulsionaram adaptações também nos estados, com a disseminação de ferramentas que antes não existiam.

Ainda assim, diz Brandão, há muito a melhorar. “[Falta avançar] exatamente onde os desafios são mais complexos, que é o acesso a informações de enorme relevância econômica e social, de processos administrativos de onde resultam as maiores distorções e privilégios e ocorrem os maiores desvios em esquemas de macrocorrupção.” (Via: Folhapress)

 

 

Acidente nesta última quinta-feira (07), o jovem Rodrigo, 23 anos, filho de Onelia, segundo informações a mãe tem uma loja na Rua 15 de Novembro, perdeu a vida em um grave acidente nas imediações do Sítio Gangorra, em Afogados.

As informações preliminares é que a vítima vinha na sua moto quando se chocou na traseira de um caminhão F4000 e veio a óbito no local.

Rodrigo era do Sítio Cachoeira da Onça e morava no bairro São Brás.

O local é o mesmo onde no  último dia 20 de maio já tinha acontecido outro acidente, A área fica próxima à entrada da Chácara Vitória e o Afroeros Motel nas mediações do sitio Gangora 

 

 

Por: Agência Brasil

Em junho, a proporção de famílias com dívidas a vencer ficou em 77,3%, o que representa uma queda de 0,1 ponto percentual em relação a maio. Na comparação com junho de 2021, houve crescimento de 7,6 pontos percentuais. Os dados da Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) foram divulgados hoje (7) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).
De acordo com a CNC, esta é a segunda queda seguida no endividamento, após a alta recorde registrada em abril, quando o indicador ficou em 77,7%. As dívidas no cartão de crédito representam a maior fatia do endividamento, com 86,6% do total de famílias relatando este tipo de dívida. Em seguida vem os carnês, com 18,3%, e o financiamento de carro, com 10,8%. Em junho de 2021, essas proporções eram de 81,8%, 17,5% e 11,9%, respectivamente.
Para o presidente da CNC, José Roberto Tadros, a queda no endividamento reflete a melhora no mercado de trabalho. “Com menos restrições impostas pela pandemia e as medidas temporárias de suporte à renda, como saques extraordinários do FGTS, antecipações do 13º salário, INSS e maior valor do Auxílio Brasil, a população precisou apelar menos para os gastos no cartão”.
Inadimplência
A pesquisa mostra que a inadimplência também apresentou queda, com retração de 0,2 ponto percentual na proporção de famílias com contas em atraso para 28,5%. Esta é a primeira queda desde setembro de 2021. A mesma queda foi verificada entre as famílias que afirmam não ter condições de pagar as contas atrasadas, com 10,6% do total.
A responsável pela pesquisa, Izis Ferreira, explica que a melhora no mercado de trabalho não se reflete no rendimento, pois estão sendo absorvidos trabalhadores com menor nível de escolaridade e o rendimento médio está achatado pela inflação elevada.
“Além disso, o avanço recente da informalidade no emprego é mais um fator que aumenta a volatilidade da renda do trabalho e atrapalha a gestão das finanças pessoais”.
Os dois recortes por faixas de renda apresentaram leve queda na proporção de endividados. Entre as famílias com rendimentos acima de dez salários mínimos, a redução foi de 0,2 ponto percentual (p.p), para 74,2%, enquanto a parcela com ganhos até dez salários mínimos caiu 0,1 p.p, para 78,2%.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) informou, na tarde desta última terça-feira (05), que foi notificada do primeiro caso suspeito de Monkeypox (varíola dos macacos) em Pernambuco. O paciente é um homem de 25 anos residente na cidade de Guarulhos, em São Paulo, que está em Pernambuco desde o dia 23 de junho, para visitar familiares na cidade de Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR).
 
De acordo com a investigação epidemiológica, foi constatado que o paciente entrou em contato com europeus durante uma comemoração em São Paulo. Já em Pernambuco, no último dia 30 de junho, ele começou a apresentar quadro de febre, adenomegalia (aumento dos linfonodos do pescoço), erupção cutânea e linfogranuloma venéreo (linfonodos inchados na região genital e virilha).
Na segunda-feira (4), o homem buscou atendimento na AHF Brasil – Clínica do Homem Recife, localizada no bairro da Soledade, na região central do Recife. A unidade é especializada em prevenção, diagnóstico e tratamento de IST (Infecções sexualmente transmissíveis), com foco no público masculino, em parceria com o Programa de IST/HIV/Aids, da SES-PE.
No serviço, foi realizado teste de triagem para detecção de sífilis, que apresentou resultado negativo, além da coleta de swab nasofaríngeo e esfregaço da lesão para análise e determinação de diagnóstico.
As amostras coletadas serão encaminhadas para o Laboratório de Enterovírus da Fiocruz/RJ, referência para o diagnóstico da Monkeypox.
O Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE) também realizará investigação para detecção de outras doenças (arboviroses, exantemáticas, enterovirus, vírus respiratórios clamídia e gonococo, por exemplo).
De acordo com o informe divulgado pela SES-PE, o paciente apresenta quadro de saúde considerado estável e foi colocado em isolamento domiciliar.
A Secretaria também já realizou a notificação do caso ao Ministério da Saúde (MS) e monitora o caso junto à Secretaria Municipal de Saúde do Paulista, que está realizando o acompanhamento, coleta de exames complementares e a vigilância dos contatos próximos. Até o momento, nenhum familiar do paciente apresentou sintomas da doença.
No mês de junho, a Secretaria Estadual de Saúde emitiu nota técnica para os serviços de saúde sobre as diretrizes a serem adotadas para vigilância da Monkeypox no Estado.
Já conhecida em humanos desde 1970, a doença é considerada muito menos perigosa e contagiosa que a varíola, erradicada em 1980. A varíola dos macacos, manifestada através de sintomas gripais e erupções cutâneas, geralmente desaparece após duas ou três semanas.
 (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)

Por: Tainá Andrade – Correio Braziliense Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), realizou, nesta quarta-feira (6), a leitura dos quatro requerimentos para instalação das Comissões Parlamentares de Inquérito (CPI). Agora, para que a instalação das CPIs sejam realizadas, os líderes dos partidos precisam indicar os nomes dos membros — são 11 membros por comissão.
A CPI das ONGs da Amazônia, solicitada pelo senador Plínio Valério (PSDB-AM), passará a investigar também as causas dos desmatamentos na Amazônia. A CPI da corrupção no MEC, das obras inacabadas da educação e dos homicídios de jovens em relação ao narcotráfico seguirão separadas.
O sentimento dentro do Senado é que as CPIs realmente ficarão para depois das eleições. Com as campanhas eleitorais, além de não haver membros suficientes para indicar as comissões, já que a grande maioria estará em campanha, as sessões não terão quórum suficiente pela maior parte dos parlamentares estarem envolvidos nas eleições. 
“Os senadores não querem a implementação da CPI a menos de dois meses das eleições. O governo está com a maior parte dos candidatos concorrendo, então não teria indicações de membros para a CPI”, opinou o senador Lucas Barreto (PSD-AP).

 

Prefeito e a primeira dama do município

 

Não foi preciso fechar os portões. Graças a ação da Prefeitura de Afogados da Ingazeira em ampliar a área de shows do centro desportivo, a XVI Expoagro obteve recorde de público em comparação com as suas edições anteriores. A ampliação da área, com o recuo das barracas em dez metros, e o recuo do palco em quatro metros, foram decisivos para acomodar a todos sem a necessidade de fechamento dos portões.

A noite começou com o pop rock de Ney Gomes, 

Lindomar Souza subiu ao palco antecedendo a grande atração da noite, João Gomes, e fez bonito. Com o seu talento de cantor e músico experiente, não deixou a peteca cair, fazendo o público dançar ao som do melhor e mais tradicional forró nordestino.

A grande atração da noite subiu ao palco próximo a meia noite. João Gomes desfilou para a plateia os grandes sucessos de sua jovem carreira. Com humildade e simplicidade levou todos ao delírio ao descer do palco para cantar perto dos fãs. Misturando os hits de maior sucesso com composições mais tradicionalmente ligadas à cultura popular sertaneja, João Gomes se afirmou como uma das maiores – senão a maior – atração da Expoagro em todos os tempos. 

Antes do show o prefeito do município Alessandro Palmeira, fez questão de destacar o apoio do ex-prefeito José Patriota e do governador Paulo câmara para que João Gomes pudesse estar na programação da Expoagro.

A noite mágica foi encerrada pelo jovem e talentoso Rafael Marrone, destaque do the voice Brasil, que fechou com chave de ouro a primeira noite da XVI Expoagro, depois de dois anos de pandemia. Um evento que representa o ressurgimento da vida e da esperança de um futuro melhor, com todos podendo voltar a conviver, sem medo e sem receio de estar próximos um dos outros.

 

STJ confirma exigência de exame toxicológico para renovação de CNH

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirmou a regra do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que exige a comprovação de exame toxicológico negativo para obtenção e renovação das categorias  C, D e E  da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

O julgamento foi realizado em 8 de junho pela Primeira Seção do STJ. O acórdão da decisão foi publicado no dia 15 de junho.

Os ministros atenderam um recurso apresentado pela União em defesa do CTB e derrubaram decisões da Justiça Federal que suspenderam a exigência do exame negativo.

Pelo texto do acórdão do julgamento ficou definido que, “a obrigatoriedade de apresentação de resultado negativo no exame toxicológico de larga detecção está vinculada às categorias de habilitação, e não a parâmetros associados à atividade profissional do condutor“.

O entendimento deverá ser aplicado em outros casos semelhantes que estão em tramitação no Judiciário. (Via: Agência Brasil)

x

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira está finalizando os últimos ajustes para a realização de uma das maiores festas populares do Sertão, a XVI Expoagro. Com atrações de peso, a festa deve reunir uma multidão, não apenas de Afogados e do Pajeú, mas também de cidades vizinhas da Paraíba. 

João Gomes - LETRAS.MUS.BR

Para receber bem a população que virá curtir os shows, a Prefeitura abriu o portão principal do Centro Desportivo Municipal, que ficou com uma largura de 6,5 metros. Aplainou o terreno por trás do centro, para servir também como estacionamento de veículos particulares. Para ampliar a capacidade da área de shows, a Prefeitura recuou as barracas em dez metros e a localização do palco em quatro metros. 

Outra novidade para esse ano será a iluminação em LED de todo o espaço, garantindo  um ambiente com maior claridade para os participantes e melhorando as condições de atuação das forças de segurança, que terão mais visibilidade para inibir e coibir possíveis delitos. Equipes da guarda civil municipal e seguranças particulares contratados pela Prefeitura auxiliarão a PM nesse serviço. 

Mais uma vez será proibida, para garantir a segurança de todos, a entrada de recipientes de vidro. Pode levar “cooler”, mas sem nenhum recipiente ou copo de vidro. Nas barracas também será proibida a comercialização de bebidas em recipientes de vidro ou a utilização de copos de vidro. Haverá equipes específicas atuando na fiscalização dessa proibição. 

Respondendo a muitos questionamentos de internautas, a Prefeitura esclarece que não será obrigatória a doação de um quilo de alimento não perecível. “A nossa campanha solidária será voluntária, as pessoas que quiserem e puderem ajudar nossos irmãos mais necessitados, poderão levar sua doação”. 

A Polícia Militar, parceira na organização do evento, irá monitorar a lotação do espaço durante os shows de forma a garantir a segurança de todos os presentes. Caso seja necessário, e quando houver orientação da PM para tal, os portões serão fechados para evitar uma superlotação. 

A Prefeitura também disponibilizará um espaço em frente ao palco para pessoas surdas ou com outras necessidades especiais, o camarote da acessibilidade. Durante os shows, a Prefeitura contratou três profissionais da língua brasileira de sinais (libras), para descrever o que está sendo dito ou cantado no palco. Por sinal, mais uma vez, a Prefeitura instalou dois palcos, de modo a evitar atrasos quando da passagem de som pelos artistas que irão se apresentar. 

Para garantir maior comodidade às pessoas que forem aos seis dias do evento, a Prefeitura vai instalar um piso apropriado, do que se usa para proteger gramados nos shows em estádios de futebol, para que, mesmo com a chuva, ninguém precise dançar com os pés na lama. O piso inclusive já chegou ao centro desportivo municipal. 

A abertura oficial da exposição de animais será realizada pelo Prefeito Alessandro Palmeira, na próxima quinta (07/07), às 9h, na área reservada aos criadores de caprinos e ovinos. Todos os shows serão transmitidos ao vivo pelo canal oficial da Prefeitura de Afogados da Ingazeira no youtube. O objetivo é que Afogadenses ou outras pessoas que por ventura não tenham podido vir presencialmente à festa, possam curtir do conforto de suas casas mais uma grandiosa Expoagro. 

Nesta quarta (06/07), primeiro dia de shows, as atrações serão Ney Gomes, Lindomar Souza, João Gomes e Rafael Marrone. Os shows estão programados para iniciarem às 21h. 

“Toda a nossa equipe tem trabalhado bastante, tem se dedicado com muito empenho, para levar a melhor festa, a melhor organização, para que a nossa população, as pessoas que nos visitarem, possam vivenciarem uma das melhores expoagros de nossa história,” destacou o prefeito de Afogados, Alessandro Palmeira.

 

Lula tem 45% contra 31% de Bolsonaro no primeiro turno, diz pesquisa Genial/Quaest

A pesquisa Genial/Quaest divulgada na manhã desta quarta-feira (6/7) mostra um cenário de estabilidade no quadro nacional das eleições de 2022.

Após ouvir presencialmente 2.000 pessoas entre os dias 29 de junho e 1º de julho, o levantamento concluiu que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) possui 45% das intenções de voto no primeiro turno, um a menos do que no mês passado, enquanto que o presidente Jair Bolsonaro (PL) marcou 31%, um ponto a mais em comparação com o último mês.

Portanto, ambos oscilaram dentro da margem de erro — que é de dois pontos percentuais, para cima ou para baixo.

Os demais candidatos somaram 12% — Ciro Gomes (PDT) oscilou de 7% para 6%, André Janones (Avante) e Simone Tebet (MDB) se mantiveram com 2%, Pablo Marçal (PROS) permaneceu com 1% e os demais não pontuaram.

Em um eventual segundo turno, Lula teria 53% dos votos contra 34% de Bolsonaro — dados similares aos de junho, quando o placar era de 54% a 32% para o petista.

Chuvas em Pernambuco: já são 132 mortes desde maio

JC Online

Subiu para 132 o número de vítimas das chuvas em Pernambuco desde o último dia 25 de maio. A 132ª pessoa morta em consequência das enchentes foi o agricultor Elísio Corrêia Costa, 64 anos.

Ele morava em Iati, no Agreste do Estado. Morreu domingo passado (03). Segundo testemunhas, foi desobstruir os bueiros de uma ponte no Sítio Trapiá, na zona rural, e acabou arrastado pela correnteza. O corpo foi encontrado cerca de dois quilômetros do local onde ele estava.

Na manhã desta terça-feira (05) foi achado o corpo do funcionário público Alex Fernando Silva, 20 anos, em Jaqueira, na Zona da Mata Sul. Ele estava desaparecido desde sábado (02). Como no caso de Iati. Alex teria sido arrastado pela correnteza. A suspeita é que antes tenha levado um choque elétrico.

Uma terceira vítima ainda está sendo procurada no município de Catende, Mata Sul. Identificado como José Roberto da Silva, 34 anos, ele pulou de uma ponte no sábado à tarde e segue desaparecido. O Corpo de Bombeiros está realizando buscas na tentativa de achá-lo.

Conforme a Secretaria de Defesa Social, em decorrência das chuvas no Estado, iniciadas em 25 de maio, foram 132 óbitos. Do total, 64 foram em ocorrências em Jaboatão dos Guararapes; 50 faleceram no Recife; 7 mortes foram registradas em Camaragibe, 6 em Olinda e uma em Paulista, todas cidades da Região Metropolitana.

No interior houve mortes em Limoeiro (1), Bom Conselho (1), Jaqueira (1) e Iati (1).

Mais de 10 mil tiveram que sair de casa por causa das chuvas em Pernambuco

Mais de 10 mil pessoas estão desalojadas ou desabrigadas em Pernambuco por causa das fortes chuvas que caíram na Zona da Mata e Agreste do Estado no último fim de semana. Balanço mais recente da Secretaria Executiva de Defesa Civil do Estado, divulgado às 17h desta terça-feira (05), informa que são 1.446 desabrigados e 8.640 desalojados.

Conforme o governo estadual, as prefeituras que registraram danos e prejuízos foram: Águas Belas, Água Preta, Altinho, Angelim, Barreiros, Belém de Maria, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçado, Capoeiras, Canhotinho, Catende, Correntes, Cortês, Escada, Gameleira, Garanhuns, Iati e Itaíba.

Integram a lista ainda Jaqueira, Jucati, Jurema, Jupi, Lagoa do Ouro, Lajedo, Maraial, Palmares, Palmerina, Panelas, Paranatama, Quipapá, Rio Formoso, Saloá, São Benedito do Sul, São Bento do Una, São Joaquim do Monte, São João, São José da Coroa Grande, Tamandaré, Terezinha e Xexéu.

Ainda conforme a Defesa Civil de Pernambuco, dessas cidades, 38 já encaminharam os Decretos Municipais de Situação de Emergência ao governo estadual. Faltam os municípios de Escada, Palmares e São Bento do Una.

Por: Ingrid Soares – Correio Braziliense

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a criticar, nesta terça-feira (5), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e as urnas eletrônicas. Em discurso no evento de posse da presidente da Caixa, Daniella Marques, o chefe do Executivo voltou a reclamar que o Tribunal não aceitou as sugestões das Forças Armadas em relação às eleições de outubro e disse “suspeitar” das urnas. A cerimônia foi fechada, mas Bolsonaro transmitiu por meio das redes sociais o trecho da participação dele.

“O [ministro Edson] Fachin disse que as auditorias não servem para mudar o resultado eleitoral. Ora, servem para quê? O que está em jogo? Dá para acreditar no sistema? Que democracia é essa? Quem querem botar no poder? Suspeitar, eu suspeito. Falaram que quem suspeitar terá o registro cassado. Eu suspeito! E a possibilidade de problemas não vai ser só para presidente não. Vai ser para senador, governador, alguns parlamentares”, alegou, sem apresentar provas.
Bolsonaro emendou que “para alguns de nós, poucos, falta patriotismo” e, “para outros, sobra abuso de autoridade”.
Em indireta a decisões da Justiça em revés a aliados do governo, o presidente reclamou: “O tempo todo nós somos fustigados. Sabem por quem. O que querem com isso? Desestabilizar o país? Querem botar uma pessoa que já não deu certo há pouco tempo. Voltar ao que era antigamente?”, questionou, em referência a Lula.
“Para onde iremos? O que devemos preservar? Não adianta ter R$ 1 bilhão em casa se não tiver liberdade. Hoje você está vendo o seu filho com a possibilidade de ser assassinado por um celular e tem um picareta que diz que “só queria roubar o celular para tomar uma cervejinha”, em indireta ao petista.
Bolsonaro ainda repetiu que durante a pandemia foi “tolhido” pelo Supremo, que deu poderes aos governadores e prefeitos. Porém, conforme já desmentido pelo STF, a decisão da Corte não impediu ações do governo federal em relação à doença no país.
E voltou a questionar que ministros também não possam ser alvos de críticas. “Não criticar é respeitar o outro poder? O Lira está levando pancada o tempo todo assim como eu levo. O outro lado não pode levar pancada? Nós não podemos reagir? Discutir? Tentar mudar?”, disse. 
Em seguida, reclamou da cassação de quatro deputados do Pará . “Ontem vi uma cena esquisita: quatro deputados estaduais do Pará foram cassados. Por que? Por que causa? Por coincidência não são de esquerda”, emendou.
O presidente ainda fustigou a revisão do Novo Marco temporal envolvendo terras indígenas, reclamou de perseguição familiar e, conforme disse em outra ocasião, afirmou que “poderia estar na praia”. “De vez em quando eu desabafo lá em casa. Eu podia estar na praia. Porque eu falei durante a campanha que eu tenho duas opções: presidência ou praia. Me dei mal, vim para a presidência”. “Mas entendo que tinha que passar por isso. Temos que lutar pelo bem maior nosso que é a tal da liberdade”, bradou.
Normas passam a valer a partir desta segunda-feira

A partir desta segunda-feira (4), os trabalhadores, aposentados e pensionistas que forem às agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) terão novas regras de atendimento. As mudanças abrangem horários de abertura ao público, tipo de agendamento, o direito a acompanhante, a entrega de documentos e a validade de carteiras de identidade antigas.

As mudanças constam da Portaria 1.027, publicada na última quarta-feira (29) no Diário Oficial da União. As novas normas oficializam regulamentação feita em agosto de 2021.

As agências deverão funcionar por 12 horas diárias, com o horário de abertura fixado entre as 6h30 e as 10h. No entanto, o horário de atendimento ao público em geral deverá começar entre as 7h e as 8h, funcionando por seis horas diárias ininterruptas. O horário da tarde será dedicado a perícias médicas agendadas e a outros atendimentos internos.

Identificação

A portaria regulamentou a identificação para o público externo entrar na agência. O segurado deve apresentar documento oficial com foto. Doentes e pessoas a partir de 60 anos podem apresentar a carteira de identidade, que deve ser aceita pelo servidor mesmo com rasuras.

A nova norma pretende diminuir o número de acompanhantes nos postos de atendimento. Apenas segurados com deficiência auditiva terão direito de entrar com acompanhante. Nas demais situações, caberá ao servidor responsável pelo atendimento decidir sobre a presença de mais uma pessoa no recinto.

Entrega de documentos

O Artigo 24 da portaria dispensa a exigência de procuração nas entregas simples de documentos nas agências do INSS. No entanto, a procuração (ou algum documento legal que comprove a representação) será pedida caso o representante tiver de se manifestar sobre o cumprimento de alguma exigência.

Nos processos de justificações administrativas, quando o segurado apresenta testemunhas com valor de prova, a agência deverá fornecer um servidor exclusivo para o atendimento. Ao marcar os depoimentos, o funcionário deverá informar se a testemunha depõe por determinação administrativa ou judicial.

Agendamento

A norma reintroduziu o agendamento prévio em quase todas as situações, para atendimento nas agências. O segurado poderá agendar a visita no aplicativo Meu INSS ou pelo telefone 135, recebendo uma senha ao chegar à agência no dia e na hora marcados. Os casos mais complexos ou que não possam ser resolvidos de forma remota podem ser agendados na Central 135 ou excepcionalmente nas agências, na modalidade “atendimento específico”.

O atendimento específico será autorizado nas seguintes situações:

•        Impossibilidade de informação ou de conclusão do pedido pelos canais remotos;
•        Quando a Central 135 não puder atender à demanda e houver orientação para que o operador mande o interessado a uma agência;
•        Recursos pedidos por empresas
•        Pedido de contestação de Nexos Técnicos Previdenciários (NTEP);
•        Ciência do cidadão referente à necessidade de inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico);
•        Reativação do Benefício de Prestação Continuada (BPC), após atualização do CadÚnico;

Desde o início de março, as agências do INSS estavam atendendo o público sem a necessidade de agendamento. Em março de 2020, o atendimento presencial foi suspenso por causa da pandemia de covid-19. No fim de 2020, os postos do INSS voltaram a atender o público, mas com marcação prévia.

Agência Brasil

Vídeo: FAB persegue aeronave que carregava 500 kg de pasta base

A FAB (Força Aérea Brasileira) interceptou no domingo (3), no Mato Grosso do Sul, uma aeronave de pequeno porte que entrou no espaço aéreo brasileiro sem autorização. Ela transportava cerca de 500 kg de pasta base de cocaína.

Por volta das 12h30, dois caças A-29 Super Tucano foram acionados para monitorar o avião. A FAB afirma que agentes de defesa aérea tentaram contato com o piloto, mas que não obtiveram resposta.

Em seguida, os agentes deram a ordem para que o piloto mudasse a rota para pousar em um aeródromo específico. Ainda de acordo com a FAB, o piloto não obedeceu e os agentes tiveram que atirar para alertá-lo.

Um terceiro contato teria sido feito e, mais uma vez, não houve resposta. A partir daí, as autoridades brasileiras consideraram a aeronave como “hostil” e deram mais um tiro, dessa vez de “detenção”.

O pouso aconteceu nas cidades de Jales e Pontalinda, no estado de São Paulo. Duas pessoas que estavam a bordo da aeronave fugiram logo em seguida. Ninguém foi preso até a manhã desta segunda-feira (4).

Uma pessoa, que estava em uma área rural, acompanhou a perseguição. Nas imagens, divulgadas nas redes sociais, é possível ver um avião da FAB sobrevoando a área.

Vídeo: Luva de Pedreiro desabafa nas redes sociais após reportagem do Fantástico ser impedida de ir ao ar

Quem acompanhou a programação da TV Globo durante a semana viu o anúncio de uma matéria exclusiva do Fantástico sobre o caso do influenciador digital Iran Ferreira, conhecido como Luva de Pedreiro. No entanto, os telespectadores tiveram a ingrata surpresa de que uma liminar, de autoria do ex-empresário Allan de Jesus, teria impedido a reportagem de ser exibida na íntegra.

A decisão irritou o baiano, que fez um desabafo enquanto o programa já estava no ar. Em seu perfil oficial do Instagram, ele disse que estão tentando te calar. “Aí minha tropa, estão tentando me calar, calar a minha boca de falar a verdade, quem sofreu fui eu. Entraram com uma liminar que não é para passar entrevista comigo falando do assunto que todo mundo já sabe”, disse.

Bastante chateado, Luva disse que estariam com medo de que ele falasse a verdade. “Estão tentando me calar. Quem está com medo é porque deve, não é, galera? Quem sofreu foi eu. Mas é assim mesmo. Vamos ter fé em Deus que chegamos lá (…)”, acrescentou.

Assista:

 

 

Cantora retirada de show em Tracunhaém porque não mandou alô pra prefeito

A cantora de brega Tayara Andreza afirmou, nas redes sociais, que teve seu show interrompido em Tracunhaém, na Zona da Mata do estado, no sábado (2), porque não “estava mandando alô” para o prefeito da cidade. Além disso, a artista disse que a equipe dela foi agredida com spray de pimenta na saída por pessoas do evento.

Segundo o G1, o prefeito Aluízio Xavier (PSD), na segunda (4), afirmou que não estava no local no momento do ocorrido, anunciou que iria afastar o secretário de Turismo e Cultura e pediu desculpas para a cantora.

Imagens, compartilhadas nas redes sociais, mostram a artista no palco explicando que o show dela costuma durar em torno de 1h30, mas que teria de encerrar mais cedo. A apresentação fazia parte de um evento municipal, o “Trezenário de Tracunhaém”.

“Fiquei sabendo agora que o pessoal aqui da prefeitura está pedindo para a gente encerrar o show. Que eu saiba, eu fui contratada para cantar, não para ficar mandando alô. Aí o prefeito, não sei mais quem, porque eu não estava mandando alô, pediu para eu encerrar o show”, disse para as pessoas.

A artista seguiu dizendo que recebeu o celular duas vezes da produção, com o pedido para que dissesse o nome do político. “Eu não tive nada a ver, o meu horário não acabou ainda. E outra coisa: ou eu canto, ou eu mando alô, meu amor. Nem o papel colocaram aqui com o nome para eu ficar mandando alô”, declarou Tayara.

Mais tarde, a cantora fez uma série de vídeos relatando uma confusão ocorrida após sair do palco envolvendo a produção do evento. “Foram para cima dos meus músicos, para bater nos meus músicos. Toraram a credencial dos meninos, foram para cima, a polícia teve que vir. Botaram spray de pimenta. A polícia não, o pessoal lá colocou spray de pimenta. Um inferno, xingando”, contou .

A artista ainda disse que, devido ao ocorrido, não pode atender o público, como havia prometido enquanto estava no palco. Ela alegou que foi impedida de ficar no camarim.

“Tive que sair sem tirar foto com ninguém, entendeu? Porque encheram de spray de pimenta. Na rua, estava impossível de atender o público. Uma falta de respeito comigo, com o artista, com meus músicos, com meus fãs, esse prefeito de Tracunhaém”, disse.

Morre o criador do meme “Me Dê Papai”

Faleceu no início da tarde deste domingo (03), na cidade de Tauá, no estado do Ceará, José Iaiá. Ele ficou conhecido nas redes sociais pela frase que virou meme “Me Dê Papai”. Ele morava no bairro Bezerra e Sousa e estava em um bar na saída da cidade quando passou mal e caiu no local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionado e ao chegar ao local constatou o óbito. José Iaiá teria sofrido um infarto fulminante e não resistiu. Conforme amigos, ele sofria com problema de alcoolismo.
O bordão “Me Dê Papai” ficou conhecido em meados de 2016 após José gravar um vídeo e viralizar nas redes sociais.
 
Vídeo:
 

 

A etapa inicial foi bastante equilibrada. O Afogados, que queria a vitória para voltar ao G-4, chegou mais ao ataque e teve mais posse de bola. Mas, o América-RN foi mais perigoso, principalmente nas jogadas de Wallace Pernambucano. Foi dele, inclusive, a melhor chance do primeiro tempo. Aos 36, o camisa 9 recebeu sozinho na grande área e chutou forte para grande defesa do goleiro Léo.

O segundo tempo foi equilibrado porém não saiu gols.

Com os resultados parciais da rodada, o Afogados segue na quinta posição do Grupo 3 com 16 pontos conquistados e o América-RN vai subindo para terceira colocação, com 18 pontos ganhos.

Com a pré-candidata Marília Arraes (SD) na liderança isolada com 29% das intenções de voto, a Folha de Pernambuco, em parceria com o IPESPE – Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas, divulga hoje a primeira pesquisa sobre a corrida eleitoral ao Governo. 

Os resultados divulgados a seguir correspondem à pesquisa estimulada, ou seja, quando são apresentados aos entrevistados os nomes que já estão na disputa.

Com uma margem de erro de 3,2 pontos percentuais para mais ou para menos, Raquel Lyra (PSDB) – que soma 13%; Anderson Ferreira (PL), com 12%, Danilo Cabral (PSB), com 10% e Miguel Coelho (UB), com 9%, aparecem empatados dentro dos limites da margem de erro. 

Os candidatos João Arnaldo (PSOL) e Wellington Carneiro (PTB) têm 1% cada. Esteves Jacinto (PRTB) e Jadilson Bombeiro (PMB) não chegaram a 1%. O nome do pré-candidato Jones Manoel (PCB) constava na lista estimulada, mas não foi mencionado por nenhum respondente.

Os que disseram que não pretendem votar em nenhum candidato, branco ou nulo somaram 12%. Não souberam ou não quiseram responder, 15%. A pesquisa foi feita entre os dias 28 e 30 de junho de 2022 e foram ouvidos 1.000 entrevistados. 

Levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) com a numeração PE-05934/2022 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-06505/2022. Os percentuais que não totalizam 100% são decorrentes de arredondamento ou de múltiplas alternativas de resposta.

Da Capital ao Interior 

Na capital, Marília continua na frente com 28%, seguida de Anderson com 19% e Danilo, com 8%. Miguel soma 5% e Raquel, 4%. Entre os pesquisados que afirmaram morar na periferia, 20% disseram que vão votar em Marília, 19% em Anderson,  10% em Danilo, 9% em Raquel e 2% em Miguel. Entre os eleitores do Interior, Marília tem 32%, Raquel, 17%, Miguel, 13%, Danilo, 10% e Anderson, 6%.

Homens e mulheres

Entre os eleitores homens, a líder da pesquisa também é apontada como a preferida por 30% dos entrevistados. Em seguida, empatados com 12% cada, estão Raquel, Anderson e Miguel. Danilo soma 10%.Já no eleitorado feminino, o percentual de Marília Arraes  fica em 27%, seguida da ex-prefeita de Caruaru, com 13%; Anderson com 11%, Danilo com 9% e Miguel alcança 7%.

Faixas etárias

Na faixa dos 16 aos 24 anos, Marília, com 19%, está tecnicamente empatada com Raquel, que chega aos 17%. Miguel e Danilo possuem 11% neste segmento e Anderson, 15%. Entre 25 e 44 anos, Marília fica com 27%, enquanto Raquel e Anderson, com 14% e 13%, respectivamente. Já o socialista tem 10% e Coelho 8%. Para quem tem entre 45 e 59 anos, Marília é a preferida com 33%, seguida por Raquel (11%), Danilo e Miguel, com 9% cada, e Anderson, com 7%. E entre os eleitores com mais de 60 anos,Marília tem  35%, seguida de Anderson, com 11%. Neste segmento, Raquel, Danilo e Miguel somam 8%.

Grau de instrução

Levando em conta a instrução, entre os que têm até o ensino fundamental, Marília está bem à frente com 33%. Raquel e Anderson ficam atrás com 9% cada um. Entre os que têm ensino médio, a diferença cai. Enquanto Marília aparece com 23%, Raquel tem 15% e empata tecnicamente com Anderson e Danilo com 13% cada um. Já para os entrevistados com nível superior, 29% afirmaram que votarão em Marília e 19% preferem Raquel Lyra. 

Renda familiar

No quesito renda, o percentual de votantes em Marília é bastante próximo, considerando entre os ganham até dois salários mínimos; de 2 a 5 salários e mais de 5 salários – onde ela pontua 28%, 29% e 30%, respectivamente. Nessa sequência, Raquel tem 11%, 16% e 15%, respectivamente. Anderson aparece com 10%, 15% e 13%, nas sequências. Danilo soma 8%, 11% e 14%. Miguel possui 9%, 10% e 10%.

 

Morre filho do governador Ronaldo Caiado

Morreu neste domingo (03) Ronaldo Ramos Caiado Filho, o filho do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União). Caiado Filho tinha 40 anos e era o único filho homem do governador, fruto do casamento com Thelma Gomes. A causa da morte não foi divulgada.

O governador participava de uma missa na manhã de hoje em celebração ao encerramento da Festa do Divino Pai Eterno, em Trindade (GO), juntamente com a primeira-dama, Gracinha Caiado. Ambos deixaram o local as pressas após a notícia do falecimento.
Confira a íntegra da nota:
“É com profundo pesar que comunicamos o falecimento de Ronaldo Ramos Caiado Filho, filho do governador Ronaldo Caiado e de Thelma Gomes. Ele morreu neste domingo (03/07), aos 40 anos. A família enlutada pede a todos orações para enfrentar este momento de imensa dor.”

Rouanet também foi filósofo, professor universitário, tradutor, ensaísta brasileiro e membro da Academia Brasileira de Letras (Divulgação)

 Correio Braziliense

Morreu, aos 88 anos, neste domingo (3), o diplomata e ex-ministro da Cultura, Sergio Paulo Rouanet. Ele foi o autor da Lei de Incentivos fiscais à Cultura no Brasil, quando ministro da pasta no governo Collor. A informação foi confirmada pelo Instituto Rouanet, fundado por ele e a esposa, Bárbara Freitag. Segundo a instituição, ele faleceu no Rio de Janeiro e foi vítima do avanço da síndrome de Parkinson’s.
“É com muito pesar e muita tristeza que informamos o falecimento do embaixador e intelectual Sergio Paulo Rouanet, pela manhã do dia três de julho. Rouanet batalhava contra o parkinson’s, mas se dedicou até o final da vida à defesa da cultura, da liberdade de expressão, da razão, e dos direitos humanos. O Instituto carregará e ampliará seu grande legado para futuras gerações”, escreveu o Instituto que leva seu nome.
Rouanet também foi filósofo, professor universitário, tradutor, ensaísta brasileiro e membro da Academia Brasileira de Letras desde 1992. Desde 2019, a Lei Rouanet sofreu alterações na gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL). Uma delas ocorreu em fevereiro, quando o chefe do executivo oficializou uma Instrução Normativa (IN) prevendo, entre outros, a redução de 50% do teto de recursos e a limitação para aluguel de teatros. Os cachês artísticos também foram impactados pela mudança. O limite para pagamento com recursos da lei passou a ser de R$ 3 mil por apresentação, para artista ou modelo solo. Anteriormente, o cachê individual podia chegar em R$ 45 mil.
Lamentações 
Artistas e políticos lamentaram o falecimento do diplomata por meio das redes sociais. A atriz Lucélia Santos prestou condolências à família e apontou que a lei Rouanet foi “demonizada” pela gestão Bolsonaro. “Morreu o diplomata Sergio Paulo Rouanet, responsável por criar a principal lei que serviu como incentivo para o setor cultural por 3 décadas. Lei essa que leva seu nome e foi demonizada pela campanha bolsonarista anticultural através de fakenews. Minhas condolências à família”, escreveu.
O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) também se manifestou destacando o papel de Rouanet no apoio à Cultura. “Recebemos a triste notícia da partida do grande Sergio Paulo Rouanet. Ele dedicou sua vida à luta pelos direitos humanos, pela cultura, por todos aqueles que são gravemente atingidos pela desigualdade. Foi e sempre será um exemplo! Meus sentimentos à família”, disse.
Ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB) apontou que “a cultura brasileira chora a morte” de um dos seus principais defensores. “A cultura brasileira chora a morte de Sérgio Rouanet, ex-ministro, diplomata, autor da lei que beneficia a cultura no país. Minha solidariedade aos familiares e amigos, em especial à Bárbara, sua esposa”, escreveu
.

Alagoas tem 50 municípios em emergência por causa das chuvas

 

O decreto publicado ontem (2) declara a emergência pelo período de 180 dias. (Foto: reprodução)

 

O estado de Alagoas reconheceu a situação emergencial em mais 15 municípios devido às chuvas que caem na região. Com a medida, o estado está com cerca de 50 municípios em situação anormal desde maio, quando houve o aumento dos estragos causados pelas enchentes e o número de desabrigados.

O decreto publicado ontem (2) declara a emergência pelo período de 180 dias nos municípios alagoanos de Atalaia, Branquinha, Cacimbinhas, Cajueiro, Capela, Limoeiro de Anadia, Murici, Pão de Açúcar, Paulo Jacinto, Santana do Mundaú, São José da Laje, Satuba, Taquarana, União dos Palmares e Viçosa.

Antes da medida, a situação emergencial foi decretada em pelo menos 35 municípios. De acordo com balanço divulgado pela Defesa Civil, há 40 mil pessoas desalojadas e desabrigadas, que estão sendo levadas para escolas, ginásios e prédios públicos.

Os rios Paraíba e Mundaú transbordaram e subiram dois metros de altura. As BRs 104 e 101, que seguem em direção a Sergipe e Pernambuco, foram interditadas.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o mês de julho terá chuvas acima da média no leste do Nordeste e no norte da região Nordeste. Os volumes previstos devem ficar acima dos 140 mm.

Uma equipe da Defesa Civil Nacional foi deslocada neste sábado (2) para prestar apoio aos municípios atingidos pelas chuvas

Caminhão a jato explode durante apresentação nos EUA e piloto morre na hora

Piloto do caminhão morreu. O acidente ocorreu no sábado durante uma “corrida” entre o caminhão e dois aviões que voavam a uma velocidade de cerca de 480 km/h.

Durante uma manobra, o caminhão tombou e pegou fogo. O acidente está sendo investigado. (Foto: reprodução)

 

Um homem morreu quando o caminhão a jato que ele pilotava explodiu em um show aéreo em Battle Creek, no estado do Michigan, nos EUA. Um espectador registrou a cena em vídeo:

O acidente ocorreu no sábado (2), durante uma “corrida” entre o caminhão e dois aviões que voavam a uma velocidade de cerca de 480 km/h.

Durante uma manobra, o caminhão tombou e pegou fogo. O acidente está sendo investigado.

A Receita Federal emitiu um alerta sobre estelionatários que se passam por supostas empresas para condicionar a liberação do crédito ao pagamento antecipado de IOF via Pix. (Foto: Reprodução)

 

Cobrado sobre operações de crédito e de câmbio, o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) está sendo usado por criminosos para enganar tomadores de empréstimos. A Receita Federal emitiu um alerta sobre estelionatários que se passam por supostas empresas para condicionar a liberação do crédito ao pagamento antecipado de IOF via Pix.

Segundo o Fisco, os fraudadores fornecem documentos falsos de notificação e de arrecadação que induzem o cidadão a recolher taxas inexistentes para a liberação do dinheiro. A vítima repassa o suposto IOF por meio de transferências Pix para pessoas físicas.

Em comunicado, a Receita Federal informa que jamais fornece dados para recolhimento de tributos ou de taxas via transferência. Segundo o órgão, os servidores do Fisco não prestam serviços de empréstimo à população nem entram em contato para cobrar pagamentos.

Embora alguns tributos possam ser pagos via Pix, a Receita esclarece que o IOF só pode ser quitado por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), pago pela instituição que concede o empréstimo, não pelo tomador. Caso desconfie ser vítima de um golpe, a Receita Federal orienta que o cidadão procure imediatamente a polícia, munido de todas as provas possíveis, e registre um boletim de ocorrência.

Mega-Sena: Prêmio acumula e vai a R$ 55 milhões

O concurso 2.497 da Mega-Sena foi realizado às 20h deste sábado (2), em São Paulo.

 

Veja as dezenas sorteadas: 05 – 14 – 23 – 46 – 48 – 52.
O prêmio principal acumulou. A quina teve 87 apostas ganhadoras, que ganham R$ 42.861,28 cada. A quadra teve 6.309 apostas ganhadoras, que levam R$ 844,35 cada.
O próximo concurso (2.498) será realizado na quarta-feira (6). O valor estimado para o prêmio é de R$ 55 milhões.

Policial é presa após matar a própria irmã durante briga

Uma policial militar do Rio de Janeiro matou a tiros a própria irmã na manhã de deste último sábado (02), na cidade de São Gonçalo (RJ). Segundo informações da corporação, as duas discutiam em um posto de gasolina quando a agente disparou contra a irmã, que morreu no local.

Segundo reportagem da TV Globo, a autora do crime é Rhaillayne Oliveira de Mello. Ela foi conduzida à Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí, onde foi autuada por homicídio. A vítima seria Rayana Mello.
 
À TV Globo, uma funcionária do posto de gasolina disse ter escutado as irmãs discutirem no banheiro. “Elas vieram aqui da outra rua, onde tem vários bares, e elas já estavam discutindo lá. Aqui tem um banheiro e elas vieram para esse banheiro e começaram a discutir, até que aconteceu esse fato. Só escutei o barulho, muito, muito tiro”, declarou.
 
A reportagem também aponta que o policial que deu voz de prisão a Rhaillayne era seu próprio marido, mas a PMERJ não confirmou a informação.
 
A Corregedoria Geral da PMERJ também acompanha o caso, informou a corporação em nota, através da 4ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar. A Policia Civil do Rio de Janeiro afirmou que “diligências estão em andamento para apurar as circunstâncias do fato” e não confirmou a identidade das irmãs em nota.

As fortes chuvas que atingiram a Zona da Mata Sul e o Agreste causaram transtornos em diferentes cidades do estado, neste sábado (02). Foram cerca 60 famílias desalojadas em Barreiros e 150 em Canhotinho, segundo as prefeituras (veja vídeo acima). Aproximadamente 50 famílias ficaram desabrigadas em Itaíba, segundo o município, que decretou estado de emergência.

O balanço da Secretaria-executiva de Defesa Civil estadual (Codecipe), divulgado na noite deste sábado, não contabilizou desabrigados e desalojados. Segundo a assessoria, os municípios estavam levantando as informações.
Vídeo:
Além disso, estradas tiveram registros de bloqueios totais e parciais em diferentes pontos do estado devido a alagamentos e deslizamentos de barreiras (veja mais baixo). Rios transbordaram.
As chuvas entre a sexta (1º) e este sábado (2) afetaram com maior intensidade, segundo a Codecipe, as seguintes cidades: Água Preta, Angelim, Barreiros, Canhotinho, Cortês, Correntes, Itaíba, Jaqueira, Lagoa do Ouro, Quipapá, São Benedito do Sul, Tamandaré, Maraial, Palmerina, Brejão, Bom Conselho, Garanhuns e Palmares.
Segundo a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), há ainda previsão de chuva, mas com intensidade fraca a moderada para Mata Sul, Agreste e Região Metropolitana do Recife. Uma nova Onda de Leste se aproxima da região, de acordo com a meteorologia, mas deve atingir a Paraíba e

O anúncio foi feito durante a tradicional cerimônia do corte do bolo, dentro das comemorações pelos 113 anos de emancipação política de Afogados da Ingazeira. Os investimentos, da ordem de 14 milhões de Reais, são recursos do Governo de Pernambuco em parceria com a Prefeitura Municipal.

Dentre as obras anunciadas pelo Prefeito Alessandro Palmeira, a serem realizadas com esses recursos, estão a construção da ponte sobre o Rio São Francisco, ligando os bairros do São Cristóvão e Sobreira ao São Francisco; da nova arquibancada do Vianão; a duplicação da entrada de Afogados, no sentido Tabira; além da pavimentação de 40 ruas nos bairros de Afogados; e a ampliação da cozinha comunitária. “Vamos ter condições de tirar do papel obras importantes, ações que prometemos durante a campanha, graças ao apoio decisivo do Governado Paulo Câmara, que sempre tem sido tão generoso com Afogados da Ingazeira,” afirmou o Prefeito Alessandro Palmeira, destacando que já há recursos na conta para que se possa dar início às licitações para pavimentações das 16 primeiras ruas. Ele agradeceu ainda ao apoio do ex-prefeito José Patriota, na interlocução com o Governo do Estado, para que os projetos fossem aprovados.

A cerimônia do corte do bolo ocorreu na Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara, logo após a missa celebrada pelo Padre Gilvan Bezerra, em homenagem aos 113 anos de Afogados da Ingazeira. O bolo, de 386 kgs, foi uma atração à parte, homenageando, pela primeira vez, uma obra a ser realizada: a ponte sobre o Rio São Francisco. Idealizado pelo artista Edgley Brito, com apoio na execução das confeiteiras Veriana Gouveia e Chriscia Martins, da Artes bolos Cris & Mô, e de Júnior Brito, da JR Brito Marcenaria Móveis Planejados. A decoração do ambiente ficou sob a responsabilidade de Gildete Costa, da Floricultura Plafam. A cerimônia foi abrilhantada pelas apresentações dos extraordinários músicos Edinho e Lindomar Souza, que deliciaram a todos com belíssimas canções.

O evento também contou com as presenças do vice-prefeito Daniel Valadares, dos ex-prefeitos de Afogados José Patriota e Totonho Valadares, Promotor Lúcio Luís de Almeida, Secretários e gestores municipais, além dos vereadores. O Tiro de guerra, comandado pelo subtenente Anjos, e a Guarda Municipal, auxiliaram na coordenação da distribuição do bolo à população presente ao evento.

“Encerramos com chave de ouro esse dia de celebração pelo aniversário de nossa amada cidade, na certeza de que novas conquistas virão pela frente. Quero dizer que irei anunciar esta semana a programação de inaugurações, de diversas obras, para celebrar o mês de aniversário de nossa querida Afogados,” finalizou Sandrinho Palmeira, Prefeito de Afogados da Ingazeira.

Saiba tudo que poder público, candidato, partido ou federação podem e não podem fazer à luz da legislação.

A partir de ontem (1º de julho), por exemplo, o poder público está proibido de “nomear, contratar ou, de qualquer forma, admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens, ou, por outros meios, dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, ex officio, remover, transferir ou exonerar servidora ou servidor público, na circunscrição do pleito, até a posse das eleitas e dos eleitos, sob pena de nulidade de pleno direito” – ressalvado o cargo de confiança [livre nomeação e demissão].

Também a partir de hoje (02/07), será vetada a propaganda e o agente público [governador e presidente] autorizar publicidade institucional dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, ou das respectivas entidades da administração indireta.

O governador e o presidente, em campanha pela reeleição, ainda não podem fazer pronunciamento e comparecer em evento para inaugurar obra a partir de hoje.

De 20 de julho até cinco de agosto será permitida a realização de convenção para deliberar sobre coligações e a escolher candidatos às eleições de outubro.

Confira a íntegra do calendário eleitoral de julho:

2 DE JULHO – SÁBADO
(3 meses antes)

1. Data a partir da qual são vedadas aos(às) agentes públicos(as), servidores(as) ou não, as seguintes condutas tendentes a afetar a igualdade de oportunidades entre candidatas e candidatos nos pleitos eleitorais (Lei nº 9.504/1997, art. 73, V e VI, a e Res.-TSE nº 23.610, art. 83):

I – nomear, contratar ou, de qualquer forma, admitir, demitir sem justa causa, suprimir ou readaptar vantagens, ou, por outros meios, dificultar ou impedir o exercício funcional e, ainda, ex officio, remover, transferir ou exonerar servidora ou servidor público, na circunscrição do pleito, até a posse das eleitas e dos eleitos, sob pena de nulidade de pleno direito, ressalvados os casos de:

a) nomeação ou exoneração de cargos em comissão e designação ou dispensa de funções de confiança;

b) nomeação para cargos do Poder Judiciário, do Ministério Público, dos tribunais ou conselhos de contas e dos órgãos da Presidência da República;

c) nomeação das aprovadas e dos aprovados em concursos públicos homologados até 2 de julho de 2022;

d) nomeação ou contratação necessária à instalação ou ao funcionamento inadiável de serviços públicos essenciais, com prévia e expressa autorização do Chefe do Poder Executivo; e
e) transferência ou remoção ex officio de militares, de policiais civis e de agentes penitenciários;

II – realizar transferência voluntária de recursos da União aos estados e municípios e dos estados aos municípios, sob pena de nulidade de pleno direito, ressalvados os recursos destinados a cumprir obrigação formal preexistente para execução de obra ou de serviço em andamento e com cronograma prefixado, bem como os destinados a atender situações de emergência e de calamidade pública.

2. Data a partir da qual é vedado aos(às) agentes públicos(as) das esferas administrativas cujos cargos estejam em disputa na eleição (Lei nº 9.504/1997, art. 73, VI, b e c, e § 3º):

I – com exceção da propaganda de produtos e serviços que tenham concorrência no mercado, autorizar publicidade institucional dos atos, programas, obras, serviços e campanhas dos órgãos públicos federais, estaduais ou municipais, ou das respectivas entidades da administração indireta, salvo em caso de grave e urgente necessidade pública, assim reconhecida pela Justiça Eleitoral; e

II – fazer pronunciamento em cadeia de rádio e de televisão, fora do horário eleitoral gratuito, salvo quando, a critério da Justiça Eleitoral, tratar-se de matéria urgente, relevante e característica das funções de governo.

3. Data a partir da qual é vedada, na realização de inaugurações, a contratação de shows artísticos pagos com recursos públicos (Lei nº 9.504/1997, art. 75).

4. Data a partir da qual é vedado a qualquer candidata ou candidato comparecer a inaugurações de obras públicas (Lei nº 9.504/1997, art. 77 e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 86).

5. Data a partir da qual, até 2 de janeiro de 2023, para as unidades da Federação que realizarem apenas o 1º turno, e até 30 de janeiro de 2023, para as que realizarem 2º turno, órgãos e entidades da Administração Pública direta e indireta poderão ceder funcionárias e funcionários à Justiça Eleitoral, em casos específicos e de forma motivada, quando solicitado pelos tribunais eleitorais (Lei nº 9.504/1997, art. 94-A, II).

4 DE JULHO – SEGUNDA-FEIRA
(90 dias antes)

1. Último dia para entidades fiscalizadoras que desenvolveram programa próprio de verificação entregarem à Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Superior Eleitoral, para homologação, os códigos-fonte dos programas de verificação e a chave pública correspondente.

2. Último dia para o TSE realizar audiência com as entidades interessadas em divulgar os resultados da eleição e apresentar as definições do modelo de distribuição e os padrões tecnológicos e de segurança exigidos para a divulgação dos resultados.

5 DE JULHO – TERÇA-FEIRA
1. Data a partir da qual, até 3 de agosto de 2022, as juízas e os juízes eleitorais nomearão as eleitoras e eleitores que comporão as mesas receptoras de votos e de justificativas e o pessoal de apoio logístico dos locais de votação para o primeiro e eventual segundo turnos da eleição.

2. Data a partir da qual, desde que em curso o período de 15 (quinze) dias que antecede a data definida pelo partido para a escolha de candidatas e candidatos em convenção, é permitido ao postulante à candidatura a cargo eletivo realizar propaganda intrapartidária com vista à indicação de seu nome, vedado o uso de rádio, televisão e outdoor, devendo a propaganda ser removida imediatamente após a convenção (Lei nº 9.504/1997, art. 36, § 1º e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 2°, §1°).

8 DE JULHO – SEXTA-FEIRA
Início do prazo para a agregação de seções eleitorais e marcação da distribuição de seções de TTE de ofício.

11 DE JULHO – SEGUNDA-FEIRA
Data em que o Tribunal Superior Eleitoral divulgará, na internet, o quantitativo de eleitoras e eleitores por município, para fins do cálculo do limite de gastos e do número de contratações diretas ou terceirizadas de pessoal para prestação de serviços referentes a atividades de militância e mobilização de rua nas campanhas eleitorais (Lei nº 9.504/1997, art. 100-A, Lei nº 13.488/2017, art. 6º e Res.-TSE nº 23.607, art. 41, § 4º).

15 DE JULHO – SEXTA-FEIRA
1. Data a partir da qual, para os municípios com eleitorado superior a 100.000 (cem mil), devem estar habilitados os locais de votação convencionais para recebimento de voto em trânsito, ou criados os locais específicos para voto em trânsito.

2. Último dia para criação, no Cadastro Eleitoral, dos locais de votação onde funcionarão as seções eleitorais dos estabelecimentos penais e das unidades de internação de adolescentes, caso ainda não existam.

3. Último dia do prazo para cadastramento, pelos tribunais regionais, de marcação da distribuição de seções de TTE de ofício.

16 DE JULHO – SÁBADO
Data a partir da qual, até 15 de agosto de 2022 e nos 3 (três) dias que antecedem a eleição, o Tribunal Superior Eleitoral poderá divulgar comunicados, boletins e instruções ao eleitorado, em até 10 (dez) minutos diários requisitados às emissoras de rádio e de televisão, contínuos ou não, que poderão ser somados e usados em dias espaçados, podendo ceder, a seu juízo, parte desse tempo para utilização por tribunal regional eleitoral (Lei nº 9.504/1997, art. 93 e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 115).

17 DE JULHO – DOMINGO
Data a partir da qual será disponibilizada, na internet, consulta dos locais de votação com vagas para voto em trânsito e transferência temporária de seção para militares, agentes de segurança pública e guardas municipais em serviço.

18 DE JULHO – SEGUNDA-FEIRA
1. Data a partir da qual, até 18 de agosto de 2022, a eleitora ou o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida poderá habilitar-se perante a Justiça Eleitoral para votar em outra seção ou local de votação da sua circunscrição.

2. Data a partir da qual, até 18 de agosto de 2022, será possível a transferência de eleitoras e eleitores para as seções instaladas especificamente para o voto dos presos(as) provisórios(as) e adolescentes internados(as).

3. Data a partir da qual, até 18 de agosto de 2022, as chefias ou comandos dos órgãos a que estiverem subordinados as membras e os membros das Forças Armadas, as polícias federal, rodoviária federal, ferroviária federal, civis e militares, os corpos de bombeiros militares, as polícias penais federal, estaduais e distrital, os(as) agentes de trânsito e as guardas municipais que estiverem em serviço no dia da eleição podem encaminhar listagem para a Justiça Eleitoral para a transferência temporária de seção (Código Eleitoral, art. 233-A, §§ 2º e 3º).

4. Data a partir da qual, até 18 de agosto de 2022, as juízas e os juízes eleitorais, as servidoras e os servidores da Justiça Eleitoral e as promotoras e os promotores eleitorais designados para trabalhar no dia da eleição poderão habilitar-se para votar em outra seção ou local de votação.

5. Data a partir da qual, até 26 de agosto de 2022, as mesárias, os mesários e as pessoas convocadas para apoio logístico que atuarão em seção ou local diverso de sua seção de origem, inclusive os(as) que atuarão nas mesas instaladas nos estabelecimentos penais e de internação de adolescentes, poderão solicitar transferência temporária de seção.

6. Data a partir da qual, até 18 de agosto de 2022, a eleitora ou o eleitor poderá habilitar-se perante a Justiça Eleitoral para votar em trânsito, indicando o local em que pretende votar, assim como alterar ou cancelar sua habilitação, caso já o tenha requerido.

20 DE JULHO – QUARTA-FEIRA
1. Data a partir da qual, até 5 de agosto de 2022, é permitida a realização de convenções destinadas a deliberar sobre coligações e a escolher candidatas e candidatos a presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador e respectivos suplentes, deputado federal, deputado estadual e distrital (Lei nº 9.504/1997, art. 8º, caput e Res.-TSE nº 23.609, art. 6º).

2. Data a partir da qual, observado o dia seguinte ao qual se realizou a convenção, a ata e a lista dos(as) presentes deverão ser transmitidas via internet ou, na impossibilidade, ser entregues na Justiça Eleitoral, para publicação no sítio eletrônico do tribunal regional eleitoral correspondente (Lei nº 9.504/1997, art. 8º, caput e Res.-TSE nº 23.609, art. 6º §§ 4º, I e 5º).

3. Data a partir da qual a Justiça Eleitoral encaminhará à Secretaria da Receita Federal do Brasil o pedido de inscrição no CNPJ das candidaturas cujos registros tenham sido requeridos pelos partidos políticos, federações ou coligações, o qual deverá ser atendido em até 3 (três) dias úteis (Lei nº 9.504/1997, art. 22-A, § 1º e Res.-TSE nº 23.609, art. 33, caput e I).

4. Data a partir da qual os feitos eleitorais, até 4 de novembro de 2022, terão prioridade para a participação do Ministério Público e dos juízos de todas as Justiças e instâncias, ressalvados os processos de habeas corpus e mandado de segurança (Lei nº 9.504/1997, art. 94, caput e Res.-TSE nº 23.608/19, art. 61).

5. Data a partir da qual, até 4 de novembro de 2022, as polícias judiciárias, os órgãos das Receitas Federal, Estadual e Municipal, os tribunais e os órgãos de contas auxiliarão a Justiça Eleitoral na apuração dos delitos eleitorais, com prioridade sobre suas atribuições regulares (Lei nº 9.504/1997, art. 94, § 3º e Res.-TSE nº 23.608/19, art. 61, §3°).

6. Data a partir da qual é assegurado o exercício do direito de resposta à candidata, ao candidato, ao partido político, à federação de partidos ou à coligação atingidos(as), ainda que de forma indireta, por conceito, imagem ou afirmação caluniosa, difamatória, injuriosa ou sabidamente inverídica, difundidos por qualquer veículo de comunicação social (Lei nº 9.504/1997, arts. 6º-A e 58, caput, Lei nº 9.096/1995, art. 11-A, caput e § 8º e Res.-TSE nº 23.608/19, art. 31).

7. Data a ser considerada, para fins de divisão do tempo destinado à propaganda no rádio e na televisão por meio do horário eleitoral gratuito, para o cálculo da representatividade na Câmara dos Deputados, decorrente de eventuais novas totalizações do resultado das eleições gerais (Lei nº 9.504/1997, art. 47, § 3º e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 55, §1°).

8. Data a ser considerada, para fins da garantia prevista em lei para a participação em debates transmitidos por emissoras de rádio e de televisão, para o cálculo da representatividade do Congresso Nacional decorrente de eventuais novas totalizações do resultado das eleições gerais (Lei nº 9.504/1997, art. 46, caput e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 44, § 6°).

9. Data a partir da qual, considerada a data efetiva da realização da respectiva convenção partidária, é permitida a formalização de contratos que gerem despesas e gastos com a instalação física e virtual de comitês de candidatas e candidatos e de partidos políticos desde que só haja o efetivo desembolso financeiro após a obtenção do número de registro de CNPJ da candidata ou do candidato e a abertura de conta bancária específica para a movimentação financeira de campanha e emissão de recibos eleitorais (Res.-TSE nº 23.607/19, art. 36, §2°).

10. Último dia para a Justiça Eleitoral dar publicidade aos limites de gastos estabelecidos em lei para cada cargo eletivo em disputa (Lei nº 9.504/1997, art. 18 e Res.-TSE nº 23.607/19, art. 4º, § 2º).

11. Data a partir da qual os partidos políticos, as candidatas e os candidatos, após a obtenção do respectivo registro de CNPJ e a abertura de conta bancária específica para movimentação financeira de campanha e da emissão de recibos eleitorais, deverão enviar à Justiça Eleitoral, para fins de divulgação na internet, os dados sobre recursos financeiros recebidos para financiamento de sua campanha eleitoral, observado o prazo de 72 (setenta e duas) horas do recebimento desses recursos (Lei nº 9.504/1997, art. 28, § 4º, I e Res.-TSE nº 23.607/19, art. 47) .

12. Data a partir da qual, observada a homologação da respectiva convenção partidária até a diplomação das eleitas e dos eleitos, e nos feitos decorrentes do processo eleitoral, não podem servir como juízes(as), nos tribunais eleitorais, juízes(as) auxiliares, juízes(as) eleitorais ou chefe de cartório eleitoral, o cônjuge ou companheiro(a) e parente consanguíneo(a) ou afim, até o segundo grau, de candidata ou de candidato a cargo eletivo registrado na circunscrição (Código Eleitoral, arts. 14, § 3º, e 33, § 1º e Res.-TSE nº 23.608/19, art. 56).

13. Data a partir da qual, observada a publicação dos editais de pedido de registro de candidaturas, os nomes de todas as candidatas e candidatos registrados(as) deverão constar da lista apresentada aos(às) entrevistados(as) durante a realização das pesquisas eleitorais (Res.-TSE nº 23.600/19, art. 3º).

14. Data até a qual as emissoras de rádio e de televisão e demais veículos de comunicação, inclusive provedores de aplicações de internet, deverão, independentemente de intimação, apresentar aos tribunais eleitorais, em meio físico ou eletrônico, a indicação da pessoa representante legal e dos endereços de correspondência e correio eletrônico e número de telefone móvel que disponha de aplicativo de mensagens instantâneas pelos quais receberão ofícios, intimações ou citações, e poderão, ainda, indicar procuradora ou procurador com ou sem poderes para receber citação, hipótese em que farão juntar a procuração respectiva (Res.-TSE nº 23.608/19, art. 79).

22 DE JULHO – SEXTA-FEIRA
Último dia para a publicação, no Diário da Justiça Eletrônico, dos nomes das pessoas indicadas para compor as juntas eleitorais para o primeiro e eventual segundo turnos de votação (Código Eleitoral, art. 36, § 2º).

27 DE JULHO – QUARTA-FEIRA
Último dia para os partidos políticos ou as federações partidárias impugnarem, em petição fundamentada, os nomes das pessoas indicadas para compor as juntas eleitorais, observado o prazo de 3 (três) dias contados da publicação do edital com as indicações ou das situações supervenientes previstas em lei (Código Eleitoral, art. 36, § 2º).

30 DE JULHO – SÁBADO
Último dia para o Tribunal Superior Eleitoral promover, em até 5 (cinco) minutos diários, contínuos ou não, requisitados às emissoras de rádio e de televisão, propaganda institucional destinada a incentivar a participação feminina, dos(as) jovens e da comunidade negra na política, bem como a esclarecer cidadãs e cidadãos sobre as regras e o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro (Lei nº 9.504/1997, art. 93-A e Res.-TSE nº 23.610/19, art. 116).

(Blog do Esmael).

 

Os festejos da Independência do Brasil na Bahia ganharam tons de corrida presidencial neste sábado (2), em Salvador.

O desfile cívico que marca as comemorações do 2 de Julho no estado contou com a participação de três pré-candidatos à Presidência da República: Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB) caminharam em meio ao povo nas ruas da capital baiana.

Em outro ponto da capital baiana, Jair Bolsonaro(PL) também participou de um ato em celebração da Independência do Brasil na Bahia. O presidente liderou um passeio de moto pela orla atlântica da cidade. (G1)

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

A economista Daniella Marques Consentino teve o nome aprovado neste último dia (1º) pelo Comitê de Elegibilidade da Caixa Econômica Federal e assinou o termo de posse. Ela assumirá oficialmente o cargo na próxima terça-feira (5), em cerimônia oficial no Palácio do Planalto.
Ex-secretária especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia, Daniella Consentino substituirá Pedro Guimarães, que pediu demissão nessa quarta-feira (29), após denúncias de assédio sexual que estão sendo investigadas pelo Ministério Público Federal e pelo Ministério Público do Trabalho. Ele negou as acusações na carta de renúncia.
No governo desde janeiro de 2019, Consentino foi chefe da Assessoria Especial de Assuntos Estratégicos do Ministério da Economia. Uma das principais assessoras do ministro Paulo Guedes, ela assumiu a Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade no início do ano.
Com formação em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), a nova presidente da Caixa tem MBA em Finanças pelo Ibmec e uma carreira no mercado financeiro. Foi diretora-executiva da Oren Investimentos e diretora de Risco e Compliance, sócia e gestora de Renda Variável da Mercatto Investimentos. Antes de entrar no governo, foi sócia do ministro Guedes na Bozano Investimentos, onde foi diretora de Compliance e Operações e Financeiras. 
Agência Brasil

Segundo o Ministério da Saúde, há ainda 47 possíveis diagnósticos sendo monitorados em 12 estados e no Distrito Federal

Com o primeiro caso de varíola dos macacos confirmado em Minas Gerais, o total de pessoas infectadas com o vírus monkeypox no Brasil chegou a 48 nesta sexta-feira, segundo informe da sala de situação criada pelo Ministério da Saúde para monitorar a doença no país. Além do estado mineiro, o Ceará também identificou o primeiro diagnóstico nesta semana. Há ainda 36 registros apenas no Estado de São Paulo, oito no Rio de Janeiro e dois no Rio Grande do Sul.

A pasta também monitora outros 47 casos suspeitos em todos os estados das regiões Sul e Sudeste, além de possíveis infecções no Acre; Mato Grosso do Sul; Goiás; Distrito Federal; Ceará e Rio Grande do Norte.

Entre os casos confirmados, o Ministério da Saúde informa que todos são do sexo masculino. Já entre as suspeitas, 33 são homens e 14 são mulheres. De acordo com a pasta, 58 notificações já foram descartadas como casos de varíola dos macacos desde o início do monitoramento. No Brasil é obrigatório que toda suspeita seja notificada ao Ministério.

Na quarta-feira, a Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) informou que o primeiro diagnóstico no estado foi detectado em um paciente de 33 anos que retornou da Europa no último domingo – região com o maior número de casos do surto atual. Já no Ceará, a pasta confirmou, também na quarta-feira, que a primeira pessoa infectada tem 35 anos e esteve recentemente em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Ambos os estados, que concentram o maior número de pessoas contaminadas do país, já registraram casos de transmissão local da varíola dos macacos, ou seja, em pacientes que contraíram a doença no Brasil. Isso porque os infectados não retornaram do exterior e nem tiveram contato com alguém que veio de outro país.

O último informe do Ministério da Saúde mostra ainda que, de acordo com os anúncios dos países, até o dia 30 de junho já foram identificados 5.258 casos da doença em 52 nações. Apesar do avanço, a Organização Mundial da Saúde (OMS) decidiu, durante reunião do comitê de emergência realizada no último dia 23, que o cenário ainda não representa uma emergência de saúde pública de alcance internacional, status atribuído à Covid-19, embora demonstre preocupação.

Fátima Bernardes chora na sua despedida do ‘Encontro’ e não segura emoção no adeus

Apresentadora foi aplaudida de pé e revisitou momentos marcantes do programa em um vídeo especial: ‘Ainda bem que coloquei um rímel à prova d’água’, brincou

O coração acelerou e teve muita emoção no último Encontro com Fátima Bernardes! Depois de muitos desafios e surpresas em 10 anos, a apresentadora foi aplaudida de pé no início do programa de despedida, mostrou a equipe nos bastidores, recebeu grandes convidados e agradeceu por toda a parceria.

Foram 2570 “Encontros” e Fátima Bernardes não segurou a emoção na hora do adeus. Ela se emocionou com todo o carinho recebido. 

“Muito obrigada, gente. Não sei nem o que falar… Estou tremendo que nem vara verde. Não queria chorar porque não é um momento triste, é um momento feliz. Tem uma música sua que diz que fechar um ciclo é uma nova oportunidade para começar a amar, começar novos amores. E é isso o que a gente quer”, disse Fátima para Ferrugem, atração musical do programa de despedida.

Entre as homenagens, teve uma especial de André Curvello, parceiro de Fátima no “Encontro”. Ele escreveu um texto para narrar um vídeo relembrando momentos marcantes da apresentadora no programa. 

“Tinha pensado em não escrever nada. Adoro falar de improviso, entrevistar de improviso, mas mudei de ideia para dizer que nos últimos 10 anos em que estive neste palco, nos melhores e piores momentos da minha vida, as pessoas foram fundamentais. Dividi com você do outro lado da telinha, dividi com minha equipe. Eu desejo tudo de melhor para a Patricia e Manoel.”

Emocionada, ela preparou um lindo texto para seu adeus ao Encontro:

“Não teve um dia sequer que eu não tenha dado aqui, mesmo nos dias mais tristes, o meu melhor sorriso! Você não é só o público que está em casa. Está na academia, nos carros, no hospital, no trabalho. Aprendi muito e saio daqui hoje …Não sou a mesma Fátima que entrei. Graças a Deus. Espero não ter perdido nenhuma oportunidade de mudança.”

Sebrae abre seleção de agentes de inovação com vagas para Afogados da Ingazeira e diversas cidades do Pajeú com bolsas que podem chegar a R$ 6.500 por mês

O Sebrae abriu inscrições para seleção de profissionais que devem atuar no Projeto Agentes Locais de Inovação (ALI), como Orientador, e nas áreas de Produtividade, Transformação Digital, Rural, Ecossistema Local de Inovação e Educação Empreendedora. São 87 vagas distribuídas por diversas cidades de Pernambuco. Na região do Pajeú, Afogados da Ingazeira, dentre outras cidades, estão disponíveis doze vagas, entre cadastro reserva e imediatas.

As inscrições podem ser feitas neste site até 7 de julho.

Os profissionais selecionados vão trabalhar com temas relacionados à inovação, com contrato por até 24 meses e bolsa que pode chegar a R$ 6.500 por mês. No edital é possível conferir a formação e experiência exigidas em cada função.

O processo seletivo será feito por avaliação documental, análise de conhecimento e avaliação de habilidades e perfil, dependendo da vaga almejada. Todas fases serão realizadas de forma remota, por meio da plataforma exclusiva da seleção, disponibilizada pela empresa contratado para fazer o processo seletivo.

O ex-presidente Lula (PT) disse que a paixão pela atual esposa, Jajnja, iniciada quando ele ainda cumpriu pena na Polícia Federal (PF) o ajudou a superar a raiva pelo ex-juiz Sérgio Moro (UB), diante da atuação na operação Lava Jato.

“Tive sorte de me apaixonar na cadeia, escrevi cartas de amor para Janja e fui deixando o ódio sair. Meu coração foi ficando leve e no lugar do ódio e vingança eu só pensei em coisas boas. Agora sou amor. E quero transformar o Brasil”, contou em entrevista à rádio Metrópole, na manhã desta sexta-feira (01).

O petista ainda criticou a atuação de Sérgio Moro durante a Operação Lava Jato e chamou o ex-juiz de ‘Santo de Barro’. “Eu poderia sair do Brasil. Tive convite para ir para a Embaixada. Mas não quis. Quis desmascarar a quadrilha de procuradores. Orientado, não sei se pelo departamento de Justiça dos Estados Unidos, ou de algum lugar. Mas tinha uma orientação. Eu quis desmascarar Sérgio Moro. O santo de barro que a imprensa ajudou a criar”, afirmou.  

Lula ainda ressaltou que saiu muito mais forte da Lava Jato do que entrou. “A Lava Jato causou desemprego e deixamos de arrecadar 58 bilhões de impostos para saúde e educação com a Lava Jato. Todos foram desmascarados e então eu digo que saí da Polícia Federal muito maior do que entrei. Estou cheio de saúde e cheio de vont

A medalha de honra ao mérito Dom Francisco Austregésilo de Mesquita Filho, concedida em reconhecimento a personalidades e instituições que contribuem ou contribuíram com o desenvolvimento de Afogados da Ingazeira, foi criada na gestão do ex-prefeito José Patriota. Ela havia deixado de ser entregue nos últimos dois anos devido às restrições impostas a todos pela pandemia.

Este ano ela pode novamente voltar a ser concedida. Em solenidade no cineteatro São José, o Prefeito de Afogados da Ingazeira, Alessandro Palmeira, concedeu à medalha ao ex-prefeito de Afogados, José Patriota, o criador da iniciativa; ao centenário Gastão Cerquinha, ex-vereador e ex-vice-prefeito de Afogados (pai do blogueiro Magno Martins e do Secretário municipal de cultura, Augusto Martins); à pentatleta Yane Marques; ao saudoso comunicador Anchieta Santos (in memorian); e, enquanto instituição, ao Hospital Regional Emília Câmara. A cerimônia aconteceu na tarde desta sexta (01), e integrou as comemorações pelos 113 anos de emancipação política de Afogados da Ingazeira.

“Fico muito feliz em poder voltar a conceder essa medalha tão importante, que leva o nome dessa referência para todos nós que foi Dom Francisco, e poder homenagear pessoas e instituições que tanto tem ajudado na evolução de nossa querida Afogados da Ingazeira, cada um ao seu modo, contribuindo para que ela seja hoje essa cidade acolhedora e pujante,” destacou Sandrinho.

O comunicador Anchieta Santos foi representado pela filha Laysa, que fez questão de destacar as alegrias que viveu ao lado do pai ao longo dos 34 anos de vida em comum. Emocionou a todos ao falar sobre a paixão do pai pela Rádio Pajeú, e o legado que deixou na formação de uma geração inteira de comunicadores. Gastão Cerquinha, com a autoridade dos seus 100 anos de vida, recebeu, além da medalha, uma outra bela homenagem com a carta escrita pelo seu filho, o jornalista Magno Martins, que não pode estar presente à cerimônia, mas que teve sua mensagem lida pelo irmão Augusto. Em nome do Hospital Regional, e pela OS tricentenário, falou o diretor do HREC, Sebastião Duque. Ele enfatizou as diversas melhorias que vem sendo implantadas na unidade, a exemplo dos leitos de UTI instalados e na ampliação em mais de 100% no número de leitos. Ele enfatizou também a importância do apoio do ex-prefeito José Patriota, para as mudanças implementadas no hospital. “Houve muita resistência no início, Patriota sabe o que sofreu de incompreensões. Mas hoje todos concordam que a melhora foi significativa, e hoje atendemos não apenas a população de Afogados e do Pajeú, mas também pessoas de outras regiões do Estado, e de cidades vizinhas da Paraíba,” afirmou Sebastião.

Bastante emocionado, o ex-prefeito José Patriota foi o último a usar da palavra. Ele destacou suas ações como gestor, a exemplo da universalização da atenção básica em Afogados; a instalação do centro de reabilitação física, do qual só existem quatro unidades no Brasil; a modernização do Vianão, com o sistema de reuso, duplicação das arquibancadas, gramado e iluminação que são referências em Pernambuco; a educação entre as dez melhores de Pernambuco, dentre outras ações. Fez referências a Dom Francisco, Miguel Arraes e Eduardo Campos, três pessoas que ajudaram na formação do seu pensamento político, e se emocionou ao falar dos amigos Anchieta Santos e Monsenhor João Carlos Acioly, que faleceram recentemente. “Passa um filme na minha cabeça, por tudo que vivi e enfrentei. Vivemos numa sociedade classista, desigual, repleta de injustiças. Não é fácil defender os valores que eu defendo, como a igualdade, a justiça social, a cooperação. Mas é preciso continuar lutando,” destacou Patriota. Yane Marques foi representada pelo pai, o radialista Vanderley Galdino, que emocionado, preferiu não discursar.

Estiveram presentes à solenidade, o Prefeito Alessandro Palmeira, o vice Daniel Valadares, o ex-prefeito Totonho Valadares, o promotor Lúcio Luiz de Almeida, vereadores, além do Major Julierme, do 23º BPM, de secretários municipais e população em geral. A parte musical ficou sob a responsabilidade de integrantes da Banda Municipal Bernardo Delvanir Ferreira.

Mais cedo, pela manhã, o Prefeito Alessandro Palmeira, acompanhado de demais autoridades do município, participou da alvorada e da cerimônia de hasteamento dos pavilhões, que contou com a presença dos integrantes do Tiro de Guerra e de grupos de bacamarteiros (não houve disparos). Sandrinho também participou da solenidade na Câmara de vereadores para concessão de títulos de cidadão Afogadense a 17 pessoas indicadas pelos vereadores.

Tabira: Educação emite nota sobre assassinato de porteiro de escola

A Secretaria Municipal de Educação de Tabira emitiu nota sobre a morte do guarda municipal que atuava na Escola Pedro Ferreira da Silva, no Bairro Jureminha.

Vandelson Ferreira do Nascimento estava em frente a unidade de ensino, quando foi alvo dos criminosos. Dois homens em uma motocicleta o abordaram e segundo relatos de populares, começaram a atirar. Ele procurou abrigo dentro da escola e pediu apoio de outras pessoas. Houve correria e gritaria dentro do educandário. Além dele, ninguém se feriu.

“O senhor Vandelson era filho da senhora Lia Moto Táxi, muito conhecida na cidade e atuava na instituição como porteiro escolar. Não há relatos de atos violentos ou má conduta no exercício do seu trabalho. Era um funcionário comprometido e responsável. Sentimos muito pela sua perda e desejamos aos familiares e amigos nosso profundo pesar”, conclui a nota.

 

 

Guarda Municipal é assassinado a tiros em Tabira

Um guarda municipal que atua na Escola Pedro Ferreira da Silva, no Bairro Jureminha, em Tabira,foi assassinado na manhã desta sexta-feira (1) por volta das 9h00. Segundo informações repassadas ao Blog Tabira Hoje, o agente de segurança pública de nome Vandelson Ferreira do Nascimento, filho de Lia Moto Táxi, idade não informada, estava em frente a unidade de ensino, quando foi alvo dos criminosos.

Foi neste momento que dois homens em uma motocicleta o abordaram e segundo relatos de populares, começaram a atirar na vítima que procurou abrigo dentro da escola e pediu apoio de outras pessoas. Houve correria e gritaria dentro da escola.

Vandelson chegou a ser socorrido com vida para hospital municipal de Tabira, sendo transferido para o Hospital Regional Emília Câmara, em Afogados das Ingazeira, devido a gravidade dos ferimentos. Ele não resistiu e morreu.

Em poucos minutos, a primeira viatura da Policia Militar chegou ao local. Após o crime, incursões policiais estão sendo feitas para tentar localizar e prender os algozes.

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 37 milhões

O concurso 2.495 da Mega-Sena, realizado nesta terça-feira (28) à noite no Espaço Loterias da Caixa em São Paulo, não teve acertadores das seis dezenas. Os números sorteados foram: 08 – 12 – 14 – 30 – 33 – 41. A quina teve 37 ganhadores e cada um vai receber R$ 54.647,64. Os 3.602 acertadores da quadra receberão o prêmio individual de R$ 801,92.

 

O próximo concurso (2.496), na quinta-feira (29), deve pagar um prêmio de R$ 37 milhões. O sorteio é realizado às 20h, no Espaço Loterias Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, em São Paulo.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal. A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 4,50.

Procurador que espancou chefe vira réu por tentativa de feminicídio

O procurador Demétrius Oliveira de Macedo, preso na última semana por espancar uma colega na Prefeitura de Registro (SP), virou réu por tentativa de feminicídio. A denúncia do Ministério Público (MP) foi aceita na última terça-feira (28) pela Justiça de São Paulo.

De acordo com a denúncia, o MP retratou a ocorrência como “evidente intento homicida”, ou seja, Demétrius tentou matar a procuradora-geral do município, Gabriela Samadello Monteiro de Barros. O ato, ainda segundo o órgão, apenas não foi concretizado por “circunstâncias alheias a vontade do agente”.

Após ter dado socos no rosto e vários chutes em Gabriela, Demétrius chegou a se apresentar em uma delegacia confessando o crime, porém, foi liberado pelo delegado Fernando Carvalho Gregório, do 1° Distrito Policial de Registro.

A prisão preventiva do procurador foi pedida do delegado Daniel Vaz Rocha, responsável pelo caso. A autoridade policial apontou que o acusado “vem tendo sérios problemas de relacionamento com mulheres no ambiente de trabalho, sendo que, em liberdade, expõe a perigo a vida delas, e consequentemente, a ordem pública”.

Sob decisão do juiz Raphael Ernane Neves, da 1ª Vara de Registro, o acusado recebeu o prazo de 10 dias para apresentar sua defesa prévia.

Na tarde desta última terça-feira (28), por volta das 17h00, foi registrado mais um homicídio na cidade de Serra Talhada, no Sertão do Pajeú. Desta ves o crime aconteceu na Rua Dr. Ademar Xavier, nas proximidades da XI Geres.

Segundo as informações repassadas ao Blog O Povo com a Notícia pelo nosso parceiro do Portal NN, a vítima foi o Sargento da PMPE Cícero Valdevino da Silva, que já estava na reserva da Corporação. O Policial estava entrando em seu veículo quando foi surpreendido pelos tiros e veio à óbito no local.

Testemunhas relataram que um carro se aproximou da vítima e efetuou vários disparos contra ele. Até o momento não se sabe a motivação do crime.

Confira nova pesquisa de intenções de voto para o Governo de Pernambuco nas eleições 2022

Pesquisa Real Time Big Data para o governo de Pernambuco divulgada nesta segunda-feira (27) mostrou que Marília Arraes (Solidariedade) lidera o levantamento. Na pesquisa espontânea, ela também está na frente, mas empata tecnicamente com Raquel Lyra (PSDB).

No levantamento estimulado, com a apresentação ao eleitor de uma lista de candidatos ao cargo, Marília tem 27% das intenções de voto, quase 10 pontos percentuais a mais que Raquel. Veja os números:

Marília Arraes (Solidariedade): 27%

Raquel Lyra (PSDB): 18%

Anderson Ferreira (PL): 12%

Danilo Cabral (PSB) e Miguel Coelho (União Brasil): 10%

João Arnaldo (PSol), Wellington Carneiro (PTB) e Jones Manoel (PCB): 1%

Esteves Jacinto (PRTB), Jadilson Bombeiro (PMB) e Claudia Ribeiro (PSTU): 0%

Brancos/nulos: 9%

Não sabem/não responderam: 11%

Já no levantamento espontâneo, quando não são apresentados os nomes dos candidatos, Marília tem 11%, contra 7% de Raquel, o que configura um empate técnico. Veja os números:

Marília Arraes (Solidariedade): 11%

Raquel Lyra (PSDB): 7%

Anderson Ferreira (PL): 4%

Danilo Cabral (PSB) e Miguel Coelho (União Brasil): 3%

Brancos/nulos: 15%

Não sabem/não responderam: 57%

Além das estimativas para o governo de Pernambuco, o Real Time Big Data avaliou a corrida para o Senado. De acordo com o levantamento, Mendonça Filho (União Brasil) e Armando Monteiro (PSDB) empatam tecnicamente. Veja os números;

Mendonça Filho (União Brasil): 23%

Armando Monteiro(PSDB): 21%

Teresa Leitão (PT): 10%

Gilson Machado (PL): 8%

André de Paula (PSD): 6%

Eugênia Lima (PSol): 1%

Brancos/nulos: 14%

Não sabem/não responderam: 17%

O Real Time Big Data fez o levantamento entre os dias 24 e 25 de junho e ouviu 1,5 mil eleitores pernambucanos por telefone. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código PE-06668/2022. O índice de confiança é de 95%. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

A cantora Simaria chamou a atenção dos seguidores nesta terça-feira (28), ao surgir em fotos ousadas nos Stories de seu Instagram. Em uma delas, a sertaneja aparece nua sentada de frente a um espelho enquanto faz um registro da imagem.

Recentemente, a cantora estampou os noticiários ao lado da irmã Simone. As irmãs tiveram algumas discordâncias em público.A primeira delas aconteceu em maio deste ano, durante as gravações do Programa do Ratinho quando um áudio “caloroso” vazou e gerou especulações do término da dupla. “O Ratinho, foi meu grito de socorro, tudo o que vou fazer sou recriminada pela Simone. Tem noção o que é passar 20 e tantos anos da sua vida sendo mandada calar a boca e não ser você mesma?”, desabafou.

Durante a festa de São João em Caruaru, onde Simone subiu sozinha no palco após o atraso de mais de 1 hora de Simaria, a cantora explicou que até tentou pegar o mesmo voo da irmã, porém não foi possível por conta de um problema de saúde. Após os acontecimentos, Simaria anunciou que ficaria afastada dos palcos para cuidar da saúde mental.

O Congresso articula ampliar ainda mais o poder sobre o Orçamento no próximo ano e mudar as regras para tornar a liberação das emendas de relator uma obrigatoriedade para o Palácio do Planalto.

O plano, que tem apoio de líderes do centrão, foi formulado diante do cenário de favoritismo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na corrida presidencial. O petista é crítico desse tipo de emenda, que sustenta as negociações políticas no governo do presidente Jair Bolsonaro (PL).

O projeto da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2023, que dá as bases para a formulação do Orçamento, será usado para tentar alterar o tratamento a ser dado pelo Executivo às emendas de relator.

O relatório da LDO foi apresentado neste domingo (26) já com o mecanismo para que as emendas sejam obrigatoriamente executadas. Os cálculos preliminares indicam que, no próximo ano, esses recursos devem somar cerca de R$ 19 bilhões no Orçamento.

Para tentar reduzir esse valor, o chefe do Palácio do Planalto em 2023 também precisaria aprovar um projeto no Congresso. Ou seja, os parlamentares teriam que aceitar perder parte do controle sobre a verba.

Emenda parlamentar é a forma que deputados e senadores conseguem destinar dinheiro do Orçamento federal para obras e projetos em suas bases políticas.

As emendas de relator não são consideradas impositivas. Essa característica, que transforma o uso dos recursos em uma exigência, é aplicada atualmente às emendas individuais e de bancada.

Hoje existem quatro tipos de emendas: as individuais (que todo deputado e senador têm direito), as de bancada (parlamentares de cada estado definem prioridades para a região), as de comissão (definida por integrantes dos colegiados do Congresso) e as do relator (que permitem que congressistas mais influentes possam abastecer seus redutos eleitorais).

A primeira vez que o Congresso aprovou o mecanismo de emenda individual impositiva foi durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) em meio a embates com o Legislativo. Isso foi feito via LDO, mas depois a obrigatoriedade de liberação das emendas passou a ser prevista na Constituição –mudança aprovada enquanto Eduardo Cunha, algoz de Dilma, comandava a Câmara.

Em discursos recentes, Lula tem indicado que o modelo atual das emendas de relator não deve permanecer em eventual governo do petista.

A campanha do ex-presidente tem estudado propostas para mudar as regras dessas emendas. Uma alternativa seria dar mais poder aos ministérios na decisão de liberação da verba para obras e projetos pelo país –petistas reconhecem que o fim das emendas de relator não seria aprovado pelo Congresso.

A estratégia de líderes do Congresso é garantir que as emendas de relator continuem atreladas aos deputados e senadores.

O relator da LDO de 2023, senador Marcos do Val (Podemos-ES), disse que o objetivo do mecanismo é deixar o Congresso mais independente do futuro governo.

“Essa é a intenção. Eu não sou bolsonarista. Eu sou um aliado [do atual governo], mas não um alienado. Sou um governista. Se no ano que vem a democracia decidir eleger outra pessoa, eu quero trabalhar para ajudar meu país e meu estado”, afirmou o relator.

O movimento tem sido patrocinado pelo centrão –grupo de partidos que compõem a base de apoio de Bolsonaro no Congresso. Os maiores expoentes são PL, PP e Republicanos.

Essa trinca partidária está unida na campanha à reeleição de Bolsonaro. Integrantes dessas siglas temem que Lula mude as regras do jogo, que tem dado maior influência política sobre o Orçamento.

Propostas de mudanças no funcionamento das emendas de relator em eventual governo Lula devem enfrentar resistência dos aliados de Bolsonaro, que perderiam os privilégios dados a parlamentares desse grupo pela proximidade com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) e com o Palácio do Planalto.

Outra mudança sugerida pelo senador é que essas emendas no próximo ano precisem do aval do relator do Orçamento, senador Marcelo Castro (MDB-PI), e do presidente da CMO (Comissão Mista de Orçamento), deputado Celso Sabino (União-PA).

Castro defende a eleição de Lula. Sabino é próximo a Lira, que é aliado de Bolsonaro.

A medida, portanto, pode embaralhar a distribuição das emendas de 2023, mas líderes dizem que isso depende do resultado das urnas e dos acordos a serem feitos até o início do próximo ano –como a eleição para presidentes da Câmara e do Senado.

Do Val afirmou que a mudança tem o objetivo de aumentar o controle sobre essas emendas.

O relator também inclui na LDO um trecho que já abre caminho para reajuste salarial e reestruturação de carreiras de policiais. O setor de segurança pública faz parte da base de apoio dele.

O senador disse que a valorização desses profissionais é essencial para o país. “Dinheiro para segurança pública é investimento para a melhoria da qualidade de vida e de crescimento para o Brasil”, afirmou.

A garantia para o reajuste e reestruturação de carreiras, como Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, ainda depende da reserva de verba a ser feita nas discussões do Orçamento, que começam em agosto. (Via: Folhapress)

Ao menos 42 pessoas foram encontradas mortas nesta segunda-feira (27) dentro e ao redor de um caminhão abandonado na cidade de San Antonio, no estado do Texas, nos Estados Unidos. Acredita-se que as vítimas sejam imigrantes que entraram no país de maneira irregular. As informações são do jornal The New York Times.

 

Outras 12 pessoas foram encontradas com vida e levadas para hospitais locais, segundo autoridades. O Departamento de Segurança Interna dos EUA investiga o caso, e policiais fazem buscas pelo motorista do veículo.

O caminhão foi deixado perto de uma linha de trem e de um terreno com carros abandonados em uma área remota na zona sul da cidade. Imagens publicadas nas redes sociais mostram carros da polícia e ambulâncias ao redor do veículo.

A causa das mortes e as nacionalidades das vítimas ainda são desconhecidas. O ministro de Relações Exteriores do México, Marcelo Ebrard, afirmou que o cônsul mexicano está indo para o local.

San Antonio, no estado do Texas, fica a aproximadamente 250 quilômetros da fronteira com o México. A cidade registrou forte calor nesta segunda, com temperatura máxima de 39,4ºC.

Litro da gasolina em Pernambuco bate os R$ 8,30. Veja onde está mais barato

GUGA MATOS/JC IMAGEM

Por Lucas Moraes/JC

O primeiro levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP) após o último aumento praticado pela Petrobras no preço da gasolina constatou que, em Pernambuco, o preço máximo de venda nos postos já bate os R$ 8,30 no município de Petrolina, no Sertão do Estado.

A Petrobras anunciou no último dia 17 deste mês aumento do preço médio de venda da gasolina para as distribuidoras, que passou de R$ 3,86 para R$ 4,06 o litro. Um alta de 5,18%. O último reajuste no valor da gasolina havia ocorrido em março.

Na semana do dia 17, a ANP não conseguiu auferir por completo o repasse da alta, já que o aumento começou a valer no sábado (18).

Na última semana, entre os dias 19/06/2022 e 25/06/2022, a ANP voltou a rodar os postos em Pernambuco e encontrou os seguintes preços por municípios pesquisados:

Município – Preço médio – Preço máximo

. Afogados da Ingazeira 7,49 * 7.98

  • Araripina * R$ 7,92 * R$ 7,93
  • Arcoverde * R$ 7,63 * R$ 7,65
  • Belo Jardim * R$ 7,39 * R$ 7,55
  • Cabo de Santo Agostinho * R$ 7,52 * R$ 7,69
  • Caruaru * R$ 7,37 * R$ 7,55
  • Garanhuns * R$ 7,34 * R$ 7,45
  • Goiana *7,467,49
  • Igarassu * R$ 7,48 * R$ 7,59
  • Jaboatão dos Guararapes * R$ 7,39 * R$ 7,49
  • Lajedo * R$ 7,21 * R$ 7,26
  • Olinda * R$ 7,50 * R$ 7,69
  • Paulista * R$ 7,43 * R$ 7,59
  • Petrolina * R$ 8,23 * R$ 8,30
  • Recife * R$ 7,48 *  R$ 7,59
  • Salgueiro * R$ 8,07 * R$ 8,10
  • Santa Cruz do Capibaribe * R$ 7,41 * R$ 7,52
  • Serra Talhada * R$ 7,78 * R$ 7,85
  • Vitoria de Santo Antão * R$ 7,34 * R$ 7,49

Nesta segunda-feira (27), a Petrobras aprovou o nome de Caio Paes de Andrade para compor o conselho da empresa e também se tornar o presidente da estatal.

 

Pesquisa Real Time Big Data: Marília Arraes 1º, Raquel vem em 2º. Anderson em 4º e Miguel e Danilo aparecem empatados

Pesquisa Real Time Big Data para o governo de Pernambuco divulgada nesta segunda-feira (27) mostrou que Marília Arraes (Solidariedade) lidera o levantamento. Na pesquisa espontânea, ela também está na frente, mas empata tecnicamente com Raquel Lyra (PSDB).

No levantamento estimulado, com a apresentação ao eleitor de uma lista de candidatos ao cargo, Marília tem 27% das intenções de voto, quase 10 pontos percentuais a mais que Raquel. Veja os números:
Marília Arraes (Solidariedade): 27%
Raquel Lyra (PSDB): 18%
Anderson Ferreira (PL): 12%
Danilo Cabral (PSB) e Miguel Coelho (União Brasil): 10%
João Arnaldo (PSol), Wellington Carneiro (PTB) e Jones Manoel (PCB): 1%
Esteves Jacinto (PRTB), Jadilson Bombeiro (PMB) e Claudia Ribeiro (PSTU): 0%
Brancos/nulos: 9%
Não sabem/não responderam: 11%
Já no levantamento espontâneo, quando não são apresentados os nomes dos candidatos, Marília tem 11%, contra 7% de Raquel, o que configura um empate técnico. Veja os números:
Marília Arraes (Solidariedade): 11%
Raquel Lyra (PSDB): 7%
Anderson Ferreira (PL): 4%
Danilo Cabral (PSB) e Miguel Coelho (União Brasil): 3%
Brancos/nulos: 15%
Não sabem/não responderam: 57%
Além das estimativas para o governo de Pernambuco, o Real Time Big Data avaliou a corrida para o Senado. De acordo com o levantamento, Mendonça Filho (União Brasil) e Armando Monteiro (PSDB) empatam tecnicamente. Veja os números;
Mendonça Filho (União Brasil): 23%
Armando Monteiro(PSDB): 21%
Teresa Leitão (PT): 10%
Gilson Machado (PL): 8%
André de Paula (PSD): 6%
Eugênia Lima (PSol): 1%
Brancos/nulos: 14%
Não sabem/não responderam: 17%
O Real Time Big Data fez o levantamento entre os dias 24 e 25 de junho e ouviu 1,5 mil eleitores pernambucanos por telefone. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código PE-06668/2022. O índice de confiança é de 95%. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.
Alerta é de economista do Instituto de Defesa do Consumidor

Cada vez mais empresas estão recorrendo à redução do tamanho das embalagens e à mudança na composição dos produtos para repassar o aumento de custos ao consumidor final, observa o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec).

 

Segundo a coordenadora do Programa de Serviços Financeiros da organização não governamental, Ione Amorim, no passado casos do tipo já eram registrados, no entanto, a alta da inflação no Brasil nos últimos dois anos têm levado a cada vez mais empresas, de diversos setores, a adotar esse tipo de prática. “Hoje, a forma como isso vem sendo feita ganhou uma dimensão muito maior”, enfatizou.

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), acumulava, em maio, taxa de 11,73% em 12 meses. De maio de 2020 a maio deste ano, a inflação medida pelo índice chega a 20,27%.

Reduflação

O amplo uso da redução de embalagens e diminuição das quantidades normalmente vendidas levou ao uso do termo reduflação para se referir à prática. A quantidade ou qualidade de produto é menor, mas o preço não é reduzido ou não é reduzido na mesma proporção da diminuição da embalagem. Assim, a empresa tenta evitar o desgaste do aumento direto de preços.

Ione lembra que uma portaria da Secretaria Nacional de Defesa do Consumidor regulamenta alterações no tamanho e quantidade de produtos vendidos nas embalagens, definindo que as mudanças devem ser informadas em destaque nos rótulos por 180 dias.

Porém, segundo a economista, as empresas têm usado estratégias que apostam na desatenção do consumidor. “Para driblar o cumprimento dessa portaria, as empresas estão lançando embalagens paralelas”, denuncia.

Ou seja, o mesmo produto é vendido em duas embalagens muito parecidas, mas, em uma delas, com menos quantidade do que o original. “Embalagens de azeite que, tradicionalmente, são engarrafados em vidros de 500 ml [mililitros], hoje você já vê alguns de 400 ml. Então, tem que ficar atento na hora de pegar a embalagem, porque elas são muito parecidas”, alerta.

Para ajudar os consumidores a compararem os preços, a economista recomenda consultar o preço por unidade de medida: litro, quilo ou metro. “O Código de Defesa do Consumidor, no artigo 6º, exige que o preço por unidade de medida quilo, litro ou metro seja colocado nas prateleiras para que o consumidor consiga fazer a relação entre as diversas embalagens do produto que é oferecida”, explica.

Ione alerta que há empresas que estão mudando a composição dos produtos. De acordo com a economista, a medida vem sendo adotada por diversos fabricantes que reduzem o percentual de matérias-primas, trocando por compostos ultraprocessados. Segundo Ione, alterações do tipo já foram feitas por marcas de suco, que deixam de ter o percentual mínimo de fruta para virar néctar, chocolate, que reduzem a quantidade necessária de cacau, e de leite condensado, que deixam de ter leite na composição. “Esse produto, além de ter alteração na sua composição, também passa por essa redução de custo, porque o produto foi piorado e manteve o preço”, destaca a economista.

Agência Brasil

Queda de arquibancada em tourada deixa 4 mortos e centenas de feridos na Colômbia

Por: AFP

 (Foto: SAMUEL ANTONIO GALINDO CAMPOS / AFP)

Foto: SAMUEL ANTONIO GALINDO CAMPOS / AFP

Quatro pessoas morreram e mais de 300 ficaram feridas no desabamento da arquibancada em uma praça de tourada durante um evento no domingo no município de El Espinal, no sul da Colômbia.
“Quatro pessoas faleceram, uma no local e três no hospital”, disse o prefeito de El Espinal, Juan Carlos Tamayo, que lamentou a morte de um menor de 14 meses que estava nas arquibancadas de madeira.
Os hospitais da região atenderam 322 feridos e quatro permanecem em unidades de terapia intensiva, informou Martha Palacios, secretária de Saúde do departamento de Tolima, onde fica El Espinal.
Por volta de 13H00 (15H00 de Brasília), várias arquibancadas lotadas desabaram durante uma “corraleja”, uma de festa popular em que o público desce à arena para enfrentar novilhos ou touros pequenos.
“Nossa praça de touros é composta por 44 boxes. Oito desabaram, cada um com 100 pessoas”, explicou Tamayo.
O acidente aconteceu na Praça de Touros Gilberto Charry durante o fim de semana de celebração das festas de São Pedro.
Tamayo disse que a prefeitura assinou um “contrato” com os organizadores do evento.
O presidente Iván Duque prometeu uma investigação e expressou “solidariedade com as famílias das vítimas”.
O governador de Tolima, Ricardo Orozco, antecipou que solicitará “a suspensão das festas de ‘corralejas'”, alegando que os eventos “atentam contra a vida” e incentivam os “maus-tratos de animais”.
No sábado, várias pessoas ficaram feridas em acidentes durante eventos similares em El Espinal, que tem 78.000 habitantes e fica a 150 quilômetros de Bogotá.
O presidente eleito, Gustavo Petro, que assumirá o poder em 7 de agosto, se uniu ao apelo do governador local pelo fim das touradas.
Petro recordou as mortes de centenas de pessoas no desabamento de outra praça de touros no município de Sincelejo (norte) em 1980.
Como prefeito de Bogotá (2012-2015), o presidente eleito suspendeu as touradas em La Santamaría, emblemática praça de touros da capital.
Embora a justiça colombiana puna o abuso de animais, práticas como touradas e rinha de galos são protegidas devido às raízes culturais.