Monthly Archives: julho 2018

 

 

 
Após levantamento feito sobre o número de vítimas de crimes violentos letais e intencionais em Pernambuco no primeiro semestre do ano, foram registrados no estado, 2.279 casos, entre janeiro e junho de 2018. Sendo 308 casos na capital, 691 na Região Metropolitana e 1.280 casos no interior do estado.
 
Serra Talhada, na região do Pajeú, lidera isoladamente o ranking de casos de mortes, foram 15 casos registrados neste semestre, de acordo com os números da Secretaria de Defesa Social do Estado (SDS). Foram três casos em Fevereiro, cinco em Março, quatro em Abril, três em Junho.
 

 

Os municípios de Brejinho, Calumbí, Ingazeira, Quixaba, Santa Terezinha, Solidão e Triunfo se destacam por não ter registro mortes este ano, de acordo com os números apresentados pela secretaria de defesa social de Pernambuco (SDS). O levantamento é do Blog Leia Mais PE.
 
Confira a lista da SDS:
 
AFOGADOS DA INGAZEIRA – 02 casos
BREJINHO – 00
CALUMBÍ – 00
CARNAÍBA – 01 caso
FLORES – 01 caso
IGUARACÍ – 02 casos
INGAZEIRA – 00
ITAPETIM – 02 casos
QUIXABA – 00
SANTA CRUZ DA BAIXA VERDE – 02 casos
SANTA TEREZINHA – 00 casos
SÃO JOSÉ DO EGITO – 02 casos
SERRA TALHADA – 15 casos
SOLIDÃO – 00 casos
TABIRA – 02 casos
TRIUNFO – 01
TUPARETAMA – 00

 

 

Em Pernambuco, o PT forçaria a saída de sua pré-candidata, a vereadora Marília Arraes, abrindo caminho para a candidatura à reeleição do governador Paulo Câmara (PSB).

Estadão Conteúdo / Foto: Hélia Scheppa/SEI

Dirigentes do PT disseram nesta terça-feira (31), durante reunião do Conselho Consultivo do partido, em São Paulo, que os petistas não negociam mais uma coligação nacional com o PSB. O objetivo do PT, agora, é evitar que o PSB se alie formalmente a Ciro Gomes (PDT), e libere suas lideranças estaduais para apoiar o candidato a presidente que considerem melhor.

 

A negociação passa por acordos entre PT e PSB em Pernambuco e Minas Gerais. Em Pernambuco, o PT forçaria a saída de sua pré-candidata, a vereadora Marília Arraes, abrindo caminho para a candidatura à reeleição do governador Paulo Câmara (PSB). Em Minas, seria o inverso. O ex-prefeito de Belo Horizonte Marcio Lacerda (PSB) abandonaria a disputa, em favor do petista Fernando Pimentel, que concorre à reeleição.

 

O PT já adiou duas vezes o encontro nacional que vai definir a posição do partido em Pernambuco em nome das negociações com o PSB. Segundo petistas pernambucanos, Marília tem hoje a maioria do diretório estadual.

 

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, negou os termos da negociação. Segundo ele, a possibilidade de apoiar o PT ainda não foi totalmente descartada. No domingo, o partido vai decidir entre uma coligação com os petistas, apoio a Ciro ou liberar as lideranças estaduais. O governador de São Paulo, Márcio França (PSB), defende uma candidatura própria, mesmo que seja para perder a eleição. França não quer abrir mão do tempo do partido no horário eleitoral da TV, mas é minoria.

“Não discuti isso (acordo regional envolvendo Lacerda) com ninguém. O PT condicionou a retirada da Marília a um acordo nacional”, afirmou Siqueira.

 

Alianças

O PT ainda negocia alianças com o PROS e o PCdoB. Segundo dirigentes do partido, emissários levaram ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado pela Lava Jato e preso em Curitiba, a sugestão de que Manuela d’Ávila, pré-candidata do PCdoB, seja a vice na chapa petista. Lula não se manifestou.

 

A escolha do vice é motivo de divergências no PT. Correntes influentes dizem que o partido deve escolher logo um nome dentro de suas próprias fileiras. Um grupo prefere que o vice seja um nome “fraco”, que não seja visto como possível “plano B” a Lula. Outros petistas acham melhor que o vice seja o possível substituto de Lula.

Presidente do PT, a senadora Gleisi Hoffmann (PR) publicou um texto na página do partido no qual critica lideranças da esquerda que admitem uma eleição sem Lula. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

 

 

 

 

 

 
PETROLINA E SERRA TALHADA (PE) – Andrelino passeia os olhos pelas cabeças do bando de cangaceiros que fora decapitado naquela manhã de 28 de julho de 1938 em busca de Lampião – o maior de todos os líderes do cangaço, de quem mais se teve notícia e que a história conta ter sido morto neste dia, 80 anos atrás. Uma a uma, repassa todas as cabeças, calado, e não encontra a de Virgolino Ferreira da Silva. “Ele não está aí”, cochicha para um soldado responsável pela escolta, que devolve o olhar desconfiado. Único ainda vivo entre os policiais que integraram as tropas volantes, entre 1922 e 1938, Andrelino Pereira Filho, 104 anos, tem suas próprias memórias sobre uma época em que o combate ao cangaço transformou, para sempre, a Polícia Militar de Pernambuco.
 
Entre 1927 e 1928, com o então governador Estácio Coimbra e o secretário de Segurança Eurico de Souza Leão baixam em Pernambuco a chamada Lei do Diabo, que autorizava punições mais severas aos coiteiros (aqueles que acobertavam cangaceiros, por vontade própria ou sob ameaças). Vê-se uma polícia apoiada por um governo que quer que Pernambuco deixe de ser a “terra de Lampião”. De fato, o líder cangaceiro deixa o Estado em julho de 1928, fazendo por aqui, depois disso, apenas “missões de rapina”.
 
Mas na década de 1920, a polícia tinha cerca de 800 homens localizados, majoritariamente, no Litoral e na Zona da Mata pernambucanos. Não tinham treinamento e, no começo, sabiam de coisa alguma: roupas, técnicas de combate e de rastreamento e o armamento – tudo era inadequado para a missão. Mas as ordens do Governo teriam que ser seguidas e para Andrelino, assim como para outros membros das tropas volantes que atuaram aqui e em estados vizinhos com a mesma missão de expurgar bandos de cangaceiros, não havia escolha. Morriam, matavam.
Falando em morte, as modalidades de crimes que Lampião e seu bando começaram a executar – estupros, sequestro e extorsão – motivavam o combate. Conta o historiador André Carneiro, autor de “Capitães do Fim do Mundo”, que a área de atuação de Lampião na Região Nordeste era de 29 mil quilômetros quadrados (km²). “Imagine isso em um sertão de rara tecnologia, sem telégrafo, onde não existe telefone, não existe carro”, diz Carneiro. Mas a caatinga é o local mais hostil para sobrevivência humana da América Latina e os homens do litoral entraram em choque. “Perceberam que para caçar um lobo, era preciso outro lobo”, continua o historiador, e a Polícia começa a alistar sertanejos, os “inimigos fraternais” dos cangaceiros. “Você vai ver o policial mudar suas vestes, sua prática. Vai aprender com o inimigo como deslocar, localizar, perseguir e lutar. Deixa de ser uma polícia mais fixa, dos destacamentos, e se torna uma polícia volante, que se mobiliza. Lampião que modifica isso”.
 
A caçada usava sinais do ar, do ambiente, o rastreamento era (como ainda é) essencial. Práticas foram sendo modificadas, como as orelhas decepadas que dão lugar a cabeças arrancadas e usadas como prova da morte dos cangaceiros. “Imagine uma tropa de soldados maltrapilhos, estropiados, seminus que chegavam carregando orelhas como prova da morte de cangaceiros. Em quem você ia acreditar? Começaram a ver que orelha não funcionava: vamos arrancar a cabeça. Precisavam mostrar que eram mais fortes que os cangaceiros”, relembra André Carneiro.
 
Na década de 1990, o policiamento do Interior de Pernambuco passa a enfrentar uma onda de criminalidade e precisa ser reforçado pela Companhia Independente de Operações Especiais (CIOE, hoje Batalhão de Operações Especiais, Bope). “A causa eram as brigas entre famílias e a cultura da droga começou como uma forma de financiar isso. Mas o que era meio, acabou se tornando fim, e veio o tráfico de drogas, precisamente o plantio de maconha, e o assalto a banco”, diz Jamerson Lira, coronel da Diretoria Integrada do Interior II, que atua de Arcoverde a Petrolina. O CIOE traz o reforço policial, mas não faz nada específico na caatinga, além de enfrentar as dificuldades logística (da Capital para o Sertão) e tática (havia o conhecimento técnico policial, mas não da região). “Foi a partir daí que se percebeu que era necessária uma polícia específica na área, era necessário o sertanejo com conhecimento do terreno, com rusticidade. Fomos buscar a influência das tropas volantes”, diz o coronel.
 
Testemunha do tempo
 
Nascido em Cabrobó, Sertão pernambucano, em 18 de março de 1914, seu Andrelino jamais pensou que fosse viver tanto. Tornou-se volante porque, sem emprego, o jeito foi entrar para a polícia; mas quando entrou, não sabia que faria parte de uma tropa volante que entraria no Sertão em busca de cangaceiros. “Acabei lá. Quando convocaram, pensei em nada, só que ia pro Sertão e fui, calado”.
Os soldados andavam em grupos de sete, mais um comandante, e a tropa de Andrelino ficou pelas bandas de Alagoas (era época de ditadura, a de Getúlio Vargas, então a polícia comandava onde fosse necessário). Foram dois anos “andando no mato, dormindo no mato, vivendo o mato” – “dentro da caatinga de 1936 a 1938”.
 
Diz a história que cangaceiro tinha um cheiro peculiar, uma mistura de perfume ou água de colôniacom suor, que acabava ajudando no rastreamento, como contra André Carneiro em “Capitães do Fim do Mundo”. “Mas não era uma certeza, era uma pista casual, acontecia. Só eles usavam, mas a gente, não. Se os encontrasse, bem; se não, seguíamos. Mas rezava pra não encontrar”, continua o ex-volante.
 
Sem descanso, sem comida, sem água, as volantes seguiam nessa missão ingrata; “ingrata” porque o pagamento era também escasso. “Comida era quando encontrava. Farinha, rapadura, queijo de coalho, se tivesse. Água, só quando encontrava um poço. Sobre banho, nunca se falou”.
 
As armas eram fuzis e o volante carregava, em média 50 balas que “pesavam como o diabo”, e nessa rotina dura, seu Andrelino diz que teve uma aliada: a calma. “Foi a primeira coisa que aprendi. A segunda foi a conviver; a terceira, foi ‘não atender a muita gente, a não dar atenção’. Se o camarada atende a muitas perguntas, passa o tempo todo. Eu preferia ficar em silêncio”.
As tropas não tinham treinamento, mas orientações de como se defender se encontrassem um bando. “Mas essa orientação era no momento. Estava no tiroteio e se os tiros apertassem, eu seguia a ordem: me jogava no chão”. Andrelino nunca ficou ferido (mas quase foi), nunca matou ninguém, nunca viu um de seus companheiros de tropa matando.
 
“O pagamento, eu não sei nem dizer como era. Eu lembro que a gente recebia, que tinha um sargento que era o pagador, Almeida, trazia tudo separado. Ele trazia o pacotinho de dinheiro. A gente chegava em uma bodega, fazia compras. Pronto, e o dinheiro desaparecia”. Não havia heroísmo, mas uma obrigação; não havia um intuito de fazer justiça, de trazer um bem social, mas uma vontade enorme de trabalhar para que o dia em que aquelas volantes terminassem chegasse logo.
 
Os coiteiros também davam pistas dos cangaceiros. Certo dia, diz seu Andrelino, foi o perfume de uma mocinha, numa casa, que entregou a presença de um bando. “Os cangaceiros estavam em uma distância de uns 500 metros e cozinhando um bode numa lata amarrada num pé de pau em cima de um fogo de lenha. Estava fervendo. A mocinha quis negar, mas terminou dizendo. Os cangaceiros deram fé e fugiram. Deixaram a lata fervendo lá. Ninguém comeu, quem sabia se não tinham colocado veneno?”.
 
Medo, seu Andrelino nunca sentiu, embora tenha visto e sentido muita coisa. Sentia, mas não podia falar porque, afinal, estavam todos do mesmo jeito. Alívio e alegria sentiu quando soube que a volante tinha terminado e ele seria deslocado para o Recife, onde faria serviços bem mais leves. “As roupas da volante eram de tecido grosso, feitas de todo jeito; no Recife, fizeram sob medida. Mas as duas eram cáqui e eu não uso mais cáqui desde que saí da polícia em 1966”.
 
Andrelino conheceu Lampião quando era menino. “Ele ia lá em casa, tomou café lá muitas vezes. Chamava minha mãe: ‘cumade’, tem um cafezinho?”. Tomava e ia embora”. E com seus 104 anos e sua memória reta, seu Andrelino defende uma tese diferente para a morte de Lampião. Ele ri da oficial – que Virgolino foi morto em uma emboscada em 1938, em Angico, Sergipe – e diz que tem certeza que o cangaceiro jamais morreria daquela forma. “Lampião morreu em Minas Gerais, na fazenda São Francisco, muitos anos depois, em 1963, justamente neste mês que estamos, de julho, mas eu não sei a data exata”.
 
“Um amigo dele, de Lampião, era amigo meu, um senhor de Porção (cidade do interior de Pernambuco). Tinha trabalhado com ele. Eu estava em Pesqueira (outra cidade pernambucana, localizada no Agreste), engraxando sapato, quando ele passou e falou: ‘sabe de onde eu venho? De Minas Gerais, do enterro de Lampião’. O que, homem?! Lampião morreu? Era mês de setembro. Eu já sabia que ele estava na fazenda São Francisco. As coisas passam no meio do mundo e a gente sabe”.
 
Volantes modernas
 
A especialização é necessária, defende o coronel Jamerson Lira, porque os atores dos crimes migram se for preciso. Hoje, a criminalidade está interligada em âmbito nacional e o estado que tiver um policiamento fraco é o que vai ser mais visitado pelos bandidos.
 
Depois que Pernambuco foi pioneiro no policiamento especializado para a caatinga, em 1997, Bahia, Paraíba, Ceará, Alagoas e Sergipe tomaram mesma iniciativa. “Em 2012, 2013, recomeçaram os assaltos, agora com nova roupagem, a de explosões de carro-forte, de banco. Aconteciam muitas fugas por dentro da caatinga e os bandidos sempre levavam vantagem. Fizemos um reforço no treinamento, batendo muito na questão do rastreamento. Já fomos, inclusive, requisitados para o Piauí”, explica o coronel.
A Companhia Independente de Operação e Sobrevivência na Caatinga (Ciosac) evoluiu, devido à sua importância, e virou o Batalhão Especial de Policiamento do Interior (Bepi) – embora a antiga sigla persista. “Com as demandas, inclusive fora do ambiente de Sertão, viu-se a necessidade de estender a atuação. Virou Bepi porque na Zona da Mata não tem caatinga, mas temos as companhias de operações específicas”.
 
O nível de exigência tática, física e emocional é grande para integrar o Bepi e isso, diz o capitão Francisco Barbosa, justifica que o aproveitamento das turmas de formação fique na casa dos 40%. “Quando vamos para uma operação e não temos como levar a logística, a maior dificuldade é o efeito do sol e a falta da água. A gente tem nossas medidas paliativas e o próprio bandido já tem as suas também. Quando eles sabem onde vão agir, têm planejamento. Já encontramos garrafas pet espalhadas pela caatinga, porque eles vão saber que se entrarem por ali, vão ter onde achar água”, explica o coronel Jamerson. Nas suas incursões, os policiais do Bepi podem levar de 20 a 30 kg de sobrepeso: munição, água, mochila e comida – a mesma farinha que também alimentavam as tropas volantes.
 
Não era vingança, era negócio
 
Historiador, André Carneiro descreve Lampião como “alguém extremamente cruel, violento” responsável por mais de 200 estupros cometidos por seus bandos. Incendiava fazendas, chegou a dizimar 3 mil cabeças gado durante os anos em que atuou fortemente. “Com Lampião, o cangaço vira ‘um negócio’. Ele mesmo disse isso em entrevista ao jornal O Ceará, em 1926. Ele transforma o cangaço-vingança em um meio de vida”, explica.
 
Pouca gente sabe, diz o historiador, mas o sertão Pernambucano do período Lampiônico vai de 1922 a 1938, quando temos mais de 40 bandos de cangaceiros em atuação. Lampião era um forte, quase imbatível, mas começa a esmorecer em 1927, quando concorda com um ataque à cidade de Mossoró (RN) e o seus planos dão errado. “Quando se está ganhando, todos estão ao seu lado; quando você perde, as pessoas começam a ter medo de se associar a você”, comenta André. “O cangaço é um empreendimento que gera lucro não só pro cangaceiro, mas para o coiteiro. E Lampião sem o coiteiro não é nada”.
 
Mas em se tratando da morte de Lampião, é importante pensar porque ele começa a ser vencido. Para André Carneiro, o líder cangaceiro é golpeado pelo tempo, por seu aburguesamento, por sua vaidade, e pelo progresso. “Um homem de 22 anos lá no início do cangaço, já estava próximo aos 40 anos em 1938. Ele já não tem a mesma vitalidade. A entrada de mulheres muda muito a rotina, porque o bando perde a sua virulência, Lampião se aburguesa, passa mais tempo parado. E quando o progresso vai se aproximando, ele vai se enterrando cada vez mais em um sertão inóspito, que é onde o cangaço ainda funcionava”.
 
A vaidade também foi uma forma de morte para ele, que permite ser registrado pelo fotógrafo Benjamim Abrahão. “E se você observar o ano, estamos vivendo a ditadura no Brasil. Seria inadmissível para o governo Vargas permitir um ‘rei cangaceiro’ que não fosse combatido. Isso foi fatal. Segundo rumores, um tenente que era amigo de Lampião recebeu um aperto do governo do Estado: ou o matava ou perderia a carreira”, conta André.
 
A morte de Lampião
 
André Carneiro, em “Capitães do Fim do Mundo”, registra que a história oficial conta que Lampião foi morto por uma volante de “caráter duvidoso”, por um oficial que não tinha histórico de combate no cangaço. “Ele foi morto onde até uma criança poderia acertá-lo, em Angico”, diz.
 
Há também quem acredite que Lampião foi morto por envenenamento. “Oras, um homem que passou 16 anos no cangaço comandando diversos bandos, e em nenhum combate perdeu mais de seis homens. Chegou a enfrentar tropas com mais de 290 homens, em Serra Grande, com 100 cangaceiros à disposição. E como é que você explica que em uma manhã ele perder mais de 10 homens?”, argumenta.
 
A teoria é que policiais de Alagoas teriam conseguido envenenar a refeição – algo extremamente repudiado na luta entre policiais e cangaceiros, pela covardia. “Existe um código de honra entre esses homens. Envenenar um manancial de água, como aconteceu em outras situações da história, não acontecia aqui. O policial não fazia isso, nem os cangaceiros. E vários policiais de Pernambuco morreram defendendo isso”.
 
A morte de Lampião é cercada de mistérios porque o discurso que se sobressai é de quem o matou. Essa interrogação, a história não vai conseguir responder. Aliás, mistérios não faltam acerca desse personagem. O discurso que ele entrou no cangaço para vingar a morte dos pais é, dizem alguns historiadores, “totalmente falacioso”: a família responsável por essas brigas, os Saturninos, ficou vivendo em uma tapera em Serra Talhada por toda a vida.
 
Fonte – Folha de Pernambuco

 

 

Na disputa interna pelo controle do MDB pernambucano, o grupo do vice-governador e presidente estadual do MDB, Raul Henry, e do deputado federal, Jarbas Vasconcelos (MDB), teve uma importante vitória, ontem (30), contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB). A vantagem ocorreu depois da presidente do Superior Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, deixar a decisão final sobre o comando da legenda para o ministro-relator do caso, Ricardo Lewandowski, que retorna do recesso hoje. Com o processo nas mãos de Lewandowski, a tendência deve ser pela manutenção da sigla junto aos emedebistas do palanque governista da Frente Popular, que tentará reeleger o governador Paulo Câmara (PSB).

 

Bezerra está alinhado ao diretório nacional do MDB, presidido pelo deputado federal Romero Jucá (RR), que mantém a pré-candidatura do ex-ministro Henrique Meirelles (MDB) à presidência da República. O advogado de Bezerra, Valber Agra, ainda trabalha para reaver o comando estadual da legenda para seu cliente e levar o partido para o palanque oposicionista da coligação “Pernambuco Vai Mudar”, que pretende eleger o senador Armando Monteiro Neto (PTB) governador do Estado. “Conversei com Fernando Bezerra e ele está animado”, revelou.

O jurídico de Bezerra conta com a possibilidade de que uma retomada do partido pode acontecer mesmo depois da realização da convenção estadual. Segundo Agra, ele espera que a Justiça entenda que o diretório nacional tem mais prerrogativas do que o diretório estadual para decidir o imbróglio político. “Não podemos ficar sem uma decisão”, disse Agra. O advogado aguarda o posicionamento de Lewandowski para serem dados os próximos passos. “Não queremos ter que anular a convenção”, avisou.

 

Em caso de uma decisão desfavorável, Bezerra reuniria condições jurídicas para realizar uma nova convenção partidária até 5 de agosto – data-limite para realização das convenções. O Procurador Geral do Ministério Público de Contas de Pernambuco, Cristiano Pimentel, analisou o contexto deste caso. “O STF tem tradição de ser cauteloso com as matérias decididas no plantão, de 2 a 31 de julho. Caso seja possível aguardar o fim das férias no STF, sem um prejuízo irreparável às partes, fica para o próprio relator decidir“, observou.

Da Folha PE

 

 

Criminosos explodiram três agências bancárias na madrugada desta terça-feira (31) no Agreste de Pernambuco. Os crimes ocorreram em Santa Cruz do Capibaribe e São Bento do Una.

De acordo com as primeiras informações vários elementos em três veículos sendo uma picape Strada de cor branca explodiram as agências bancárias do Banco do Brasil e Bradesco, na cidade de São Bento do Una, durante a ação dos criminosos agência do Bradesco ficou totalmente destruída após a fuga dos elementos eles fizeram três pessoas de reféns em uma residência dos adultos e uma criança.

Ainda de acordo com as primeiras informações durante o confronto com a polícia um elemento foi morto e outro ferido e preso, também durante a ação um vigia de rua ficou ferido com tiro de raspão e foi socorrido.

Já pela manhã os reféns foram liberados, ainda durante a ação dos criminosos uma viatura do Bope ficou muito metralhada de balas, ainda durante a ação dos criminosos eles atearam fogo tem dois veículos em frente à destacamento da PM da cidade

Várias equipes do Bepi e da PM estão realizando buscas no intuito de localizar e prender os criminosos

 

Fonte: Blog do Edney /Foto:Divulgação

 

 

 

BUÍQUE – PAULO CÂMARA VISITA ABATEDOURO MUNICIPAL

 

 

 
O governador Paulo Câmara visitou, na sexta-feira (27.07), o Abatedouro Municipal de Buíque. O equipamento busca garantir mais saúde à população através do cumprimento das normas padrões de abate e do combate ao abate clandestino. Além do município de Buíque a estrutura poderá também atender a cidade de Tupanatinga.
 
“Tivemos a oportunidade de estar em Buíque e vistoriar obras que o Governo de Pernambuco fez na cidade. É sempre bom vir aos municípios, conversar e ver que estamos ajudando a melhorar a qualidade de vida do povo”, destacou o governador Paulo Câmara.
 
Com um investimento de R$ 1,3 milhão, através de convênio entre o Governo do Estado, pela Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária (SARA), e a Prefeitura de Buíque, o prédio tem capacidade de abate para 20 bovinos por dia, além de caprinos e suínos em igual número. O funcionamento acontecerá de acordo com a demanda, podendo funcionar até 5 dias da semana. 
“O abatedouro vai beneficiar não só Buíque, mas outras cidades do entorno porque é um equipamento moderno, que traz saúde pública. Vai ajudar muitos criadores de animais da região uma vez que terão um equipamento adequado, do ponto de vista sanitário, e que, pelo posicionamento na região, ficará mais próximo para acontecer o abate e dentro das condições adequadas para a saúde pública de todos”, assegurou o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista. 
 
Com uma área construída de 25 mil metros quadrados, o abatedouro realizará abates humanizados, promovidos através da pistola pneumática. A estrutura conta com curral, pocilga, aprisco, galpão principal (local de abate) de 150 metros quadrados, vestiário para os funcionários, área administrativa, reservatório de água, casa da caldeira e sistema final de esgoto com lagoa de estabilização. 
 
Maciel Gomes, que irá trabalhar no novo equipamento, falou sobre a melhoria que o abatedouro trará. “A gente estava sem boas condições de trabalhar, pois tínhamos que ir para outra cidade utilizar um espaço que não tinha os equipamentos que a gente precisava. Agora será diferente: a estrutura desse abatedouro é muito boa e completa”. 
Estiveram presentes Marco Antônio Dourado (Deputado Estadual), Gustavo Negromonte (Secretário Executivo da Casa Civil), Antônio Figueira (Chefe da Assessoria Especial) e Arquimedes Valença (Prefeito de Buíque).
 
Da ASCOM
 

 

 

Resultado de imagem para tem vaga

 

 

Os cursos são gratuitos ofertados nas modalidades a distância e semipresencial e não necessitam de processo seletivo
 
A Secretaria Executiva de Educação Profissional do Estado de Pernambuco está ofertando vagas em Cursos Técnicos de Nível Médio, nas modalidades à distância e semipresencial, em todo o estado.
 
Para o Polo de Educação à distância de Afogados da Ingazeira, estão disponíveis 670 vagas entre cursos na modalidade a distância e semipresencial, distribuídas entre os Cursos Técnicos em: Biblioteca, Multimeios Didáticos, Secretaria Escolar, Logística, Recursos Humanos, Administração, Informática, Design de Interiores e Segurança do Trabalho. Com oferta de vagas também para o profuncionário, exclusivo para servidores estaduais e/ou municipais.
 
As inscrições estão abertas no período 30/07/2018 a 08/08/2018 e devem ser realizadas exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico http://sisacad.educacao.pe.gov.br/sissel/, no mesmo endereço é possível o acesso ao edital para obter mais informações acerca dos certames. As inscrições, bem como, os cursos são gratuitos e a novidade para esse certame é a inexistência de processo seletivo, o aluno não precisará fazer provas.
 
É necessário atentar no ato da inscrição para a confirmação via e-mail após o cadastro no site pois após a inscrição o aluno receberá um email contendo o endereço eletrônico para a realização da pré-matrícula, onde terá que anexar a documentação necessária para matrícula. As matrículas serão efetivadas obedecendo as seguintes etapas: Participação do candidato pré-matriculado nas atividades das duas primeiras semanas do curso escolhido e a validação da documentação por parte da equipe de tutores do Polo presencial.
 
Para esse certame os cursos se dividem em duas modalidades, a distância e semipresencial, na modalidade a distância não há encontros semanais no Polo, exigindo apenas a realização de provas presenciais de acordo com o calendário do curso, já na modalidade semipresencia exige-se a frequência semanal ao Polo, escolhido no ato da inscrição, no dia da semana indicado para cada curso, conforme informado no edital.
 
Para aqueles que possuírem dificuldades no ato da inscrição, a Equipe do Polo de Afogados da Ingazeira, localizado na Escola de Referência Ensino Médio Monsenhor Antonio de Padua Santos, estará disponível em atendê-los de segunda a sexta-feira no período da noite. Em caso de dúvidas o telefone disponível é o (87) 99618-9513.
 
Para inscrever-se no processo seletivo o candidato deverá ter concluído o Ensino Médio ou estar cursando o 2º ou 3º ano do ensino médio, em qualquer uma de suas formas (Regular, Integral, Semi-integral, EJA-médio ou Travessia).
 
 
 

 

“Pernambuco Vai Mudar” oficializa vice de Armando até dia da convenção

 

Está confirmada para este sábado, dia 4 de agosto, a partir das 9h, no Classic Hall, em Olinda, a convenção da frente das oposições “Pernambuco Vai Mudar”. O evento oficializa as candidaturas do senador Armando Monteiro (PTB) a governador e dos deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM) para o Senado nas eleições do dia 7 de outubro. A vaga de vice na coligação deverá ser anunciada até o sábado.

Em torno de Armando, Bruno e Mendonça estão alinhados até o momento 12 partidos: além de PTB, PSDB e DEM, integram a aliança das oposições PSC, PPS, PRB, Podemos, PV, PSL, PRTB, PHS e PSDC.

“Fui convocado pela frente de partidos para liderar um novo tempo em Pernambuco, que resgate a esperança da nossa população e o protagonismo que o nosso Estado sempre teve”, afirmou Armando. “Ouvindo os pernambucanos de todas as regiões, estamos construindo um projeto que gere mais ofertas de empregos, cuide das pessoas, ofereça melhores dos serviços públicos na saúde, segurança pública, educação.”

Cinco ex-governadores estão apoiando a frente liderada por Armando: além de Mendonça, Roberto Magalhães (DEM), Gustavo Krause (DEM), Joaquim Francisco (PSDB) e João Lyra Neto (PSDB). Também reforça a aliança, desde o primeiro momento, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), bem como deputados federais e estaduais e prefeitos das principais cidades de Pernambuco, como Jaboatão dos Guararapes, Caruaru, Petrolina, Salgueiro, Garanhuns, Camaragibe, Ipojuca, Igarassu, Santa Cruz do Capibaribe, São Lourenço da Mata e Araripina, entre outras.

Além da chapa majoritária, serão oficializados como candidatos os postulantes à Assembleia Legislativa e à Câmara Federal, segundo nota.

 

 

 

 

PM detalha assalto à Lotérica de Afogados da Ingazeira

 

 

 

 

Em Afogados da Ingazeira, o policiamento estava em ponto base (P.B) na rua Barão de Lucena, quando foram solicitados pela equipe da Guarda Civil municipal (GCM) informando que havia acabado de ocorrer um assalto na Casa Lotérica “ A Grande Jogada”, localizada na Avenida Manoel Borba, no centro da cidade.

 

Prontamente a equipe fez deslocamento até o local e verificou a veracidade do fato. A equipe teve acesso a filmagem e observou que antes do cometimento do roubo, havia um indivíduo em atitudes suspeitas, em frente a citada lotérica. As vítimas informaram ao efetivo que por volta das 16h13min chegou uma motocicleta marca Suzuki, cor azul, modelo YES 125cc, com dois indivíduos usando capacete. O garupa desceu da moto e entrou no estabelecimento, sem tirar o capacete da cabeça e dirigiu-se até o caixa, levantou a camisa e mostrou o cabo de uma arma de fogo.

 

Após ameaça, a operadora de caixa, M.R.S., de 23 anos, colocou o dinheiro dentro de uma sacola plástica e entregou ao indivíduo uma quantia  de R$ 1.613,07 (um mil seiscentos e treze reais e sete centavos). O indivíduo evadiu-se do local, levando a quantia roubada e tomando destino ignorado. Foram feitas rondas no intuito de localizar o imputado, porém sem êxito. A ocorrência foi repassada à DPC local, onde será instaurado Inquérito Policial, a fim de investigar o caso.

 

 

Morreu no final da tarde desta segunda feira, no Hospital Correia Picanço em Recife, o jovem Carnaibano Aldson Nunes Santana, aos 39 anos 
Aldson é filho do comerciante Aldo Santana da rede de Lojas Aldo Eletromóveis e de Roseane Siqueira e residia no Bairro de Carnaíba Velha, em Carnaíba.

No sábado, Aldson teve uma virose acompanhada de uma pneumonia e foi levado ao Hospital Municipal Dr. José de Souza Dantas Filho, em Carnaíba, de onde posteriormente foi encaminhado com urgência para o Recife onde veio a óbito.

Ainda não há informações sobre o horário previsto do corpo à Carnaiba e nem horário de sepultamento. Carnaíba chora a perda de Aldson, conhecido pela sua gentileza, caráter, comportamento disciplinar

Por Cauê

 

 

 

O advogado criminalista JETHRO SILVA JÚNIOR ingressou ontem com NOTÍCIA CRIME contra o ‘cantor’ Johnny Hooker.
 
Em requerimento protocolado na Chefia da Polícia Civil de Pernambuco o advogado afirma que foi ofendido em sua religiosidade com a manifestação do cantor, que chamou Jesus de ‘bicha’ e ‘travesti’.
 
Segundo ainda o advogado SILVA JÚNIOR, o cantor, cujo nome verdadeiro é John Donovan Maia, infringiu o art 20 da Lei nº 7.716/89, estando sujeito a uma pena de até 5 anos de reclusão.

 

 

Depois de análise, os animais devem passar por uma reintegração / Foto: Divulgação/Polícia Militar

Durante fiscalização, 259 aves silvestres foram apreendidas na feira livre de Afogados da Ingazeira, neste final de semana. A ação foi realizada pela Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente (Cipoma), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH).

Parte dos animais estava na feira e outra parte foi encontrada na casa de dois homens, que foram encaminhados à delegacia de Afogados da Ingazeira e tiveram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) lavrado.

Após a apreensão, as aves foram entregue à CPRH e recolhidos ao Centro de Triagem. Depois de análise, os animais devem passar por uma reintegração.

 

 

 

 

Fiscalização Preventiva Integrada inicia ações de proteção ambiental no Sertão do Pajeú

 

Resultado de imagem para apreensao de aves pelo ibama e prf

Começaram neste último final de semana, no Sertão do Pajeú, as atividades de campo da etapa pernambucana da Fiscalização Preventiva Integrada da Bacia Hidrográfica do São Francisco (FPI Pernambuco). Composta por mais de 200 integrantes de 21 órgãos públicos e entidades não-governamentais, a iniciativa será realizada até o dia 10 de agosto nas cidades de Afogados da Ingazeira, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Tuparetama e Tabira. O encontro foi aberto neste domingo (29), com uma reunião entre os órgãos participantes.

 

As atividades de campo serão desempenhadas por sete equipes temáticas (Gestão e Educação Ambiental; Fauna; Flora; Comunidades Tradicionais; Agrotóxicos; Saneamento e Recursos Hídricos; e Abate) compostas por integrantes dos vários órgãos públicos e não-governamentais que integram a iniciativa.

 

Segundo a procuradora da República, Lívia Tinôco, a FPI Pernambuco completa a implantação do projeto nos cinco principais estados que compõem a bacia do Rio São Francisco, já que a iniciativa teve início na Bahia e vem sendo realizada também nos estados de Alagoas, Sergipe e Minas Gerais. “Sempre foi nosso sonho ter tantos órgãos públicos atuando em defesa da preservação da bacia do São Francisco. Com o início dos trabalhos em Pernambuco, esperamos deixar aqui o mesmo dos demais estados, que é o relacionamento entre as equipes dos diversos órgãos que estão atuando juntos. O que antes demandava um mês para se resolver através de um ofício vocês, daqui para a frente, vão poder fazer em cinco minutos, com uma ligação, porque vocês já se conhecem”, ressaltou.

 

Audiência pública – Ao final da operação, em 10 de agosto, será realizada audiência pública para apresentar os resultados da Fiscalização Preventiva Integrada para os gestores municipais, representantes da sociedade civil e organizações sociais da região do Pajeú.

 

Instituições parceiras e equipes – As instituições articuladas na Fiscalização Preventiva Integrada em Pernambuco, sob a coordenação do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Defesa do Meio Ambiente do MPPE, são Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro); ONG Animalia; Agência Nacional de Mineração (ANM); Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac); Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa); CemaFauna Caatinga/Univasf; Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF); Agência de Bacia Peixe Vivo; Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH); Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA); Fundação Nacional de Saúde (Funasa); Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe); Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama); Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra); Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan); Ministério Público Federal (MPF) e Estadual (MPPE); Polícia Militar de Pernambuco (PMPE / 23º BPM e Cipoma); Polícia Rodoviária Federal (PRF); Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas); e Secretaria Estadual de Saúde (SES).

 

Golpe no WhatsApp promete 20GB de internet, mas instala vírus

 

Resultado de imagem para golpe no whatsapp

Você já recebeu alguma mensagem oferecendo internet de graça no WhatsApp? Pois é bom ter cuidado, já que esse é o mais novo golpe que criminosos estão tramando no aplicativo de mensagens.

Essa nova modalidade de crime tenta infectar os celulares com vírus e foi descoberta por estudiosos de segurança da PSafe. A intenção é enganar os usuários através de uma oferta irrecusável: um pacote de até 20GB de internet de graça que pode ser usado em 60 dias e isso é para qualquer operadora.

Para ter acesso a suposta “promoção”, o usuário tem que clicar em um link que o leva para um site onde a vítima receberia a oferta. No site, segundo o Olhar Digital, três perguntas são feitas: “quantos dias de internet o usuário quer”, ” a quantidade de internet” e “o tipo de rede que o usuário quer ativar”. Após responder as questões, a vítima precisa ainda compartilhar a mensagem com três amigos ou grupos no WhatsApp para poder receber o suposto benefício.

Metade dos professores no país não recomenda a própria profissão

 

Resultado de imagem para professores em sala de aula

No Brasil, metade dos docentes não recomendaria a um jovem se tornar educador por considerar a profissão desvalorizada, revela a pesquisa Profissão Docente, iniciativa da organização Todos Pela Educação e do Itaú Social.

De acordo com o levantamento feito pelo Ibope Inteligência em parceria com a rede Conhecimento Social, a maioria (78%) dos professores disse que escolheu a carreira principalmente por aspectos ligados à afinidade com a profissão. Entretanto,  33% dizem estar totalmente insatisfeitos com a atividade docente e apenas 21% estão totalmente satisfeitos.

Durante a pesquisa, foram entrevistados 2.160 profissionais da educação básica em redes públicas municipais e estaduais e da rede privada de todo o país, sobre temas como formação, trabalho e valorização da carreira. A amostra respeitou a proporção de docentes em cada rede, etapa de ensino e região do país, segundo dados do Censo Escolar da Educação Básica (MEC/Inep).

 

Operação: Mercado do Peixe é interditado por falta de condições sanitárias em Afogados

 

Local funciona na área do Mercado Público

O promotor e coordenador da Fiscalização Preventiva Integrada no Pajeú, André Fellipe Menezes, acabou de confirmar ao Debate das Dez do Programa Manhã Total que o Mercado do Peixe, que funciona do Mercado Público Municipal, foi interditado por não atender minimamente as condições sanitárias. Mercado do Peixe interditado…

 

 

“Encontramos gatos, condições sanitárias insustentáveis”, afirmou, dizendo que A vigilância Sanitária do Município também foi notificada. Há grande expectativa de que ação similar também seja adotada em relação aos açougues, cujas informações indicam condições sanitárias insatisfatórias.

Ele também prometeu ação específica de combate ao desmatamento ilegal de madeira na região, sem atender a legislação. “Infelizmente não é um crime fácil de fiscalizar, porque o transporte é feito de madrugada”. Mas garantiu fiscalização intensa e punição, quando necessário.

 

Composta por mais de 200 integrantes de 21 órgãos públicos e entidades não-governamentais, a iniciativa será realizada até o dia 10 de agosto nas cidades de Afogados da Ingazeira, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Tuparetama e Tabira.

 

As atividades de campo serão desempenhadas por sete equipes temáticas (Gestão e Educação Ambiental; Fauna; Flora; Comunidades Tradicionais; Agrotóxicos; Saneamento e Recursos Hídricos; e Abate) compostas por integrantes dos vários órgãos públicos e não-governamentais que integram a iniciativa.

Via Nill Jr.

 

 

 

Na ocasião, serão oficializadas as candidaturas de Júlio Lóssio para o Governo do Estado e de Antônio Souza e Pastor Jairinho para as vagas no Senado

Assessoria de imprensa / Foto: divulgação

O diretório estadual da Rede Sustentabilidade realiza, na próxima sexta-feira, a partir das 19h, sua convenção. O evento acontecerá no Salão Limoeiro do Recife Praia Hotel, na Avenida Boa Viagem, nº 09, Pina.

Na ocasião, serão oficializadas as candidaturas de Júlio Lóssio para o Governo do Estado e de Antônio Souza e Pastor Jairinho para as vagas no Senado.
Lóssio é ex-prefeito de Petrolina e criador do movimento “Pernambuco Pode Mais”, que tem como foco a cidadania (saúde, educação, segurança, cultura, esporte e lazer), infraestrutura, mobilidade, desenvolvimento econômico com foco nas pessoas e governança.

A Rede fará, no dia seguinte, sua convenção nacional para oficializar a candidatura da ex-senadora Marina Silva à Presidência da República.

 

Polícia prende acusado de roubos no Sertão da Bahia

 

 

 
Neste último domingo (29), Policiais Militares da 25ª CIPM e Policiais Civis lotados na cidade de Remanso, no Sertão da Bahia, cumpriram Mandado de Busca e Apreensão expedido pelo Juiz de Direito daquela comarca, contra a residência de Fabrício Paes Landim dos Santos, acusado de roubo. 
 
Durante a ação, o policiamento apreendeu Aparelhos Celulares, Televisão e Notebook, que foram identificados pelas vitimas e pelas respectivas notas fiscais, como produtos roubados das vítimas e da Fabrica de Requeijão, ocorrido dias atras, no qual um idoso, deficiente físico, foi covardemente espancado, e encontra-se hospitalizado. 
 

Também foram encontrados na posse do acusado, uma motosserra, bomba de sucção, ferramentas e diversos outros objetos, provenientes dos furtos ocorridos nas lojas Juruá e Construmais. Munições de calibre 38, espingarda de fabricação caseira, mascaras e objetos utilizados nos assaltos e arrombamentos.
 
Fabrício, foi encaminhado para a Delegacia de Policia Civil local, ficando à disposição da autoridade policial daquela DPC.

 

 

 

Elementos assaltaram a Casa Lóterica que fica  situada na Avenida Manoel Borba em Afogados da Ingazeira, nesta tarde de segunda-feira (30), por volta da 16hs, A ação foi rápida, informações que entrou um homem no estabelicemento com capacete na cabeça sacou uma arma e anuciou o assalto a um dos caixas, relatos das pessoas estavam presentes que os clientes uma boa parte saíram correndo no momento do assalto, não foi informado a quantia roubada.

 

 

Segundo informações levatadas pelo blog, participaram do roubo a Lotérica dois bandidos o outro ficou em uma moto dando cobertura por traz do estabelecimento, a quantia levada não foi divulgada.

As polícias Civil e Militar estão em diligências. Até o momento, ninguém foi preso.

 

 

 

 

Resultado de imagem para charge presidenciaveis

 

 
Maratona de entrevistas e debates dos candidatos à presidência da República começa nesta segunda-feira (30). De acordo com levantamento feito pelo Antagonista, a GloboNews já inicia hoje a entrevista com o candidato Ciro Gomes (PDT). 
 
Além das TVs, há também as datas nas rádios, jornais e portais. Confira:
 

30/7 a 3/8 – Globonews – Entrevistas – 22h30
9/8 – Band – Debate – 22h15
15/8 – Registro das candidaturas no TSE – até 19h
17/8 – RedeTV! – Debate – 22h
27/8 – Jovem Pan – Debate – 19h
27 a 31/8 – Jornal Nacional – Entrevistas
31/8 – Começa o horário eleitoral gratuito em rádio e TV
9/9 – TV Gazeta/Estadão – Debate – 19h30
17 a 21/9 – Jornal da Globo – Entrevistas
19/9 – Veja – Debate – 9h
20/9 – TV Aparecida – Debate – 10h
26/9 – SBT – Debate – 18h20
30/9 – Record – Debate – 22h
4/10 – Globo – Debate – 21h30; Fim do horário eleitoral gratuito em rádio e TV
7/10 – Primeiro turno das eleições
11 ou 12/10 – Band – Debate – 22h15
12/10 – Volta do horário eleitoral gratuito
14/10 – TV Gazeta/Estadão – Debate – 19h30
15/10 – RedeTV! – Debate – 22h
17/10 – SBT – Debate – 18h20
21/10 – Record – Debate – 22h
25 ou 26/10 – Globo – Debate – 21h30
28/10 – Segundo turno das eleições

 

Resultado de imagem para prf

Foi publicada, nesta sexta-feira (27), no Diário Oficial da União (DOU) a portaria que autoriza o concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF). O certame é considerado um dos mais esperados para 2018. Ao todo, serão oferecidas 500 vagas de nível superior. O edital deve ser publicado em até 180 dias.

Conforme o DOU, a remuneração inicial chega a R$ 10.357,88, somando os auxílios alimentação e saúde.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato precisa ter entre 18 e 65 anos, ensino superior completo em qualquer área e carteira de habilitação.

Ainda não há confirmação, mas banca organizadora deve ser o Cebraspe. O último concurso da PRF foi realizado no ano de 2013.

 

 

 

 

RECIFE – A Executiva Nacional do PRP retirou a pré-candidatura do coronel Luiz Meira ao governo de Pernambuco nas eleições 2018, deixando o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) sem palanque no Estado. Meira tinha como proposta para a educação e a segurança pública a militarização das escolas em áreas consideradas de risco. A decisão da cúpula do partido foi informada ao diretório estadual por meio de nota assinada pelo presidente Ovasco Resende e divulgada na sexta-feira, 27.

 

De acordo com o texto, a legenda vai focar na formação de uma bancada federal “suficiente para superar a cláusula de desempenho”. Atualmente, a sigla tem apenas o deputado Nivaldo de Albuquerque, de Alagoas, na Câmara.

 

Segundo a emenda constitucional 97/17, a cláusula de desempenho para acesso ao fundo partidário e ao tempo no rádio e TV no horário eleitoral será progressiva. A partir de 2019, só terão acesso a esses benefícios os partidos que conseguirem, nas eleições deste ano, pelo menos 1,5% dos votos para a Câmara (nove deputados), distribuídos em nove estados e com mínimo de 1% dos votos em cada um deles. Esses percentuais sobem gradativamente até 2031.

 

“Uma candidatura majoritária própria para o cargo de governador não viabilizaria a obtenção de votos capazes de conduzir o partido à superação da cláusula de desempenho. O coronel Meira não contou com adesão de outros partidos o que seria muito importante para o cumprimento da meta eleitoral”, afirmou Resende na nota.

O fraco desempenho do militar nas pesquisas também pesou na decisão dos dirigentes nacionais do PRP. Em levantamentos registrados no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, Meira aparece oscilando com 1% e 2% da preferência dos eleitores. Para a cúpula do partido, “os números se mostraram insuficientes, além disso o custo da campanha inviabilizaria a meta partidária de aplicar recursos nas candidaturas dos deputados federais”. Procurado pela reportagem, o coronel Meira não foi localizado.

Agência Estadão/Foto: Reprodução

 

 

 

 

PSL, PHS, PV e PRTB definem apoio a Armando Monteiro, do PTB, em Pernambuco

 

Apoio ao senador, pré-candidato ao governo estadual, foi divulgado em convenção realizada em hotel na Zona Sul do Recife neste sábado (28).

G1 PE / Foto: Foto: Antonio Coelho/TV Globo

urante convenção realizada neste sábado (28), o Partido Social Liberal (PSL), o Partido Humanista da Solidariedade (PHS), o Partido Verde (PV) e o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) divulgaram apoio ao senador Armando Monteiro (PTB), pré-candidato ao governo de Pernambuco nas eleições 2018. O evento ocorreu em um hotel no bairro do Pina, na Zona Sul do Recife. (Veja vídeo acima)

A decisão de não ter candidato próprio ao governo estadual e da escolha do nome a ser apoiado foi tomada após várias discussões entre os quatro partidos, segundo o presidente da coligação, Ednázio Silva (PRTB). “Vimos que Armando é o melhor caminho porque representa renovação para o estado. Com ele, Pernambuco tem mais oportunidade de crescer nas questões de mobilidade, educação e saúde”, diz.

Sem citar os nomes que discordaram, a princípio, da escolha, Ednázio Silva explica que o apoio ao pré-candidato do PTB ao governo de Pernambuco foi aceito pelo PSL, PHS, PV e PRTB, que defendem a saída do Partido Socialista Brasileiro (PSB) da gestão do estado.

“Chegamos aos ‘finalmentes’ com todos concordando. Os partidos que estão aqui reunidos estão em busca de renovação. É hora de mudança, de dar oportunidade aos novos [políticos] e ao povo”, afirma.

Na convenção, o PSL, o PHS, o PV e o PRTB lançaram 74 candidatos a deputado estadual em Pernambuco e 38 para deputado federal. O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) esteve presente e manifestou apoio aos candidatos a deputados estaduais e federais.

Na ocasião, os quatro partidos garantiram, ainda, apoio aos pré-candidatos ao Senado Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB), que também participaram da convenção

 

 

 

Paulo Câmara recebe apoio de três importantes grupos políticos de Pesqueira

 

Foto: Douglas Fagner

Pré-candidato à reeleição, o governador Paulo Câmara (PSB) recebeu o apoio de três importantes grupos políticos do município de Pesqueira, no Agreste, neste sábado (28). Ao visitar a cidade, Paulo Câmara foi recebido pela prefeita Maria José (PRP), pelo ex-candidato a prefeito nas últimas eleições, Evando Júnior (PROS), e por Dr. Vanbrugh Sá (PROS), pré-candidato a deputado estadual.

 

A prefeita Maria José, acompanhada do esposo, o deputado estadual João Eudes (PP), ofereceu um almoço ao governador e agradeceu a atenção com Pesqueira. Após almoçar com Maria José, Paulo Câmara fez uma visita a Dr. Vanbrugh, que foi vice-prefeito de Pesqueira e é filiado ao PROS.  O encontro reuniu lideranças de cidades vizinhas, como os ex-prefeitos de Belo Jardim, João Mendonça, e de Poção, Padre Cazuza, além dos deputados estaduais Laura Gomes e Nilton Mota. “A gente tem que pensar em política de forma coletiva e com responsabilidade”, destacou Vanbrugh.

 

Outra liderança do PROS na cidade, o ex-candidato a prefeito Evando Júnior, recepcionou o governador Paulo Câmara juntamente com o deputado Waldemar Borges (PSB) e os vereadores Paulo Campos, Naldo Paz e Bal de Mimoso.

Paulo Câmara agradeceu aos apoios políticos de Pesqueira e reafirmou seu compromisso com o desenvolvimento do município. “Pesqueira tem uma contribuição importante na região e faz política com gente muito séria. A gente tem satisfação de ter o apoio de muitas frentes políticas e a gente vai dar atenção a Pesqueira como faz com outros municípios”, pontuou o líder socialista

 

 

 

 

Fundo Eleitoral bilionário vai bancar até suplente de senador

 

A criação do Fundo Eleitoral para financiamento de campanhas está influenciando a composição das chapas de candidatos ao Senado. As vagas de suplentes de senadores, geralmente destinadas a parentes ou a endinheirados, agora entraram nas negociações de alianças.

“Se antes o suplente precisava de recurso próprio para ajudar a eleger o senador, agora o partido pode alocar dinheiro do fundo na campanha”, observa o cientista político Antônio Queiroz. Na atual legislatura, 41 suplentes assumiram mandatos de titulares, mais da metade da Casa.

Cada senador tem direito a dois suplentes, que não recebem o voto direto do eleitor, mas ganham o mesmo direito do titular se efetivados.

Candidato ao Senado, o ex-governador Marconi Perillo (PSDB-GO) diz que vai negociar as vagas de suplente com os partidos de sua aliança. O mesmo fará o senador Eunício Oliveira (MDB-CE), candidato à reeleição. Em 2010, as vagas dele foram dadas ao PR e PRB. As informações são da Coluna do Estadão.

 

Resultado de imagem para charge campanha eleitoral

 

 

 

 

 

 

 

Dois irmãos perdem a vida em acidente de moto no centro de Sertânia

 

Policiais da ROCAM de Sertânia foram informados por populares sobre um acidente de trânsito envolvendo uma motocicleta Yamaha, que teria colidido com uma parede no centro da cidade, tendo o condutor José Davi Pereira da Silva, de 16 anos, ajudante de mecânico e seu irmão, o carona, Jefferson Aparecido Pereira da Silva, de 17, caídos por terem perdido o controle do referido veículo.

O proprietário da moto, residente da Vila do Ferro Velho, de 46 anos de idade, que não teve a identidade revelada, informou ao policiamento que as vítimas chegaram a pé, pegaram a moto sem sua autorização e saíram em alta velocidade e que só soube do acidente por populares.

As vítimas foram socorridas para o Hospital de Sertânia, sendo que José Davi faleceu logo após dar entrada naquela unidade de saúde, enquanto que Jefferson Aparecido faleceu antes mesmo de chegar ao hospital.

A motocicleta havia sido retirada do local do acidente pelo proprietário, antes de qualquer perícia. O mesmo foi procurado pelo policiamento, sendo apresentado à Delegacia de Polícia de Sertânia para as medidas cabíveis. Com informações do Blog Tribuna do Moxotó.

 

 

 

 

Político que divulgar ‘Fake News’ pode ter mandato cassado

 

Jefferson Rudy/Agência Senado

O secretário-geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Carlos Frazão, afirmou que a lei brasileira permite a cassação de mandato ou se for comprovado envolvimento do político na disseminação de informações falsas, as chamadas ‘Fake News’. Ele participou de seminário organizado em junho pela Câmara dos Deputados para discutir boas práticas e condutas de agentes públicos em ano eleitoral.

“A partir do momento que se descubra que o político contratou serviço de produção industrial de notícias fraudulentas, uso de boots, para divulgar esses conteúdos, ele pode ser punido. Se ficar devidamente comprovado, nos autos, a existência disso, é possível utilizar a Lei Complementar 64/90 e proceder à cassação de seu mandato. E aí consequentemente, nos termos da legislação, far-se-ão novas eleições”, explicou.

Carlos Frazão informou que o TSE vai fazer o controle de conteúdo de informações falsas, como já vem fazendo com as notícias reconhecidamente inverídicas. Nesse sentido, ele citou a recente decisão do ministro do TSE Sérgio Banhos que determinou a retirada do ar de notícias apontadas como falsas sobre a presidenciável Marina Silva, da Rede.

Cautela

Sobre condutas vedadas a agentes públicos, Rafael do Valle, que dirige o Departamento Eleitoral da Advocacia-Geral da União (AGU), lembrou de dúvida de uma funcionária sobre o uso da máquina pública para campanha.

“Em uma palestra, ela levantou a mão e falou: ‘OK, entendi que a gente não pode usar, por exemplo, um computador dentro da repartição para divulgar e fazer campanha de um candidato. Mas eu posso utilizar a rede wifi do celular do ministério para fazer campanha’”, relatou Valle o questionamento da servidora. “Em resposta, dei uma risada e falei que recomendo o uso do 3G porque a gente tem de ser bastante cauteloso, temos de ter em mente que não podemos utilizar a máquina pública em nenhuma das esferas”, acrescentou ele.

Opiniões

Já Humberto de Medeiros, vice-procurador-geral Eleitoral do Ministério Público Federal, destacou que os candidatos têm o direito de expor suas opiniões durante o período pré-eleitoral.

“É possível a propagação de atos parlamentares e debates legislativos desde que não se faça a pedido de votos, assim como também é possível a divulgação de posicionamento pessoal sobre questões políticas, inclusive nas redes sociais”, informou.

O TSE firmou em junho um acordo com o Facebook e o Google contra a disseminação de notícias falsas nas próximas eleições. No documento, as empresas se comprometem a combater a desinformação gerada por terceiros. Com informações da Agência Câmara Notícias.

 

Jovem é encontrado morto com as mãos amarradas e marcas de tiros em Petrolina

 

 

 

O corpo de um jovem de 25 anos foi localizado na tarde deste sábado (28) em uma estrada de chão entre os bairros Nova Petrolina e o Parque das Emas em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. 
 
Segundo informações da Polícia Civil ao G1 Petrolina, Wellington Rocha foi encontrado sem vida, por volta das 14h, com as mãos amarradas com um material conhecido como “enforca gato” e tinha perfurações de arma de fogo.
 
 
 
 

Nordeste tem a mais alta taxa de mortes por armas de fogo do país

 

 
Cano curto e procedência nacional. De acordo com a pesquisa “De onde vêm às armas do crime apreendidas no Nordeste”, produzida pelo Instituto Sou da Paz, essas duas características estão presentes na esmagadora maioria das armas de fogo rastreadas pelos estados da região – pelo menos aqueles que disponibilizaram os dados detalhados aos responsáveis pelo estudo.
 
Os apontamentos da pesquisa ajudam a explicar por que a situação da segurança pública nos estados nordestinos se tornou tão crítica. No período entre 2005 e 2015, a quantidade de mortes por agressão com armas de fogo quase dobrou: de 9,2 mil a 18,2 mil casos. Hoje, o Nordeste responde por 44% do total de crimes do gênero no país, ainda que a população da região corresponda a apenas 28% da nacional. É a taxa regional mais alta de agressões por armas de fogo no Brasil – 32,2 casos por 100 mil habitantes, 57% acima da média nacional de 20,5%.
 

 

Grande parte desses casos, segundo o estudo, envolve vítimas com perfil semelhante. Em geral são homens (92%), negros (pretos e pardos, 70%), que possuem entre 15 e 29 anos (52%) e são mortos com disparo de armas de fogo (72%). Apesar dos esforços de alguns dos estados da região – sobretudo os que colaboraram com a pesquisa, rastreando e categorizando detalhadamente as apreensões –, essas estatísticas evidenciam que o planejamento do combate à violência no país poderia ser melhor planejado, coordenado e executado. O que se torna uma tarefa bem mais complicada sem informação.
 
Prioridade?
 
Aos estados que optam por não levantar dados detalhados sobre a circulação interna de armas de fogo, no entanto, resta apenas procurar soluções às cegas. É essa a opinião de Bruno Langeani, gerente de Justiça e Segurança do Instituto Sou da Paz, responsável por coordenar a pesquisa. Ele lamentou bastante o fato de estados como Pernambuco, Bahia e Sergipe terem decidido não colaborar enviando informações durante a produção do estudo. “Não é possível que um secretário de Segurança não fique constrangido ao ver uma pesquisa sobre o perfil de armas no Nordeste e seu estado não tendo nenhum dado para divulgar”, afirma.
 
Bruno avalia que existem duas hipóteses a respeito dessa negligência. E a mais otimista, segundo ele, é considerar que esses estados possuem as informações, mas preferiram não torná-las públicas. “Se esses estados não estiverem trabalhando esses dados, estão fazendo política de segurança no escuro. E aí, fazendo política de segurança sem diagnóstico, a chance de dar certo é muito baixa. Nos preocupa muito que, de nove estados, três não conseguiram fornecer nenhum dado, e alguns outros não conseguiram fornecer dados completos”, pontua.
 
Outro ponto a lamentar a respeito dessa falta de detalhamento sobre o perfil das armas apreendidas em alguns estados, segundo Bruno, é que isso serve de alimento para a desinformação. “Faz com que a indústria consiga disseminar esses boatos de que o problema da arma do crime é a que vem de fora. E aí, quando a gente analisa esses dados, o problema dessa epidemia de homicídios no Brasil e no Nordeste são as armas nacionais. Essa informação é decisiva para que a gente consiga dar conta de enfrentar isso da maneira adequada”, explica.
 
Projeções… ou memórias?
 
Enquanto o cenário da violência armada se agrava no Brasil, se fortalece no Congresso nacional o lobby pela liberação das armas de fogo, através da revogação do Estatuto do Desarmamento em vigor em 2003. “A gente tem uma série de parlamentares que comprovadamente receberam recursos da indústria (armamentista) para se eleger, e por conta disso, fazem um lobby pesado para tomar medidas que aumentem o lucro dessa indústria”, observa o porta-voz do Instituto Sou da Paz.
 
Ao invés de projetar as consequências de eventuais medidas no sentido de flexibilizar as regras para o porte de arma, Bruno prefere evocar lembranças de um passado não muito distante. “O Brasil já teve esse cenário. Se a gente for olhar antes de 2003, a gente tinha essa possibilidade do porte civil. As pessoas podiam comprar armas com muito mais facilidade, sem esses requisitos que hoje são exigidos, como teste psicológico, atestado de antecedentes criminais. Esse foi o período em que mais se comprou arma no país, e ao invés das pessoas se sentirem mais seguras, foi o período em que a taxa de homicídios mais cresceu”, recorda.
 
Transversalidade
 
A principal conclusão do estudo sobre as armas no Nordeste brasileiro vai justamente na contramão desse debate sobre a ideia de armar a população. Segundo o relatório do Instituto Sou da Paz, o caminho mais eficaz para reduzir a violência armada é apostar em ações integradas e transversais. Mais trabalho de inteligência e investigação, e menos exposição de policiais a operações arriscadas. Mais controle sobre os arsenais do Exército, e menos brechas nas leis que dispõem sobre aquisição de armas. Tudo isso em ações pensadas e coordenadas não para dar resultados imediatos, mas para resolver a questão no médio ou longo prazo.
 
Essa também é a visão de Edna Jatobá, coordenadora executiva do Gabinete de Assessoria Jurídica Organizações Populares (Gajop) e especialista em segurança pública. Ela sabe, no entanto, que praticamente nenhum governo está disposto a esperar um período de tempo maior do que seu mandato para receber os louros por suas políticas de combate à violência armada. “O trabalho transversal dá resultado a partir de um investimento contínuo e permanente. Então, não são resultados que você vai colher em um ou dois anos. Eles querem resultados que se deem imediatamente, para que eles possam colher os frutos ainda na sua gestão, e não deixar para ser colhida pelos seus sucessores”, considera. (Via Op9)

Mega-Sena: Ninguém acerta, e prêmio acumula a R$ 6 milhões

 

 

A Caixa Econômica Federal realizou neste sábado (28) o concurso 2.063 da Mega-Sena. Os números sorteados foram: 06 – 10 – 19 – 24 – 25 – 29.
 
Ninguém acertou as seis dezenas, e o prêmio acumulado para o próximo sorteio está estimado em R$ 6 milhões. A Quina teve 94 apostas ganhadoras, e cada vencedor receberá R$ 16.561,93. Outras 5.511 pessoas acertaram a Quadra, com prêmio de R$ 403,56 para cada.
 
 
 

Bolsonaro chega a 8,5 milhões de seguidores e lidera nas redes

https://cultura.estadao.com.br/blogs/direto-da-fonte/wp-content/uploads/sites/290/2018/02/Bolsonaro-participa-de-460x307.jpg

Jair Bolsonaro, segundo a Arko Advice, chegou sexta-feira a 8,5 milhões de fãs e seguidores nos seus perfis oficiais nas redes sociais (Facebook, Twitter, YouTube e Instagram). Esse total equivale à soma dos seguidores de Marina (4,3 milhões) e Lula (4,2 mi).

Alckmin, por sua vez, tem 2 milhões e é o quarto colocado. Álvaro Dias, João Amoêdo e Manuela D’Ávila têm entre 1,5 milhão e 1,2 milhão.  Na lanterninha desse grupo vem Ciro Gomes, com 607 mil.

Justiça determina que Wesley Safadão pague R$ 38 mil de pensão

 

Aconteceu nesta sexta-feira (27), uma audiência na 12ª Vara de Família do Fórum Clóvis Beviláqua em Fortaleza para tratar da pensão de Yhudy Lima filho de Wesley Safadão e Mileide Mihaile. O juiz decidiu que o cantor deverá pagar 40 salários mínimos de pensão alimentícia para o seu filho. Com isso, Mileide, que é representante legal de Yhudy, vai receber mais de R$ 38 mil por mês. Antes da audiência, Safadão pagava oficialmente cerca de R$ 9 mil.

Segundo o Diário do Nordeste, a justiça determinou que Wesley deverá pagar, anualmente, uma viagem internacional para o Yhudy e sua mãe, na primeira classe, que inclui babá e dez salários mínimos para as despesas.

A justiça ainda permitiu que o cantor pague a mensalidade e a matrícula do colégio de Yhudy e desconte do valor da pensão. O cantor também pagará, sem descontar do valor da pensão, o plano de saúde e o imposto de renda do filho. A Justiça determinou ainda que a atual esposa de Wesley Safadão, Thyane Dantas, não pode mais buscar a criança na escola.

Ao final da audiência já na tarde desta sexta, apenas Mileide falou com a imprensa, agradeceu aos fãs presentes no local e disse que a decisão foi favorável ao filho de 7 anos. Já Safadão saiu pela porta dos fundos e sem falar com a imprensa ou atender aos fãs e curiosos que estavam no local.

 

 

 

 

 
A PSafe – empresa de segurança especializada em aplicativos da categoria ferramentas – identificou um novo golpe que está circulando pelo WhatsApp, aplicativo de mensagens instantâneas e chamadas de voz, está oferecendo até 20 GB de internet grátis por até 60 dias para os usuários de qualquer operadora de telefonia móvel.
 

 

Segundo a PSafe, a fraude tem conseguido a marca de mais de 45 acessos por minuto, se espalhando rapidamente pelo aplicativo.
 
“Que usuário não gostaria de receber gratuitamente 20 GB de internet por dois meses? No entanto, é justamente por ser uma promoção muito atrativa que as pessoas devem desconfiar”, alerta o especialista da PSafe, Emilio Simoni.
 
O golpe
 
Ao clicar no link que é compartilhado na plataforma, o usuário é redirecionado para uma página na qual ele é informado que foi selecionado para ganhar a bonificação até 20 GB de internet e apresenta, ainda, um número fictício de quantidade de pacotes grátis que estão disponíveis para habilitação.
 
Nesta página, o usuário é orientado a responder três perguntas. Independentemente das respostas que são dadas, a pessoa é informada que, para ativar o pacote gratuito, ela deverá compartilhar a mensagem com três amigos e em grupos de WhatsApp.
 
Após o compartilhamento, a suposta oferta de internet móvel ficaria disponível em até cinco minutos para o usuário, mas, ao invés disso, aparece uma página no smartphone que alerta a vítima  sobre o download de aplicativos que são identificados como maliciosos. (Via: Jc Online)
 

 

 

Palácio já traça como será a chapa majoritária de Paulo Câmara sem a presença do PT

Paulo Veras – JC Online / Foto: Guga Matos/JC Imagem

Em meio ao emperrado imbróglio nacional entre PSB e PT, aliados do governador Paulo Câmara (PSB) já admitem, em reserva, não acreditar em uma coligação entre os dois partidos em Pernambuco. Em busca de tirar da disputa a incomoda candidatura da vereadora do Recife Marília Arraes (PT), Paulo ainda briga dentro do PSB nacional para evitar que sigla feche uma aliança com o ex-governador do Ceará Ciro Gomes (PDT), tentando favorecer o PT na corrida presidencial.

Na última semana, o governador disse que tem que trabalhar com o que tem de certo: uma aliança com vários partidos. Na ocasião, Paulo disse que o PT ainda não era uma certeza. “Pelo contrário, tem ainda um conjunto de indefinições quanto a isso”, afirmou. O socialista também subiu o tom ao afirmar que uma coligação em Pernambuco dependeria do PT. “Nós já deixamos muito claro que nós vamos apoiar a candidatura do presidente Lula”, argumentou na ocasião.

 

Com a convenção nacional do PSB adiada para 5 de agosto, último dia para a realização das convenções, aliados do governador admitem que a definição sobre uma composição entre as duas siglas deve ocorrer nos estertores do prazo. “Será aos 47 minutos do segundo tempo”, afirmou um governista. “A definição só sairá ao meio-dia do dia 5”, apostou um palaciano.

Hoje, a chapa do governador tem confirmada apenas a presença do deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB), que disputará o Senado. Se o PT estiver com Paulo, a segunda vaga de senador será oferecida para que Humberto Costa (PT) tente a reeleição.

Sem o PT, o governo cogita três nomes para compor a majoritária. Presidente nacional do PCdoB, a deputada federal Luciana Santos é a mais cotada para a vice. Além da proximidade entre os dois partidos, a presença de Luciana serviria de contraponto à candidatura de Marília.

O nome mais cotado para o Senado é o do ex-prefeito de Caruaru José Queiroz (PDT). O deputado federal Sebastião Oliveira, presidente estadual do PR, também busca a vice.

Imagem de Eduardo

Em Barreiros, onde realizou um ato de pré-campanha que reuniu cerca de mil pessoas, segundo o PSB, o governador Paulo Câmara voltou a colar a sua imagem à do ex-governador Eduardo Campos, padrinho político falecido em 2014. O movimento também busca neutralizar Marília, que se beneficia do sobrenome Arraes.

“Continuo leal àquela pessoa que me deu oportunidade, que me ensinou, que é o ex-governador Eduardo Campos”, afirmou Paulo à militância. Ao lado dele, João Campos, pré-candidato a deputado federal, disse que o pai fez a melhor escolha para sucedê-lo no governo. “Ele sempre pensou em quem seria o melhor nome pra tomar conta de Pernambuco e não tenho dúvida que ele acertou”, disse o jovem.

 

Resultado de imagem para candidato

 

 

 

Candidatos e eleitores devem respeitar regras estabelecidas pela Justiça Eleitoral a partir do próximo dia 16, data em que estará liberada a propaganda eleitoral, conforme resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Caso contrário, estarão sujeitos a multas e até a cassação do mandato, no caso dos eleitos.

Em 7 de outubro, brasileiros vão às urnas escolher candidatos a presidente e vice-presidente da República, governador e vice-governador, senador, deputado federal e deputado estadual ou distrital. Onde houver segundo turno, a campanha nas ruas vai até 27 de outubro, na véspera da votação (28, domingo).

Veja abaixo um resumo do que podem e não podem fazer candidatos e eleitores durante a campanha eleitoral deste ano:

 

O que pode o candidato

Resultado de imagem para candidato

 

  • Distribuir folhetos, adesivos e impressos, independentemente de autorização, sempre sob responsabilidade do partido, da coligação ou do candidato (o material gráfico deve conter CNPJ ou CPF do responsável pela confecção, quem a contratou e a tiragem);
  • Colar propaganda eleitoral no para-brisa traseiro do carro em adesivo microperfurado; em outras posições do veículo também é permitido usar adesivos, desde que não ultrapassem meio metro quadrado;
  •  
  • Usar bandeiras móveis em vias públicas, desde que não atrapalhem o trânsito de pessoas e veículos;
  • Usar em carreatas, caminhadas e passeatas ou durante reuniões e comícios alto-falantes, amplificadores, carros de som e minitrios entre 8h e 22h, desde que estejam a, no mínimo, 200 metros de distância de repartições públicas, hospitais, escolas, bibliotecas, igrejas e teatros.
  •  
  • Realizar comícios entre 8h e 24h, inclusive com uso de trios elétricos em local fixo, que poderão tocar somente jingle de campanha e emitir discursos políticos;
  • Fixar propaganda em papel ou adesivo com tamanho de até meio metro quadrado em bens particulares, desde que com autorização espontânea e gratuita do proprietário;
  • Pagar por até 10 anúncios em jornal ou revista, em tamanho limitado e em datas diversas, desde que informe, na própria publicidade, o valor pago pela inserção;
  • Arrecadar recursos para a campanha por meio de financiamento coletivo (crowdfunding ou vaquinha virtual)
  •  
  • Fazer propaganda na internet, desde que gratuita e publicada em site oficial do candidato, do partido ou da coligação hospedados no Brasil ou em blogs e redes sociais;
  • Promover o impulsionamento de conteúdo na internet (post pago em redes sociais), desde que identificado como tal e contratado exclusivamente por partidos políticos, coligações e candidatos e seus representantes, devendo conter o CNPJ ou CPF do responsável e a expressão “Propaganda Eleitoral”;
  •  
  • Fazer propaganda em blogs, redes sociais e sites de mensagens instantâneas com conteúdo produzido ou editado por candidato, partido ou coligação;
  • Usar ferramentas para garantir posições de destaque nas páginas de respostas dos grandes buscadores;
  • Enviar mensagens eletrônicas, desde que disponibilizem opção para descadastramento do destinatário, que deverá ser feito em até 48 horas.

 

O que não pode o candidato

Resultado de imagem para candidato

 

  1. Fixar propaganda em bens públicos, postes, placas de trânsito, outdoors, viadutos, passarelas, pontes, paradas de ônibus, árvores, inclusive com pichação, tinta, placas, faixas, cavaletes e bonecos;
  2. Fazer propaganda em bens particulares por meio de inscrição ou pintura em fachadas, muros ou paredes;
  3. Jogar ou autorizar o derrame de propaganda no local de votação ou nas vias próximas, mesmo na véspera da eleição;
  4. Fazer showmício com apresentação de artistas, mesmo sem remuneração. Cantores, atores ou apresentadores que forem candidatos não poderão fazer campanha em suas atrações;
  5. Fazer propaganda ou pedir votos por meio de telemarketing;
  6. Confeccionar, utilizar e distribuir camisetas, chaveiros, bonés,canetas, brindes, cestas básicas, bens ou materiais que proporcionem vantagem ao eleitor;
  7. Pagar por propaganda na internet, exceto o impulsionamento de publicações em redes sociais;
  8. Publicar propaganda na internet em sites de empresas ou outras pessoas jurídicas, bem como de órgãos públicos;
  9. Fazer propaganda na internet, atribuindo indevidamente sua autoria a outra pessoa, candidato, partido ou coligação;
  10. Usar dispositivos ou programas como robôs, conhecidos por distorcer a repercussão de conteúdo;
  11. Usar recurso de impulsionamento somente com a finalidade de promoção ou benefício dos próprios candidatos ou suas agremiações e para denegrir a imagem de outros candidatos;
  12. Fazer propaganda eleitoral em sites oficiais ou hospedados por órgãos da administração pública (da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios);
  13. Agredir e atacar a honra de candidatos na internet e nas redes sociais, bem como divulgar fatos sabidamente inverídicos sobre adversários;
  14. Ao fazer divulgação do financiamento coletivo (crowdfunding ou vaquinha virtual) para arrecadação de recursos de campanha, os candidatos estão proibidos de pedir votos;
  15. Veicular propaganda no rádio ou na TV paga e fora do horário gratuito, bem como usar a propaganda para promover marca ou produto;
  16. Degradar ou ridicularizar candidatos, usar montagens, trucagens, computação gráfica, desenhos animados e efeitos especiais no rádio e na TV;
  17. Fazer propaganda de guerra, violência, subversão do regime, com preconceitos de raça ou classe, que instigue a desobediência à lei ou que desrespeite símbolos nacionais.
  18. Usar símbolos, frases ou imagens associadas ou semelhantes às empregadas por órgão de governo, empresa pública ou estatal;
  19. Inutilizar, alterar ou perturbar qualquer forma de propaganda devidamente realizada ou impedir propaganda devidamente realizada por outro candidato.

 

O que pode o eleitor

Resultado de imagem para eleitor

  1. Participar livremente da campanha eleitoral, respeitando as regras sobre propaganda nas ruas e na internet aplicadas aos candidatos;
  2. Apoiar candidato com gastos de até R$ 1.064,10, com emissão de comprovante da despesa em nome do eleitor (bens e serviços entregues caracterizam doação, limitada a 10% da renda no ano anterior);
  3. Fazer doações acima de R$ 1.064,10 apenas mediante transferência eletrônica (TED) da conta bancária do doador direto para a conta bancária do candidato beneficiado;
  4. Fazer doações para candidatos por meio de sites habilitados pela Justiça Eleitoral para realizar financiamento coletivo (crowdfunding ou vaquinha virtual);
  5. Ceder uso de bens móveis ou imóveis de sua propriedade, com valor estimado de até R$ 40 mil;
  6. Prestar serviços gratuitamente para a campanha;
  7. No dia da votação, é permitida só manifestação individual e silenciosa da preferência pelo partido ou candidato, com uso somente de bandeiras, broches, dísticos e adesivos;
  8. Manifestar pensamento, mas sem anonimato, inclusive na internet.

 

 

O que não pode o eleitor

Resultado de imagem para eleitor

 

 

  1. Trocar voto por dinheiro, material de construção, cestas básicas, atendimento médico, cirurgia, emprego ou qualquer outro favor ou bem;
  2. Cobrar pela fixação de propaganda em seus bens móveis ou imóveis;
  3. Dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou outra pessoa, dinheiro, dádiva ou qualquer vantagem, para obter ou dar voto, conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita;
  4. Fazer doação para campanha com moedas virtuais;
  5. Se servidor público, trabalhar na campanha eleitoral durante o horário de expediente;
  6. Inutilizar, alterar, impedir ou perturbar meio lícito de propaganda eleitoral;
  7. Degradar ou ridicularizar candidato por qualquer meio, ofendendo sua honra.

Fazer boca de urna no dia da eleição, ou seja, divulgar propaganda de partidos ou candidatos

 

 

 

 

 

Partido se reuniu neste sábado (28), em Brasília, para confirmar aliança com o PSDB. Geraldo Alckmin prestigiou o evento do PTB ao lado da esposa, Lu Alckmin

G1 / Foto: reprodução

O PTB oficializou neste sábado (28) o apoio do partido à pré-candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República. A sinalização de apoio já havia sido anunciadapela Executiva Nacional do PTB, mas precisava ser submetida à convenção nacional da sigla, realizada neste sábado em um hotel de Brasília.

Além do apoio formal do PTB, a pré-candidatura de Alckmin conta com a sinalização de apoio dos partidos que integram o chamado “Centrão” (PP, DEM, PR, PRB e SD), além de PSD e PPS. Na manhã deste sábado, o SD oficializou a aliança com o candidato tucano.

 

Assediado por outros candidatos à Presidência, o “Centrão” anunciou na última quinta-feira (26) que estará ao lado de Alckmin na corrida pelo Palácio do Planalto.

Alckmin chegou à convenção por volta das 9h30, acompanhado pela esposa, Lu Alckmin. Ele foi recepcionado por militantes do PTB, pelo presidente da legenda, Roberto Jefferson, pela deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ), filha de Jefferson, e por outros políticos petebistas.

‘Moisés no deserto’

Condenado e preso por envolvimento no mensalão do PT, Roberto Jefferson criticou, em seu discurso na convenção do PTB, os governos de Lula e Dilma Rousseff. Segundo ele, os dois petistas “demoliram” os fundamentos que estabilizaram a economia.

 

O presidente do PTB também afirmou que é preciso apoiar um candidato que defenda, entre outros pontos, a redução de impostos e o combate aos privilégios.

“Precisamos apoiar alguém que defenda menos impostos, menos gastos públicos, gestão eficiente, combata privilégios, respeite municípios e, sobretudo, foque na geração de emprego e renda e melhore a educação”, declarou o petebista.

Jefferson disse ainda que Alckmin não é “um ídolo de pés de barro”, “showman” ou “principiante”. Para ele, Alckmin, se eleito, terá condições de guiar o país “como Moisés no deserto”.

“É Geraldo Alckmin este homem preparado, trabalhador, vocacionado para vida política e para servir a sociedade, e não para se servir da sociedade, que o PTB vê como líder capaz de tal, como Moisés no deserto, a nos guiar para terra prometida”, discursou.

Jefferson ‘não pediu nada’

 

Ao discursar após a oficialização do apoio do PTB, Geraldo Alckmin agradeceu ao presidente da legenda, Roberto Jefferson, e disse que o dirigente petebista não pediu “absolutamente nada” em troca da aliança com o PSDB.

“O Roberto, desde a primeira vez em que eu liguei para ele para agradecer por uma declaração no jornal, há meses atrás, em que dizia que eu era o mais preparado, até hoje ele não pediu nada, absolutamente nada. O nosso compromisso é com o nosso Brasil, nós nos conhecemos há 30 anos”, contou o tucano.

Alckmin disse ainda que as pessoas que veem alianças “com olhar mesquinho” estão “enganadas”.

“Precisamos do PTB. […] Estamos unidos para servir ao Brasil, o Brasil precisa dessa união”, ponderou Alckmin.

 

Vice de Alckmin

Roberto Jefferson foi questionado por repórteres sobre quem deveria, na avaliação dele, ser o candidato a vice-presidente na chapa de Alckmin. O dirigente do PTB defendeu a indicação de uma mulher para a vaga.

“Penso que será uma mulher. Defendo que seja uma mulher, estou na torcida. Porque agrega uma mulher ao comando de uma chapa presidencial poderosa”, disse Roberto Jefferson.

Alckmin, entretanto, se limitou a dizer que a definição de seu vice na chapa da eleição presidencial ocorrerá no próximo sábado (4).

 

 
Organizado pelo Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo (Ibade), o concurso público para policiais militares do Rio Grande do Norte está com inscrições abertas. 
 
Com taxa de R$ 100 e inscrição pelo site ou aplicativo do Ibade, os cadastros seguem até dia 13 de agosto de 2018.
 
Os candidatos que se inscreverem para o certame, cuja prova está prevista para 23 de setembro, irão disputar por 938 vagas para o sexo masculino e 62 vagas para o sexo feminino, ambas de nível superior e faixa etária entre 21 e 30 anos, para compor o quadro de Praças da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte.
 
O Ministério Público da (MPPB) recomendou que a Prefeitura de Patos promova a inserção de 22 cargos no concurso público a ser realizado este ano ou que promova a demissão das pessoas que estão ocupando essas funções atualmente.
 
 A prefeitura divulgou o edital da seleção no último dia 15, com 298 vagas. 
 
A recomendação foi expedida na última quarta-feira (25), com prazo de 48 horas para as providências por parte do Município. O início das inscrições para o concurso está programado para a próxima segunda-feira (30). 
 
O promotor de Justiça, Alberto Vinícius Cartaxo, justificou a recomendação explicando que a prefeitura não inseriu os diversos cargos no concurso público, cujo edital foi recentemente lançado, mas possui contratados por excepcional interesse público para tais funções. 
 
A recomendação foi expedida após análise do edital do concurso, quando o membro do Ministério Público avaliou se as vagas anunciadas resolveriam a situação de centenas de contratos temporários que existem no Município e que foram alvos de procedimentos do MPPB.
 
 O concurso será realizado após um acordo celebrado em audiência de conciliação, decorrente da ação judicial ajuizada pelo Ministério Público.
 
Foi recomendado, ainda, que a prefeitura cumpra as normas relativas a situações em que é legalmente possível a contratação por excepcional interesse público, abstendo-se de contratar nos casos em que a ausência de servidor é previsível ou decorrente de ato da própria administração.

Os cargos são os seguintes:   

 
1. AUXILIAR DE COZINHA;
2. BIOMÉDICO;
3. CARDIOLOGISTA;
4. COZINHEIRA;
5. DIGITADOR;
6. FONOAUDIÓLOGO;
7. INSPETOR DE ÔNIBUS;
8. INSPETOR ESCOLAR;
9. MÃE CUIDADORA;
10.MAQUEIRO;
11.REUMATOLOGISTA;
12.MONITOR;
13.PROFESSOR DE DISCIPLINAS ESPECIAIS;
14.PSICOPEDAGOGO;
15. SUPERVISOR;
16. TEC AUX EM REGULAÇÃO MÉDICA
17. TEC EM LABORATÓRIO;
18. TEC AGRÍCOLA;
19. TEC EM MANUTENÇÃO DE EQUIP HOSPITALARES;
20. TEC EM SAÚDE BUCAL;
21. TELEFONISTA;
22.VISITADOR;

 

 

 

 
A Polícia da Nicarágua informou nesta última sexta-feira (27) que prendeu Piersen Guiérrez Solis, de 42 anos, suspeito de ter assassinado a estudante pernambucana Raynéia Gabrielle Lima. Segundo nota divulgada pela corporação, Solis tinha uma carabina M4, a mesma arma de guerra que teria sido disparada na segunda-feira (23) à noite contra a jovem pernambucana, de 31 anos. Em comunicado anterior, a polícia havia dito que o crime teria sido cometido por um guarda de segurança privado, mas não fez relação com o atual suspeito.
 

 

No entanto, a versão da polícia é contestada pelo reitor da Universidade Americana de Manágua (UAM), Ernesto Medina, onde ela cursava o sexto ano de medicina. Segundo Medina, as autoridades nicaraguenses estão encobrindo um crime cometido por paramilitares, simpatizantes do governo do presidente Daniel Ortega.
 
A morte de Raynéia ocorre em meio à maior onda de violência no país, desde o fim da guerra civil, em 1990. Segundo a Associação Nicaraguense pelos Direitos Humanos, 448 pessoas morreram em 100 dias de protestos contra o governo. A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), que tem equipes no país investigando as denúncias, acusou a polícia e grupos paramilitares de usarem força letal para reprimir os manifestantes – muitos deles jovens estudantes que ocuparam universidades e ergueram barricadas. “Atiram para matar”, disse o secretário-executivo da CIDH, entidade ligada a Organização dos Estados Americanos (OEA).
 
Segundo Medina, Raynéia estava voltando para casa com o namorado, em carros separados, no bairro de Lomas de Monserrat – onde vivem altos funcionários do governo. “Apareceram três homens encapuzados, com fuzis de guerra, que fizeram sinal de alto. Ela continuou dirigindo e atiraram nela”, contou o reitor. O namorado, que vinha atrás, saiu do veículo dele com as mãos levantadas e levou Raynéia até o Hospital Militar. “Por coincidência, estavam de plantão três estudantes de medicina da nossa universidade, companheiros de Raynéia”, disse Medina. “Ela lutou horas para viver, mas não sobreviveu ao disparo, feito com uma arma de alto calibre”, disse Medina.
 
Raynéia morreu um dia depois de o presidente Daniel Ortega conceder uma entrevista exclusiva à cadeia de televisão norte-americana Fox News, afirmando que concluirá seu terceiro mandato consecutivo em 2021 e que não tem ligações com grupos paramilitares, responsabilizados por centenas de mortes.
 
No mesmo dia em que Raynéia foi assassinada, policiais e paramilitares entraram na cidade de Jinotega – a 242 quilômetros da capital, Managua – e mataram três pessoas.
 
 
Onda de violência: Os protestos na Nicarágua começaram em meados de abril, contra uma reforma da previdência – revogada posteriormente. Diante da brutal repressão aos manifestantes, os protestos continuaram, desta vez para pedir que as mortes fossem investigadas por organismos de direitos humanos internacionais.
 
 

Atendimento do Cadastro Único será retomado em fase de teste em Araripina

 

O processo acontecerá entre os dias 30/07/2018 (segunda-feira) e 02/08/2018 (quinta-feira)

Assessoria de imprensa / Foto: reprodução

A Prefeitura de Araripina por meio da Secretaria de Desenvolvimento Social informa que o atendimento do Cadastro Único será retomado em fase de teste entre os dias 30/07/2018 (segunda-feira) e 02/08/2018 (quinta-feira). Não será realizado agendamento nesse período. Serão 110 atendimentos por dia e por ordem de chegada na sede de atendimento localizada a Rua Francisco Ramos Nogueira, 199, centro.

  • CRAS do Cavalete– 12 atendimentos por dia e por ordem de chegada.
  • CRAS do Alto da Boa Vista– 12 atendimentos por dia e por ordem de chegada.
  • CRAS do Morais– 12 atendimentos por dia e por ordem de chegada.
  • Unidade de Atendimento – Nascente– 12 atendimentos por dia e por ordem de chegada.
  • Unidade de Atendimento – Lagoa do Barro– 12 atendimentos por dia e por ordem de chegada.

Após essa semana testes caso o sistema permaneça estável, será regularizado o atendimento.

Informações: (87) 9.8163-6334

Atenciosamente,

Secretaria de Desenvolvimento Social – Gestão Municipal do Cadastro Único e Programa Bolsa Família.

 

 

 

Bruno Araújo é oficializado como pré-candidato ao Senado na chapa das oposições

Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Na sede do PSDB em Recife, o deputado federal Bruno Araújo (PSDB) foi anunciado de forma oficial neste sábado (28) como pré-candidato ao Senado na chapa encabeçada pelo senador Armando Monteiro (PTB).

O tucano se junta ao deputado federal Mendonça Filho (DEM), o outro pré-candidato à Casa Alta na frente de oposição ao governador Paulo Câmara (PSB). O nome do vice na chapa não foi anunciado.

 

 

 

 

 

 

Marília Arraes tem os publicitários Edson Barbosa e Zé Nivaldo na campanha

 

https://www.folhape.com.br/obj/41/285848,930,80,0,0,930,520,0,0,0,0.jpg

Zé Nivaldo e Edson Barbosa, publicitários famosos, foram vistos almoçando, na tarde desta sexta-feira (27), no restaurante Leite, centro do Recife. Vem parceria de peso por aí para a campanha de Marília Arraes.

 

Edson, para quem não sabe, assinou a campanhas de Eduardo Campos, em 2006 e 2010. Já José Nivaldo foi responsável pela vitória de Carlos Wilson e João Paulo e ficou conhecido por ter criado o personagem Mané Chinês, vivido pelo ator Walmir Chagas. A dupla promete sacudir o cenário político.

 

 

Bando armado explode, assalta agência bancária em Manaíra, região de Princesa Isabel

 

 

Um bando, fortemente armado, invadiu a cidade de Manaíra, localizada na região de Princesa Isabel, e explodiu os caixas eletrônicos e cofre da agência do Banco do Bradesco, localizada na Praça Félix da Silva Cabral, no centro da cidade.

 

A ação teve início, por volta de 1h da madrugada, deste sábado (28) e deixou a população ‘aterrorizada’, em função das fortes explosões. 

De acordo com informações, ainda preliminares, o bando entrou na cidade, usando uma caminhonete, dirigiu-se até a agência e praticou a ação.

 

Os criminosos atiraram para cima para intimidar os moradores e os policiais, enquanto praticavam o assalto. Eles estouraram caixas automáticos e paredes para alcançar o cofre da agência.

 

Segundo informações de populares, que ainda chegaram a ver movimentações, haviam motos espalhadas pelas ruas no entorno da agência, dando apoio à parte da quadrilha, que se encontrava dentro da agência, recolhendo o dinheiro.

Logo após praticar o assalto, a quadrilha fugiu da cidade, efetuando diversos disparos para o alto.

A quantidade de dinheiro levado pelo bando não foi possível ainda informar. Mas, em função do pagamento do funcionalismo da prefeitura que seria efetuado a partir deste sábado, é possível que o valor roubado pelo bando seja alto. (Vale do Piancó Notícias )

 

 

 

 

Homem cheio da cachaça leva polícia a sua residência local de suposto desmache de veículos em Texeira-PB 

 

 

 

Um homem foi preso na manhã desta quarta-feira, (25), na cidade de Teixeira e no local onde ele mora, a suspeita é de que funcione um possível ponto de desmanche de veículo.
 
Segundo informações da Polícia Militar, uma guarnição comandada pelo Sargento Anchieta estava fazendo rondas na cidade, quando se deparou com o suspeito com fortes sintomas de embriaguez.
 
O suspeito estava com uma faca e disse aos policiais que morava na zona rural e toda a sua documentação estava na residência.
 
Ao chegarem na casa do homem, os policiais encontraram duas espingardas calibre doze, além de vários documentos de veículos.
 
No quintal da residência, a polícia também encontrou placas de moto e peças de veículos, o que leva a crer que o local seja usado como ponto de desmanche de veículos.

O suspeito foi levado para a Delegacia. A Polícia Civil foi acionada e vai apurar o caso.

Fonte – Maispatos.com
 

 

 

 

Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

Em agenda com o governador Paulo Câmara (PSB) em Barreiros, na Zona da Mata Sul do Estado, o pré-candidato a deputado federal João Campos (PSB), filho do ex-governador Eduardo Campos, voltou a defender o socialista e lembrou-se da escolha do pai para sucedê-lo no comando do governo estadual. “Ele sempre pensou em quem seria o melhor nome pra tomar conta de Pernambuco e não tenho dúvida que ele acertou”, disse o ex-chefe do gabinete do governador.

João Campos voltou a elogiar o governador. “O senhor quando sai de casa deixa seus interesses de lado e coloca o do povo acima de tudo”, afirmou. Os dois estavam acompanhados do prefeito da cidade, Elimário Farias (PDT), do vice-prefeito Thomáz Baleia, da deputada estadual Simone Santana (PSB) e do ex-prefeito João Baleia.

 “Nós temos que ser leais e eu continuo leal àquela pessoa que me deu oportunidade, que me ensinou, que é o ex-governador Eduardo Campos. Vamos vencer porque vamos dar um não a essa forma como o Brasil vem sendo governado por esse presidente que não olha para os Estados do Nordeste, por aqueles que são mais pobres”, afirmou o governador.

Em meio à ameaça do PDT de romper com Paulo e rumar para o projeto da vereadora Marília Arraes (PT), pré-candidato ao governo, o prefeito pedetista Elimário ressaltou as ações do governador na cidade. Ele citou a realização de um convênio para construção de uma praça, além de investimentos na área de saúde e segurança. O desempenho da gestão também foi destacado por João Baleia e Simone Santana. Vereadores de Barreiros e São José da Coroa Grande também participaram do ato, realizado no Clube Caiadores.

 

 

 

 

 
O pré-candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, afirmou nesta sexta-feira que o PT “faz o país dançar à beira do abismo” ao insistir na candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Por ter sido condenado em segunda instância pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, o petista preenche os requisitos para ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa.
 
“O PT está fazendo uma estratégia que faz o país dançar à beira do abismo. Qual a lógica? Se o senso comum, e até que está muito fortemente dentro do PT, é que Lula não pode ser candidato por uma lei que o próprio Lula criou, a da Ficha Limpa, o que está em marcha no Brasil é uma fraude na escolha da liderança do país”, criticou, em entrevista à rádio BandNews.
 

 

Ciro negou que tenha buscado flertar com o eleitorado petista ao dar a polêmica declaração de que Lula só teria “chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder”, no último dia 16 a uma TV do Maranhão. Justificou-se afirmando que quis dizer o “óbvio”, de que o Brasil vive um estado de anarquia.
 
“Quem acompanhou esse último domingo de solta Lula, volta Lula, tira Lula, volta Lula, cinco decisões estapafúrdias sobre a mesma norma, mesma lei, mesmo caso, não pode duvidar de que estamos em um estado de anarquia”, disse. “É completamente surreal, e o que gera no coração do povo brasileiro: insegurança, um sentimento de desproteção”, acrescentou.
 
O pedista aproveitou a oportunidade para defender a Operação Lava Jato e explicar que, mesmo que quisesse, não teria “faculdade” para soltar o ex-presidente. Ao mesmo tempo que disse considerar a prisão do ex-presidente “injusta”, o pedetista esclareceu que não é por isso que está “bajulando o eleitorado petista”.
 
Ciro já havia se justificado pela declaração polêmica da soltura de Lula nesta quinta-feira, após a convenção do PDT no estado de São Paulo, na capital paulista. Na ocasião, ele disse que não havia defendido a liberdade de Lula, especificamente, mas “a regularidade do império da lei”.
 
“O que disse é simples: a liberdade de Lula só será restaurada com a restauração do Estado de direito democrático, que hoje nós perdemos na esteira de um golpe”, havia dito a jornalistas. “Esses jornalões acham que vão me intrigar porque uma parte grande do baronato que eles frenquetam é hostil ao Lula. E eu sou antagônico ao Lula também”.
 
Na entrevista desta sexta-feira, Ciro aproveitou para explicar um pouco de seu conteúdo programático nas áreas política e econômica. Defendeu a realização de um plebiscito, ou de um referendo, para a reforma da Previdência, a taxação de lucros e dividendos, aumentar a taxa sobre heranças, além de uma reforma política e uma redução do gasto da União com o pagamento de juros da dívida pública.

 

 

A Prefeitura de Afogados está participando, de 25 a 27 de Julho, em Belém (PA), do 34º Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, representada pelo Secretário Artur Amorim.

O Congresso traz esse ano o tema “A saúde que queremos para o Brasil: o direito à saúde, a organização do sistema e o financiamento da política de saúde”.  O evento é promovido pelo Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – CONASEMS.

No primeiro dia, aconteceu a 15ª mostra “Brasil, aqui tem SUS”, onde 342 projetos e experiências exitosas, de todo o País, puderam ser apresentadas aos participantes. Atenção básica, planejamento local, participação social, financiamento, fundo municipal, gestão do trabalho, vigilância em saúde, foram alguns dos diversos temas relativos às apresentações.

A Prefeitura de Afogados apresentou a sua experiência exitosa na área da judicialização da saúde, no diálogo permanente da câmara técnica que envolve promotores de justiça e gestores de saúde no âmbito da 3ª circunscrição do MPPE. “Esse foi um trabalho que iniciamos lá atrás, tendo o MP como parceiro, dialogando, apresentando soluções práticas que evitaram um lento, e muitas vezes ineficaz, processo de judicialiação. Essa experiência da Prefeitura com o MP foi tão importante, que hoje já envolve outros municípios do Pajeú,” destacou o Secretário Artur Amorim, que foi o responsável pela apresentação da iniciativa em uma das salas temáticas.

 

Segundo a coordenadora da mostra, Marema Patrício, a ideia é compartilhar experiências que são replicáveis e que possam servir de modelo para os outros municípios. O encontro termina nesta sexta (27) e conta esse ano com a participação de 4.700 gestores em saúde, sendo 1.478 destes, Secretários Municipais de Saúde, de todas as regiões do Brasil.  Durante a abertura, o Pernambucano Paulo Dantas, primeiro presidente do CONASEMS, foi homenageado.

 

 

 

 

Toffoli suspende execução de condenação bilionária contra a Petrobras

 

Ação trabalhista pode obrigar a empresa a pagar R$ 15 bilhões para funcionários ativos e aposentados. Decisão do ministro é provisória

Agência Brasil / Foto: reprodução

O ministro Dias Toffoli, que está no exercício da presidência do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu em caráter liminar, nesta sexta-feira (27/7), os efeitos de uma condenação bilionária sofrida pela Petrobras.

A estatal de petróleo foi condenada em uma ação trabalhista pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) e pode ser obrigada a pagar até R$ 15 bilhões. Os valores, de acordo com a decisão, é para complementar salários de trabalhadores aposentados e da ativa.

Além disso, a folha de pagamentos da empresa seria elevada em R$ 2 bilhões por ano. Em comunicado realizado anteriormente, a Petrobras afirmou que o pagamento colocaria em risco a integridade financeira da instituição.

Ao conceder a liminar, Toffoli destacou que não se pode ignorar o impacto econômico da decisão do TST. Por isso, ele decidiu que o assunto deve ser avaliado pelo STF, antes que a sentença seja executada.

 

 

 

 

 

Resultado de imagem para imagem da guarda municipal de tabira

 

 

O edital do concurso público da Guarda Municipal, anunciado no início do mês pela Prefeitura de Tabira, já tem data para ser liberado.

A divulgação acontecerá na quinta-feira, dia 16 de agosto, às 10h, em um evento no Palácio Municipal 31 de Dezembro, sede do Poder Executivo.

O processo seletivo é de nível médio e prevê, ao todo, dez vagas. A remuneração inicial é de R$ 954,00 para o cargo.

No evento, serão divulgados os detalhes do concurso público, a exemplo da idade máxima para inscrição, altura mínima exigida, exames a serem cobrados e banca responsável pela organização, além do conteúdo programático a ser cobrado nas provas.

 

 

 

 

Prefeitos destacaram a responsabilidade de Paulo Câmara com a gestão pública durante o seu primeiro governo.

SEI / Foto: divulgação

O trabalho do governador Paulo Câmara (PSB), pré-candidato à reeleição, foi destacado por três importantes prefeitos nesta sexta-feira (27). Ao visitar os municípios de Arcoverde, Buíque e Pedra, o líder socialista teve a confirmação do apoio dos gestores Madalena Brito (PSB), Arquimedes Valença (PMDB) e Osório Filho (PSB), respectivamente, que destacaram a responsabilidade de Paulo Câmara com a gestão pública durante o seu primeiro governo. O socialista almoçou com Madalena Brito e se encontrou à noite com os outros dois aliados.

Na casa de Madalena Brito, Paulo Câmara foi recebido por aliados e amigos da prefeita para um almoço. Ela fez questão de destacar os investimentos que vão beneficiar a cidade, como a Adutora do Moxotó. “Tudo o que nós trabalhamos na nossa cidade nós devemos ao ex-governador Eduardo e a Paulo Câmara, que deu continuidade.

 

Arcoverde deve muito a Paulo. Tudo que fazemos é em prol da população mais carente, que precisa de gestão para resolver os problemas do nosso povo. Vamos trabalhar para reeleger o nosso governador”, afirmou.

No giro pela região, Paulo Câmara também visitou o município de Buíque. No início da noite, o líder socialista foi recepcionado por centenas de pessoas na casa do prefeito Arquimedes.  “Só tive um ano e meio de mandato com o governador, mas valeu a pena.

 

Temos que trabalhar agora para a reeleição de Paulo, pela continuidade do seu trabalho, para o que está sendo planejado para o futuro. Paulo é um governador sério que trabalha com pés no chão e que sabe o que é bom para o Estado, que sabe o que tem que fazer na hora certa. Ele sabe driblar a situação que vem passando o País. Em Buíque, a gente tem o compromisso de continuar essa luta com o governador”, declarou o prefeito peemedebista.

Após o encontro em Buíque, Paulo Câmara seguiu para a cidade da Pedra, onde foi recebido pelo prefeito da cidade, Osorinho (PSB), além dos gestores de Arcoverde, Madalena Brito; Inajá, Adilson;

Brejo da Madre de Deus, Hilário Paulo; Terezinha, Matheus Calado; e Jupi, Marco Patriota.  “É um prazer estar recebendo vocês aqui e ter a satisfação de continuar acreditando nesse projeto. Não era fácil substituir Eduardo, mas o senhor sempre teve coragem, humildade. O senhor conseguiu transformar Pernambuco para melhor. O senhor vai sair dessa crise com esperança renovada. A Pedra vai lhe ajudar a continuar acreditando que Pernambuco pode ser ainda melhor”, disse Osorinho.

 

Paulo Câmara agradeceu o reconhecimento do seu trabalho e garantiu que continuará lutando pelo desenvolvimento de Pernambuco. “Fico muito feliz com esses gestos de Madalena, Arquimedes e Osorinho. Fizemos grandes investimentos em suas cidades  e em todo Moxotó. Nós queremos garantir um futuro melhor para Pernambuco e com o apoio de gestores compromissados como eles, temos a certeza que faremos cada vez mais. O povo de Pernambuco não quer saber de intrigas. O povo quer unidade, quer ver muitas parcerias e é assim que vamos avançar”, disse o governador.

 

 

 

Polícia procura estelionatário que clonou conta de pensionista em Salgueiro e transferiu para outro banco

 

O criminoso sacou cerca de R$ 30 mil que estavam depositados na conta e ainda contraiu dois empréstimos consignados, um no valor de R$ 25 mil e outro de R$ 11.663,24

 

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

A Polícia Civil de Salgueiro instaurou inquérito para investigar uma fraude bancária que vitimou um pensionista de Salgueiro de 55 anos. Um estelionatário clonou a conta corrente do assegurado, forjou documentos falsos e transferiu o benefício da Caixa Econômica Federal de Salgueiro para o Santander de Vitória de Santo Antão.

 

De acordo com o Blog do Alvinho Patriota, a vítima esconfiou por não receber as notificações de pagamentos, foi ao banco e descobriu o golpe em julho deste ano, mas já era tarde demais. O criminoso sacou cerca de R$ 30 mil que estavam depositados na conta e ainda contraiu dois empréstimos consignados, um no valor de R$ 25 mil e outro de R$ 11.663,24.

 

O pensionista registrou boletim de ocorrência no último dia 12 e a Polícia Civil iniciou as investigações. Ele também tomou medidas cabíveis para ser ressarcido pelo banco. A imagem do acusado foi divulgada pela agência de Vitória de Santo Antão para alertar outros aposentados e pensionistas a ficar atentos, pois a quadrilha está agindo em Recife e no interior.

O nome do estelionatário ainda é desconhecido, porque ele usou a identificação da vítima em todo o procedimento.

 

Acompanhado pelos deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM), Armando teve a chance de expor a uma plateia de cerca de 300 pessoas suas propostas para o governo

Fotos: PTB/Divulgação

Dar ao governo do Estado a oportunidade de conhecer mais profundamente as demandas dos municípios, por meio de instrumentos que permitam uma maior aproximação da administração estadual com os representantes do povo que têm a relação mais cotidiana com a população: o vereador. Esta foi a mensagem que o pré-candidato a governador pela frente “Pernambuco Vai Mudar”, Armando Monteiro (PTB), passou em sua participação, na manhã desta sexta-feira (27), durante a abertura do Congresso Estadual de Vereadores (as) e Servidores (as) de Câmaras Municipais e Prefeituras. O evento ocorre até o domingo 29, no Hotel Canariu’s, em Gravatá, no Agreste, promovido pela União dos Vereadores de Pernambuco (UVP).

Acompanhado pelos deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM), pré-candidato ao Senado, Armando teve a chance de expor a uma plateia de cerca de 300 pessoas suas propostas para o governo em dez áreas: saúde, educação, segurança pública, política social, geração de empregos, desenvolvimento econômico, mobilidade, infraestrutura, meio ambiente e relações com os vereadores.

Foi justamente nesta última área que as propostas de Armando tiveram maior repercussão. “Estive presente em todos os congressos da UVP. Não estou aqui hoje só porque sou pré-candidato. Estou aqui porque respeito o vereador”, reforçou Armando. O pré-candidato destacou que pretende criar um gabinete especial, inserido na estrutura da Casa Civil, para colher as demandas dos vereadores. “Hoje, os vereadores nem sequer são atendidos. Precisam ir com um prefeito ou um deputado. A ideia é que possamos dar ao governante a oportunidade de conhecer melhor o cotidiano dos municípios. Vamos dar ao vereador a atenção que ele merece”,  salientou Armando, o primeiro dos pré-candidatos ao governo a expor suas propostas no evento.

Armando também anunciou que criará o Conselho de Articulação Municipal, no qual os vereadores terão assento permanente, mediante representação da UVP. “Esse conselho vai atuar junto ao governador e a UVP terá uma cadeira permanente. Há muitos técnicos bons, mas que ficam nos gabinetes e não conhecem a realidade concreta. Com isso, estaremos mais perto do povo.”

PROJETOS – O deputado federal Mendonça Filho também ressaltou a importância do vereador para a democracia. “Nós temos um projeto de interação com os municípios. E os vereadores são essenciais nessa interação direta.”

“Viemos não só ouvir, mas oferecer um conjunto de ações de experiência. Um conjunto de propostas que o senador Armando Monteiro vai apresentar à sociedade pernambucana, fruto da discussão, do debate democrático. E esse fórum é um dos mais importantes porque tem a representação direta da sociedade pernambucana” afirmou Bruno Araújo, que será oficializado neste sábado (28) como pré-candidato ao Senado.

 

 

 

É com profunda tristeza e consternação que o Prefeito de Afogados, José Patriota, vem a público externar os seus votos de pesar pelo falecimento da cantora e compositora Maria da Paz, a nossa eterna “paizinha”.

 

Apesar de Jaboatonense de nascimento, ela sempre se considerou afogadense, por aqui ter crescido e pelos laços familiares com a nossa cidade. “Paizinha” , pelo seu enorme talento e dedicação à cultura sertaneja, fará muita falta na cena cultural brasileira.

 

Afogados perde uma de suas referências artísticas, perde alguém que levava o nome do nosso município aos quatro cantos do Brasil e do mundo. Que Deus a tenha ao seu lado, e conforte a família e os amigos nesse momento de perda e dolorosa ausência.

 

 

 

 

Resultado de imagem para dinheiro

 
A Prefeitura de Afogados da Ingazeira iniciou nesta sexta (27), pelos servidores da Educação, o pagamento do funcionalismo público municipal. Segundo nota, isso representa um incremento de R$ 2,8 milhões na economia e no comércio local.
 

O restante do calendário prevê, para a próxima segunda (30), o pagamento dos servidores das demais secretarias e órgãos públicos municipais, excetuando-se os aposentados e pensionistas, que recebem na terça (31); e os servidores da saúde, cujo pagamento será realizado na próxima quarta, 1º de Agosto.

 

“Estamos mais garantindo mais um mês de pagamento em dia, apesar da crise, garantindo um mínimo de previsibilidade para que os nossos servidores possam planejar as suas despesas e o pagamento de suas contas,” destacou o Secretário de Finanças, Ney Quidute.

 

Sindicato diz que extinção na guarda e contratação avulsa burla lei do concurso em Afogados

 

O Sindicato dos Servidores municipais de Afogados da Ingazeira ingressou com ação na justiça contra a prefeitura do município, questionando a extinção da guarda municipal do município. A extinção aconteceu em 2006, na então gestão do prefeito Antonio Valadares de Souza Filho, aprovada pela Câmara.

 

A argumentação jurídica da ação, que tem como advogado Steno Ferraz, é a de que, se por um lado a categoria foi extinta, por outro a municipalidade tem recorrido a contratação de guardas, de forma indireta. A prática vem se mantendo até  a atual gestão, do prefeito José Patriota (PSB).

 

Ou seja, segundo a ação, estaria havendo burla ao concurso público e drible na forma legal de admissão. O judiciário aguarda manifestação através de parecer do promotor Lúcio Almeida Neto, do MP, para então decidir em primeira instância. A prefeitura já se manifestou através de sua defesa na ação, segundo o próprio Steno Ferraz.

 

“A guarda municipal tem poder de polícia. Tem atribuições de cuidar do patrimônio público e cuidar da segurança. Se extinguiu é porque não precisava mais de guardas. Mas ficou contratando posteriormente. Isso burla o bem maior que é o concurso público. A guarda hoje trabalha como braço direito das forças de segurança. Só deve ser exercida por servidor concursado. Já pensou um PM contratado sem concurso?” – argumentou o advogado.

 

 

Prefeitura de Afogados da Ingazeira emite nota de pesar pela morte de Jair Almeida

 

 

 

O Prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, vem a público externar o seu pesar pela morte de Jair Almeida, ao tempo em que expressa as mais sinceras condolências à família enlutada.
 
Homem íntegro, decente, pai de família exemplar, Jair Almeida sempre foi leal a suas convicções, combatendo o bom combate e exercendo plenamente a sua cidadania quanto ao debate político.
 
Fará falta nesses tempos em que ameaças autoritárias pairam sobre a nossa ainda frágil democracia.
 
Siga em paz, Jair! Que Deus o receba em sua infinita morada, e traga consolo a sua enlutada família
 

Conselho Tutelar de Afogados da Ingazeira emite nota de pesar pela morte de Jair Almeida

 

 

O Conselho Tutelar de Afogados da Ingazeira-PE vem através deste, deixar os seus dolorosos votos de pesares a toda família do amigo e colega de trabalho Jair Almeida, pouco citado nas matérias, mas Jair prestou um excelente serviço quando esteve no Conselho Tutelar, fez um excelente papel na defesa dos direitos da criança e do adolescente, compartilhou experiência e ensinou com a sua forma exemplar e religiosa o caminho correto a ser tomado mediante algumas situações de extrema vulnerabilidade por parte de algumas famílias afogadense na criação de seus filhos, este Conselho se encontra totalmente em estado de luto, pois Afogados perde um grande homem, um excelente esposo, um pai exemplar  e um amigo pra todas as horas.
 
Conselho Tutelar de Afogados da Ingazeira

 

 

 

A cantora pernambucana Maria da Paz morreu em São Paulo na sexta-feira (27). Ela tinha 59 anos e foi vítima de um câncer de pulmão. A cerimônia de cremação ocorre às 15h deste sábado (28) em Embu das Artes, município da Região Metropolitana de São Paulo.

 

Nascida em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, Maria da Paz escolheu Afogados da Ingazeira para morar. Ela estava afastada dos palcos desde maio deste ano, quando se apresentou no Festival Nacional da Seresta, no Bairro do Recife, na área central da capital pernambucana.

Em São Paulo, foi diagnosticada com uma pneumonia atípica. Depois, outros exames identificaram um tumor no pulmão.

 

Maria da Paz Sousa nasceu no dia 25 de março de 1959 em Jaboatão dos Guararapes, tinha 59 anos. Ela cresceu em Afogados da Ingazeira. “Recebi em 2011 o titulo de cidadã afogadense. Me considero Afogadense, a família da minha mãe é de lá”, disse em uma de suas entrevistas. Seu talento para a música começou a ser reconhecido no Cine São José, nos programas de auditório da Rádio Pajeú.

 

 

Fonte:G1

 
 

 

 

A Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz-PE) apreendeu uma carga de tecidos importados avaliada em R$ 1,4 milhão. As mercadorias – 120 mil rolos de jeans e 40 mil de poliéster – foram localizadas desacompanhadas de nota fiscal em um estabelecimento de comércio atacadista em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. O contêiner que as transportou até o Porto de Suape era destinado ao estado da Paraíba, o que caracterizou a infração de desvio de destino.

De acordo com o diretor de Operações Estratégicas da Sefaz-PE, Cristiano Dias, o contribuinte tentou evitar, através da irregularidade, o pagamento de tributos relacionados a operações de comércio interestadual. “De posse das informações necessárias, passamos a monitorar a saída do produto em Suape até o seu destino final, quando flagramos o desvio de destino da carga com o intuito de driblar o pagamento do ICMS na operação mercantil interestadual, a partir da entrada de fato em Pernambuco”, informou.

A ação foi possível graças ao monitoramento remoto feito pela equipe da Diretoria Geral de Operações Estratégicas da Sefaz-PE, por meio de informações recebidas através da Gerência de Comércio Exterior. A mercadoria foi regularizada através do parcelamento do débito devido pelo atacadista.

Assessoria SEFAZ

 

 

 

Governo de Pernambuco arcará com despesas de traslado do corpo da estudante assassinada na Nicarágua

 

O traslado do corpo é a principal preocupação da mãe da universitária brasileira, a aposentada Maria José da Costa

Agência Brasil /Foto/arquivo pessoal

O traslado do corpo da estudante de medicina Raynéia Gabrielle Lima, de 30 anos, assassinada na noite da última segunda-feira (23) em Manágua, capital da Nicarágua, será pago pelo governo de Pernambuco, segundo informou na tarde de hoje (25) a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) daquele estado.

O traslado do corpo é a principal preocupação da mãe da universitária brasileira, a aposentada Maria José da Costa, segundo revelou ao participar do Revista Brasil – programa da Rádio Nacional de Brasília. De acordo com a família de Raynéia, o sepultamento deverá ser realizado em um cemitério na região metropolitana do Recife, onde a família já tem jazigo.

Segundo nota da SJDH de Pernambuco, uma equipe do Centro Estadual de Apoio às Vítimas de Violência (Ceav) também foi enviada para a cidade de Garanhuns (Agreste), onde mora Maria José, para prestar apoio psicológico e jurídico à mãe de Raynéia.

A liberação do corpo da estudante está sendo acompanhada pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE), em Brasília. O Itamaraty se manifestou por meio de nota em que afirma que a pasta está em contato com parentes da estudante por meio do Núcleo de Atendimento a Brasileiro em Brasília e do escritório do MRE em Recife.

“A Embaixada do Brasil em Manágua está prestando todo o apoio cabível no sentido de obter a documentação necessária para a liberação do corpo e providenciando o levantamento dos custos pertinentes, informando-os à família. Os procedimentos médico-legais são de competência exclusiva das autoridades da Nicarágua, responsáveis pela liberação do corpo”, diz a nota divulgada pelo Itamaraty.

 

Jovem de 16 anos é atingido por três disparos de arma de fogo durante assalto em Serra Talhada

 

 
Um adolescente de 16 anos foi alvo de três disparos de arma de fogo na região do tórax, por volta das 22h30 dessa quarta-feira (25).
 
O crime ocorreu no distrito de Varzinha, zona rural de Serra Talhada, mas a vítima foi socorrida para o Hospital Regional Agamenon Magalhães (Hospam) e não corre risco de morte.
 

Em depoimento a polícia, o adolescente afirmou que vinha em sua moto CG Titan de placa PCS-1891, quando foi abordado por dois homens que vinham em uma motocicleta modelo Honda Bros e deram voz de parada. O adolescente resistiu a abordagem, momento em que foram efetuados os disparos de arma de fogo.
 
A polícia ainda fez incursões no entorno, mas não localizou os bandidos. A ocorrência foi registrada como roubo a veículo. (Via: Farol de Notícias)
 

CNM: Armando é eleito senador mais comprometido com os municípios

 
Armando Monteiro (PTB) foi considerado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) o senador mais atuante em defesa dos municípios em 2017. O ranking, divulgado pela entidade, analisa a atuação de deputados e senadores em relação à pauta municipalista no Congresso Nacional. Com 84 pontos, Armando dividiu a primeira posição com o senador do Pará Flexa Ribeiro. No ranking por Estado, o senador petebista também foi o primeiro colocado.
 
“Vejo como um reconhecimento do nosso trabalho para fortalecer os municípios, buscando sempre uma distribuição mais justa de recursos, para que os cidadãos possam ser atendidos em suas necessidades básicas onde vivem”, comemorou o senador.
 
Armando foi o relator e grande negociador para que o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) fosse aumentado, garantindo mais recursos para as cidades. “Mais de 80% das cidades brasileiras, que têm até 9 mil habitantes, dependem totalmente do Fundo de Participação dos Municípios para manter os serviços públicos, como saúde, educação, limpeza pública e pagamento de pessoal. Por isso, defendi o aumento do FPM tanto em 2014 quanto em 2017. Foi uma luta vitoriosa dos prefeitos que tenho orgulho de ter participado e contribuído”, lembrou.
 
MAIS AÇÕES – Outro projeto importante que contou com participação decisiva do senador Armando Monteiro recentemente foi o que permite aos municípios considerarem como Manutenção e Desenvolvimento do Ensino as despesas com merenda e uniformes escolares – hoje a aplicação mínima obrigatória de 25% em educação não inclui esses gastos. O petebista foi o relator do projeto, de autoria do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), aprovado pela Comissão de Assuntos Econômicos. A CNM reúne mais de 5 mil municípios.
 
Assessoria de imprensa/Foto: Ana Luiza Sousa/Divulgação

 

 
Em reunião com o Partido dos Trabalhadores na noite deste dia 24 para aparar às arestas, o partido decidiu que irá disputar com Marília candidata a governadora e com Humberto Costa disputando o senado. As tratativas com o PSB que embora ainda continuem, sofrem fortes resistências em diversos estados como o Espírito Santo, São Paulo, Rio Grande do Sul e segundo informações o PSB estaria fazendo um grande jogo de cintura para frear o PT. “Lula não está se agradando disto, ele quer o PT já nas ruas fazendo campanha para Marília Arraes” disse ontem em visita ao estado João Pedro Stédile, líder nacional dos sem terras.
 

 

Ainda segundo informações de um membro que participou da reunião, até o próximo dia 02 o PT terá tempo para fechar os demais nomes que comporão a chapa como suplentes de senadores. Existe a expectativa que ainda esta semana seja anunciado o nome de Maurício Rands (PROS) como vice de Marília. A entrada de Humberto Costa(PT) na chapa como senador também atendeu a um pedido do ex-presidente Lula que pediu engajamento da militância para o colocar de novo no senado. “A prioridade no partido é elegermos a chapa toda. Junto com o PROS, junto com o AVANTE e junto com o PT e todos os partidos que estarão vindo para a campanha durante esta semana. 
 
Marília já se reuniu desde segunda-feira com vários dirigentes partidários afim de fechar acordo para eleger uma forte bancada na Assembleia e na Câmara Federal. “A coligação de Marília Arraes não vai parar por aí, ainda teremos apoio de pelo menos mais dois partidos”. A reunião do PT acabou por volta de 1 da manhã de hoje, e os desdobramentos se darão durante esta semana. 

Ainda segundo informações, Humberto não teria gostado de terem oferecido a vaga de senador a outro partido o que foi rechaçado por Marília que já postou em suas redes sociais, após a reunião a chapa quase completa. “Só está faltando Maurício Rands do PROS na vice, mas isso será anunciado em breve” disse em reserva um membro do diretório. (Via:  Blog do Silvinho – Foto: Diego Nigro/JC)

 

 Velório e sepultamento acontecem em Serra Talhada

 

 

Velório e sepultamento: segundo a esposa, Fátima Almeida, o corpo será velado e sepultado em Serra Talhada. Em Serra, Jair foi criado e viveu parte da vida adulta até constituir família. O   Os pais de Jair residem em Serra Talhada. Ele deixa esposa, Fátima Almeida e dois filhos.

o corpo saiu do Recife às 3:30 desta madrugada, O velório  acontece na casa de homenagens póstumas BM, em frente ao Hospam, e o seu sepultamento será às 16 horas local.

 

 

 

Faleceu no final da noite desta quarta, dia 25, Jair Almeida, ex-presidente do PT de Afogados da Ingazeira.

Jair estava internado há alguns dias no IMIP para tratamento de um linfoma, identificado após exames realizados pela equipe médica que o acompanhava.

 

Sua última participação na programação da Rádio Pajeú aconteceu a quase uma semana, quando enviou um áudio através de sua esposa, Fátima Almeida, dizendo que os médicos haviam identificado o tipo de linfoma e iniciariam o tratamento. Mostrava fé e confiança na reabilitação.

 

Mas em virtude da fragilidade do quadro, não resistiu às primeiras sessões de quimioterapia. Jair faleceu esta noite de quarta, quando teve uma parada cardiorrespiratória. Um fato que chamou a atenção foi a declaração de que sentira os primeiros sintomas há cerca de dois anos. Isso pode ter interferido no diagnóstico e tratamento

 

Linfonodulos são a manifestação do câncer nos gânglios linfáticos. Se manifestam de duas maneiras: ele pode começar no local ou pode chegar aos linfonodos a partir de outro local. Por isso, o câncer que começa nos linfonodos é chamado de linfoma.

Nesse período ele recebeu algumas visitas e a solidariedade de políticos como o prefeito José Patriota, o petista Emídio

Vasconcelos e o blogueiro Júnior Finfa. Também era acompanhado com busca de informações e orações por nomes como o Bispo Dom Egídio Bisol, amigo da família. Jair era membro do grupo Fé e Política Dom Francisco, que debatia políticas públicas para a região.

Jair Almeida de Souza foi candidato a prefeito de Afogados da Ingazeira em 2012 como nome da terceira via, obtendo 206 votos na eleição que teve o maior embate entre José Patriota e Giza Simões, vencida pelo socialista.

 

Em 2016 foi candidato a vereador e obteve 249 votos, ficando na suplência. É figura presente em debates na rádio Pajeú onde tem agido na defesa do PT e do ex-presidente Lula. Nascido em 24 de agosto de 1972, estava prestes a completar 46 anos.

Era muito presente nos debates da Rádio Pajeú na defesa do PT, partido no qual foi filiado por vários anos e mais recentemente, do ex-presidente Lula. Ingressou no partido aos 16 anos em Serra Talhada. Após casar com a também serra-talhadense Fátima Gama, firmou-se comercialmente em Afogados da Ingazeira. Por anos, atuou no ramo de baterias em um ponto comercial na rua Antônio José de Lemos.

 

Dentre as primeiras manifestações de luto, está a do vereador do PT de Serra Talhada, terra natal de Jair, Sinésio Rodrigues. “Jair foi fundamental na construção do PT de Serra Talhada. Foi fundador e atuou sempre organizado na tendência petista Articulação de Esquerda. Perdi um camarada, um verdadeiro companheiro e irmão. Jair Almeida presente, hoje e sempre!”

Ainda não há informações sobre velório e sepultamento. Sabe-se que será em Serra Talhada, onde se criou e viveu parte da vida adulta até constituir família, ou Canaã de Triunfo, sua terra natal. Os pais residem em Serra Talhada. Jair deixa esposa, Fátima Almeida e dois filhos.(Por: Nill Júnior)

 

 

O assunto é tema de inquérito civil de responsabilidade do procurador da República Marcos de Jesus, que tem o objetivo de acompanhar a situação do patrimônio cultural do músico

Assessoria MPF / Foto: reprodução

O Ministério Público Federal (MPF) em Salgueiro/Ouricuri (PE) vai realizar, no próximo dia 2 de agosto, audiência pública para discutir a preservação e promoção do patrimônio cultural deixado por Luiz Gonzaga (o eterno ‘Rei do Baião), que se encontra no Parque Aza Branca, em Exu, Sertão do Araripe. O evento será realizado no auditório do Colégio Municipal Bárbara de Alencar, também em Exu, a partir das 13h30.

 

O assunto é tema de inquérito civil de responsabilidade do procurador da República Marcos de Jesus, que tem o objetivo de acompanhar a situação do patrimônio cultural do músico, falecido em 2 de agosto de 1989. Será realizado cadastramento de expositores, cidadãos e entidades civis, por e-mail, telefone ou presencialmente, na sede do MPF. A audiência será aberta ao público e à imprensa, respeitando apenas a capacidade do auditório onde será realizada.

 

Além do MPF, a audiência vai contar com a presença de representantes da prefeitura de Exu, ONG Parque Aza Branca, Associação Luiz Gonzaga de Forrozeiros do Brasil e Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) – entre outras entidades. O Instituto do Patrimônio Artístico e Histórico Nacional (Iphan), a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) e a Secretaria Estadual de Cultura também foram convidados. A assessoria do MPF informa que outros detalhes podem ser conferidos no edital do evento.

 

 

 

 

Segundo a plataforma, páginas e perfis violavam políticas de autenticidade

Revista Veja / Foto: Facebook (Dado Ruvic/Reuters)

O Facebook removeu nesta quarta-feira 196 páginas e 87 perfis brasileiros que, segundo comunicado da rede, “violavam as políticas de autenticidade” da plataforma. “Essas páginas e perfis faziam parte de uma rede coordenada que se ocultava com o uso de contas falsas no Facebook, e escondia das pessoas a natureza e a origem de seu conteúdo com o propósito de gerar divisão e espalhar desinformação”, diz o texto.

Dentro dessa “rede coordenada” para a divulgação de fake news estão diversas contas associadas ao Movimento Brasil Livre (MBL), entre elas o perfil de Renan Santos, um dos coordenadores do grupo. Pelo Twitter, o MBL se posicionou, dizendo que foram “derrubados perfis de pessoas reais”, que, se tratavam, dizem, de “blogs e perfis que eram públicos e apresentavam fontes de tudo que diziam”.

PUBLICIDADE

O Facebook não divulgou, em seu comunicado, os nomes das páginas nem os conteúdos que foram apontados como sendo falsos. Entre as páginas que estão fora do ar estão as dos site Jornalivre e O Diário Nacional e a do movimento Brasil 200, grupo de empresários liderado pelo empresário Flávio Rocha, que até a semana passada era pré-candidato à Presidência da República pelo PRB com o apoio do MBL.

Fontes ouvidas pela agência Reuters afirmaram que a rede social identificou a participação de membros importantes do MBL na administração da rede de notícias falsas. O Movimento Brasil Livre se tornou conhecido no Brasil entre 2015 e 2016, quando foram um dos principais grupos a liderar processos durante o processo de impeachment que cassou a ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

As mesmas fontes disseram à agência que os membros do MBL deturpavam o controle compartilhado de páginas, ocultando a real direção, para divulgar mensagens de forma coordenada, apresentando as notícias como se estas viessem de diferentes veículos de comunicação independentes uns dos outros.

‘Operações de informação’

No ano passado, a empresa reconheceu que sua plataforma havia sido usada para o que chamou de “operações de informação” que usaram perfis falsos e outros métodos para influenciar a opinião pública durante a eleição norte-americana de 2016, e prometeu combater as fake news.

Agências de inteligência dos Estados Unidos afirmam que o governo russo realizou uma campanha online para influenciar as eleições no país, e casos de grupos políticos que usam a rede social para enganar as pessoas têm surgido pelo mundo desde então.

Não há indicação de envolvimento estrangeiro na rede do MBL tirada do ar nesta quarta-feira, de acordo com as fontes. O Facebook disse que retirou a rede do ar no Brasil após uma “rigorosa investigação” porque os perfis envolvidos eram falsos ou enganadores, violando sua política de autenticidade. A rede social tem um conjunto separado de ferramentas para combater a disseminação de notícias falsas com a ajuda de empresas externas de checagem de fatos.

 

 

 

 
 
Final da tarde desta terça-feira 24/07/2018, recebemos a triste notícia do falecimento da policial militar Rayana Terezinha de Carvalho, que se envolveu em um acidente automobilístico na BR-428, em Petrolina (PE). Conforme jápublicamos anteriormente
 
Após o acidente, foi atendida e passou por um procedimento cirúrgico, no Hospital Universitário de Petrolina.  Vários amigos e membros de grupos de WhatsApp se mobilizaram em doar sangue, mas devido a gravidade dos ferimentos, Terezinha como era conhecida pelos amigos, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.
 
Edição: Nelson Fontes – Divulga Petrolina

 

Judiciário diz que abrigo em Afogados não é casa de albergados

 

O Juiz de Direito Hildeberto Júnior da Rocha Silvestre, em exercício cumulativo na Vara da Infância e Juventude da 13ª Circunscrição, emitiu comunicado ao blog.

Através do ofício 2018.0950.000435, informou que é terminantemente proibida a estadia de crianças e adolescentes oriundos de outras municipalidades apresentados pelo Conselho Tutelar deste município, apenas para pernoitarem no Abrigo Institucional João de Freitas Neto.

Acrescenta o Juiz que o referido abrigo não serve como casa de albergados, conforme o artigo 88, I, da Lei 8.069/1990, assim como o artigo 5º, I, da Lei número 12.594/2012 (SINASE). “O Conselho Tutelar já estava ciente destas determinações”.

 

 

 

 

 

Ciro Gomes

Em entrevista concedida ao programa Resenha, da TV Difusora, no Maranhão, o candidato do PDT à Presidência da República nas eleições 2018, Ciro Gomes, afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso na Operação Lava Jato, só teria chance de sair da cadeia se ele (Ciro) fosse eleito.

“Só tem chance de sair da cadeia se a gente assumir o poder e organizar a carga. Botar juiz para voltar para a caixinha dele, botar o Ministério Público para voltar para a caixinha dele e restaurar a autoridade do poder político”, afirmou Ciro.

A frase foi dita no contexto de uma resposta ao jornalista Itevaldo Júnior em que o pedetista tentava explicar a estratégia do PT em insistir na candidatura de Lula — mesmo após a condenação em segunda instância da Justiça e prisão. “Estão cansados de saber que eles não vão deixar o Lula ser candidato, pela Lei da Ficha Limpa que o próprio Lula botou pra valer (…)”.

Na resposta, Ciro descreve aquilo que o PT estaria pensando: “Nós vamos manter a candidatura do Lula, continuar dizendo que ele é candidato, e lá pelo meio de setembro, que a Justiça disser que o Lula não é candidato, o Lula então diria assim: ‘Então se não vão deixar eu vai ser fulano.’”

O pedetista também afirmou que o Brasil “não aguenta um presidente por procuração a uma altura dessas” – referindo-se a um presidenciável que fosse escolhido por Lula.

“Eu gosto muito do Lula, mas só porque gosto muito, ele vai apontar outra Dilma (Rousseff). “O Brasil está em um momento muito difícil, precisando de pulso, liderança, autoridade até para corrigir a carga…”

Ao se referir à “carga”, Ciro diz: “Você imagina se com um cabra desse do outro lado (candidatos do campo da direita), o Lula tem alguma chance de sair da cadeia”. Para continuar dizendo que o ex-presidente só teria chance de sair da prisão se ele (Ciro) assumisse o poder.

Ao se referir aos possíveis nomes impostos pelo PT, no caso de Lula não ser candidato, Ciro afirma: “Com uma tragédia só resta eu – “porque ninguém inventa de um dia para a noite. Se inventa, mesmo dando certo acaba dando errado”.

 

Carteiras de trabalho poderão ser emitidas em agências dos Correios

Carteira de trabalho

O Ministério do Trabalho e a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos vão firmar, nos próximos dias, acordo de cooperação técnica para emissão da carteira de trabalho e previdência social nas unidades da empresa. Pelo acordo, o projeto piloto será implantado nos próximos 30 dias no estado de São Paulo.

Segundo o secretário executivo substituto do Ministério do Trabalho, Admilson Moreira, a iniciativa tem o objetivo de descentralizar a emissão da carteira de trabalho manual e informatizada e de levar o serviço para mais perto da população. “O propósito da parceria é oferecer um serviço mais ágil e acessível ao trabalhador”, disse Moreira.

De acordo com o ministério, de janeiro a maio deste ano, foram emitidas mais de 2,3 milhões de carteiras de trabalho no país, das quais 580 mil no estado de São Paulo.

O serviço de emissão de carteiras está disponível nas unidades ligadas ao Ministério do Trabalho e em unidades descentralizadas espalhadas pelo país, por meio de parcerias com estados e municípios. A rede conta com cerca de 2,1 mil postos de atendimento.

 

Últimas vagas para o curso de Eletromecânica na Escola SENAI Araripina

 

 

Os interessados pelo curso de técnico em Eletromecânica devem procurar a escola SENAI Araripina até o dia 27 de julho (sexta-feira) 

Vera Cruz Comunicação – Jorge Possetti / Foto: divulgação

O curso de Eletromecânica da Escola SENAI Araripina está com suas últimas vagas disponíveis. O início das aulas será segunda-feira, dia 30 de julho, e restam poucas vagas para quem desejar aprender uma das profissões que mais crescem no mercado.

Os interessados pelo curso de técnico em Eletromecânica devem procurar a escola SENAI Araripina até o dia 27 de julho (sexta-feira) para fazer sua inscrição. Para mais informações o telefone de contato é 0800 600 9606 ou (087) 38732690 e 991589718 (Whatsapp).

Durante o curso, os alunos vão receber conhecimentos teóricos e práticos sobre a execução de instalações elétricas e mecânicas de equipamentos industriais conforme especificações técnicas, normas de segurança e com responsabilidade ambiental. O profissional desta área exerce atividades de planejamento e execução da manutenção elétrica e mecânica de equipamentos industriais, além de projeto, instalação e manutenção de sistemas de acionamento elétrico e mecânico.

As aulas serão realizadas no período noturno em modernos laboratórios de informática e de eletromecânica, onde os alunos aplicam os conteúdos em equipamentos semelhantes aos usados nas indústrias. A profissão de eletromecânica tem diversas áreas de atuação e na região do Araripe os segmentos industriais que mais contratam estes profissionais são o do setor eólico, gesseiro e têxtil.

Rede ratifica candidatura de Lóssio e fará convenção no dia 03

 

 

Segundo o porta-voz da REDE, no dia 4 de agosto será a vez da ex-senadora Marina Silva ter sua candidatura à Presidência da República

Por: Blog da Folha / Foto: Divulgação

A Rede Sustentabilidade convocou sua convenção estadual para o próximo dia 03 de agosto, quando deverá ser oficializada a candidatura ao Governo de Pernambuco do ex-prefeito de Petrolina, Júlio Lóssio, e também serão definidas as demais candidaturas do partido às eleições deste ano.

De acordo com Clécio Araújo, porta-voz estadual da REDE, a convenção será realizada no Recife Praia Hotel, no bairro do Pina, em Recife, às 19 horas, e terá a participação de filiados e pré-candidatos da legenda de todas as regiões do estado.

Segundo o porta-voz da REDE, no dia 4 de agosto será a vez da ex-senadora Marina Silva ter sua candidatura à Presidência da República homologada pela Convenção Nacional, em Brasília. O evento contará com a presença de parlamentares, dos candidatos majoritários e das principais lideranças do partido.

Em 2014, quando disputou a presidência pela segunda vez, Marina obteve mais de 22 milhões de votos, dos quais 2,3 milhões em Pernambuco. “Pela sua história e pelo seu perfil agregador, Marina é a candidata que reúne as condições para unificar o Brasil e para tirar o país da grave crise em que se encontra, pactuando com a sociedade a construção de um projeto de desenvolvimento sustentável. Na nossa convenção, vamos ratificar a candidatura de Júlio Lóssio, pois ela será fundamental para dar suporte a esse projeto”, afirmou Clécio Araújo.

 

 
Um acidente no quilômetro 67 da BR-232, no município de Gravatá, Agreste de Pernambuco deixou duas pessoas mortas e outra duas feridas no início da noite desta terça-feira (24). De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um caminhão-tanque colidiu com um carro momentos antes de chegar ao Túnel Cascavel, na Serra das Russas, que liga alguns municípios do interior do Estado. 
 

 

Uma motocicleta também se envolveu no acidente, deixando o motorista e o passageiro feridos. O condutor do caminhão não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Um segundo corpo foi encontrado entre o carro e o caminhão, mas não foi identificado pela PRF. O acidente foi registrado por volta das 18h20.
 
Nas imagens enviadas por internautas ao WhatsApp do Portal FolhaPE, é possível observar fogo na rodovia, que ficou aproximadamente 1h30 interditada no sentido Recife/interior. O Corpo de Bombeiros foi acionado e controlou o fogo na estrada, liberada por volta das 19h45. Ainda é cedo para informar o quadro de saúde das outras pessoas envolvidas no acidente.

 

 

 

A disputa pelo direito de uso da imagem do ex-governador Miguel Arraes ainda continua “sub judice” no TRE de Pernambuco.

A imagem foi usada diversas vezes nos programas do PSB e contra isto se insurgiu o advogado Antonio Campos, neto do ex-governador, para quem o direito de uso da imagem é exclusivo do Instituto Miguel Arraes.

Parecer do advogado e ex-presidente da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coelho, opina pela procedência da ação ajuizada por Antonio Campos.

Segundo ele, a Justiça tem que definir rápido esse “conflito de interesses” porque uma neta do ex-governador, Marília Arraes (PT), vai disputar o governo e não pode permitir que o governador Paulo Câmara (PSB) continue fazendo uso da imagem dele.

 

Segundo o ex-presidente da OAB, “a utilização da imagem de Miguel Arraes por Paulo Câmara, em propaganda partidária ou eleitoral, fere direitos personalíssimos, confunde o eleitor e não condiz com a realidade política, sendo uma mensagem não verdadeira, contida em propaganda política, a atrair punição determinada pela legislação eleitoral, podendo ainda familiares pedir a proteção da imagem, especialmente aqueles que estão na política e militando em campos opostos e mais, ainda, sendo vítima de conhecidas perseguições, para o eleitor não ser confundido, até porque as propagandas impugnadas e não autorizadas não têm interesse público, mas partidária eleitoral com nítidos intentos de obter dividendos políticos”.

Por Inaldo Sampaio