Notícia

As primeiras informações que chega a redação do blog que três serra-talhadenses morreram, entre eles o atacadista da empresa Cerealista que fornecia cereais aos comerciantes da regiã do pajeú,  conhecido na região, Sogerlandes, filho de Seu Totinha da rapadura”.o fato aconteceu na  noite desse sábado (19), por volta das 23h25, após o motorista perder o controle do veículo na PE-320, que liga Serra Talhada ao município de Afogados da Ingazeira. O caminhão caiu num pequeno córrego e ficou com parte da cabine submersa, as duas pessoas ainda não identificadas que também veio a óbito trabalhavam com o empresário. 

Neste momento, uma equipe do Corpo de Bombeiros encontra-se no local, tentando retirar os corpos das ferragens e rebocar o veículo.

Serra-talhadenses morrem em acidente entre Flores e Canaã neste Domingo

Até o momento não foram divulgados detalhes como a data em que foi feito o teste ou se há outras pessoas da família de Juliana que contraíram a doença respiratória recentemente.

A atriz é o segundo caso confirmado de infecção pelo novo coronavírus na família. (Foto: Reprodução/Redes Sociais Juliana Paes)

 Juliana Paes é mais uma das artistas que testaram positivo para o coronavírus. A informação foi confirmada na tarde deste sábado (19) pela equipe da atriz, segundo a qual ela está “bem e assintomática”.

Até o momento não foram divulgados detalhes como a data em que foi feito o teste ou se há outras pessoas da família de Juliana que contraíram a doença respiratória recentemente. Mas a atriz é o segundo caso confirmado na família.

A sua mãe, Reina Couto, também testou positivo para o coronavírus em final de abril. “Para todos que andam perguntando sobre a mamãe. Sim, ela está com Covid-19, mas está bem e tomando os medicamentos em casa”, disse a artista à ocasião nas redes sociais.

Enquanto os fãs aguardam declaração pública sobre o assunto, a atriz permanece em isolamento social na casa da família no Rio de Janeiro ao lado dos filhos, Pedro e Antonio Baptista, de 9 e 7 anos, e do marido, o empresário Carlos Eduardo Baptista.

Atualmente, Juliana Paes está no ar na Globo como intérprete da vilã Carolina na reprise de “Totalmente Demais”, e nesta segunda-feira (21) começa a ser reapresentada a novela “Força do Querer”, de Glória Perez, em que ela encarna a personagem Bibi.

“O arroz está muito caro, presidente”, grita apoiadora durante fala de Bolsonaro

Após ouvir cobrança de uma mulher sobre o preço alto do arroz, o presidente Jair Bolsonaro reforçou na tarde deste sábado (19) que o governo não cogita tabelar o preço do alimento.

A repercussão fez ele comentar o tema em seu Twitter. ​“O Ministro da Justiça foi atrás de informações sobre o preço do arroz. Nunca sequer pensamos em tabelar algo. Isso nunca deu certo”, escreveu Bolsonaro em sua conta pessoal no microblog. (Foto: reprodução)

“Presidente, não esquece o arroz”, disse uma mulher, durante uma passagem do presidente Jair Bolsonaro pela Praça dos Três Poderes na manhã deste sábado (19). “O arroz tá muito caro, Bolsonaro”, completou. A fala da apoiadora escancara a insatisfação da população com a disparada do preço do arroz, alimento comum na rotina alimentar do brasileiro. 

O líder respondeu o comentário dizendo: “Se os problemas do Brasil… é só o arroz, tá resolvido”. O presidente ainda fez um sinal de “joia”, sem dar mais detalhes aos que estavam presentes no local.

Bolsonaro vem sendo pressionado a barrar o aumento de alguns itens da cesta básica que apresentaram aumento nas últimas semanas. O aumento da demanda interna e externa pelo produto foi influenciado pela pandemia do novo coronavírus e refletiu em alta no preço.

A repercussão fez ele comentar o tema em seu Twitter. “O Ministro da Justiça foi atrás de informações sobre o preço do arroz. Nunca sequer pensamos em tabelar algo. Isso nunca deu certo”, escreveu Bolsonaro em sua conta pessoal no microblog.

Tremor de terra é registrado em arquipélago no RN

Tremor de terra de magnitude 6.9 na escala Richter foi registrado nas proximidades do arquipélago São Pedro e São Paulo.

Segundo o LabSis, o epicentro do terremoto foi registrado a aproximadamente 282 quilômetros (km) . (Foto: reprodução)

O Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN) captou ontem (18), por volta das 21h43, um tremor de terra de magnitude 6.9 na escala Richter nas proximidades do arquipélago São Pedro e São Paulo. O evento foi registrado por diversas estações da Rede Sismográfica Brasileira (RSBR), operada pelo LabSis. A estação mais próxima do epicentro é a estação de Riachuelo. Um forte tremor, de magnitude 6.5, já havia ocorrido na região no dia 30 de agosto.

Segundo o LabSis, o epicentro do terremoto foi registrado a aproximadamente 282 quilômetros (km) a leste de São Pedro e São Paulo, a 816 km a nordeste de Fernando de Noronha, a 1.184 km a nordeste de São Miguel do Gostoso, a 1.193 km a nordeste de Natal, a 1.338 km a norte-nordeste de Recife e a 1.405 km a leste-nordeste de Fortaleza.

O LabSis informou ainda que, dada a magnitude do evento, é possível esperar novas réplicas nas próximas horas, ou mesmo dias. “Para eventos dessa magnitude uma questão que sempre se coloca é se o tremor não pode provocar um tsunami. Para que isso ocorra, de forma perceptível, teríamos de ter magnitude acima de 7.5 e o movimento na falha sísmica tem que ser do tipo reverso ou normal, o que causaria um levantamento ou afundamento brusco do soalho oceânico”.

 

 

Vanusa tem piora em quadro clínico após breve recuperação

O mais recente boletim, divulgado neste sábado (19) pelos médicos Luiz Otávio Lopes Abrantes e Caio Genovez Medina, revelou uma alteração na pressão arterial (instabilidade emodinâmica).

A internação da artista já era conhecida, mas a doença foi confirmada apenas recentemente. Vanusa foi hospitalizada anteriormente devido a problemas de depressão e dependência química. (Foto: Divulgação)

 O quadro clínico da cantora Vanusa, 72, que nesta sexta-feira (18) já se encontrava em fase de término do tratamento da pneumonia, em bom estado geral de saúde, conversando e respirando sem a necessidade de aparelhos, apresentou piora nas últimas 12 horas.

O mais recente boletim, divulgado neste sábado (19) pelos médicos Luiz Otávio Lopes Abrantes e Caio Genovez Medina, revelou uma alteração na pressão arterial (instabilidade emodinâmica).

A artista, que segue internada em UTI (Unidade de Terapia Intensiva), foi rapidamente atendida, medicada, e agora a equipe investiga o que pode ter causado a mudança no quadro que vinha apresentando melhoras.

No início de agosto, a cantora Aretha Marcos, 46, filha de Vanusa, confirmou no programa Domingo Espetacular (Record) que a mãe está com Alzheimer e, por isso, estava internada sob cuidados médicos.

A internação da artista já era conhecida, mas a doença foi confirmada apenas recentemente. Vanusa foi hospitalizada anteriormente devido a problemas de depressão e dependência química.

Araripina registra mais 34 casos de Covid-19

O município de Araripina registrou mais 34 casos, passando para 1.799 confirmações da Covid-19. A quantidade de curas permanece 1.128. O município tem 36 mortes causadas pela doença.

Também no Sertão do Araripe, o município de Exu contabiliza 555 registros da Covid-19, com 466 curas e 11 mortes. Em Trindade, são 491 casos confirmados, com 428 curas e 14 óbitos. Ouricuri chegou a 454 casos, com 381 curas e 15 mortes.

Salgueiro

Em Salgueiro, foram confirmados mais nove casos, subindo para 1.486 registros da doença, com 33 mortes e 1.222 pessoas recuperadas da doença no município.

Marido de Ivete Sangalo se revolta contra Ministério da Agricultura e dispara: “Safadeza”

No Instagram, repostou a opinião do nutricionista Matheus Lopes Cortes, docente da Universidade Federal da Bahia, e se referiu a nota do Ministério da Agricultura é como um desserviço à sociedade.

Daniel Cady, que é nutricionista se revoltou contra nota técnica do Ministério da Agricultura. (Foto: Reprodução)

O marido da cantora Ivete Sangalo, Daniel Cady, que é nutricionista, usou as redes sociais nessa sexta-feira (18), para mostrar toda a sua revolta e indignação sobre uma nota técnica do Ministério da Agricultura enviada ao Ministério da Saúde, que critica e pede a revisão do “Guia Alimentar para a População Brasileira”.

No Instagram, Cady repostou a opinião do nutricionista Matheus Lopes Cortes, docente da Universidade Federal da Bahia, e se referiu a nota do Ministério da Agricultura é como um desserviço à sociedade. “É muita safadeza! Atenção, nutricionistas! Compartilhem esse absurdo!”, disse ele.

Leia o post na íntegra:

“O Ministério da Agricultura enviou uma nota técnica ao Ministério da Saúde recomendando uma revisão do Guia Alimentar da População Brasileira. Na nota, o Ministério da Agricultura afirma que a orientação para evitar alimentos ultraprocessados presente no Guia é incoerente e cerceia a autonomia das escolhas alimentares. E pior, compara o processo de fabricação industrial dos alimentos com preparações culinárias domésticas para justificar que os ultraprocessados não são tão ruins. No final, para fechar com chave de ouro, critica a afirmação que os ultraprocessados não são nutricionalmente equilibrados dizendo que nenhum alimentação in natura também é! O mundo inteiro revisando seus guias alimentares ultrapassados e se inspirando na recomendação do brasileiro, enquanto que aqui o Ministério da Agricultura quer retroceder! Quais os interesses em proteger os alimentos ultraprocessados?”.

O estudo mostra que parte significativa dos municípios que se encontravam em bandeira amarela na 7ª avaliação permaneceram nesta condição.

O secretário Daniel Beltrammi destaca que usar máscaras, lavar as mãos e manter o distanciamento social são gestos que mais representam este “novo normal” que o mundo está vivendo e que precisarão estar cada vez mais presentes no cotidiano dos cidadãos. (Foto: Pixabay/Imagem ilustrativa)

A 8ª avaliação do Plano Novo Normal indica as recomendações para os 223 municípios paraibanos, a partir de segunda-feira (21). O estudo mostra que parte significativa dos municípios que se encontravam em bandeira amarela na 7ª avaliação permaneceram nesta condição, além de apresentar uma pequena diminuição na quantidade de municípios em bandeira laranja e um pequeno aumento no quantitativo das bandeiras verdes.

No total, 28 municípios mudaram de classificação. As recomendações quanto à sustentação das medidas preventivas para impedir o aumento do número de casos e de óbitos em todo Estado permanecem vigentes e estão disponíveis na página oficial do Governo da Paraíba.

Segundo a avaliação, constatam-se transições de algumas bandeiras para a amarela, sendo 10 municípios da verde e quatro municípios da laranja. Outros três territórios transitaram da bandeira amarela para a bandeira laranja, que manteve sua participação em 10% dos municípios paraibanos. Já outros 11 transitaram da bandeira amarela para a verde, que também manteve sua participação estável em 6% do território paraibano. João Pessoa, Campina Grande, Catolé do Rocha, Capim, Pombal, Piancó, São Bento e Serra Branca continuam em bandeira amarela. Dentre os municípios da laranja figuram: Bayeux, Cruz do Espírito Santo, Santa Rita, São Mamede, Gurjão, Uiraúna e Umbuzeiro. Já entre os municípios que estão sob a bandeira verde estão Curral de Cima, Zabelê, Bernardino Batista e Vieirópolis.

O secretário de Gestão de Redes de Unidades de Saúde da Paraíba, Daniel Beltrammi, disse que é importante ratificar que este é um momento para que as equipes da Atenção Primária dos municípios assumam destacada importância na identificação e acompanhamento dos casos da Covid-19. “É preciso recomendar que os Agentes Comunitários de Saúde e demais membros das Equipes de Saúde da Família possam conhecer todos os domicílios paraibanos com casos ativos da Covid-19, bem como acompanhar os contatos domiciliares destes casos. Este monitoramento próximo será decisivo para que possamos, por meio da propagação das mais efetivas medidas de prevenção e controle da doença, seguir reduzindo a força da pandemia no Estado”, pontua.

Daniel Beltrammi reforça ainda que futuras melhorias da situação da pandemia na Paraíba dependerão da maior adesão de todos os paraibanos às três medidas mais protetoras da saúde e da vida das pessoas. Ele destaca que usar máscaras, lavar as mãos e manter o distanciamento social são gestos que mais representam este “novo normal” que o mundo está vivendo e que precisarão estar cada vez mais presentes no cotidiano dos cidadãos.

Governo de Pernambuco lança processo seletivo com 30 vagas e salários de até R$ 4,5 mil

Foto: divulgação

A partir do dia 8 de outubro, o Governo de Pernambuco abrirá as inscrições para preenchimento de 30 vagas de contratação temporária com salários de até R$ 4,5 mil para cargos na Secretaria de Meio Ambiente do Estado. Os interessados deverão fazer as inscrições pela internet, no site da organizadora da seleção – Instituto Darwin, até o dia 9 de Novembro de 2020.

As vagas são destinadas a profissionais de nível superior para as áreas de: analista ambiental, de sustentabilidade, de sistemas e redes, de comunicação e redes sociais, jurídico, financeiro, administrativo, além de médico veterinários, zootecnistas e engenheiros civis. A carga horária semanal de trabalho para os candidatos aprovados é de 40 horas.

Para formalizar a participação na seleção, o candidato deverá, após acessar o site da organizadora, preencher um formulário, optar por uma função e anexar toda documentação solicitada em Edital. O valor da taxa de inscrição da seleção é de R$ 65,00 e pode ser paga até dia 10 de novembro de 2020, um dia após o encerramento das inscrições.  Do total de vagas ofertadas, 5% das vagas são destinadas a pessoas com deficiência (PcD).

O processo seletivo terá uma única etapa de avaliação curricular, que será eliminatória e classificatória. Os contratos têm prazo de 24 meses, podendo ser prorrogado por igual período. Mais informações sobre calendário de atividades ou outros detalhes do processo podem ser encontradas através do site da instituição organizadora. (Fonte: Folha de Pernambuco)

Até o momento, 350.079 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados.

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 38%. (Foto: Reprodução)

A Paraíba registrou 607 novos casos de Covid-19 e 14 óbitos confirmados desde a última atualização, 05 deles ocorridos nas últimas 24h. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde nesta sexta-feira (18), 115.966 pessoas já contraíram a doença, 88.800 já se recuperaram e 2.684, infelizmente, faleceram. Até o momento, 350.079 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

Confira:

  • Casos Confirmados: 115.966
  • Casos Descartados: 153.398
  • Óbitos confirmados: 2.684
  • Casos recuperados: 88.800
  • Total de municípios: 223

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 38%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 34%. Em Campina Grande estão ocupados 44% dos leitos de UTI adulto e no sertão 41% dos leitos de UTI para adultos.

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos. A diferença de casos de ontem para hoje é de 607, nos quais 10 municípios concentram 352 casos, o que representa 57,9% dos casos em toda a Paraíba. 

São eles:

  • João Pessoa, com 79 novos casos, totalizando 28844; 
  • São Bento, com 57 novos casos, totalizando 2717; 
  • Alagoa Grande, com 46 novos casos, totalizando 1359; 
  • Patos, com 38 novos casos, totalizando 4087; 
  • Campina Grande, com 36 novos casos, totalizando 12746; 
  • Itaporanga, com 28 novos casos, totalizando 676; 
  • Bayeux, com 26 novos casos, totalizando 1868; 
  • Santa Rita, com 17 novos casos, totalizando 3291; 
  • Picuí, com 13 novos casos, totalizando 336; 
  • Guarabira, com 12 novos casos, totalizando 4421.

*Dados oficiais preliminares (fonte: SIM, e-sus VE e SIVEP) extraídos às 10h do dia 18/09, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Até hoje, 165 cidades registraram óbitos por Covid-19. Os 14 óbitos registrados nesta sexta ocorreram entre 25 de abril e 18 de setembro, 10 deles nas últimas 48 horas, entre residentes de 13 municípios. Os pacientes tinham idade entre 38 e 94 anos, 02 deles tinham menos de 65 anos. Diabetes foi a comorbidade mais frequente. 

Mulher, 80 anos, residente em São José de Piranhas. Hipertensa, diabética e cardiopata. Início dos sintomas em 14/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 18/09/2020.

Homem, 85 anos, residente em Ingá. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 23/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 17/09/2020. 

Mulher, 84 anos, residente em Cajazeiras. Cardiopata. Início dos sintomas em 18/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 17/09/2020. 

Homem, 83 anos, residente em São José de Piranhas. Diabético. Início dos sintomas em 08/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 17/09/2020. 

Homem, 76 anos, residente em Solânea. Diabético e portador de doença renal. Início dos sintomas em 06/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 17/09/2020. 

Mulher, 78 anos, residente em Jacaraú. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 10/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 16/09/2020. 

Homem, 71 anos, residente em Catolé do Rocha. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 02/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 16/09/2020.

Homem, 65 anos, residente em Itaporanga. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 27/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 16/09/2020. 

Mulher, 45 anos, residente em Cacimbas. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 01/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 16/09/2020.

Homem, 38 anos, residente em Riacho dos Cavalos. Portador de neoplasia. Início dos sintomas em 08/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 16/09/2020. 

Mulher, 94 anos, residente em Uiraúna. Hipertensa e portadora de doença neurológica. Início dos sintomas em 21/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 08/09/2020. 

Mulher, 89 anos, residente em Pilar. Hipertensa e diabética. Início dos sintomas em 24/08/2020. Foi a óbito em residência no dia 28/08/2020. 

Homem, 76 anos, residente em Malta. Diabético e portador de hipertiroidismo. Início dos sintomas em 14/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 28/08/2020. 

Homem, 80 anos, residente em João Pessoa. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 19/04/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 25/04/2020. 

Empresários do setor de eventos e entretenimento realizam manifestação em Petrolina

O objetivo foi chamar a atenção das autoridades para que as categorias possam retomar as atividades

Fonte: G1

Empresários do setor de eventos e entretenimento do Vale do São Francisco realizaram nesta sexta-feira (18) uma manifestação, na Concha Acústica, da praça Dom Malan, no Centro de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Cerca de 200 pessoas participaram do movimento, que foi organizado nas redes sociais, e que recebeu o nome de #tudoéevento. O objetivo foi chamar a atenção das autoridades para que as categorias possam retomar as atividades.

Em Pernambuco no início de setembro, foi definido um protocolo para seminários, congressos e outros eventos de orgãos públicos e empresas. Entretanto, desde o início da pandemia, em março, as festas estão suspensas em todo o estado, e não há previsão para o retorno. Por isso, o comitê organizador do movimento elaborou um plano de retomada gradual das atividades, que foi entregue aos prefeitos de Petrolina e de Juazeiro, na Bahia. O plano foi elaborado por empresários e advogados, com base em cronogramas apresentados em outros estados e está dividido em três fases.

“A primeira fase é a retomada dos eventos em formato mini, até 35% da capacidade do espaço. Esses eventos visam receber em um formato menor, respeitando todos protocolos sanitários e que se fazem necessários neste momento. Tem uma segunda fase, com 50% da capacidade e terceira, a gente sabe que ela vai demorar mais um pouco, porque seria 100% da capacidade. A gente entende que este processo depende que os outros dois funcionem para que o terceiro venha funcionar”, explicou a empresária e organizadora do movimento, Rafaela Marinheiro.

O especialista em fotografias de casamentos e aniversários, Aldo Bernardis, está há seis meses sem trabalhar. Junto com ele, uma equipe de cinco pessoas. “Todos os profissionais do setor de eventos têm passado dificuldades, no sentido que não há nenhum tipo de mobilização da gestão pública, nem de Petrolina e nem de Juazeiro, para que se tenha uma retomada dos eventos na cidade. Nós organizamos esse evento para mostrar que nós precisamos de apoio, de ajuda. É duro você vendo colegas de trabalho tendo que vender seus equipamentos de trabalho para se sustentar”, destacou.

O Governo de Pernambuco informou, em nota, que a liberação dos eventos só será possível mediante a adoção de novos protocolos de higiene, saúde e comunicação, como tem ocorrido desde o lançamento do plano de convivência, semana a semana, de forma regionalizada e respeitando os dados do comportamento da pandemia. Segundo o governo, essas regras são fruto de um trabalho técnico e foram construídas de forma conjunta com a iniciativa privada. A nota disse ainda que a autorização para realização de eventos sociais e artísticos será dada nas próximas etapas do plano de convivência. E que as normas para este setor foram publicadas no diário oficial

A Secretaria de Defesa Social (SDS-PE) pretende instalar câmeras de reconhecimento facial de criminosos procurados pela polícia, além de identificar veículos furtados ou roubados. O objetivo principal é colocar os equipamentos em pontos móveis, como viaturas, para ajudar no combate à criminalidade em todo o estado. A previsão é de que as câmeras estejam funcionando no primeiro semestre do próximo ano em todas as regiões de Pernambuco. O projeto, inédito no país, ainda está em fase inicial, segundo a pasta.

A ideia é levar às ruas viaturas equipadas com as câmeras de última geração e com capacidade de reconhecimento, em uma proposta semelhante à adotada pela Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), no Recife, para a fiscalização da Zona Azul Digital na capital pernambucana. Desde o ano passado, uma viatura de apoio equipada com câmeras na parte superior do veículo é utilizada exclusivamente para inspeção do serviço. Os equipamentos têm tecnologia de reconhecimento óptico de caracteres e são capazes de fazer a leitura das placas dos carros estacionados nas áreas de Zona Azul. As câmeras são usadas para verificar se os veículos estão, ou não, utilizando cartões válidos.

A gerente-geral de Programas e Projetos Especiais da SDS, Patrícia Beguiristain, ressaltou que o objetivo será usar a tecnologia como aliada do setor de segurança no estado. “A busca da SDS é por fomentar na sociedade a sensação de segurança, mas não apenas a sensação. O nosso objetivo é efetivamente melhorar a segurança, entregando uma ferramenta adequada. Isso vai auxiliar a Polícia Militar nas rondas ostensivas e também ajudar a polícia investigativa – Polícia Civil – a elucidar crimes. Será uma ferramenta a mais, e muito poderosa, para o estado”, afirmou

Pagamento começa nesta quinta-feira (17/09) e vai até o dia 30 de setembro.

A Caixa, inicia nesta quinta-feira (17.09), o pagamento das parcelas do Auxílio Emergencial Extensão para mais de 12,6 milhões de famílias cadastradas no Programa Bolsa Família e consideradas elegíveis ao recebimento do benefício. No total, a Caixa realizará o pagamento de R$ 4,3 bilhões para mais de 16,3 milhões de pessoas.

O pagamento do benefício obedece ao calendário habitual do Programa, que segue até 30 de setembro. Os primeiros a receber são os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) final 1.  

Para o pagamento do Auxílio Emergencial Extensão, os beneficiários do Bolsa Família tiveram avaliação de elegibilidade realizada pelo Ministério da Cidadania – conforme Medida Provisória nº 1.000, de 02 de setembro de 2020 – e recebem o valor do Programa Bolsa Família complementado pela extensão do Auxílio Emergencial em até R$ 300 ou em até R$ 600, no caso de mulher provedora de família monoparental. Se o valor do Bolsa Família for igual ou maior que R$ 300 ou R$600, o beneficiário receberá o valor do Bolsa.

O recebimento do Auxílio Emergencial Extensão é da mesma forma que o benefício regular, utilizando o cartão nos canais de autoatendimento, unidades lotéricas e correspondentes CAIXA Aqui; ou por crédito na conta CAIXA Fácil.

Confira:

Quinta-feira (17/09): 

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 1  

Sexta-feira (18/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 2

Segunda-feira (21/09):  

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 3 

Terça-feira (22/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 4 

Quarta-feira (23/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 5

Quinta-feira (24/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 6 

Sexta-feira (25/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 7 

Segunda-feira (28/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 8

Terça-feira (29/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 9

Quarta-feira (30/09):

1,6 milhão de pessoas de 1,2 milhão de famílias beneficiárias do Bolsa Família cujo último digito do NIS é igual a 0

Aconvenção do PSB que segue ainda neste momento, sendo realizada e com transmissão ao vivo.

O ex-gestor corre o risco de ser impedido de disputar por causa de duas Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes) que tramitam no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).​​(Foto: reprodução)

É oficial, o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) entrou para a disputa ao pleito das eleições para prefeitura de João Pessoa deste ano. De última hora e pegando a todos de surpresa, o socialista segue para o embate político, sem muitos apoios. A convenção do PSB que segue ainda neste momento, sendo realizada e com transmissão ao vivo. Assista aqui.

Em sua fala, Ricardo disse estar sendo intimidado por opositores e revela que recebeu provocações. “Eu não me intimido, a lei é para todos. Se quiseram me intimidar vão ter Ricardo como prefeito dessa cidade. Dou uma boiada para não sair de uma briga. E eu tenho razão, pois eu sei as sementes que nós plantamos. Sei como melhoramos a vida das pessoas”, desabafou.

O ex-gestor corre o risco de ser impedido de disputar por causa de duas Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes) que tramitam no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele também é réu em vários processos da operação Calvário, protocolados pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público da Paraíba.

“A reação do presidente foi política, correta”, declarou Guedes, ao participar de um debate virtual sobre as reformas e o futuro da economia brasileira após a pandemia da Covid-19.

Em conversa com o ministro, nesta terça pela manhã, Bolsonaro reclamou de Rodrigues, e pediu que assessores econômicos não deem mais entrevistas à imprensa. (Foto: Reprodução)

 Após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) desistir do programa Renda Brasil, que vinha sendo estudado pelo governo, o ministro Paulo Guedes (Economia) tentou minimizar nesta terça-feira (15) o desgaste na relação entre eles.

“O cartão vermelho [de Bolsonaro] não foi para mim”, declarou o ministro, sem citar se o futuro de integrantes da equipe econômica está comprometido por causa das propostas levantadas para bancar uma reformulação do Bolsa Família, que seria chamado de Renda Brasil.

Nos últimos dias, o secretário especial da Fazenda, Waldery Rodrigues, expôs a ideia de congelar temporariamente o salário mínimo, por exemplo, por dois anos para reduzir despesas públicas e, assim, abrir espaço nos próximos Orçamentos para um novo programa social.

“A reação do presidente foi política, correta”, declarou Guedes, ao participar de um debate virtual sobre as reformas e o futuro da economia brasileira após a pandemia da Covid-19.

Em vídeo nas redes sociais, o presidente ameaçou com “cartão vermelho” integrantes da equipe econômica que defenderem medidas como o corte de benefícios de aposentados e deficientes.

A decisão do presidente de não lançar mais o Renda Brasil aumentou a pressão sobre Guedes por uma nova mudança no segundo escalão da pasta. Segundo assessores presidenciais, o “cartão vermelho” não foi realmente para Guedes, mas para o secretário especial de Fazenda.

 

Em conversa com o ministro, nesta terça pela manhã, Bolsonaro reclamou de Rodrigues, e pediu que assessores econômicos não deem mais entrevistas à imprensa.

A avaliação no Palácio do Planalto é de que a permanência de Waldery no posto se tornou improvável.

Segundo assessores presidenciais, Bolsonaro sinalizou a Guedes que é favorável a uma troca, apesar de o ministro ter demonstrado a auxiliares técnicos que não pretende perder seu assessor de confiança.

Para a deputados bolsonaristas, a queda de Waldery poderia inclusive reduzir o desgaste de Guedes com o fim do Renda Brasil, uma vez que Waldery serviria como uma espécie de “bode expiatório” para o fracasso do plano.

Bolsonaro, no entanto, não pretende demitir o secretário, dizem assessores presidenciais. Ele, no entanto, espera que Guedes convença Waldery a se afastar do governo.

No vídeo desta terça, o presidente ressaltou que foi surpreendido por manchetes de jornais, entre elas a da Folha, segundo a qual o governo planeja revisar cerca de 2 milhões de benefícios destinados a idosos e deficientes carentes, o BPC (benefício de prestação continuada).

“Dito isso, a gente segue com as reformas”, respondeu Guedes, reforçando que pretende enviar as próximas fases da proposta de reformulação do sistema tributário no Brasil e que o projeto de reforma administrativa (do funcionalismo público) já foi entregue à Câmara.

Guedes disse lamentar a interpretação dada às propostas em estudo pelo Ministério da Economia para abrir espaço no Orçamento. Segundo ele, a ideia é dar à classe política o poder de decidir em quais despesas devem ser alocados os recursos públicos.

Essa ideia faz parte da proposta de Pacto Federativo, que está em discussão no Senado e prevê medidas para reduzir despesas públicas, inclusive, em caráter temporário e emergencial.

Bolsonaro e o time de Guedes não conseguiram se entender nas negociações para ampliar o Bolsa Família e, ao mesmo tempo, preservar o teto de gastos – norma que impede o crescimento das despesas públicas acima da inflação.

Em agosto, houve outra divergência. O presidente rejeitou a proposta de Guedes de acabar com o abono salarial (espécie de 14º salário que o governo paga para trabalhadores formais de baixa renda) para bancar o Renda Brasil.

Com o crescimento de gastos obrigatórios, como aposentadorias e salários de servidores, o Orçamento vem sendo pressionado, sobrando pouco dinheiro para novos programas.

No discurso desta terça, Guedes defendeu que a economia brasileira está se recuperando da crise do coronavírus e disse que o aumento da inflação, especialmente nos alimentos, como arroz, é reflexo do aumento da demanda.

Segundo o ministro, essa pressão sobre os preços dos alimentos irá se dissolver no futuro.

Os vereadores que compõe a Frente Popular de Afogados da Ingazeira assinaram documento endereçado a imprensa local afirmando apoiar a chapa que deve ser oficializada em convenção logo mais e deve ser formada por Sandrinho, como candidato a Prefeito e Daniel Valadares como vice.

O Documento segue assinado por todos os parlamentares do grupo, exceção feita ao vereador Daniel Valadares, que teve o apoio dos demais parlamentares

Os beneficiários do Bolsa Família vão começar a receber a 6ª parcela do auxílio emergencial na próxima quinta-feira (17). A nova parcela paga faz parte da prorrogação do auxílio anunciada pelo Governo Federal na última semana. O valor pago desta vez será de R$300 ou de R$600 para as mães chefes de família.

Assim como nas parcelas normais, dão início ao recebimento os beneficiários com NIS (Número de Identificação Social) de final 1 e assim por diante.

Confira o calendário de pagamento da 6ª parcela do auxílio emergencial para o Bolsa Família:

  • 17 de setembro – NIS de final 1
  • 18 de setembro – NIS de final 2
  • 21 de setembro – NIS de final 3
  • 22 de setembro – NIS de final 4
  • 23 de setembro – NIS de final 5
  • 24 de setembro – NIS de final 6
  • 25 de setembro – NIS de final 7
  • 28 de setembro – NIS de final 8
  • 29 de setembro – NIS de final 9
  • 30 de setembro – NIS de final 0

Os beneficiários do programa Bolsa Família podem fazer o saque por meio do cartão do Programa Bolsa Família, Cartão Cidadão ou por crédito em conta da Caixa.

Por enquanto, apenas esse grupo tem calendário específico para recebimento. Os demais, ainda não sabem quando vão poder receber.

Outros beneficiários

Os outros beneficiários que não fazem parte do Bolsa família vão receber por meio do cartão de débito virtual.

Com ele é possível usar os R$600 para realizar a compra pela internet em mais de mil sites e aplicativos, além de poder pagar contas de água e luz. Para solicitar o cartão é preciso ter o aplicativo da Caixa tem.

Prorrogação do auxílio emergencial

O governo prorrogou o pagamento do auxílio emergencial por mais quatro parcelas, sendo assim, o benefício será pago até o mês de dezembro. Isso significa que nem todos receberão mais quatro parcelas de R$300.

Quem começou a ter acesso ao benefício mais tarde, logo tem recebido os pagamentos ao longo do tempo. Isso significa dizer que para o grupo que o governo finaliza o depósito de R$600 em novembro, por exemplo, receberão apenas 1 parcela de R$300 em dezembro.

Quem não vai receber?

  • Conseguiu emprego formal depois de receber o Auxílio Emergencial
  • Recebeu benefício previdenciário, seguro-desemprego ou programa de transferência de renda federal após o recebimento de Auxílio Emergencial (exceto Bolsa Família)
  • Possuí uma renda mensal acima de meio salário mínimo por pessoa e renda familiar mensal total acima de três salários mínimos
  • Mora no exterior
  • Recebeu em 2019 rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70
  • Tinha em 31 de dezembro de 2019 a posse ou a propriedades de bens ou direitos no valor total superior a R$ 300 mil reais
  • No ano de 2019 recebeu rendimentos isentos não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte cuja soma seja superior a R$ 40 mil
  • Tenha sido declarado como dependente no Imposto de Renda de alguém que se enquadre nas hipóteses dos itens 5, 6 ou 7 acima
  • Esteja preso em regime fechado
  • Tenha menos de 18 anos, exceto em caso de mães adolescentes
  • Possua indicativo de óbito nas bases de dados do governo federal

Como receber?

Aqueles que já receberam o auxílio não precisam solicitar o pagamento dessas novas parcelas. Elas serão pagas de forma independente, para isso basta o beneficiários se encaixar nos critérios

Reavaliação

A realização dos pagamentos das novas parcelas do auxílio estão condicionadas a reavaliação dos beneficiários aprovados, isso deve acontecer ao longo dos pagamentos. Os critérios serão verificados mensalmente.

Igarassu completa 485 anos com ações em setembro

Foto: reprodução

A cidade localizada no litoral norte está comemorando 485 anos  com várias ações. Por causa da pandemia do novo coronavírus, este ano não acontecerá a programação de  shows espalhados pelos quatro cantos da cidade, a tradicional festa dos santos Cosme e Damião e o desfile cívico. Por outro lado  estão confirmadas as celebrações religiosas e entregas de várias ações, como ruas calçadas , escolas , melhorias na saúde municipal e Ordens de Serviço.

As ações acontecerão desta terça-feira (15/09), atendendo as recomendações de prevenção à Covid 19 e obedecendo todos os protocolos do governo estadual.

Estão no calendário de ações deste mês de setembro, as entregas de 16 novas ruas, iluminação em led do canteiro central e rotatória da avenida Mário Melo , requalificação do monumento de entrada da cidade, calçadão do canteiro central da BR-101 em Cruz de Rebouças , Vila Vitória , nova sede do Conselho Tutelar de Cruz de Rebouças, novo Núcleo Integrado de Assistência Social de Cruz de Rebouças , entrega da requalificação da subprefeitura de Três Ladeiras,  e da sede da Guarda Municipal.

Também estarão sendo lançadas ordens de serviço (OS) da Praça da Jaqueira, ruas do Loteamento Campo Belo, Cadúnico e ainda da praça do Campo Murado.

Na Educação do munícipio será conhecida a requalificação e ampliação de quatro escolas municipais.

A cidade também receberá no mês do aniversário, uma  unidade móvel veterinária , Posto de Saúde da Família (PSF ) móvel , novo equipamento de Raio X do complexo Hospitalar e 16 novos gabinetes odontológicos.

A programação religiosa também será destaque por causa dos padroeiros do município, os Santos Cosme e Damião. O ponto alto das comemorações católicas, acontece no próximo  27 de setembro, dia  dedicado aos padroeiros. A celebração será realizada com total apoio da secretaria municipal de Saúde cumprindo as recomendações de evitar aglomerações no Sítio Histórico.

O prefeito Mário Ricardo, lembra que neste momento o importante é manter o foco no trabalho com todo cuidado. “É preciso continuar  o trabalho, cuidando de nossa gente, evitando aglomerações e combatendo a disseminação do novo coronavírus  ”,  lembrou o gestor.

Trindade: Convenção do Democratas define Paulo Rennê como pré-candidato a vice de Helbinha

Foto: divulgação

O Partido Democratas de Trindade realizou sua convenção partidária na noite desta segunda (14), com a participação de integrantes do partido e correligionários da chapa encabeçada pela professora Helbe Rodrigues.

Na ocasião, o partido homologou a pré-candidatura de vice-prefeito do advogado Paulo Rennê na majoritária da coligação “Uma nova história”, formada pelo PSL, PT e DEM.

A coligação realiza a convenção do PT amanhã e oficializa a pré-candidatura de Helbinha na quarta, 16, na convenção do PSL. Todos os eventos serão realizados no canal do YouTube da pré-candidata.

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que neste Domingo (13), tivemos o registro de 04 casos positivos para covid-19. Desses, 03 casos já estavam em investigação.  
São 02 pacientes do sexo feminino (32 e 64
anos) e 02 pacientes do sexo masculino (27 e 44 anos). Entre os homens, ambos de profissão não informada. Entre as mulheres: 01 aposentada e a outra de profissão não informada. 
Entra em investigação o caso de um paciente do sexo masculino, de 46 anos. 
Hoje tivemos 02 casos descartados após os pacientes apresentarem resultados negativos para covid-19. 
O município possui 503 pacientes (78,84%) recuperados para covid-19 em nosso município. Atualmente, 124 casos estão ativos em nosso município. 
Hoje, Afogados atingiu a marca de 3.519 pessoas testadas para a covid-19.

Morre aos 94 anos sanfoneiro Geraldo Correia, em Campina Grande

O sanfoneiro era natural do distrito de Galante, em Campina Grande, onde nasceu no dia 15 de janeiro de 1926. Começou na sanfona aos 12 anos. Ganhou o apelido de Correia porque esqueceu a correia da sanfona quando estava a caminho de uma apresentação. (Foto: Divulgação)

Morreu aos 94 anos o sanfoneiro Geraldo Correia. A morte do músico ocorreu em Campina Grande, no Agreste da Paraíba, neste domingo (13). A causa da morte não foi divulgada.

Geraldo Correia tocava a sanfona de 8 baixos, teve 14 discos gravados e parcerias com Jackson do Pandeiro, Luiz Gonzaga e Dominguinhos.

O sanfoneiro era natural do distrito de Galante, em Campina Grande, onde nasceu no dia 15 de janeiro de 1926. Começou na sanfona aos 12 anos. Ganhou o apelido de Correia porque esqueceu a correia da sanfona quando estava a caminho de uma apresentação em Pernambuco.

O velório acontece no bairro José Pinheiro e o sepultamento deve ocorrer nessa segunda-feira (14), no cemitério local.

Ana Paula Valadão será processada por suspeita de crime de LGBTfobia após associar Aids a homossexualidade

Os comentários de Ana Paula Valadão geraram protestos na internet neste sábado (12). Durante o programa de TV que apresenta, a pastora disse que homossexualidade “não é normal”.

Os comentários de Ana Paula Valadão geraram protestos na internet neste sábado (12). (Foto: Reprodução)

A pré-candidata a vereadora da cidade de São Paulo pelo PSOL, Erika Hilton, vai processar Ana Paula Valadão por LGBTfobia, após a pastora mineira dizer que homossexualidade é pecado e associar a Aids aos gays. A Aliança Nacional LGBTI+ também repudiou as declarações da evangélica.

Em seu perfil oficial no Twitter, Erika disse que Ana Paula Valadão é “sorofóbica, homofóbica, desinformada e mentirosa”. Afirmou, ainda, que a pastora “destila ódio e reforça preconceito e estigma contra a comunidade LGBT” e deve responder por isso na Justiça. No ano passado, por decisão do STF, a LGBTfobia foi criminalizada e, desde então, é equiparada a crimes de racismo.

Os comentários de Ana Paula Valadão geraram protestos na internet neste sábado (12). Durante o programa de TV que apresenta, a pastora disse que homossexualidade “não é normal”. “Deus criou o homem e a mulher e é assim que nós cremos. Qualquer outra opção sexual é uma escolha do livre arbítrio do ser humano. E qualquer escolha leva a consequências”, opinou. 

“A Bíblia chama qualquer opção contrária ao que Deus determinou de pecado. E o pecado tem uma consequência que é a morte. Taí a Aids para mostrar que a união sexual entre dois homens causa uma enfermidade que leva à morte e contamina as mulheres, enfim. Não é o ideal de Deus”, acrescentou Ana Paula.

A Aliança Nacional LGBTI+ divulgou uma nota de repúdio contra as declarações de Ana Paula Valadão. A organização declarou que o discurso da pastora “beira ao absurdo, extrapolando a liberdade religiosa e de expressão, tornando-se um discurso odioso, fanático e amplamente desproposital, com consequências potencialmente desastrosas, principalmente para quem a segue”.

A nota diz, ainda, que “Ana Paula atinge toda a coletividade da comunidade LGBTI+, e principalmente a dignidade das pessoas que vivem com HIV/AIDS, colocando-as como responsáveis pela proliferação de um vírus, equiparando de maneira vergonhosa, antiquada e criminosa uma expressão legítima de amor e afeto a um ato criminoso como ceifar a vida de um ser humano”.

Por fim, a Aliança Nacional LGBTI+ diz que a fala da pastora “se assemelha aos mesmos padrões adotados por Adolf Hitler, para desumanizar setores da sociedade”.

A reportagem tentou contato com Ana Paula, mas não obteve retorno. A Igreja Batista da Lagoinha informou que não tem “nada a declarar sobre este assunto”.

Visita inesperada’: Daniel Cady, marido de Ivete Sangalo, encontra cobra gigante em casa

Marido de Ivete encontra cobra em casa na Bahia. (Foto: Reprodução/Instagram)

Daniel Cady impressionou os internautas que o seguem no Instagram ao compartilhar, na noite de sábado (12), a ‘visita’ inesperada que recebeu em casa: ninguém menos que uma cobra gigante.

O marido de Ivete Sangalo compartilhou um vídeo do animal e, na legenda, afirmou que devolveu-o à natureza.

“Mais uma linda visitante aqui em casa… Capturada e solta de volta para a mata”, escreveu.

Apesar de o nutricionista ter tratado a situação com naturalidade, os seguidores ficaram chocados com a jiboia, encontrada na residência da família na Praia do Forte, no Litoral Norte da Bahia, onde passa a quarentena.

“Deus me livre! Já tinha deixado a casa pra elas”, disse uma mulher. “Misericórdia, eu já teria infartado!”, afirmou outra.

Bahia: Ação conjunta entre PM e PF apreende arsenal pertencente a organização criminosa

Na tarde deste domingo dia (13),0, por volta das 12:00, na cidade de Belmonte, na Bahia, Policiais Militares pertences à Companhia de Emprego Tático (CETO) do 8º BPM, em ação coordenada junto a Delegacia da Polícia Federal de Porto Seguro, realizaram a apreensão de várias armas de fogo pertencentes a uma organização criminosa local. 

O arsenal foi encontrado no sítio onde lideranças dessa organização morreram em confronto com Policiais Militares dia último dia 31 julho, situação em que portavam fuzis Ak 47, quando foram surpreendidos pelos militares na mesma localidade. Hoje a PM retornou ao sítio, na zona rural de Belmonte e, após uma longa busca encontraram armas e munições enterradas na propriedade. Foram apreendidos:

☑️ 01 (uma) metralhadora, calibre .50; marca SERBU FIRE ARMS;

☑️ 04 (quatro) fuzis calibre 556mm;

☑️ 01 (uma) submetralhadora Sterling 9mm;

☑️ 561 (quinhentos e sessenta e um) cartuchos calibre 5.56;

☑️ 99 (noventa e nove) cartuchos calibre 7.62;

☑️ 69 (sessenta e nove) cartuchos calibre .45;

☑️ 11 (onze) carregadores para munição 5.56; 

☑️ 01 (um) carregador de polímero para munição 7.62;  

☑️ 03 (três) carregadores para 9mm;

☑️ 04 (quatro) coletes balísticos nível IV.

A metralhadora marca SERBU FIRE ARMS, calibre. 50 possui um enorme poder de fogo, sendo capaz de perfurar blindagens e até mesmo abater aeronaves, geralmente é utilizado por organizações criminosas em roubos de maiores proporções, a exemplo de carros fortes.

A ação de hoje é mais um desdobramento das ações coordenadas que vem sendo desenvolvidas pela Polícia Militar em conjunto com a Delegacia de Polícia Federal em Porto Seguro, que tem objetivo de desarticular essa organização criminosa que tem origem na cidade de Porto Seguro. No último dia 04 setembro a PM aprendeu 740 mil reais e mais de 180kg de entorpecentes pertencentes a mesma organização. Além de roubo a bancos os bandidos atuam no tráfico de drogas, armas e homicídios. 

Apreensão desse arsenal pelo 8°BPM e PF representa um duro golpe no crime organizado. Salienta que as Agencias Policiais e demais Órgãos encarregados de aplicar a lei não param, e que estão determinados a estabelecer uma nova ordem na Costa do Descobrimento. 

Prefeitura de Afogados da Ingazeira conclui ciclo de capacitação para professores sobre novas tecnologias

A utilização das novas tecnologias a serviço da educação em tempos de pandemia. Nesta semana a Prefeitura de Afogados da Ingazeira concluiu o ciclo de capacitação para professores e gestores escolares sobre o uso das tecnologias digitais no processo educativo, em um contexto de educação não presencial. O Projeto Além do Giz reuniu educadores não apenas de Afogados, mas também de outros municípios de Pernambuco e até de outros estados, com professores do Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Mato Grosso e Rio de Janeiro participando.  

Durante três oficinas virtuais, professores e gestores da rede municipal de ensino puderam trocar informações e se qualificar para a utilização de aplicativos e ferramentas digitais, que tem colaborado para as suas aulas durante o período da Pandemia.  

As professoras Erenice Nunes e Edneri Pereira apresentaram aos colegas a utilização de algumas ferramentas importantes como o “Padlet”, que é um mural virtual dinâmico e interativo onde se pode registrar, guardar e compartilhar conteúdos multimídia.  Outra ferramenta apresentada foi o “Phet/Quiver”, realidade alimentada, que são aplicativos interativos onde os professores podem criar cenários, aulas dinâmicas, e que ajudam os profissionais das mais diversas áreas, a apresentar em alta resolução, itens como mapas ou esboços anatômicos.  

A secretária municipal de educação, Veratânia Moraes, participou das capacitações e destacou a importância, nesse contexto de distanciamento social e de aulas não presenciais, do aproveitamento das tecnologias para tornar os conteúdos mais atrativos para os alunos. “É com grande alegria que encerramos essa primeira fase das oficinas de capacitação, até porque eu acredito que outras propostas virão. Ouvimos vários elogios a esse formato, a metodologia que foi usada, a transparência que foi feita o projeto, a linguagem que foi usada, porque realmente a ideia era essa, que esse fosse um momento onde os professores pudessem ter esse espaço de troca de conhecimentos. Fico muito feliz em saber que todos os nossos professores e gestores estão buscando se adaptar a esse novo momento que estamos vivendo,” finalizou Veratânia.

 

Desde o balanço das 20h de sábado (12), dois estados atualizaram seus dados: GO e RR.

Casos de coronavírus crescem no país (Foto: Reprodução)

O Brasil tem 131.281 mortes por coronavírus confirmadas até as 8h deste domingo (13), segundo levantamento do consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde.

Desde o balanço das 20h de sábado (12), dois estados atualizaram seus dados: GO e RR.

Veja os números consolidados:

131.281 mortes confirmadas
4.316.228 casos confirmados

No sábado (12), às 20h, o balanço indicou: 131.274 mortes, sendo 800 em 24 horas. Com isso, a média móvel de novas mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 721 óbitos, uma variação de -18% em relação aos dados registrados em 14 dias.

Sobre os infectados, eram 4.315.858 brasileiros com o novo coronavírus, 31.880 confirmados no último período. A média móvel de casos foi de 27.808 por dia, uma variação de -24% em relação aos casos registrados em 14 dias.

Em relação a sexta (11), PA estava com a média subindo e, hoje, está estável. MG, MS e SE estavam com a média caindo e, hoje, estão em estabilidade.

Brasil, 12 de setembro

Total de mortes: 131.274
Registro de mortes em 24 horas: 800
Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 721 por dia (variação em 14 dias: -18%)
Total de casos confirmados: 4.315.858
Registro de casos confirmados em 24 horas: 31.880
Média de novos casos nos últimos 7 dias: 27.808 por dia (variação em 14 dias: -24%)
(Antes do balanço das 20h, o consórcio divulgou dois boletins parciais, às 8h, com 130.508 mortes e 4.285.277 casos; e às 13h, com 130.870 mortes e 4.297.949 casos confirmados.)

Estados

Subindo (3 estados): AC, RR e CE

Em estabilidade, ou seja, o número de mortes não caiu nem subiu significativamente (11 estados): PR, RS, ES, MG, DF, GO, MS, PA, RO, PE e SE

Em queda (13 estados): SC, RJ, SP, MT, AM, AP, TO, AL, BA, MA, PB, PI e RN

Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia).

Aeroportos brasileiros projetam queda de 70% do fluxo em 2020

As análises levaram em conta, fundamentalmente, o efeito econômico da queda de passageiros, mas não consideram um novo comportamento entre viajantes de negócios.

Assim como acontece com as companhias aéreas, o setor de aeroportos deve ainda enfrentar tempos de dureza pela frente. (Foto: Reprodução)

Um setor que pode ser considerado exemplar em seguir à risca as regras de distanciamento social é o de aeroportos. Não exatamente por desejo de seus gestores, mas devido à queda drástica do número de passageiros para um nível que dificilmente será revertido em curto prazo. 

Uma amostra da desolação que afeta o segmento foi explicitada no fim de agosto no estudo de viabilidade para uma rodada de licitações de aeroportos prevista para o início de 2021. O objetivo da operação é transferir para a iniciativa privada 22 aeroportos, divididos em três blocos, ancorados pelos de Manaus, Goiânia e Curitiba. 

Os estudos que servem de guia para potenciais concessionários projetam um cenário em que tais unidades vão perder 70% de seu fluxo em 2020 e só voltarão aos patamares do ano passado em 2024. As análises levaram em conta, fundamentalmente, o efeito econômico da queda de passageiros, mas não consideram um novo comportamento entre viajantes de negócios, com mais reuniões sendo feitas por videoconferência e com uma diminuição das viagens a trabalho.

Os aeroportos já concedidos à iniciativa privada formam um retrato desolador do baque do coronavírus sobre a aviação civil brasileira. Nove recorreram ao chamado reequilíbrio econômico financeiro da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) por causa da pandemia. Isso significa que desejam pagar preços menores de outorga ou fazer investimentos mais modestos do que os previstos em contrato. Entre os que optaram pela renegociação estão alguns dos terminais mais importantes do país, como os de Guarulhos, Brasília, Confins e Rio-Galeão. Todos foram vendidos com ágios elevados na década passada, quando ventos otimistas embalavam o setor. No grupo, há ainda aqueles que chegaram à pandemia já quebrados, como o Aeroporto de Viracopos, em Campinas. Sem perspectivas de manter o negócio, seus administradores fecharam em julho um acordo com o governo para devolver o terminal, que deve passar por nova licitação.

O caso do aeroporto paulista é típico dos equívocos que marcaram os processos de concessão, embalados pela euforia desmedida com a expansão econômica do país. Desde que o novo terminal foi inaugurado, há quatro anos, o complexo não atingiu a meta prevista de movimento. As instalações foram projetadas para receber 25 milhões de passageiros por ano, mas nunca receberam nem 10 milhões. Com a pandemia, esse número não deve passar dos 3 milhões. Suas donas, as empreiteiras Triunfo e UTC, alvos da Lava-Jato, tentam minimizar os prejuízos depois de devolver o ativo à União.

A concessionária entrou em recuperação judicial há dois anos e agora procura empurrar 3 bilhões de reais em dívidas para o próximo responsável pela operação. Além disso, pretende reaver parte dos recursos que investiu por meio de um processo de arbitragem com a Anac, previsto na lei de relicitação. Fontes próximas à concessionária dizem que ainda há esperança entre os sócios de que consigam até mesmo manter o aeroporto, agora em situação mais confortável, caso a nova licitação não seja bem-sucedida. Para ajudar nesses processos, a operadora contratou consultores com bom trânsito em Brasília, como o advogado Frederick Wassef, ligado à família Bolsonaro, e Adalberto Vasconcelos, próximo do atual ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

O secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Glanzmann, relativiza o impacto de reveses como o de Viracopos. “As devoluções são amigáveis, como manda a lei”, lembrando que o aeroporto de São Gonçalo do Amarante, nos arredores de Natal, também foi devolvido. O otimismo do secretário é maior, no entanto, com a nova rodada de licitações. Para Glanzmann, não vai faltar investidor interessado. Nas projeções do governo, o comércio eletrônico aquecido pode salvar a receita das operações de carga. Tal raciocínio, porém, pode não se confirmar na prática. A maioria dos aeroportos brasileiros sobrevive mesmo do fluxo de passageiros. A movimentação de cargas, segundo os operadores, não é tão significativa e cresceu pouco na pandemia.

Ao contrário do que ocorreu no passado, a nova rodada de concessões deve ter um número limitado de operadores globais, que podem até se interessar pelos aeroportos brasileiros, mas, no momento, enfrentam problemas com a Covid-19 em seu país de origem. Alguns não descartam participar, desde que na forma de pequenas fatias, em parceria com fundos de investimentos. Renato Sucupira, da BF Capital, especialista em avaliar aeroportos, diz que as operadoras estão preocupadas em não conseguir fazer uma avaliação correta da situação operacional, afetada pela pandemia. Assim como acontece com as companhias aéreas, o setor de aeroportos deve ainda enfrentar tempos de dureza pela frente.

Baterista morre após show no formato drive-in

De acordo com comunicado da banda, ele teve uma indisposição depois de um show e faleceu por causa de uma parada cardiorrespiratória.​

Nas redes sociais, os fãs lamentaram a morte do baterista. (Foto: Reprodução)

Morreu na noite deste sábado (12) o baterista da banda mineira Lagum, Breno Braga, mais conhecido como Tio Wilson. De acordo com comunicado da banda, ele teve uma indisposição depois de um show e faleceu por causa de uma parada cardiorrespiratória.

A banda se apresentou neste sábado em um drive-in em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Entre os sucessos de Lagum, está a música “Deixa”.

Nas redes sociais, os fãs lamentaram a morte do baterista.

Também foram confirmados laboratorialmente 35 óbitos (sendo 18 do sexo masculino e 17 do sexo feminino). Com isso, o Estado totaliza 7.852 mortes pela doença.
Com mais 770 novos caso da Covid-19, Pernambuco chega a marca de 136.413 pacientes infectados por coronavírus. Em boletim divulgado neste sábado (12), a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE)  informou que entre os casos confirmados, apenas 39 (5%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 731 (95%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar. 

Do total de casos confirmados, 25.769 são graves e 110.644 leves. Além disso, o boletim registra um total de 118.239 pacientes recuperados da doença. Destes, 15.395 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 102.844 eram casos leves. Os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha. 

Já as mortes, foram de pessoas residentes nos municípios de Amaraji (1), Bezerros (1), Bom Conselho (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Camaragibe (1), Caruaru (1), Itambé (1), Jaboatão dos Guararapes (1), Olinda (2), Paulista (15), Petrolândia (1), Pombos (1), Recife (4), Salgueiro (1), São Lourenço da Mata (3). As mortes registradas no boletim de hoje ocorreram entre 01 de maio e 11 de setembro. 

Do total de mortes , oito (23%) ocorreram nos últimos três dias, sendo  quatro registradas na sexta ( 11), duas na quinta (10) e  duas na quarta (09). Os outros 27 registros (77%) ocorreram entre os dias 01/05 e 08/09. Os pacientes tinham idades entre 49 e 102 anos. 

As faixas etárias são: 40 a 49 (1), 50 a 59 (5), 60 a 69 (10), 70 a 79 (10), 80 anos ou mais (9). Dos 35 pacientes que vieram a óbito, 29 apresentavam comorbidades confirmadas: doença cardiovascular (19), diabetes (15), doença respiratória (4), doença renal (3), câncer (2), etilismo (2), imunossupressão (2), obesidade (2), tabagismo (2), AVC (1), hipertensão (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação. 

Profissionais de Saúde: Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 21.260 casos foram confirmados e 34.702 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública (estadual e municipal) ou privada.  

Paraíba confirma 112.706 infectados por covid -19 e 2.616 mortes  

Até o momento, 338.779 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. (Foto: Reprodução)

A Paraíba registrou 588 novos casos de Covid-19 e 12 óbitos confirmados desde a última atualização, 06 deles ocorridos nas últimas 24h. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde nesta sábado (12), 112.702 pessoas já contraíram a doença 85.475 já se recuperaram e 2.616, infelizmente, faleceram. 

Até o momento, 338.779 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

  • Casos Confirmados: 112.706
  • Casos Descartados: 147.604
  • Óbitos confirmados: 2.616
  • Casos recuperados: 85.475
  • Total de municípios: 223

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 39%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 38%. Em Campina Grande estão ocupados 42% dos leitos de UTI adulto e no sertão 57% dos leitos de UTI para adultos.

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos:

Água Branca (62); Aguiar (23); Alagoa Grande (1232); Alagoa Nova (341); Alagoinha (981); Alcantil (67); Algodão de Jandaíra (27); Alhandra (651); Amparo (18); Aparecida (115); Araçagi (504); Arara (225); Araruna (250); Areia (488); Areia de Baraúnas (11); Areial (56); Aroeiras (218); Assunção (46); Baia da Traição (668); Bananeiras (406); Baraúna (140); Barra de Santa Rosa (97); Barra de Santana (104); Barra de São Miguel (64); Bayeux (1819); Belém (1080); Belém do Brejo do Cruz (74); Bernardino Batista (37); Boa Ventura (28); Boa Vista (132); Bom Jesus (34); Bom Sucesso (24); Bonito de Santa Fé (80); Boqueirão (398); Borborema (45); Brejo do Cruz (499); Brejo dos Santos (60); Caaporã (970); Cabaceiras (102); Cabedelo (2879); Cachoeira dos Índios (103); Cacimba de Areia (10); Cacimba de Dentro (337); Cacimbas (47); Caiçara (448); Cajazeiras (1785); Cajazeirinhas (34); Caldas Brandão (317); Camalaú (30); Campina Grande (12577); Capim (155); Caraúbas (45); Carrapateira (54); Casserengue (392); Catingueira (19), Catolé do Rocha (599); Caturité (119); Conceição (593); Condado (149); Conde (814); Congo (97); Coremas (163); Coxixola (37); Cruz do Espírito Santo (352); Cubati (81); Cuité (290); Cuité de Mamanguape (130); Cuitegí (388); Curral de Cima (38); Curral Velho (3), Damião (45); Desterro (67); Diamante (259); Dona Inês (105); Duas Estradas (84); Emas (60); Esperança (539); Fagundes (112); Frei Martinho (21); Gado Bravo (104); Guarabira (4339); Gurinhém (443); Gurjão (36); Ibiara (123); Igaracy (14); Imaculada (64); Ingá (1423); Itabaiana (1123); Itaporanga (471); Itapororoca (909); Itatuba (347); Jacaraú (315); Jericó (43); João Pessoa (28120); Joca Claudino (19); Juarez Távora (431); Juazeirinho (248); Junco do Seridó (111); Juripiranga (528); Juru (181); Lagoa (7); Lagoa de Dentro (145); Lagoa Seca (730); Lastro (25); Livramento (107); Logradouro (160); Lucena (467); Mãe d’Água (20); Malta (117); Mamanguape (2288); Manaíra (16); Marcação (459); Mari (1173); Marizópolis (37); Massaranduba (348); Mataraca (216); Matinhas (75); Mato Grosso (18); Matureia (43); Mogeiro (254); Montadas (53); Monte Horebe (42); Monteiro (643); Mulungu (422); Natuba (78); Nazarezinho (56); Nova Floresta (105), Nova Olinda (17); Nova Palmeira (84); Olho D´Água (43); Olivedos (118); Ouro Velho (4);  Parari (6); Passagem (30); Patos (3938); Paulista (289); Pedra Branca (19); Pedra Lavrada (41); Pedras de Fogo (1326); Pedro Régis (73); Piancó (193); Picuí (305); Pilar (498); Pilões (136); Pilõezinhos (348); Pirpirituba (323); Pitimbu (641); Pocinhos (218);  Poço Dantas (23); Poço de José Moura (30); Pombal (608); Prata (8); Princesa Isabel (154); Puxinanã (298);  Queimadas (1278); Quixaba (35); Remígio (271); Riachão (81); Riachão do Bacamarte (236);  Riachão do Poço (94); Riacho de Santo Antônio (33); Riacho dos Cavalos (24); Rio Tinto (1132); Salgadinho (36); Salgado de São Felix (267); Santa Cecília (91); Santa Cruz (61); Santa Helena (23); Santa Inês (78);  Santa Luzia (271); Santa Rita (3235); Santa Terezinha (64); Santana de Mangueira (31); Santana dos Garrotes (23); Santo André (15); São Bentinho (71); São Bento (2462); São Domingos (14); São Domingos do Cariri (64);  São Francisco (34);  São João do Cariri (116); São João do Rio do Peixe (367); São João do Tigre (24); São José da Lagoa Tapada (68); São José de Caiana (51); São José de Espinharas (68); São José de Piranhas (236); São José de Princesa (9); São José do Bonfim (59); São José do Brejo do Cruz (44); São José do Sabugi (264); São José dos Cordeiros (47); São José dos Ramos (259); São Mamede (55); São Miguel de Taipu (147); São Sebastião de Lagoa de Roça (264); São Sebastião do Umbuzeiro (21); São Vicente do Seridó (48); Sapé (1138); Serra Branca (210); Serra da Raíz (60); Serra Grande (46); Serra Redonda (272); Serraria (175); Sertãozinho (319); Sobrado (191); Solânea (709); Soledade (203); Sossego (15), Sousa (1946); Sumé (339); Tacima (124); Taperoá (119); Tavares (177); Teixeira (182); Tenório (32); Triunfo (94); Uiraúna (186); Umbuzeiro (78); Várzea (22); Vieirópolis (9); Vista Serrana (36), Zabelê (33).

*Dados oficiais preliminares (fonte: SIM, e-sus VE e SIVEP) extraídos às 10h do dia 12/09, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Até hoje, 163 cidades registraram óbitos por Covid-19. Os 12 óbitos registrados neste sábado ocorreram em hospitais públicos (11) e privado (01) entre 27 de maio e 11 de setembro, 08 deles nas últimas 48 horas, entre residentes de 09 municípios. Os pacientes tinham idade entre 19 e 90 anos, 03 deles tinham menos de 65 anos. Cardiopatia foi a comorbidade mais frequente. 

Homem, 84 anos, residente em Cacimba de Dentro. Portador de doença neurológica e cardiopatia. Início dos sintomas em 17/08/2020. Foi a óbito em hospital privado no dia 11/09/2020.

Mulher, 74 anos, residente em Itaporanga. Diabética e hipertensa. Início dos sintomas em 01/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 11/09/2020.

Homem, 78 anos, residente em João Pessoa. Sem Comorbidade. Início dos sintomas em 08/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 11/09/2020.

Homem, 56 anos, residente em João Pessoa. Portador de doença renal. Início dos sintomas em 06/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 11/09/2020. 

Homem, 19 anos, residente em Mari. Sem informação de comorbidade. Início dos sintomas em 13/07/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 11/09/2020.

Homem, 68 anos, residente em Pedras de Fogo. Obeso e cardiopata. Início dos sintomas em 08/09/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 11/09/2020.

Mulher, 51 anos, residente em Campina Grande. Hipertensa. Início dos sintomas em 10/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 10/09/2020. 

Mulher, 81 anos, residente em Sapé. Portadora de diabetes e cardiopatia. Início dos sintomas em 03/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 10/09/2020

Homem, 82 anos, residente em Cuité. cardiopata. Início dos sintomas em 12/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 06/09/2020.

Mulher, 85 anos, residente em Patos. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 22/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 26/08/2020.

Homem, 78 anos, residente em Campina Grande. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 17/05/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 10/06/2020.

Mulher, 90 anos, residente em campina Grande. Sem informação de comorbidade. Início dos sintomas em 15/05/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 27/05/2020. 

Por: Correio Braziliense

Uma decisão do ministro Celso de Mello coloca novamente o Supremo Tribunal Federal (STF) em choque com o Poder Executivo. O magistrado determinou, ontem, que o presidente Jair Bolsonaro compareça pessoalmente à Polícia Federal para depor sobre eventual tentativa de interferir na corporação. A determinação passou a constar no inquérito aberto após as declarações do ex-ministro Sergio Moro. No despacho, Celso de Mello afirma que Bolsonaro “é investigado, e não figura como testemunha”, por isso, não tem a prerrogativa de depor por escrito. A decisão foi tomada no dia 18 de agosto, mas o magistrado tirou licença médica e só a assinou nesta sexta-feira, no retorno ao trabalho. Por ora, o Planalto prefere avaliar o cenário e evitar ataques contra a Corte, que agora é presidida por Luiz Fux.
Mello também afirmou que Moro, por meio de seus advogados, poderá participar da oitiva, fazendo perguntas ao presidente. Essa parte do despacho irritou o governo. “O senhor presidente da República — que, nesta causa, possui a condição de investigado — deverá ser inquirido sem a prerrogativa que o artigo 221, inciso 1º, do CPP confere, com exclusividade, apenas aos Chefes dos Poderes da República, quando forem arrolados como testemunhas e/ou como vítimas (e não quando figurarem como investigados ou réus), a significar que a inquirição do Chefe de Estado, no caso ora em exame, deverá observar o procedimento normal, respeitando-se, desse modo, mediante comparecimento pessoal e em relação de direta imediatidade com a autoridade competente (a Polícia Federal, na espécie), o princípio da oralidade, assegurando-se ao senhor Sérgio Fernando Moro, querendo, por intermédio de seus advogados, o direito de participar do ato de interrogatório e de formular reperguntas ao seu coinvestigado”, escreve um trecho do despacho.
Celso de Mello não concordou com o argumento do procurador-geral da República, Augusto Aras, que entendeu que Bolsonaro poderia depor por escrito. A data em que o presidente terá de comparecer deve ser definida pela Polícia Federal. O decano do Supremo destacou que caso prefira, Bolsonaro, assim como qualquer cidadão, poderá ficar em silêncio. “Em consequência, indefiro as propostas deduzidas pelo eminente senhor Chefe do Ministério Público da União, doutor Augusto Aras, por não assistir ao senhor presidente da República qualquer das prerrogativas enunciadas no requerimento formulado pela douta Procuradoria-Geral da República, ressalvada, por óbvio, a possibilidade de o Chefe de Estado exercer, legitimamente, como qualquer cidadão desta República, o seu direito ao silêncio”.
Cabe recurso da decisão ao plenário do Supremo, tendo em vista que foi uma decisão monocrática.
Bolsonaro, ao contrário de outras situações, adotou o silêncio em relação ao despacho. Nem ele, nem os ministros que compõem o seu governo falaram publicamente sobre o assunto. No entanto, o chefe do Executivo reuniu-se com o advogado-geral da União, José Levi, na tarde de ontem, horas após saber da decisão enquanto participava da inauguração de uma obra na Bahia.
A avaliação é de que serão criadas estratégias jurídicas para recorrer e até mesmo mudar a forma de oitiva. Em razão da recente troca na presidência do STF — Luiz Fux assumiu o comando do tribunal na última quinta-feira —, interlocutores do presidente recomendam evitar atritos no momento, algo que poderia deflagrar uma relação conturbada com o Judiciário. Em junho, Bolsonaro afirmou que poderia, sim, prestar depoimento presencial, caso fosse necessário. Disse não estar preocupado com a medida e que o inquérito acabará sendo arquivado. “Eu acho que esse inquérito que tá na mão do senhor Celso de Mello vai ser arquivado. A PF vai me ouvir, estão decidindo se vai ser presencial ou por escrito, para mim tanto faz. O cara, por escrito, eu sei que ele tem segurança enorme na resposta porque não vai titubear. Ao vivo pode titubear, mas eu não estou preocupado com isso. Posso conversar presencialmente com a Polícia Federal, sem problema nenhum”, apontou, à época.
Caso Temer
Esta não é a primeira vez que um presidente da República precisa depor como investigado. Em 2017, o ex-presidente Michel Temer foi acusado de envolvimento em um esquema de corrupção criado para beneficiar a empresa Rodrimar, operadora do Porto de Santos. O então chefe do Executivo editou um decreto que expandia benefícios concedidos para empresas portuárias. Ele foi acusado de receber propina da Rodrimar para publicar as novas regras. Na ocasião, o relator do inquérito era o ministro Luís Roberto Barroso. Ele entendeu, que por se tratar do chefe do Executivo, o presidente poderia prestar depoimento por escrito, ou agendar dia, local e horário para ser ouvido.
A defesa de Temer informou que enviaria as respostas por escrito, e solicitou ao ministro que fixasse um prazo para que isso acontecesse. No mesmo ano, acusado de envolvimento na Lava-Jato, Temer foi chamado novamente para depor. Neste caso, o relator, ministro Edson Fachin, concedeu prazo de 24 horas para que 82 perguntas elaboradas pela PF fossem respondidas, e assim ocorreu. Na ocasião, assim como no caso de Jair Bolsonaro, a PGR manifestou-se a favor do depoimento por escrito. Fachin não viu impedimentos, já que mesmo o Ministério Público foi a favor.
As acusações de Moro
Interferência na PF
“Houve essa insistência (de mudança do comando da PF). Eu disse que seria uma interferência política e ele disse que seria mesmo.”
Relatórios de inteligência
“O presidente me disse, mais de uma vez, que ele queria ter uma pessoa de contato pessoal dele, que ele pudesse ligar, colher informações, relatórios de inteligência, seja o diretor, seja o superintendente, e realmente não é o papel da Polícia Federal.”
A defesa de Bolsonaro
Blindagem
“Nunca pedi a ele (Moro) para que a PF me blindasse onde quer que fosse. (…) Eu nunca pedi para ele o andamento de qualquer processo. Até porque a inteligência, com ele, perdeu espaço na Justiça”.
Obstrução
“Não são verdadeiras as insinuações de que eu desejaria saber sobre investigações em andamento”.
Troca de comando
“Falava-se de interferência minha na Polícia Federal. Ora bolas, se eu posso trocar o ministro, por que não posso, de acordo com a lei, trocar o diretor da Polícia Federal? Não tenho que pedir autorização a ninguém para trocar o diretor ou qualquer um outro que esteja na pirâmide hierárquica do Poder Executivo. (…) Sempre dei plena liberdade a meus ministros, sem abrir mão de meu poder de veto e minha autoridade”.

Agências do INSS retomam atendimento presencial na segunda-feira Depois da suspensão dos serviços por cerca de seis meses em decorrência da pandemia de covid-19, cerca de 600 agências do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) vão retomar as atividades nesta segunda-feira (14), em todo o país.

Nesta primeira fase de reabertura serão realizados apenas os atendimentos agendados previamente, ou seja, serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional. O governo vai divulgar durante a próxima semana a lista completa das agências abertas, mas o segurado pode consultar a informação no aplicativo Meu INSS ou no telefone 135.

“A nossa abertura está programada para a próxima segunda-feira. Ao longo dos dias, estaremos passando à população em geral quais agências estão abertas, ou não, e quais agências terão perícias médicas, ou não”, disse o secretário especial da Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco Leal.

Protocolos

A portaria que estabelece os procedimentos para a reabertura das agências do INSS foi publicada na sexta-feira (11), no Diário Oficial da União.

Confira aqui na íntegra da portaria

O texto prevê que o protocolo seja utilizado em caráter subsidiário, respeitando as respectivas regras de cada localidade em que esteja situada uma unidade do INSS e, portanto, deverá ser aplicado apenas quando tais normas não existirem ou forem omissas em determinados pontos.

Todas as pessoas deverão, além de fazer uso de máscaras, ser submetidas ao serviço de aferição de temperatura corporal, no momento do acesso às unidades. Outras medidas como uso de álcool gel e manutenção do distanciamento também estão previstas.

 

Velório termina em confusão em bairro de Serra Talhada

Policiais Militares do 14°BPM foram solicitados pela Central de Operações para verificar uma possível perturbação de sossego com vias de fato, na Rua 07, Bom Jesus, Serra Talhada – PE. 
No local foi constatada a veracidade do fato, em que se tratava de um velório do avô do acusado. 
A vítima informou que, o acusado faltou com respeito aos familiares, ocasionando uma confusão generalizada com via de fato. 
Diante do exposto, os envolvidos foram conduzidos a Delegacia de Polícia local para as providências cabíveis.

Wesley Safadão, 32, usou suas redes sociais para anunciar que se recuperou da Covid-19. “Graças a Deus estou curado 100% do coronavírus. Passei muito bem pela doença, não tive sintomas. Só esperar passar os dias para dar o IgG positivo. Já posso voltar à vida normal, seguir programação normal, rever meus filhos e conviver com minha família. Agora é só aproveitar”, postou o cantor na noite desta sexta-feira (11).

O teste a que o artista se refere atesta se a pessoa teve ou não contato com o vírus. O exame sorológico deve ser feito ao menos dez dias depois do paciente sentir os primeiros sintomas do coronavírus. Safadão aproveitou para também avisar ao público que participará da live de Gleydson Gavião, que acontecerá neste sábado a partir das 21h.

A informação de que o cantor tinha testado positivo para o coronavírus foi divulgada no dia 28 de agosto. De acordo com a equipe dele, o músico estava assintomático e na ocasião adiou a live que faria no dia seguinte ao diagnóstico com a dupla Bruno e Marrone “para a preservação da saúde de todos”. A nova data da apresentação ficou para 19 de setembro.

“Essa notícia pegou a mim e a todos de surpresa, até porque estou me sentindo super bem”, comentou o cantor nas redes sociais à época. “Ontem eu fiz o exame, tinha programa do Faustão e amanhã tinha a nossa live. Fiz o teste, seguindo todos os protocolos, saiu agora há pouco e eu testei positivo para Covid-19.”

China começará a testar vacina em spray contra a Covid-19

 (Foto: Greg Baker/AFP)

Uma vacina chinesa em forma de spray nasal recebeu autorização para ser testada em humanos. O imunizante, que foi desenvolvido por duas universidades e uma empresa farmacêutica, foi projetado para fornecer proteção ao vírus Sars-CoV-2 e também ao da gripe comum. Os testes devem ser iniciados em novembro e vão ser conduzidos em centenas de voluntários, segundo o governo chinês, que também afirmou já ter começado a selecionar os participantes.

A vacina é um projeto do Laboratório Estadual de Doenças Infecciosas Emergentes da Universidade de Hong Kong, em parceria com a Universidade de Xiamen e a empresa Wantai Biopharmaceutical. Ela é feita com base no vírus influenza, agente da gripe, atenuado em laboratório. Também utiliza proteínas do Sars-CoV-2. “É uma vacina à base de gripe que pode ser produzida em embriões de galinha e em células chamadas MDCK (de mamíferos), que são sistemas de produção já usados para o desenvolvimento de vacinas contra a gripe”, explica, em comunicado, a Universidade de Hong Kong.

Segundo informações divulgadas pelo periódico Science and Technology Daily, publicação oficial do Ministério da Ciência e Tecnologia da China, o imunizante foi avaliado em testes com ratos e hamsters, quando se constatou a redução de danos nos pulmões provocados pela covid-19. “Suas características são altamente seguras, o que permitiu com que a fase de testes clínicos fosse autorizada. Essa é a primeira vacina em spray aprovada para testes em humanos”, ressalta o comunicado.

Yuen Kwok-yung, microbiologista da universidade, explicou, em entrevista ao jornal chinês Global Times, que a estratégia de aplicação foi escolhida para reproduzir a trajetória natural do vírus ao acessar o organismo humano. Segundo ele, isso faz com que a vacina fique mais tempo no trato respiratório, aumentando a resposta imune do corpo. Ainda de acordo com o especialista, a vacinação por spray nasal foi projetada para gerar uma proteção dupla — contra o vírus da gripe comum e o da covid-19 — e, futuramente, a fórmula poderá ser modificada para ser usada como um agente protetor de outros tipos de vírus influenza, como o H1N1 e o H3N2.

Efeitos colaterais

O imunologista também explicou que a vacina pode não causar efeitos colaterais sistêmicos, mas há o risco de ocorrência de problemas adversos no sistema respiratório, como asma e falta de ar. Segundo Kwok-yung, os cientistas esperam apenas efeitos leves, como obstrução nasal (diminuição de ar que passa pelas narinas) e rinorreia (muco excessivo). A equipe também trabalha com a ideia de que os testes clínicos durarão menos de um ano.

Com a liberação do novo ensaio clínico sobe para 10 o número de vacinas contra a covid-19 que têm autorização do governo chinês para serem testadas em humanos. Um dos imunizantes, inclusive, foi aprovado, no mês passado, para uso emergencial, mesmo estando em fase experimental. “Elaboramos uma série de procedimentos, incluindo formulários de consentimento médico, planos de monitoramento de efeitos colaterais, tudo para garantir que o uso de emergência seja bem regulado e monitorado”, informou, à época, Zheng Zhongwei, chefe do grupo responsável pela coordenação das pesquisas de vacinas contra a covid-19.

Ensaio em Brasília

O imunizante desenvolvido pela empresa Sinovac Biotech teve o uso liberado para grupos de alto risco, como agentes de saúde, que estão mais expostos ao coronavírus. A CoronaVac está na última fase de testes, em que participam também voluntários brasileiros, incluindo moradores da capital. Aqui, o ensaio é conduzido pela Universidade de Brasília (UnB).

Vulneráveis após a alta

Pesquisadores chineses realizaram uma análise extensa das respostas de anticorpos em indivíduos infectados pelo coronavírus. Os resultados mostraram que a resposta imune das pessoas recuperadas normalmente diminui drasticamente durante o mês posterior à alta hospitalar. O trabalho foi publicado na revista especializada Plos Pathogens e pode ajudar no desenvolvimento de testes sorológicos mais eficientes e também no desenvolvimento de vacinas.

No estudo, os pesquisadores monitoraram continuamente, durante sete semanas, as respostas de anticorpos específicos para o Sars-CoV-2 em 19 pacientes não grave e sete pacientes graves. Todos enfrentavam o início da doença. A equipe observou que, entre três a quatro semanas após a alta hospitalar, a atividade dos anticorpos dos voluntários diminuiu significativamente, sugerindo que eles podem ficar mais suscetíveis à reinfecção por Sars-CoV-2.

“Embora 80,7% dos pacientes recuperados apresentassem atividade de neutralização de anticorpos contra o patógeno da covid-19, apenas uma pequena parte deles demonstrou um nível considerado potente”, frisaram os autores, liderados por Rui Huang, pesquisador da Universidade Médica de Nanjing, na China.

De acordo com os cientistas, o estudo fornece informações importantes para cientistas que desenvolvem testes sorológicos, vacinas e terapias que utilizam o plasma sanguíneo de infectados. “Esse resultado destaca a importância da seleção cuidadosa de amostras de sangue de pessoas recuperadas usando ensaios de neutralização de anticorpos antes da transfusão em outros pacientes com covid-19”, alertaram.

Monomotor faz pouso forçado em rodovia de São Paulo

As causas do acidente serão investigadas pelo 4º Seripa (Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Avião de pequeno porte fez pouso de emergência no Rodoanel em SP (Foto: Reprodução/TV Globo)

Um avião monomotor fez pouso forçado no trecho Norte do rodoanel, no sentido Perus (zona norte da capital paulista), por volta das 10h deste sábado (12). Ninguém ficou ferido.

De acordo com a Polícia Militar, a aeronave sofreu uma pane no motor e foi obrigada a descer no km 3 da rodovia. As causas do acidente serão investigadas pelo 4º Seripa (Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Segundo a CCR Rodoanel, concessionária responsável pela via, as equipes atuaram imediatamente para o socorro do piloto da aeronave e isolamento da área para proteção dos motoristas que passavam pela rodovia. O Corpo de Bombeiros não foi acionado para a ocorrência.

Equipes da Polícia Militar e da Polícia Rodoviária foram até o local. A pista foi completamente fechada para que a aeronave pudesse ser retirada. Por volta de 12h, o avião de pequeno porte foi removido por um guincho até o acostamento e o trânsito liberado. O monomotor foi retirado da pista à tarde.

A polícia não informou o nome do piloto e de onde o avião decolou, nem para onde iria.

Pista foi fechada para que avião pudesse ser retirado — Foto: Reprodução/TV Globo

Segundo a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), a aeronave, com capacidade para levar apenas uma pessoa, foi fabricada em 1977 pela empresa norte-americana American Champion. O monomotor está com situação normal.

No dia 11 de fevereiro do ano passado, um helicóptero tentou pousar no trecho do rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, em São Paulo. A aeronave bateu em um caminhão e o acidente matou o jornalista Ricardo Boechat, 66 anos, e o piloto Ronaldo Quattrucci, 56.

Irã anuncia que executou lutador Navid Akfari por assassinato

O advogado de Afkari acusou as autoridades de negar a seu cliente uma visita familiar antes da execução, conforme exigido por lei.

O lutador Navid Afkari foi condenado a morte após protestar contra o governo iraniano (Foto: Reprodução/Instagram)

O lutador Navid Afkari foi executado na manhã deste sábado (12) no Irã, de acordo com informações da mídia estatal do país. A notícia provocou reações internacionais.

Afkari foi condenado pelo homicídio culposo de um segurança da empresa pública de água de Shiraz, que morreu esfaqueado em agosto de 2018 durante protestos contra o governo. A Suprema Corte do Irã rejeitou uma revisão do caso no final de agosto.

Segundo amigos e parentes, o lutador greco-romano de 27 anos foi condenado com base em uma confissão obtida após tortura. Seu advogado afirma que não há provas de que Afkari é culpado.

O advogado de Afkari acusou as autoridades de negar a seu cliente uma visita familiar antes da execução, conforme exigido por lei.

“Estavam com tanta pressa que negaram a Navid seu direito a uma última visita”, escreveu Yunesi no Twitter. Não houve reação imediata das autoridades iranianas à acusação do advogado.

O Comitê Olímpico Internacional (COI) expressou choque com a notícia da execução do lutador iraniano.

“É profundamente lamentável que os apelos de atletas de todo o mundo, e todo o trabalho do COI, com o Comitê Olímpico Iraniano, a Federação Internacional de Luta Livre e a Federação Iraniana de Luta Livre não tenham alcançado seu objetivo”, lamentou o COI em um comunicado.

“A execução do lutador iraniano Navid Afkari é uma notícia muito triste”, indicou o comitê.

“Respeitando a soberania da República Islâmica do Irã, o presidente do COI, o alemão Thomas Bach, fez um apelo nesta semana ao líder supremo e ao presidente do Irã em cartas separadas e pediu clemência para Navid Afkari”, disse a entidade.

A condenação à morte do atleta gerou críticas internacionais, e uma campanha por clemência ganhou força no Irã e em outros países.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu compaixão ao Irã para uma “grande estrela da luta… que não fez nada além de participar de uma manifestação antigovernamental”.

A organização de defesa dos direitos humanos Anistia Internacional expressou na sexta-feira (11) grande preocupação com a “iminente execução secreta” de Navid Afkari.

De acordo com a Anistia Internacional, ele e seus dois irmãos, condenados a longas penas de prisão no mesmo caso, são “as vítimas mais recentes do defeituoso sistema de Justiça do Irã”.

O Irã, que executou pelo menos 259 pessoas em 2019, é, ao lado da China, o país que mais recorre à pena capital, de acordo com a Anistia Internacional.

Banco do Nordeste muda superintendente em Pernambuco

O presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim, realizou nesta sexta (11) a cerimônia de posse do novo superintendente estadual do BNB em Pernambuco, Pedro Ermírio Freitas.

O evento ocorreu no Mar Hotel Conventions e contou com a presença de autoridades, parceiros institucionais e clientes.

“Este ano tem sido diferente e um convite a nos reinventarmos. Mesmo diante de tantos desafios, já aplicamos em 2020 mais de R$ 27 bilhões em nossa área de atuação. Recursos que foram direcionados prioritariamente às demandas de crédito de curto prazo, tão necessários a essa travessia. Temos certeza que Pedro Ermírio à frente da Superintendência Estadual de Pernambuco apresentará um trabalho com entregas que atendam aos anseios e necessidades do setor produtivo, diante deste momento”, disse o presidente.

O superintendente destacou ao público presente que o Estado tem um papel de grande relevância na estratégia da empresa, assim como na economia regional.

“Tal dimensão de compromisso pode ser percebida com o desembolso realizado este ano no Estado, que supera R$ 2,5 bilhões, distribuídos em mais de 220 mil operações. Além da postergação de mais de R$ 6 bilhões em pagamentos para 2021, de modo a dar um fôlego aos empreendedores que aqui atuam. Queremos estar cada vez mais próximos do setor produtivo, com diálogo aberto, ouvir suas demandas e enxergar como podemos melhorar dentro do novo modelo de atuação bancária”, afirmou.

Convenção homologa candidaturas de Pimentel e Evilásio para a eleição em Araripina

O prefeito de Araripina Raimundo Pimentel (PSL) teve seu nome aprovado para concorrer à reeleição e terá como companheiro de chapa, o vereador Evilásio Mateus (DEM). A decisão foi referendada nessa sexta (11) em convenção partidária com a presença dos filiados dos partidos.

Pimentel destacou o trabalho realizado ao longo deste primeiro mandato recordando a herança caótica deixada pela gestão anterior e os avanços da cidade durante os últimos anos. “Nós vamos finalizar estes quatro anos entregando mais de 150 obras na cidade, na zona rural e nos distritos. Escolas, creches, quadras, postos de saúde, calçamento, asfalto, poços, manutenção das estradas rurais, frota nova de ambulância, iluminação em led, usina de aslfato. Essa é a Araripina do futuro”, afirmou.

Ele também falou do crescimento econômico da cidade com a chegada de investimentos públicos e privados. “A Araripina que o povo escolheu a quatro anos atrás, agora tem Faculdade de Medicina, a chegada de novas empresas para gerar emprego, um comércio local que pode vender para o servidor público, pois sabe que os salários são pagos em dia e muitas outras conquistas”.

 

Foto: Jonas Santos

FORÇA POLÍTICA

A convenção teve a presença do senador Fernando Bezerra Coelho, do deputado federal Fernando Filho e do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho. A parceria política em Araripina tem transformado a cidade, os distritos e zona rural com a execução de muitas obras de pavimentação em asfalto, calçamento, construção de quadras e perfuração de poços.

O senador Fernando destacou o crescimento de Araripina nos últimos quatro anos como uma cidade pujante no sertão e afirmou que duas grandes obras de infraestrutura serão anunciadas em breve para o município. “A administração de Raimundo Pimentel organizou a cidade, limpou o nome do município e estamos colocando força política para acelerar o crescimento com obras estruturantes. Dois grandes projetos estão em fase de conclusão e eu volto em breve para trazer esta notícia”, afirmou.

O deputado federal Fernando Filho fez uma comparação de Araripina há quatro anos atrás e atualmente. Para ele, o município está pronto para um período de mais obras e crescimento econômico. “Lembro uma vez em 2015 que queria destinar uma emenda para Araripina e a prefeitura não tinha nem cadastro nos Ministérios, em Brasília. Agora, na gestão de Raimundo Pimentel, a prefeitura tem nome limpo, muitos projetos e um deputado federal que quer ver esta cidade crescendo muito”, disse.

Seguindo todos os protocolos sanitários e recomendações do Ministério Público, a convenção teve a participação do médico Ryan Lacerda, representando seus pais, os ex-prefeitos Valmir Lacerda e Dioneia Lacerda, dos ex-prefeitos Bringel e Lula Sampaio, do vice-prefeito Bringel Filho, da ex-deputada estadual Socorro Pimentel e dos filiados dos partidos.


Segundo a Portaria 20.388 — publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (dia 11) —, o edital deverá ser divulgado no prazo de seis meses. Os contratos terão duração de um ano, podendo ser prorrogados.

6.500 profissionais temporários serão contratados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para a realização de pesquisas permanentes de natureza estatística e geocientífica. A autorização foi dada pelo Ministério da Economia. O recrutamento será feito por meio de processo seletivo simplificado. Os aprovados vão trabalhar a partir de janeiro de 2021.

Ainda de acordo com a autorização, as despesas com as contratações correrão por conta das dotações orçamentárias do IBGE, já que visam à substituição de servidores e empregados públicos.

Vagas

Serão contratados 5.623 agentes de pesquisas e mapeamento, 552 supervisores de coleta e qualidade, 300 agentes de pesquisas por telefone e 25 supervisores de pesquisas. As remunerações ainda não foram informadas. (Via: Jc Online)

“Tirou o Lula da eleição, produziu uma situação nova para o país, a interpretação [da lei] mudou… Era uma, mudou para prender o Lula, passou a eleição, mudou para soltar o Lula”, disse o líder do governo Jair Bolsonaro, o deputado Ricardo Barros (PP-PR).

247 – Integrante do chamado Centrão e atual líder do governo Jair Bolsonaro, o deputado federal Ricardo Barros (PP-PR) disse que o ativismo político do Judiciário sempre existiu e ficou ainda mais evidente após a operação Lava Jato.

Em entrevista ao UOL, o parlamentar que já foi líder do governo na gestão de Fernando Henrique Cardoso, vice-líder no governo Lula e ex-ministro da Saúde no governo de Michel Temer,  afirmou que os métodos da operação não respeitaram as leis e citou os processos contra Lula como exemplo de parcialidade da Lava Jato.

“É claro que há uma parcialidade na posição da Lava Jato, todos sabem disso. É evidente, é visível”, disse. “Tirou o Lula da eleição, produziu uma situação nova para o país, a interpretação [da lei] mudou… Era uma, mudou para prender o Lula, passou a eleição, mudou para soltar o Lula. Não precisamos fazer muito esforço para perceber ativismo político”, acrescentou.

Barros foi uma dos parlamentares que, em meio ao debate sobre a possibilidade de prisão em 2ª instância, defendeu a realização de uma Assembleia Constituinte para garantir que condenados cumpram pena antes de esgotados todos os recursos.

Na entrevista, o líder do governo disse ainda que o Ministério Público (MP) e a Justiça, de forma geral, não respondem pelos erros cometidos durante julgamentos e questionou as ações os métodos de investigação — como as buscas e apreensões, por exemplo—, realizadas às vésperas das eleições.

“Quem sabe quem não vai ganhar uma eleição no Brasil? O MP e o Judiciário, porque eles agem contra o cidadão no meio da campanha, prendem, fazem busca e apreensão, tiram a pessoa do processo político. E depois de alguns anos, se ficar provado que não era nada… Não era nada, bate nas costas. Nem pedir desculpas eles pedem”, criticou.

Um homem está sendo procurado pela Polícia Civil após ser identificado pela família como um pastor evangélico que furtou e invadiu a Paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus, em Santo Amaro, na Zona Sul de São Paulo.

O crime ocorreu na noite de segunda-feira e foi registrado pelas câmeras de segurança da igreja. O suspeito, que furtou R$ 50 mil, ainda está foragido. De acordo com informações do padre Marcos Miranda cedidas ao portal G1, o nome não foi divulgado para preservar os filhos e a família.
“Veio mãe, veio a família toda. Eles o identificaram. Me informaram que ele é pastor em uma igreja evangélica e oscila entre a vida de Deus e o vício de drogas”, contou o padre. O dinheiro levado estava guardado para pagar funcionários da igreja e o serviço de uma obra no telhado da paróquia.
A família afirmou que, após o furto, o pastor não voltou para casa. Ainda segundo o padre, ele arrombou urnas com doações de fiéis e um velário, que não foi possível contabilizar a quantidade.
Investigadores e peritos estiveram na igreja na última quarta-feira (9/9) para começar a apuração do caso.
TRF-2 marca julgamento de Bretas por participação em ato político com Bolsonaro 

marcelo_bretas
Juiz Marcelo Bretas

Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) marcou para a próxima quinta-feira (17) o julgamento da conduta do juiz federal Marcelo Bretas por participar de atos políticos ao lado de Jair Bolsonaro.

247 – O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) marcou para a próxima quinta-feira (17) o julgamento que trata da conduta do juiz federal Marcelo Bretas por participar de atos políticos ao lado de Jair Bolsonaro e do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella.

Segundo reportagem da coluna da jornalista Mônica Bergamo, o julgamento deverá ser tenso, uma vez que a investigação contra Bretas começou em maio por determinação do então corregedor nacional de Justiça, Humberto Martins, hoje presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Nesta semana, Bretas autorizou mandados de busca e apreensão em endereços ligados a diversos advogados o âmbito da Operação Lava Jato. Um dos alvos da ação foi o advogado Eduardo Martins, filho de Humberto Martins.

Brasil 247

Justiça arquiva denúncia e descarta participação de Ricardo Coutinho no caso Bruno Ernesto 

ricardo-coutinho-psb-ex-governador-da-paraibaA juíza Francilucy Rejane Sousa Mota, do 2º Tribunal do Júri de João Pessoa, arquivou ação sobre o suposto envolvimento do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) na morte de Bruno Ernesto, ocorrida em 2012. O jovem era ex-diretor de Tecnologia da Prefeitura Municipal de João Pessoa.

A juíza acatou parecer do promotor Marcus Antonius da Silva Leite, do Ministério Público Estadual, que apontou “ausência de indícios de participação” de Ricardo no crime.

A investigação foi aberta após denúncia da advogada Laura Berquó e da jornalista Pâmela Bório, que apontaram suposta ‘queima de arquivo’ na morte de Bruno por supostamente ter informações do caso ‘Jampa Digital’.

A justiça, no entanto, entendeu que as provas não foram suficientes para a propositura da ação penal.

WSCOM

Na tarde desta sexta-feira dia (11), por volta das 15:30, o soldado da Polícia Militar de Pernambuco, Jonatha Diniz, se matou com um tiro na cabeça, na zona rural de Princesa Isabel, no Sertão da Paraíba.

 PM se matou no Sítio Mancambira, no Distrito de Lagoa de São João. 
Sd. Jonatha Diniz, matou com um tiro na cabeça sua ex-mulher Karine Rangel, nesta última quinta-feira dia (10), na Rua Manoel da Cruz,no município de Santa Cruz da Baixa Verde, no Sertão do Pajeú. Após o crime ele fugiu e até a tarde de hoje continuava foragido.
Ainda de acordo com informações repassadas ao Blog, após assassinar sua ex-mulher, o PM informou em grupos de whatsapp que iria se entregar (se apresentar a PM, porém não tinha se apresentado até esta tarde.

Reprodução

A ex-deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) se entregou à Polícia Civil do Rio de Janeiro nesta sexta-feira (11), em resposta ao mandado de prisão expedido contra ela. Ela se apresentou na sede da secretaria, no centro da capital fluminense.

Cristiane Brasil era um dos alvos da Operação Catarata, que apura desvios em contratos públicos na área de serviço social. Ela é filha do ex-deputado Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB.

A Operação Catarata prendeu também o secretário de Educação do Rio de Janeiro, Pedro Fernandes (PSC).

Em 2018, ela chegou a ser nomeada pelo então presidente Michel Temer (MDB) para ser ministra do Trabalho, por indicação do pai e do partido. A nomeação foi suspensa pela Justiça e o PTB acabou retirando a sugestão do nome para o presidente.

Acusações

A ex-deputada Cristiane Brasil é tratada pela juíza Ana Helena Mota Lima Vale, que aceitou a denúncia da Operação Catarata II, como “Fada Madrinha” da Servlog, empresa apontada como foco de contratos de serviços sociais fraudulentos firmados com a prefeitura do Rio. Ela ainda não foi presa, mas prometeu se entregar.

Segundo o Ministério Público, a organização criminosa surgiu em 2013, quando Cristiane era secretária municipal de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida, na gestão do então prefeito Eduardo Paes (DEM)

A Petrobras anunciou, nesta terça-feira (08), mais um reajuste nos combustíveis. Segundo a estatal, a gasolina e o diesel S10 e S500 terão redução de 5% nos preços praticados pelas refinarias. O combustível Dmar (diesel marítimo) também terá queda de 5,2%. Os novos valores entram em vigor a partir de quarta-feira (09).

O impacto, linear em todas as praças, será de R$ 0,0922 por litro de diesel e de R$ 0,0884 por litro de gasolina. Porém, os postos aguardam pelo repasse das distribuidoras para reduzirem os preços nas bombas.

Na semana passada, a Petrobras anunciou redução de 3% na gasolina e de 6% no diesel, no entanto, não houve queda nos preços. Isso porque o período coincidiu com a recomposição da base de cálculo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do Distrito Federal, que é feito sempre nos dias 1º e 16 de cada mês.

Nesta semana, não há motivos para os postos não reduzirem os preços, por conta da base de cálculo, segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e de Lubrificantes do DF (Sindicombustíveis), Paulo Tavares. “Numericamente, o que podemos dizer é que os R$ 0,09 de impacto da gasolina deve ser de uma queda em torno de R$ 0,06 nas bombas. Mas precisamos saber se as distribuidoras vão repassar. Na última baixa, elas não repassaram tudo. Desta vez, podem ficar com parte para recompor suas margens”, explicou

Alta dos preços dos alimentos vai durar pelo menos um ano

Blog do Vicente

Apesar da promessa do presidente Jair Bolsonaro de que o governo agirá para conter a disparada dos preços dos alimentos, sobretudo do arroz, do óleo de soja, do feijão e das carnes, especialistas em inflação argumentam que o movimento de reajustes dos produtos básicos vai durar pelo menos um ano. A inflação dos alimentos em 2020 deve passar de 10%. 

Segundo os especialistas, há uma conjunção de fatores que justificam a disparada dos preços da comida. Além de o consumo de alimentos ter aumentado no país durante a pandemia, as compras da China dispararam e há produtos, como o arroz, que tiveram a área plantada reduzida para dar lugar à colheita de soja e milho. 

Os economistas explicam que, com a pandemia, muitas empresas da área de alimentos suspenderam parte da produção, mas, quando religaram as máquinas, encontraram uma demanda crescendo mais rápido do que a oferta. Esse descompasso inflou os preços de várias mercadorias, como leite e óleo de soja — esse produto também influenciado pela alta do dólar. 

China está comprando tudo o que vê pela frente 

A demanda maior por alimentos é uma tendência em todo o mundo, mas ainda mais forte na China, que está repondo estoques. O país asiático, por exemplo, teve que sacrificar quase toda a criação de porcos por causa de uma peste. Agora, enquanto os animais vão crescendo, compra tudo o que há de carne suína disponível no mercado mundial

Inscrições para concurso público da Câmara de Vereadores de Custódia vão até 20 de setembro

As inscrições para o concurso público da Câmara de Vereadores de Custódia, no Sertão pernambucano estão abertas até o dia 20 de setembro, os interessados podem acessar no Blog PE Notícias o edital e o edital de reabertura da inscrições.

Veja abaixo os cargos e a quantidade disponíveis, as remunerações e as taxas de pagamentos para os cargos escolhidos pelos candidatos

Cargos: Auxiliar de Serviços Gerais (2), Copeiro (2), Vigia (2), Motorista (1), Recepcionista (1), Agente Administrativo para Controle Interno (1), Agente Administrativo (3), Técnico em Informática (1), Assistente de Ouvidoria (1), Contador (1);

Escolaridade: há vagas para vários níveis de escolaridade;

Vagas: 16;

Remuneração: de R% 1.050 até R$2.000;

Jornadas de trabalho: entre 20 e 40 horas semanais;

Como se inscrever: As inscrições devem ser realizadas somente através do site do Consulpam, preenchendo os campos do formulário online.

Taxa de inscrição: candidatos que concorrem por vagas de nível fundamental pagam R$60, candidatos que concorrem por vagas de nível médio pagam R$ 80 e candidatos que concorrem por vagas de nível superior pagam R$ 130. 

Processo seletivo: os candidatos serão avaliados apenas com prova objetiva, marcada para a data prevista de 25 de outubro de 2020. A avaliação terá três horas de duração e será composta por 50 questões de múltipla escolha. Todos os candidatos farão prova de Língua Portuguesa, Matemática e Conhecimentos Específicos. Os cargos de níveis médio e superior também responderão acerca de Direito Administrativo e Constitucional e noções de Informática.

Todo o conteúdo programático que será cobrado está indicado no Anexo III do edital.

Prazo de vigência: este concurso público terá validade por dois anos, período que poderá ser prorrogado por mais dois anos a critério e necessidade do legislativo.

Clique aqui para acessar o edital e o aditivo de reabertura das inscrições.

Pernambuco registra 170 novos casos e 20 óbitos por Covid-19

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta terça-feira (8), 170 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 24 são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 146 são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar. Agora, Pernambuco totaliza 132.590 casos confirmados, sendo 25.613 graves e 106.977 leves.

Também foram confirmados 20 óbitos, ocorridos desde o dia 15 de julho. Do total de mortes do informe de hoje, 10 ocorreram neste mês de setembro, sendo 3 registradas nesta segunda-feira (07.09), 4 em 06/09 e 2 em 05/09 e 1 em 04/09.

Os outros 10 registros ocorreram entre os dias 15/07 e 24/08. Com isso, o Estado totaliza 7.741 óbitos pela Covid-19. Os detalhes epidemiológicos serão repassados ao longo do dia pela Secretaria Estadual de Saúde.

No discurso da Independência, Patriota fala sobre tolerância

Em seu tradicional discurso do feriado da independência, o Prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, falou sobre a importância do diálogo e da tolerância para a superação das dificuldades que ora se abatem sobre o Brasil. 

“Esperamos tirar lições a partir desse momento. Lições pra a nossa vida.

É um tempo em que a gente precisa repensar. Que o Brasil encontre o seu rumo. Que a intolerância não esteja presente. Que possamos viver a democracia respeitando o espaço do outro, o respeito à liberdade de pensamento, à liberdade de expressão”, destacou Patriota. 

O Prefeito também destacou que é importante cultivar o amor como o caminho da convivência humana para a fraternidade e a prosperidade. 

O discurso se deu durante o hasteamento dos pavilhões, na praça arruda câmara. Este ano, por conta da pandemia, não foi possível à Prefeitura organizar o tradicional desfile de 7 de setembro sempre tão esperado por todos. 

A solenidade contou com a participação de representantes do Ministério Público, Polícia Militar e Secretaria Municipal de Educação. Os músicos Edinho e Emanuel ficaram responsáveis pela parte musical do evento.

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta terça (08), tivemos o registro de 20 casos positivos para covid-19 em nosso município. Desses, 09 já estavam em investigação e 08 são contatos de casos positivos. Informamos que, em decorrência da demora na entrega dos resultados pelo LACEN, tendo em vista a grande demanda, muitos desses casos registrados hoje já evoluiram para cura. Esta situação tende a ser resolvida pois o Estado adquiriu máquinas para ampliação do processamento dos resultados dos exames, que devem sair mais rápidos a partir de então. Informamos Também que os referidos pacientes estavam/estão em monitoramento domiciliar. 

Os casos novos são: 11 pacientes do sexo masculino (1, 6, 14, 19, 19, 34, 34, 36, 45, 50, 86 anos) e 09 pacientes do sexo feminino (12, 21, 31, 43, 44, 50, 51, 64 e 85 anos). Entre os homens: 03 vendedores, 02 estudantes, 02 menores, 01 aposentado, 01 agricultor, 01 motorista e 01 de profissão não informada. Já entre as mulheres: 02 estudantes, 02 agricultoras, 01 profissional da saúde, 01 profissional da segurança, 01 aposentada, 01 do lar e 01 garçonete. 
Entram em investigação os casos de 19 pacientes do sexo masculino, com idades entre 03 e 80 anos, e os de 16 pacientes do sexo feminino, com idades entre 02 e 59 anos. 

Arcoverde registra 33 novos confirmados e 06 curados da Covid-19

A Secretaria de Saúde de Arcoverde informa nesta terça-feira, 08 de setembro, que até às 18 horas, foram contabilizados mais trinta e três (33) casos de Covid-19 e seis (06) curados no município. O boletim diário, portanto, fica com trezentos e vinte e dois (322) suspeitos, dois mil seiscentos e setenta e três (2.673) descartados, mil duzentos e oitenta e três (1.283) confirmados, quarenta e quatro (44) óbitos, e novecentos e sessenta e quatro (964) recuperados.

De acordo com a repartição municipal, a taxa de recuperação dos casos confirmados atualmente é de 74,25%, enquanto que a taxa de letalidade está em 3,52%. Estão sendo testadas aproximadamente 100 pessoas por dia. Arcoverde está tendo nos resultados de testagens promovidas, o seu maior número de casos positivos ultimamente.
Vale lembrar, que dentro dos 1.283 confirmados, estão contabilizados os 44 óbitos e 964 curados. No total, a cidade tem quatro (04) pacientes em UTI e sete (07) em enfermaria.
No Hospital Regional Ruy de Barros Correia, há três (03) pacientes de Arcoverde na UTI e um (01) na enfermaria. No Hospital de Campanha há seis (06) internados. No Hospital Memorial Arcoverde há um (01) paciente na UTI. 
Nas barreiras sanitárias das entradas da cidade, foram abordados 1.532 carros de fora. Não confunda flexibilização do comércio com cura do Covid-19. Não saia de casa, se não for necessário. Caso precise sair, use a proteção. Para dúvidas ou sugestões ligue para o Disk Coronavírus do município: 0800-281-55-89 e 3821-0082.
Hoje tivemos 12 casos descartados após os pacientes apresentarem resultados negativos para covid-19.
Hoje, 30 pacientes estão curados após avaliação clínica e epidemiológica. Já são 440 (76,92%) recuperados para covid-19 em nosso município. Atualmente, 122 casos estão ativos. 
Nesta terça o município atingiu a marca de 3.284 pessoas testadas para a covid-19.

São José do Egito registra 10 novos casos positivos para covid-19

Nessa terça-feira (8), 41 pessoas foram submetidas a testes em nossa cidade, já são 2.006 exames realizados até o momento. Hoje, 9 pacientes concluíram todo o tratamento e estão livres da doença, já temos 432 curados em todo o município. Nas últimas 24hs, tivemos a confirmação de outros 10 casos da doença. Atualmente, 47 pessoas que testaram positivo para a covid-19, estão em isolamento domiciliar, sendo acompanhadas por nossa equipe multidisciplinar. Não temos nenhum paciente internado na UPA/COVID.

Pré-candidato a vereador subtenente Gleydson adere ao MDB

Nesta última terça-feira (08) o subtenente Gleydson veio a público informar que é pré-candidato a vereador pelo município de Afogados da Ingazeira, pelo (Movimento Democrático Brasileiro), MDB. 
Hoje ele exerce o cargo de subtenente da polícia militar, é formado em direito e aprovado na OAB. 
O subtenente Gleydson é bem cotado nas rodas de conversas políticas e adere ao MDB que tem outros bons quadros.

Ao todo, são cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva, todos na capital paulista.

A PF ainda afirma que o grupo executava os saques indevidos dos benefícios em diversas agências bancárias de São Paulo (Foto: Reprodução)

A Polícia Federal de São Paulo realiza, na manhã desta terça-feira (8), a Operação Parasitas, contra fraudes relativas a saques indevidos no auxílio emergencial.

Ao todo, são cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão preventiva, todos na capital paulista. Os mandados foram expedidos pela 7ª Vara Criminal da Justiça Federal de São Paulo.

Segundo a PF, os crimes eram cometidos por uma associação criminosa que atuava há cerca de quatro anos em fraudes contra diversos programas sociais. Dentre eles, o Seguro Desemprego e Bolsa Família.

De acordo com a investigação, o grupo teria se apropriado de pelo menos 45 auxílios emergenciais. Os investigados irão responder por furto qualificado e associação criminosa, podendo pegar até 11 anos de prisão.

Ainda segundo a PF, a operação foi denominada “parasitas” por conta da forma como organização criminosa atuava, se apropriando de recursos destinados pelo Governo Federal à população de baixa renda.

O esquema
Segundo as investigações, os agentes públicos com acesso ao CadÚnico eram cooptados pela associação criminosa para alterarem os dados de pessoas de baixa renda constantes do referido sistema de cadastramento, em especial, os nomes das mães e endereços.

Os membros da associação criminosa ligavam no canal de atendimento da Caixa Econômica Federal e solicitavam o encaminhamento dos cartões para os endereços fictícios e em comum cadastrados pelos agentes públicos cooptados.

Com a ajuda de um carteiro dos Correios, os cartões chegavam à posse dos membros da associação criminosa.

Com a posse dos cartões desviados, os membros da associação telefonavam para a URA (Unidade de Resposta Audível) da Caixa Econômica e realizavam o pré-cadastramento de suas senhas.

Os membros dessa associação se dirigiam a uma lotérica situada na Zona Sul e efetivavam a confirmação daquelas senhas, com o auxílio de uma funcionária do estabelecimento, que recebia cerca de R$ 30,00 por senha confirmada.

A PF ainda afirma que o grupo executava os saques indevidos dos benefícios em diversas agências bancárias de São Paulo, sempre no exato dia e na primeira hora em que os benefícios eram liberados (dependendo do último número do NIS), para evitar que os reais beneficiários identificassem as fraudes a tempo e os benefícios fossem bloqueados.

Teste do foguete auxiliar foi realizado em uma área específica localizada em Promontory, no estado do Utah. A viagem será a primeira missão tripulada rumo à lua em 50 anos.

Engenheiros da Nasa (agência aeroespacial norte-americana) testaram um foguete auxiliar que será utilizado para levar astronautas à lua em 2024. O teste foi realizado em uma área específica localizada em Promontory, no estado do Utah. A viagem será a primeira missão tripulada com destino ao satélite natural em 50 anos.

Os foguetes integram o Sistema de Lançamento Espacial (SLS), considerado o maior lançador desde a construção do Saturno V, na década de 1960. Os motores serão responsáveis para fornecer a maior do impulso necessário aos primeiros dois minutos da missão.

Custo da cesta básica aumenta em 13 capitais em agosto, diz Dieese 

O preço da cesta básica aumentou, no mês de agosto, em 13 das 17 capitais pesquisadas pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), na comparação com o mês anterior. Em quatro capitais (Curitiba, Brasília, Natal e João Pessoa), o custo da cesta básica diminuiu.

Os dados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica de Alimentos levam em conta os preços do conjunto de alimentos básicos, necessários para as refeições de uma pessoa adulta – conforme Decreto-Lei 399/38 – durante um mês.

O tempo médio de trabalho necessário para adquirir os produtos da cesta nas capitais pesquisadas, em agosto, foi de 99 horas e 24 minutos, maior do que em julho, quando ficou em 98 horas e 13 minutos.

O Dieese verificou também que o trabalhador comprometeu, em agosto, na média, 48,85% do salário-mínimo líquido – ou seja, após o desconto referente à Previdência Social – para comprar os alimentos básicos para uma pessoa adulta. Em julho, o percentual foi de 48,26%.

Cesta mais cara

Entre as capitais analisadas, a cesta básica mais cara foi a de São Paulo, onde o preço médio ficou em R$ 539,95; seguida por Florianópolis, com R$ 530,42. As cestas mais baratas foram as de Aracaju, com preço médio de R$ 398,47; e de João Pessoa, R$ 414,50.

Em São Paulo, houve alta de 2,9% na comparação com julho. No ano de 2020, o preço do conjunto de alimentos aumentou 6,6% e, nos últimos 12 meses, 12,15%. Na cidade de São Paulo, especificamente, o tempo médio de trabalho necessário para adquirir os produtos da cesta, em agosto, foi de 113 horas e 40 minutos, e o valor da cesta corresponde a 55,86% do salário-mínimo líquido.

Com base na cesta mais cara de agosto, que foi a da capital paulista, o Dieese estima que o salário-mínimo necessário para o sustento de uma família de quatro pessoas (dois adultos e duas crianças) deveria ser a R$ 4.536,12, o que corresponde a 4,34 vezes o mínimo vigente de R$ 1.045.

Percentualmente, a maior alta mensal ocorreu em Vitória, com 5,08% de aumento, o que deixou o valor da cesta em R$ 509,45. Considerando a variação no ano de 2020, Salvador teve a maior alta (16,15%), deixando o preço da cesta em R$ 418,72. Já nos últimos 12 meses, a maior alta foi registrada no Recife, um aumento de 21,44%, resultando na cesta de R$ 439,19.

Contas de água e esgoto no Brasil penalizam quem consome menos, diz estudo da UFPB 

Modelo tarifário dificulta acesso de famílias de baixa renda à água tratada e saneamento

água_
O consumo brasileiro médio diário de água por pessoa é de 154,9 litros e está acima do que a ONU considera razoável, que deveria ficar entre 50 e 110 litros por dia.

A pesquisa “Implicações Socioambientais do Modelo Tarifário dos Serviços de Água e Esgoto no Brasil”, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), revela que a estrutura tarifária de saneamento brasileira atual penaliza residências que consomem menos os serviços de água e esgoto.

Os pesquisadores atestaram, no estudo, que o modelo atual traz consequências socioambientais, dificulta o acesso de famílias de baixa renda aos serviços e estimula um consumo desequilibrado.

O estudo foi realizado pelos pesquisadores do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente (Prodema), Filipe Campos Magalhães e Gustavo Ferreira. Foi avaliada, na pesquisa, a estrutura tarifária residencial de companhias estaduais de saneamento no Brasil.

De acordo com Filipe Magalhães, as taxas das contas de água e esgoto possuem algumas características predominantes. Há tarifas mínimas e multipartes, com faixas de consumo que, diz o pesquisador, teoricamente encarecem a cobrança dos serviços de água e esgoto para quem consome mais.

“Porém, através de pesquisa inédita no Brasil, foi constatado que a estrutura tarifária atual está penalizando as residências que consomem menos. Essas circunstâncias podem provocar sobrecarga da rede e dos mananciais”.

Além disso, o pesquisador da UFPB alerta sobre a constatação da deficiência na prestação dos serviços de água e esgotos. Segundo Filipe, esse fato gera o agravamento de doenças relacionadas ao saneamento inadequado e ligações clandestinas.

Também foi possível evidenciar, na pesquisa da UFPB sobre o modelo atual das taxas, a queda de arrecadação das companhias e a contribuição para a desigualdade socioeconômica.

“A pesquisa abrangeu 25 companhias estaduais e foram coletados dados das estruturas tarifárias residenciais. Simulamos o consumo em quatro níveis: 5m³, 15m³, 25m³ e 30m³. O valor da fatura para cada nível foi dividido pelo volume consumido, resultando no valor proporcional pago por cada metro cúbico”, explica Filipe Magalhães.

O pesquisador da UFPB conta que, por exemplo, na Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o valor de cobrança do metro cúbico para o nível de consumo de 5m³ chega a ser quase o dobro de quem consome 15m³. Fica acima até, enfatiza Filipe, de quem consome 30m³ e isso demostra regressividade de cobrança.

Para viabilizar outro cenário, Magalhães elaborou um modelo sustentável de tarifas nos serviços de água e esgoto. Ele utilizou o “Fator de Ajuste Socioambiental”, que leva em conta condições socioeconômicas e consumo. Além de incentivos para quem consome menos água e cobrança progressiva para quem consome mais água.

Em seu trabalho, o pesquisador da UFPB também alerta que, no Brasil, o consumo médio diário de água por pessoa é de 154,9 litros. Ele afirma que esse valor está “bem acima” do consumo que a Organização das Nações Unidas (ONU) considera razoável: entre 50 e 110 litros diários.

“A pesquisa de Filipe mostrou que a forma tarifária de cobrança da água não é justa. Pessoas com menor poder aquisitivo, e gastam menos água, deveriam ser incentivadas a pagar contas menores. No entanto, elas pagam proporcionalmente e pagam mais do que as outras”, destaca a professora Cristina Crispim, que esteve na banca de defesa do pesquisador da UFPB.

Ascom/UFPB

O Brasil encerrou mais uma semana epidemiológica em altos patamares, com incremento no número de casos, mas queda nos óbitos. Neste sábado (5/6) foram acrescentadas 682 mortes e 30.168 casos ao balanço do Ministério da Saúde, totalizando 126.203 óbitos e 4.123.000 infecções.
A semana epidemiológica 36 encerrou com incremento no número de casos, mas queda nos óbitos. No acumulado dos últimos sete dias foram contabilizadas novas 276.847 infecções, um aumento de quase 5%. Na avaliação das mortes, a diminuição foi de 7,58%, com o registro de 5.741 fatalidades. A média móvel semanal foi de 820 mortes e mais de 39,5 mil casos por dia, patamares considerados altos pelos especialistas.
Atualmente são 22 unidades federativas com a confirmação de mais de mil mortes cada. Quem lidera o ranking negativo é São Paulo, com 31.313 óbitos pelo novo coronavírus, acumulando mais de um quarto das mortes brasileiras. O Rio de Janeiro é o segundo com mais fatalidades, com 16.526 vítimas da covid. Os dois são os únicos estados que têm mais de 10 mil mortes.
Em seguida estão: Ceará (8.565), Pernambuco (7.670), Pará (6.240), Minas Gerais (5.708), Bahia (5.627), Amazonas (3.841), Rio Grande do Sul (3.714), Maranhão (3.499), Paraná (3.537), Goiás (3.450), Espírito Santo (3.242), Mato Grosso (2.893), Distrito Federal (2.700), Paraíba (2.529), Santa Catarina (2.400), Rio Grande do Norte (2.285), Alagoas (1.924), Sergipe (1.885), Piauí (1.884) e Rondônia (1.180). No pé da tabela estão: Mato Grosso do Sul (953), Tocantins (745), Amapá (671), Acre (624), Roraima (598).

Chamada de CoronaVac, a vacina chinesa está em fase 3 de testes clínicos, inclusive sendo testada com cerca de 9.000 voluntários no Brasil.

O governo de São Paulo fez um acordo com a farmacêutica Sinovac para transferência de tecnologia e produção da vacina junto com o Instituto Butantan no país. (Foto: Reprodução)

 A China aprovou no final de agosto a vacina contra o coronavírus da fabricante Sinovac para uso emergencial em profissionais de saúde, sujeitos a maior risco para contaminação da Covid-19.

Chamada de CoronaVac, a vacina chinesa está em fase 3 de testes clínicos, inclusive sendo testada com cerca de 9.000 voluntários no Brasil. O governo de São Paulo fez um acordo com a farmacêutica Sinovac para transferência de tecnologia e produção da vacina junto com o Instituto Butantan no país.

A informação sobre a aprovação na China foi divulgada no último dia 28 de agosto pela agência de notícias Reuters em Pequim, que ouviu uma fonte próxima à farmacêutica.

Os resultados das fases 1 e 2 da vacina já mostraram bons resultados, com uma proteção acima de 97% após 28 dias. Foram avaliadas 148 pessoas entre 18 e 59 anos na fase 1 e mais 600 pessoas na fase 2. Os efeitos adversos reportados foram brandos. Não houve nenhum efeito colateral grave que pudesse indicar uma possível falha na segurança da vacina.

O estudo randomizado e duplo-cego contou com duas doses do imunizante, uma no primeiro dia de testes e outra 14 dias após. A quantidade de anticorpos no organismo foi medida 14 dias após cada dose.

Uma boa notícia é que a vacina induziu à produção de anticorpos neutralizantes, cuja função é justamente impedir a entrada do vírus nas células, sugerindo que a vacina pode ser eficaz em conter a infecção, não apenas o desenvolvimento da doença.

Os autores, no entanto, afirmam ser necessário aguardar os resultados da fase 3 para ter certeza da eficácia do imunizante.

A CoronaVac é feita a partir de vírus inativados. A ideia é modificar o Sars-CoV-2 tornando-o não infectante. Os cientistas inserem o coronavírus em células Vero – linhagem de células comumente utilizadas em culturas microbiológicas, sintetizadas a partir de células isoladas dos rins de uma espécie de macaco na década de 60 e usadas até hoje – para multiplica-lo em laboratório. A partir daí, o vírus é inativado e incorporado na vacina.

A produção de vacina com o vírus total inativado é semelhante à utilizada para a produção da vacina da raiva. Esse tipo de vacina, porém, necessita de grandes testes de segurança. A fase 3 que está em andamento no Brasil deve prosseguir por, no mínimo, seis meses.

Segundo o diretor do Instituto Butantan Dimas Tadeu Covas, caso os resultados da fase 3 sejam favoráveis a intenção é começar a vacinação já em janeiro.
O Butantan, que pretende produzir 120 milhões de doses até 2021, enfrentará um obstáculo logístico: a CoronaVac necessitade duas doses para imunização. Ou seja, o total produzido poderá atender 60 milhões de pessoas, menos de 1/3 da população do país.

Além da Sinovac, outras duas grandes farmacêuticas chinesas já possuem vacinas com uso restrito aprovado. A primeira a receber a aprovação foi a CanSino em julho, cuja vacina, feita a partir de adenovírus, tecnologia similar à da vacina da Oxford e AstraZeneca, foi aprovada para uso em militares no país.

A vacina da CanSino está atualmente desenvolvendo a fase 3 de ensaios clínicos na Arábia Saudita.

A gigante farmacêutica estatal Sinopharm, por meio do Grupo Nacional Chinês de Biotecnologia (CNBG, na sigla em inglês), também anunciou que teve autorização para o uso emergencial de uma de suas candidatas à vacina contra o coronavírus em estudo, segundo divulgou em redes sociais no último domingo (30).

A CNBG tem duas candidatas à vacina em fase 3 de ensaios, mas não divulgou qual das duas teve o uso aprovado.

Segundoa agência Xinhua, o governo chinês tem aprovado vacinas para uso emergencial como medida de bloquear possíveis novos surtos de Covid-19 durante o outono e inverno. O governo, no entanto, não divulgou maiores informações sobre como essas vacinações ocorrerão e a quantidade de pessoas a ser vacinada.

Arcoverde registra 22 confirmados, 38 curados, um óbito e divulga boletim geral da Covid-19

Arcoverde registra 22 confirmados, 38 curados, um óbito e divulga boletim geral da Covid-19

A Secretaria de Saúde de Arcoverde informa que, nesta sexta-feira, 04 de setembro, até às 18 horas, foram registrados mais vinte e dois (22) casos confirmados de Covid-19, além de trinta e oito (38) curados e um (01) óbito. O boletim diário, portanto, fica com quatrocentos e vinte e nove (429) suspeitos, dois mil quinhentos e vinte e um (2.521) descartados, mil cento e noventa (1.190) confirmados, quarenta e quatro (44) óbitos, e novecentos e cinquenta e um (951) recuperados.
A repartição ressalta que a taxa de recuperação dos confirmados atualmente é de 74,25%, enquanto que a taxa de letalidade está em 3,52%. Estão sendo testadas aproximadamente 100 pessoas por dia. Arcoverde está tendo nos resultados de testagens promovidas, o seu maior número de casos positivos.
Vale lembrar, que dentro dos 1.190 casos confirmados, estão contabilizados os 44 óbitos e 951 curados. No total, a cidade tem quatro (04) pacientes em UTI e cinco (05) em enfermaria.
No Hospital Regional Ruy de Barros Correia, há três (03) pacientes de Arcoverde na UTI e três (03) na enfermaria. No Hospital de Campanha há dois (02) internados. No Hospital Memorial Arcoverde há um (01) paciente na UTI.
Nas barreiras sanitárias das entradas da cidade foram abordados 1.282 carros de fora.
Boletim Geral – De acordo com o balanço geral dos dados de Covid-19, Arcoverde tem 4.140 notificações do Coronavírus, o que significa o total de pessoas suspeitas, desde a investigação até o descarte ou confirmação.
Dos 1.190 casos confirmados, 670 são mulheres e 520 são homens. Já dos 44 óbitos, 17 casos são de mulheres e 27 são de homens.
Confira o mapeamento pelos bairros da cidade e outros detalhes em nosso site.

Afogados registra 09 novos casos positivos e 6 curas para covid-19

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta sexta (04) tivemos o registro de 09 casos positivos para covid-19 em nosso município. Desses, 06 já estavam em investigação. 
São 05 pacientes do sexo feminino (18, 33, 33, 39 e 68 anos) e 04 pacientes do sexo masculino (19, 26, 39 e 53 anos). Entre as mulheres, 01 dona de casa, 01 aposentada, 01 aux. administrativo, 01 promotora de vendas e 01 estudante.  Já entre os homens, 02 de profissão não informada,  01 jovem aprendiz e 01 comerciante.  
Entram em investigação os casos de 27 homens, com idades entre 05 e 89 anos, e os de 49 mulheres, com idades entre 06 e 89 anos. O grande número de investigados no dia de hoje é resultado das coletas realizadas ontem na ASAVAP em parceria com o Rotary Club de Afogados da Ingazeira. 
Hoje tivemos 23 casos descartados após os pacientes apresentarem resultados negativos para covid-19. 
Hoje, 06 pacientes receberam alta após avaliação clínica e epidemiológica. Já são 409 (79,26%) recuperados para covid-19 em nosso município. Atualmente, 97 casos estão ativos em nosso município. 
Atingimos, nesta sexta, a marca de 3.201 pessoas testadas para a covid-19 em Afogados da Ingazeira.

Acusada de esconder milhões, Shakira é investigada por ter doze empresas ‘fantasmas’

O jornal El País informou que segundo as investigações realizadas, o desfalque em impostos espanhóis por parte da cantora chega a US$ 17.3 milhões.

Ela está sendo acusada de ‘esconder seus milhões de dólares’ nesses lugares, para não pagar os impostos fiscais espanhóis correspondentes. (Foto: Reprodução)

Shakira está no meio de uma investigação na Espanha. Segundo o jornal El País, as autoridades descobriram que a cantora tem mais de 12 ‘empresas fantasmas’ em paraísos fiscais. Ela está sendo acusada de ‘esconder seus milhões de dólares’ nesses lugares, para não pagar os impostos fiscais espanhóis correspondentes.

Por meio de investigações, realizadas por uma inspetora da Fazenda espanhola, foram reconstruídos os milhões que a cantora recebeu de lucro. Shakira tem 14 empresas que não possuem trabalhadores e materiais, a maioria no paraíso fiscal das Ilhas Virgens britânicas.

Como exemplo, nas investigações foi revelado que a colombiana cede seus direitos de imagem a uma dessas empresas por US$ 1 e para outra que está registrada em Luxemburgo, outro paraíso fiscal na Europa, ela pagou apenas 2% de seus lucros com a turnê Sale el Sol, e quase todo o valor das entradas vendidas foram parar nas Ilhas Virgens, e depois a uma empresa das Ilhas Caymã, para finalmente chegarem ao bolso de Shakira. O jornal El País informou que segundo as investigações realizadas, o desfalque em impostos espanhóis por parte da cantora chega a US$ 17.3 milhões.

Os advogados de Shakira estão tentando desvencilhar a intérprete dessas acusações, que pode até levá-la à prisão se não pagar o que deve ao fisco espanhol no caso de ser condenada.

Processo contra 2 rappers – Ainda falando em Shakira, a cantora vai processar dois rappers, de acordo com a imprensa espanhola. Segundo o jornal El País, a colombiana decidiu abrir uma ação legal contra os músicos, o alemão Kalazh44 e o libanês Samra por causa de uma música que gravaram, ofendendo a artista e seu país.

Assim que soube do tema, que leva seu nome, ela ordenou que seus advogados iniciassem o processo. No tema, eles a chamam de uma maneira rude e a relacionam com drogas.”Desenha coca colombiana como Shakira”, é uma das frases da canção que irritou a artista. Kalazh44 disse em um clipe que ele postou no Instagram: “Shakira, caso você veja isso, eu quero que você saiba que nós a admiramos muito. 

Nós realmente gostamos da sua música e não queremos problemas. Ah, e Piqué, você joga muito bem”. A suposta capa da música chamada ‘Shakira’ se tornou viral nas redes, onde a artista aparece sentada com uma nota enrolada com os olhos fixos no que parecem ser várias linhas de cocaína em uma mesa. 

De acordo com a imprensa internacional, os rappers podem enfrentar uma disputa milionária se não puderem se retratar do que disseram na música.

Araripina registra 35 novos casos de Covid-19 e número de infectados chega a 1572

O município de Araripina, no Sertão de Pernambuco, registrou 35 novos casos de Covid-19 e mais 70 curas clínicas na sexta-feira (4). Com isso, a cidade contabiliza 1.572 casos, com 900 curas clínicas, 30 óbitos e 642 casos ativos da doença.

Ao todo, foram realizados 4.563 exames no município, sendo 3.727 testes rápidos e 836 exames laboratoriais.

No Sertão do Araripe já foram registradas 93 mortes decorrentes do novo coronavírus. Foram 30 em Araripina, 20 em Ipubi, 13 em Trindade, 12 em Ouricuri, 09 em Exu, 08 em Bodocó e 01 em Moreilândia.

Auxílio Emergencial e FGTS: Caixa libera saques e transferências de novas parcelas neste sábado

Também terão saques e transferências liberados os trabalhadores, nascidos em abril, que tiveram o depósito de até R$ 1.045 do FGTS feito em poupança social digital do banco no último dia 20 de julho.

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. (Foto: Reprodução)

A Caixa Econômica Federal (CEF) libera neste sábado (5) saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial para 4 milhões de beneficiários do programa nascidos em setembro e que estão nos lotes 1 a 6, que tiveram o dinheiro creditado em poupança social digital no último dia 17 de agosto.

Também terão saques e transferências liberados os trabalhadores, nascidos em abril, que tiveram o depósito de até R$ 1.045 do FGTS feito em poupança social digital do banco no último dia 20 de julho.

Para fazer os pagamentos, a Caixa vai abrir 770 agências das 8h às 12h. Veja aqui a lista de agências.

Todos já podiam usar os recursos para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual.

Parcelas extras de R$ 300

Na última quinta-feira (3), o governo oficializou a prorrogação do Auxílio Emergencial, com mais 4 parcelas de R$ 300. Veja aqui como vão ficar os pagamentos e tire dúvidas.

VEJA QUEM PODE SACAR A PARTIR DESTE SÁBADO:

AUXÍLIO EMERGENCIAL

Trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app poderão sacar ou transferir:

4 milhões de nascidos em setembro:

– aprovados no primeiro lote poderão sacar a terceira e a quarta parcelas;
– aprovados no segundo lote poderão sacar a segunda e a terceira parcelas;
– aprovados no terceiro e quarto lotes poderão sacar a segunda parcela;
– aprovados no quinto lote poderão sacar a primeira parcela
– aprovados no sexto lote poderão sacar a primeira parcela
– aprovados no primeiro lote, mas que tiveram o benefício suspenso, poderão sacar a terceira e quarta parcelas

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

SAQUE EMERGENCIAL DO FGTS

Poderão sacar ou transferir:

Trabalhadores nascidos em abril que tiveram o crédito do valor em poupança social digital

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quarta-feira (02.09), 1.437 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, apenas 47 (3%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 1.390 (97%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar. Agora, Pernambuco totaliza 128.724 casos confirmados, sendo 25.609 graves e 103.115 leves.

Também foram confirmados 42 óbitos, ocorridos desde o dia 15 de abril. Do total de mortes do informe de hoje, 17 (40%) ocorreram nos últimos três dias, sendo 4 óbitos registrados no dia de ontem (terça-feira, 1º/08), 9 em 31/08 e 4 em 30/08. As outras 25 mortes (60%) ocorreram entre os dias 15/04 e 29/08. Com isso, o Estado totaliza 7.656 óbitos pela Covid-19

Paraíba confirma 779 novos casos de Covid-19 em 24h; total de mortos chega a 2.483​ e 107.384​ infectados​​

A Paraíba registrou 779 novos casos de Covid-19 e 18 óbitos confirmados desde a última atualização, 03 deles ocorridos nas últimas 24h. De acordo com o boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde divulgado nesta quarta-feira (2), 107.384 pessoas já contraíram a doença, 77.950 já se recuperaram e 2.483, infelizmente, faleceram. Até o momento, 320.973 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

  • Casos Confirmados: 107.384
  • Casos Descartados: 139.132
  • Óbitos confirmados: 2.483
  • Casos recuperados: 77.950
  • Total de municípios: 223

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 33%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 36%. Em Campina Grande estão ocupados 27% dos leitos de UTI adulto e no sertão 41% dos leitos de UTI para adultos.

Os casos confirmados estão distribuídos por todos os 223 municípios paraibanos:
Água Branca (55); Aguiar (23); Alagoa Grande (1063); Alagoa Nova (319); Alagoinha (969); Alcantil (65); Algodão de Jandaíra (20); Alhandra (640); Amparo (17); Aparecida (98); Araçagi (499); Arara (224); Araruna (247); Areia (460); Areia de Baraúnas (11); Areial (50); Aroeiras (216); Assunção (45); Baia da Traição (638); Bananeiras (370); Baraúna (140); Barra de Santa Rosa (80); Barra de Santana (104); Barra de São Miguel (60); Bayeux (1790); Belém (1063); Belém do Brejo do Cruz (54); Bernardino Batista (15); Boa Ventura (8); Boa Vista (113); Bom Jesus (22); Bom Sucesso (23); Bonito de Santa Fé (65); Boqueirão (388); Borborema (41); Brejo do Cruz (441); Brejo dos Santos (57); Caaporã (975); Cabaceiras (82); Cabedelo (2782); Cachoeira dos Índios (100); Cacimba de Areia (9); Cacimba de Dentro (322); Cacimbas (47); Caiçara (443); Cajazeiras (1676); Cajazeirinhas (34); Caldas Brandão (268); Camalaú (21); Campina Grande (12376); Capim (152); Caraúbas (43); Carrapateira (52); Casserengue (365); Catingueira (18), Catolé do Rocha (466); Caturité (102); Conceição (580); Condado (146); Conde (780); Congo (91); Coremas (142); Coxixola (35); Cruz do Espírito Santo (286); Cubati (78); Cuité (268); Cuité de Mamanguape (128); Cuitegí (400); Curral de Cima (32); Curral Velho (3), Damião (40); Desterro (59); Diamante (250); Dona Inês (100); Duas Estradas (84); Emas (52); Esperança (511); Fagundes (111); Frei Martinho (19); Gado Bravo (101); Guarabira (4144); Gurinhém (441); Gurjão (31); Ibiara (112); Igaracy (11); Imaculada (61); Ingá (1370); Itabaiana (1094); Itaporanga (391); Itapororoca (869); Itatuba (345); Jacaraú (306); Jericó (37); João Pessoa (27089); Joca Claudino (19); Juarez Távora (425); Juazeirinho (228); Junco do Seridó (73); Juripiranga (499); Juru (162); Lagoa (6); Lagoa de Dentro (139); Lagoa Seca (712); Lastro (25); Livramento (107); Logradouro (152); Lucena (456); Mãe d’Água (19); Malta (112); Mamanguape (2269); Manaíra (13); Marcação (405); Mari (1163); Marizópolis (34); Massaranduba (339); Mataraca (215); Matinhas (72); Mato Grosso (17); Matureia (41); Mogeiro (221); Montadas (50); Monte Horebe (39); Monteiro (567); Mulungu (407); Natuba (67); Nazarezinho (47); Nova Floresta (79), Nova Olinda (15); Nova Palmeira (82); Olho D´Água (42); Olivedos (111); Ouro Velho (3);  Parari (6); Passagem (30); Patos (3613); Paulista (268); Pedra Branca (5); Pedra Lavrada (39); Pedras de Fogo (1307); Pedro Régis (63); Piancó (188); Picuí (289); Pilar (445); Pilões (132); Pilõezinhos (321); Pirpirituba (320); Pitimbu (619); Pocinhos (204);  Poço Dantas (21); Poço de José Moura (30); Pombal (598); Prata (9); Princesa Isabel (106); Puxinanã (288);  Queimadas (1231); Quixaba (35); Remígio (253); Riachão (77); Riachão do Bacamarte (237);  Riachão do Poço (94); Riacho de Santo Antônio (30); Riacho dos Cavalos (20); Rio Tinto (1115); Salgadinho (31); Salgado de São Felix (261); Santa Cecília (79); Santa Cruz (61); Santa Helena (19); Santa Inês (70);  Santa Luzia (264); Santa Rita (3122); Santa Terezinha (57); Santana de Mangueira (17); Santana dos Garrotes (22); Santo André (14); São Bentinho (70); São Bento (2131); São Domingos (11); São Domingos do Cariri (63);  São Francisco (34);  São João do Cariri (106); São João do Rio do Peixe (317); São João do Tigre (17); São José da Lagoa Tapada (61); São José de Caiana (50); São José de Espinharas (68); São José de Piranhas (212); São José de Princesa (6); São José do Bonfim (59); São José do Brejo do Cruz (16); São José do Sabugi (253); São José dos Cordeiros (45); São José dos Ramos (258); São Mamede (49); São Miguel de Taipu (145); São Sebastião de Lagoa de Roça (247); São Sebastião do Umbuzeiro (20); São Vicente do Seridó (49); Sapé (1123); Serra Branca (184); Serra da Raíz (50); Serra Grande (13); Serra Redonda (267); Serraria (170); Sertãozinho (302); Sobrado (190); Solânea (675); Soledade (183); Sossego (15), Sousa (1776); Sumé (264); Tacima (124); Taperoá (109); Tavares (166); Teixeira (176); Tenório (32); Triunfo (85); Uiraúna (170); Umbuzeiro (79); Várzea (19); Vieirópolis (9); Vista Serrana (18), Zabelê (33).

*Dados oficiais preliminares (fonte: SIM, e-sus VE e SIVEP) extraídos às 10h do dia 02/09, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Até hoje, 154 cidades registraram óbitos por Covid-19. Os 18 óbitos registrados nesta quarta ocorreram entre 20 de maio e 02 de setembro, 04 deles nas últimas 48 horas, entre residentes de 08 municípios. Os pacientes tinham idade entre 46 e 103 anos, sendo 05 deles com menos de 65 anos. Diabetes foi a comorbidade mais frequente. Dos locais, um ocorreu em hospital privado, um em residência e os demais em hospitais públicos.

Mulher, 91 anos, residente em Logradouro. Diabética e cardiopata. Início dos sintomas em 10/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 02/09/2020.

Mulher, 84 anos, residente em Santa Rita. Hipertensa e diabética. Início dos sintomas em 11/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 01/09/2020.

Homem, 78 anos, residente em Campina Grande. Hipertenso e diabético. Início dos sintomas em 13/07/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 01/09/2020.

Homem, 77 anos, residente em João Pessoa. Diabético, portador de doença respiratória, ex-tabagista. Início dos sintomas em 17/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 31/08/2020.

Homem, 103 anos, residente em Alagoa Grande. Cardiopata, portador de doença renal. Início dos sintomas em 21/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 30/08/2020.

Mulher, 63 anos, residente em Jacaraú. Obesa e portadora de doença renal. Início dos sintomas em 29/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 30/08/2020.

Mulher, 61 anos, residente em Campina Grande. Cardiopata. Início dos sintomas em 23/08/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 30/08/2020.

Mulher, 68 anos, residente em Campina Grande. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 06/07/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 15/08/2020.

Mulher, 75 anos, residente em Juarez Távora. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 06/08/2020. Foi a óbito em residência no dia 06/08/2020.

Homem, 77 anos, residente em Mamanguape. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 10/06/2020. Foi a óbito em hospital privado no dia 01/08/2020.

Homem, 85 anos, residente em Campina Grande. Portador de doença respiratória. Início dos sintomas em 28/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 14/07/2020.

Homem, 46 anos, residente em Campina Grande. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 28/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 10/07/2020.

Mulher, 60 anos, residente em Juarez Távora. Hipertensa e diabética. Início dos sintomas em 26/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 06/07/2020.

Homem, 91 anos, residente em Campina Grande. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 23/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 01/07/2020.

Mulher, 90 anos, residente em Campina Grande. Sem comorbidade. Início dos sintomas em 21/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 28/06/2020.

Mulher, 90 anos, residente em Campina Grande. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 07/06/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 17/06/2020.

Mulher, 72 anos, residente em Campina Grande. Diabética. Início dos sintomas em 06/07/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 21/05/2020.

Mulher, 61 anos, residente em Campina Grande. Comorbidade não informada. Início dos sintomas em 04/05/2020. Foi a óbito em hospital público no dia 20/05/2020.

O Grand Hotel Sonnenbichl, localizado nos alpes de Garmisch-Partenkirchen, foi o destino escolhido pelo rei.

Maha Vajiralongkorn foi nomeado príncipe herdeiro em 1972 e ascendeu como rei da Tailândia em 2016, após a morte do pai. (Foto: Reprodução)

 O rei da Tailândia, Maha Vajiralongkorn, 68, também conhecido como Rama X, está isolado em um resort de luxo na Alemanha em meio à pandemia do novo coronavírus, com mais de 20 mulheres. O Grand Hotel Sonnenbichl, localizado nos alpes de Garmisch-Partenkirchen, foi o destino escolhido pelo rei.

A informação foi dada pelo jornal alemão Bild, que afirmou a libertação da ex-amante e consorte real (cônjuge do monarca) Sineenat Bilaskalayani, 35, presa no ano passado sem motivos aparentes — após se envolver publicamente com o monarca, casado com ex-comissária de bordo Suthida Tidjai — para se juntar ao grupo de mulheres.

Ainda segundo a mídia alemã, a ex-amante de Rama X desembarcou em Munique, na Alemanha, no último sábado (29) e foi levada para os aposentos da realeza, que reservou um andar inteiro no hotel e armou um forte esquema de segurança. Há relatos que a administração do local construiu uma “sala de prazer” para o monarca.

Sineenat treinou como piloto na Tailândia e no exterior, serviu na unidade real de guarda-costas do rei e, em 2019, foi premiada com o posto de major-general. No entanto, a ex-amante do monarca deixou o posto após três meses da nomeação. Ela foi acusada por deslealdade e ambição de tomar a posição da rainha, Suthida Tidja.

Maha Vajiralongkorn foi nomeado príncipe herdeiro em 1972 e ascendeu como rei da Tailândia em 2016, após a morte do pai. Entretanto, Rama X vive na Alemanha desde 2007. Ele também é pai de sete filhos e atualmente está no seu 4º casamento.

Reynaldo Gianecchini sobre definições de sua sexualidade: “Não me considero gay”

“Todo mundo tem muitos lados dentro de si mesmo e que a sexualidade reflete muito isso”, disse o artista.

Gianecchini ainda falou sobre os rótulos sexuais. “Dizem que sou gay, mas não me considero assim.” (Foto: Reprodução)

O ator Reynaldo Gianecchini, de 47 anos, abriu o coração e fez algumas revelações íntimas sobre sua sexualidade. Em entrevista a EFE, ele defendeu a liberdade para as pessoas serem o que quiser: “Nunca quis levantar nenhuma bandeira. Acredito na liberdade de ser o que cada um quiser ser. Todo mundo tem muitos lados dentro de si mesmo e que a sexualidade reflete muito isso”, disse o artista.

Gianecchini ainda falou sobre os rótulos sexuais. “Dizem que sou gay, mas não me considero assim. Eu me considero tudo ao mesmo tempo. Se existir uma palavra para mim, então é ‘pan’ [pansexual] – termo que se refere a quem tem atração física, amor e desejo sexual por outras pessoas, independentemente de sua identidade de gênero ou sexo biológico-  porque ‘pan’ é tudo’”, concluiu.

Vale lembrar que em março deste ano, Reynaldo Gianecchini deu uma entrevista para a revista imprensa Pop-se e desabafou: “Não assumi que sou gay. Falei que sou tudo”, contou o ator abertamente sobre a sua opção sexual. Cabe tudo dentro de mim, não me encaixo em nenhuma gaveta. É uma atitude política falar isso hoje em dia. A sociedade é muito careta. O Brasil é um país preconceituoso, racista e reprimido

‘Era perceptível que eles mantinham relações sexuais entre irmãos, entre pai e filha, entre mãe e filhos’, diz a pessoa. Defesa da deputada não se manifestou.

Pessoa que conviveu com família diz que eles viviam mentira (Foto: Reprodução)

Uma pessoa que morou na casa da deputada federal Flordelis (PSD) afirmou que ela e o ex-marido assassinado, pastor Anderson do Carmo, mantinham relações sexuais com filhos e filhas.

A pessoa, que prefere se manter no anonimato, disse ao RJ2 que tem medo de sofrer represálias da família da deputada.

Como mostrado pela equipe de reportagem nessa segunda-feira (31), a pessoa afirmou que morou na casa de Flordelis – informação que é reforçada por testemunhas ouvidas na investigação sobre a morte do pastor Anderson, crime do qual Flordelis é acusada de ser a mandante.

No relato exclusivo ao RJ2, as histórias desconstroem a imagem de mãe amorosa e mulher bem-intencionada que Flordelis exibia.

“O que era perceptível é que ela mantinha um número para manter o marketing pessoal dela, de 50 crianças adotadas”, afirmou a pessoa.

Também segundo o depoimento, o “Ministério Flordelis” – uma espécie de congregação – servia para arrecadar dinheiro e sustentar os luxos da deputada.

“Tanto Flordelis quanto Anderson do Carmo não tinham nenhum tipo de emprego, nenhum tipo de renda. E este marketing, das 50 crianças, praticamente era a única fonte de renda que eles possuíam.”

E o dinheiro recebido, segundo o depoimento, não era pouco.

“Ela cantava nas igrejas, recebia as ofertas. O dinheiro circulava em grande quantidade, na verdade, na casa. (…) Regalias e carro do ano, bons restaurantes, era isso que era destinado.”

Só que os privilégios não eram para toda a família.

“Tinha diferença de tratamento. Algumas crianças tinham certos privilégios. Outros não tinham tantos privilégios quanto os primeiros”, detalhou a pessoa.

“Existia na casa, sim, uma geladeira que não ficava, na época, no quarto da missionária Flordelis. Essa geladeira ficava na cozinha, porém ela tinha cadeado e grade. Ficava trancada e só quem tinha acesso à chave era Anderson, missionária Flordelis e Carlos, que era quem cuidava de toda a alimentação da casa”, acrescentou.

Seguindo o relato, alguns integrantes da família de Flordelis comiam determinados alimentos, mas a grande maioria tinha outro tipo de refeição.

“Batata frita para os mais privilegiados, bife… E para outras crianças sempre era frango, sempre era uma comida um pouco de menos valor.”

Os relatos são confirmados por outros depoimentos. Um obreiro da igreja disse à polícia que a casa recebia doações de comida e que percebeu que a melhor parte ia para determinado núcleo familiar.

Linguagem em código

As investigações da polícia também mostraram que muitas informações precisavam ser mantidas em segredo pelo principal núcleo da família.

Foi aí que surgiu a ideia de usar uma linguagem comum entre crianças e adolescentes nas décadas de 1970 e 1980. O recurso virou um importante código de comunicação: a língua do “P”.

“Existia uma comunicação interna entre eles, onde eles não queriam que uma outra pessoa soubesse. Eles falavam a língua do P, mas de uma maneira bem acelerada, que era bem impossível uma pessoa sem prática reconhecer ou identificar”, detalhou.

A conversa ocorria geralmente entre Flordelis e Simone, uma das filhas biológicas. E a polícia também foi informada disso. Uma testemunha afirmou que a comunicação através de códigos era comum no grupo.

Relações sexuais

A pessoa ouvida pelo RJ2 também relatou práticas sexuais envolvendo moradores da casa.

“Durante o convívio, era perceptível que eles mantinham relações sexuais entre irmãos, entre pai e filha, entre mãe e filhos. Isso era nítido, notório, e inclusive contado pelos próprios.”

De acordo com o relato, a história de amor do casal Flordelis e Anderson começou a mudar quando o pastor começou a mandar mais do que a deputada nos negócios da família.

“Anderson se tornou uma pedra no sapato pra Flordelis. E ela fez com ele exatamente o que ela faz com todos: retira do caminho.”

Ao desabafar, a pessoa afirmou ter percebido as mentiras de Flordelis – e do pastor.

“O que eles pregam não é exatamente o que eles vivem. Eles vivem uma vida de mentira, uma vida de omissões, uma vida sem amor, uma vida voltada praticamente pra si, pelo dinheiro, riqueza e fama.”

Procurada, a defesa da deputada não retornou aos contatos do RJ2.

Índice que mede o ritmo de contágio (Rt) do novo coronavírus no Brasil caiu de 1 para 0,94.

Especialistas pedem cautela na análise, mas dizem que número reforça tendência de estabilização da pandemia. (Foto: Reprodução)

A taxa de transmissão do novo coronavírus no Brasil caiu de 1 para 0,94, o menor índice desde abril, mostra relatório semana do Imperial College London. O número, também chamado de ritmo de contágio (Rt), reforça a tendência de estabilização da pandemia.

Esse patamar abaixo de 1 tinha sido registrado em 16 de agosto, quando a taxa estava em 0,98.

Também simbolizado por Rt, o “ritmo de contágio” é um número que traduz o potencial de propagação de um vírus: quando ele é superior a 1, cada infectado transmite a doença para mais de uma pessoa e a doença avança.

Segundo o relatório, os dados levam em conta a média das estimativas de mortes na comparação das duas semanas. Pelas estatísticas, essa taxa pode ser ainda maior (até Rt = 1,01) ou menor (até Rt = 0,90).

A atualização desta semana se refere a números totalizados no domingo (30).

Cautela na interpretação

O relatório do Imperial College London pondera que os números sobre o Brasil vêm passando por mudanças na maneira de divulgação e que, portanto, os resultados precisam ser interpretados com cautela.

O Brasil aparece com uma taxa menor do que outros países sul-americanos, como Chile (0,97), Venezuela (1,06), Argentina (1,09) e Paraguai (1,32).

Números do Brasil

De acordo com o consórcio de veículos de imprensa, o Brasil registrava mais de 121 mil mortes por Covid-19 até as 8h desta terça. O total de casos acumulados do novo coronavírus passava de 3,9 milhões.

Na segunda, a média móvel de novas mortes em 7 dias foi de 866 óbitos, uma variação de -12% em relação aos dados registrados 14 dias antes. Essa foi a média mais baixa desde o dia 20 de maio, quando a média móvel foi de 804 novas mortes confirmadas por dia.

Em maio, a Vice também anunciou a decisão de abandonar a produção editorial própria no Brasil. Ambas as empresas foram duramente atingidas pela crise.

Segundo o editor Graciliano Rocha, em nota pública de despedida, a decisão de descontinuar a operação do BuzzFeed News Brasil foi tomada ao longo deste ano e é um efeito direto da crise econômica desencadeada pela pandemia. (Foto: Reprodução)

 O BuzzFeed anunciou nesta segunda-feira (31) o encerramento de sua operação de notícias jornalísticas no Brasil, iniciada em maio de 2016.

Segundo o editor Graciliano Rocha, em nota pública de despedida, a decisão de descontinuar a operação do BuzzFeed News Brasil foi tomada ao longo deste ano e é um efeito direto da crise econômica desencadeada pela pandemia.

Ainda conforme o editor, as demais franquias da empresa no país nas áreas de entretenimento (BuzzFeed Brasil) e gastronomia (Tasty Demais) continuam com suas atividades. O BuzzFeed News em inglês também segue normalmente.

Em maio, a Vice também anunciou a decisão de abandonar a produção editorial própria no Brasil. Ambas as empresas foram duramente atingidas pela crise.

Com o encerramento da operação, Rocha e sua equipe de quatro repórteres —Tatiana Farah, Mauro Albano, Severino Motta e Guilherme Lúcio da Rocha — deixam a empresa. A equipe foi comunicada da descontinuidade do site de notícias na semana passada.

Em abril, o BuzzFeed já havia anunciado a intenção de vender suas operações no Brasil e na Alemanha, em decorrência da perda global de receitas publicitárias devido à pandemia.

“Nós entramos em 2020 como uma empresa lucrativa e estávamos preparados para investir em nosso negócio no Brasil, mas infelizmente não temos mais capacidade para isso”, disse à época Matt Drinkwater, vice-presidente sênior da área internacional do BuzzFeed, ao Meio e Mensagem.

Segundo uma pessoa com conhecimento da operação, no Brasil a empresa segue no processo de negociação para busca de um novo parceiro de negócios. Já a operação de notícias seria descontinuada de qualquer forma, independentemente da venda ou não.

A operação jornalística não gerava receitas próprias, sendo integralmente bancada pela empresa, que se financia através de publicidade e criação de conteúdo por encomenda para marcas (branded content, na expressão em inglês).

“Jornalismo é uma atividade essencial em uma democracia e seu pleno exercício, tal como o concebemos, pressupõe independência editorial em relação a governos, partidos e interesses político-ideológicos. Mantivemo-nos fiéis a este compromisso”, escreveu Rocha no comunicado de encerramento.

Na nota, o editor lembra ainda de uma das reportagens de maior repercussão do site. Nela, o repórter Chico Felitti contou com delicadeza a trajetória de Ricardo Corrêa da Silva, figura emblemática das ruas de São Paulo, conhecido pelo apelido Fofão da Augusta.

“Por aptidão e escolha, voltamos a nossa atenção principalmente a histórias de pessoas”, escreve Rocha. “Ao contar a história de uma única pessoa, pode-se enxergar as marcas da história e as escolhas políticas de uma cidade ou um país, mas sem perder a beleza da singularidade.”

O jornal afirma que Nicole Poturalski, 27, com quem o ator foi fotografado recentemente, tem um relacionamento aberto com o marido, Roland Mary, 68, que também é pai do filho dela, Emil, de 7 anos.

Não só o relacionamento seria bem aceito pelo marido como ele a teria conhecido em agosto de 2019 justamente no restaurante Borchardt, em Berlim, que é de propriedade de Mary. (Foto: Reprodução)

 Brad Pitt, 56, está namorando uma mulher casada, de acordo com o tabloide britânico “Daily Mail”. O jornal afirma que Nicole Poturalski, 27, com quem o ator foi fotografado recentemente, tem um relacionamento aberto com o marido, Roland Mary, 68, que também é pai do filho dela, Emil, de 7 anos.

Não só o relacionamento seria bem aceito pelo marido como ele a teria conhecido em agosto de 2019 justamente no restaurante Borchardt, em Berlim, que é de propriedade de Mary. Ele já havia estado no local em 2009, durante as filmagens de “Bastardos Inglórios” na Alemanha, e voltou no ano passado, enquanto promovia o filme “Era Uma Vez em Hollywood”.

“Brad foi apresentado à esposa de Roland, Nicole [Poturalski], e ela lhe passou o próprio número”, disse um amigo da modelo ao jornal. “Roland é um cara muito filosófico”, disse sobre o marido dela. “Ele foi casado várias vezes e tem cinco filhos. Ele não está interessado em negatividade ou ciúme.”

“Eles ainda são casados”, garantiu. “Mas você poderia descrever seu relacionamento como um casamento aberto.”

A publicação diz ainda que Nicole viajou para Los Angeles algumas semanas depois desse primeiro encontro. A modelo foi fazer uma sessão de fotos na cidade, mas aproveitou para ir com Pitt a um show de Kanye West, onde os foram fotografados juntos.

Recentemente, o novo casal foi visto a caminiho do Chateau Miraval, no sul da França, onde ele e Angelina Jolie se casaram em 2014.

O jornal tentou falar com Roland Mary sobre o assunto, mas ele não quis responder. A assessoria de Brad Pitt disse que não fala sobre a vida pessoal do ator.

Netflix libera filmes e séries de graça; confira lista

É possível assistir aos conteúdos gratuitamente mesmo sem ter qualquer assinatura

Mesmo sem pagar pela Netflix, qualquer internauta pode aproveitar títulos como Stranger Things, Elite, Bird Box e Dois Papas. (Foto: Reprodução)

A Netflix lançou, nesta segunda-feira (31), um site com filmes e séries gratuitos para quem não é assinante do serviço de streaming. O objetivo da empresa é conseguir novos adeptos à plataforma, e a novidade está disponível em 200 países, incluindo o Brasil. 

Mesmo sem pagar pela Netflix, qualquer internauta pode aproveitar títulos como Stranger Things, Elite, Bird Box e Dois Papas. Os filmes podem ser assistidos completamente, mas as séries só tiveram seus primeiros episódios disponibilizados. 

A Netflix não informa até quando o site fica no ar, e disse que “a seleção pode mudar de tempos em tempos”. 

Ao site TechCrunch, a empresa argumentou que “testa diferentes promoções de marketing para atrair novos membros e dar a eles uma ótima experiência com a Netflix”. Confira os títulos disponibilizados gratuitamente:

Filmes

  • Mistério no Mediterrâneo
  • Bird Box
  • Dois Papas

Séries

  • Stranger Things
  • Elite
  • O Chefinho – De volta aos negócios
  • Olhos que Condenam
  • Casamento às Cegas
  • Nosso Planeta
  • Grace and Frankie

Para assistir gratuitamente aos títulos, é preciso acessar a página especial da Netflix.

Os conteúdos podem ser acessados de qualquer navegador compatível no desktop e no Android; por enquanto, não é possível consumir as novidades no iOS.

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta segunda (31) foram detectados 16 casos para covid-19 em nosso município. Desses, 03 são contatos de casos positivos e 11 já estavam em investigação, aguardando resultados de exames. 
São 09 pacientes do sexo masculino (23, 31, 32, 33, 46, 46, 54, 56 e 86 anos) e 07 pacientes do sexo feminino (17, 19, 34, 41, 57, 59 e 73 anos). As mulheres são: 02 aposentadas, 01 do lar, 01 aux. administrativa, 01 agricultora, 01 manicure e 01 estudante. Já entre os homens: 02 autônomos, 01 arquiteto, 01 mecânico, 02 profissionais da saúde, 01 aposentado, 01 agricultor e 01 recepcionista. 
Entram em investigação os casos de 10 homens, com idades entre 6 e 71 anos, e os de 14 mulheres, com idades entre 16 e 99 anos.
O óbito de um homem, 47 anos, que estava em investigação, foi descartado para covid-19. 
No entanto, hoje, uma paciente do sexo feminino, 99 anos, faleceu em casa e por ter tido contato com duas pessoas com sintomas sugestivos para covid-19, a equipe resolveu colher amostra da nasofaringe para investigar o caso. 
Tivemos 43 casos descartados após os pacientes apresentarem resultados negativos para covid-19. 
Hoje, 13 pacientes receberam alta após avaliação clínica e epidemiológica. Já são 381 (81,5%) recuperados para covid-19 em nosso município. Atualmente, 78 casos estão ativos em nossa cidade. 
O município atingiu hoje a marca de 2.956 pessoas testadas. 
Semana Epidemiológica: 
Os dados da SE ainda estão sendo compilados, pois alguns resultados de exames ainda não saíram. Assim, comparando a três últimas semanas, SE 33 (74 casos), SE 34 (83 casos), SE 35 (72 casos), notamos uma diminuição no número de casos na SE 35 que terminou no último sábado. A média móvel das semanas analisadas foram: SE 33 (10,57 casos/dia), SE 34 (11,85 casos/dia) e SE 35 (10,28 casos/dia). Um outro registro importante é a estabilização no número de casos graves confirmados, nós tivemos 01 caso grave nos últimos 14 dias.

Serra Talhada confirma 80 novos casos de covid-19 e mais dois óbitos

Foto: reprodução

A Secretaria de Saúde de Serra Talhada informa que foram registrados 80 novos casos positivos de Covid-19 nas últimas 72h, totalizando 3.335 casos confirmados. São 38 pacientes do sexo masculino e 42 do sexo feminino, com idades entre 0 e 96 anos. Os novos casos foram confirmados através de 58 testes rápidos, 12 resultados de Swab e 10 exames particulares.

Foram confirmados os óbitos de dois pacientes idosos do sexo masculino. O primeiro tinha 84 anos, era morador do Vila Bela, hipertenso, diabético e faleceu em casa no dia 28 de agosto; o segundo paciente tinha 96 anos, era morador do Tancredo Neves, estava internado no Hospam e veio a óbito no dia 29 de agosto.

O número de casos suspeitos caiu para 81 e o de casos descartados subiu para 14.554.

Quanto à evolução dos casos confirmados, são 2.985 pacientes recuperados, 283 em tratamento domiciliar, 17 em leitos de internamento e 50 óbitos. Em relação aos profissionais de saúde  são 119 recuperados e 2 em tratamento.

O boletim epidemiológico fica com 3.335 casos confirmados, 2.985 recuperados, 300 em recuperação, 81 casos suspeitos, 14.554 descartados e 50 óbitos.

Sertão: Casos de Covid-19 em Trindade chegam a 425

Foto: reprodução

Nesta segunda-feira (31), mais quatro casos de Covid-19 foram registrados em Trindade, no Sertão Pernambucano. Com isso, o município contabiliza 425 casos, 369 curas clínicas, 13 óbitos e 43 casos ativos da doença.

De acordo com o boletim divulgado pela prefeitura, do total de pacientes, quatro estão recebendo assistência hospitalar. Um está no Hospital Municipal Maria Veneri de Oliveira Leite, um no Hospital Regional de Ouricuri e dois pacientes estão no Hospital Santa Maria de Araripina.

O estado de Pernambuco tem 125.539 confirmações e 7.593 óbitos pela Covid-19, de acordo com o mais recente boletim divulgado.

Arcoverde confirma cinco novos casos de Covid-19, quatro recuperados e dois óbitos

A Secretaria de Saúde de Arcoverde comunica nesta segunda-feira, 31 de agosto, que até às 18 horas, foram confirmados mais cinco (05) casos de Covid-19, além de quatro (04) curados e dois (02) óbitos no município. O boletim diário, portanto, fica com quinhentos e quatorze (514) suspeitos, dois mil duzentos e setenta e dois (2.272) descartados, mil cento e cinquenta e um (1.151) confirmados, quarenta e um (41) óbitos, e novecentos e quatro (904) recuperados.

Segundo a repartição municipal, a taxa de recuperação dos casos confirmados atualmente é de 74,25%, enquanto que a taxa de letalidade no município está em 3,52%. Estão sendo testadas aproximadamente 100 pessoas por dia. Arcoverde está tendo nos resultados de testagens promovidas, o seu maior número de casos positivos ultimamente.

Vale lembrar, que dentro dos 1.151 confirmados, estão contabilizados os 41 óbitos e 904 curados. No total, a cidade tem quatro (04) pacientes em UTI e quatorze (14) em enfermaria.

No Hospital Regional Ruy de Barros Correia, há três (03) pacientes de Arcoverde na UTI e cinco (05) na enfermaria. No Hospital de Campanha há nove (09) internados. No Hospital Memorial Arcoverde há um (01) paciente na UTI.

Nas barreiras sanitárias das entradas da cidade, foram abordados 1.500 carros de fora. Não confunda flexibilização do comércio com cura do Covid-19. Não saia de casa, se não for necessário. Caso precise sair, use a proteção. Para dúvidas ou sugestões ligue para o Disk Coronavírus do município: 0800-281-55-89 e 3821-0082. 

São José do Egito registra mais 2 óbitos por covid-19

No início do mês de agosto, um senhor de 67 anos, residente no povoado Bonfim, apresentou sintomas gripais e foi orientado pela Equipe de Saúde da Família a procurar o serviço médico. Os seus filhos o levaram para Monteiro – PB, onde residem. Buscaram atendimento médico, em seguida o senhor foi transferido para Campina Grande – PB, onde veio a falecer no último dia 13. Apenas hoje, a secretaria de saúde de São José do Egito recebeu a documentação que comprova o falecimento em decorrência da covid-19.Nas últimas 24hs, 12 pacientes encerraram o tratamento e estão livres da doença. Só nessa segunda-feira (31), o Centro de Atendimento e Enfrentamento ao Covid-19 já realizou 33 testes, são 1.877 exames realizados desde o início da pandemia. Confirmamos o surgimento de 5 novos casos da doença. Atualmente, 26 pessoas que testaram positivo para o novo Coronavírus, estão em isolamento domiciliar, sendo acompanhadas por nossa equipe multidisciplinar e duas estão internadas na UPA/COVID.
Na tarde de ontem (30), um senhor de 80 anos de idade, deu entrada na UPA/COVID com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), dispnéia, febre, saturação menor que 95%, tosse e desorientação. Apresentava um histórico de comorbidades, como: diabetes, hipertensão e sequelas de Acidente Vascular Cerebral (AVC). O paciente foi imediatamente atendido, internado num leito de UTI. Quando submetido ao teste de Swab ultrassensível, foi diagnosticado com a Covid-19. O paciente não resistiu e faleceu na madrugada de hoje.

 

Araripina: Após denúncia, polícia interrompe festa com aglomeração em residência

Foto: divulgação 9ª CIPM

Uma festa residencial com pelo menos 20 pessoas teve de ser interrompida por policiais militares da 9ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) em Araripina (PE), Sertão do Araripe, na noite de ontem (30).

Além de estar desobedecendo ao decreto estadual referente às medidas de combate ao novo coronavírus (Covid-19), o dono da casa foi denunciado por perturbação do sossego.

Segundo o boletim policial, o proprietário estava com o som do seu carro em alto volume, perturbando a vizinhança.

Ele foi conduzido à 200ª Delegacia de Polícia Civil (DPC), juntamente com o equipamento automotivo apreendido. (Com informações do Blog do Carlos Britto)

 

Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo do Ministério da Saúde destinado à contratação de 4.117 profissionais com níveis médio, técnico e superior. Interessados podem se candidatar até o dia 7 de setembro através do site do órgão.

Há oportunidades para as funções de anestesiologista, cancerologista, cardiologista, infectologista, enfermeiro, assistente social, biomédico, técnico em radiologia, enfermeiro perfusionista, analista administrativo, técnico em enfermagem, entre outras. A seleção não está cobrando taxa de inscrição.

Os profissionais deverão atuar em várias unidades hospitalares espalhadas pelo País. Para selecionar os candidatos, haverá uma análise de títulos na qual será realizada uma somatória de pontos de experiências e habilitações.

Ao serem efetivados, os profissionais trabalharão de 24 a 40 horas semanais e terão uma remuneração que varia de R$ 1.700 a R$ 11 mil, a depender do cargo escolhido. Confira mais detalhes sobre o processo seletivo através do edital de abertura.

Paulo Câmara mantém bares, restaurantes e academias fechados no Sertão do Araripe

Foto: reprodução

Confirmando a sequência de quedas nos indicadores de saúde, Pernambuco atingiu a estabilidade no patamar baixo da curva de contágio e óbitos provocados pela Covid-19. Cinco meses após o registro do primeiro caso da doença no Estado, mais de 70 municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR) e das Zonas da Mata Norte e Sul migraram para a “área verde”, o que significa a chegada a Macrorregião 1 ao nível 2 de risco, fase que antecede as novas condições de normalidade no convívio social.

Com 97% dos setores econômicos já com suas atividades retomadas, o Estado valida o planejamento adotado no andamento do Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19, iniciado em 1º de junho, dando a perspectiva de que a estabilidade se estenda para todo território pernambucano.

A medida permite o avanço da Macrorregião de Saúde 1 para a Etapa 8 do Plano. A partir desta segunda-feira, 31 de agosto, o Governo de Pernambuco autorizou a retomada do comércio de praia e a reabertura dos museus e espaços de exposições, sempre seguindo novos protocolos de higiene, saúde e comunicação. Além disso, os escritórios localizados nessa região já podem voltar a operar com 100% da capacidade.

Caruaru e outras 31 cidades do Agreste, por sua vez, vão para a etapa 7 do Plano. Desta forma, os serviços de alimentação e shopping centers podem ampliar seu horário de funcionamento para as 22h. Até o momento, os estabelecimentos estão funcionando das 10h às 20h (centros de compras) e das 6h às 20h (restaurantes, bares, lanchonetes, cafés e similares).

Garanhuns e outras 20 cidades que compõem seu entorno, também no Agreste, continuam na Etapa 6 do Plano de Convivência. Já estava autorizado o funcionamento de serviços de alimentação com 50% da capacidade, além de academias de ginástica, Feira e Polo de Confecções sob novos protocolos. A etapa 6 permitiu ainda a reabertura dos shoppings e comércio varejista de rua com limite de 10 metros quadrados para cada cliente.

Também não haverá avanço das regras de flexibilização, nesta próxima fase, para as seis regionais de Saúde que dividem 60 cidades do Sertão. Os municípios continuarão nas etapas em que estão atualmente, que seriam as seguintes:

VI GERES (Etapa 6) – Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Inajá, Jatobá, Manarí, Pedra, Petrolândia, Sertânia, Tacaratu, Tupanatinga, Venturosa.

VII GERES (Etapa 6) – Belém do São Francisco, Cedro, Mirandiba, Salgueiro, Serrita, Terra Nova, Verdejante.

VIII GERES (Etapa 6) –Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina, Santa Maria da Boa Vista.

IX GERES (Etapa 4) – Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena, Trindade.

X GERES (Etapa 6) – Afogados da Ingazeira, Brejinho, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Santa Terezinha, São José do Egito, Solidão, Tabira, Tuparetama.

XI GERES (Etapa 6) – Betânia, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Flores, Floresta, Itacuruba, Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada, Triunfo.

Afogados: agentes de saúde cobram responsabilidade da população

Por André Luis/Blog Nill

No Debate das Dez da Rádio Pajeú desta segunda-feira (31), os agentes de saúde, Maria Auxiliadora (coordenadora do Sindacs) de licença, Vera Lúcia (coordenadora substituta), Rogério Jesuíno de Oliveira, o Jota Oliveira e Alisson Tiago, falaram sobre as recentes críticas sofridas pela categoria com relação ao monitoramento dos pacientes positivados para a covid-19 no município.

Maria Auxiliadora, confirmou a pactuação com Ministério Público, para que os agentes comunitários de saúde, fizessem visitas em horas não marcadas e duas vezes por dia, à esses pacientes, para confirmar se estariam cumprindo com as recomendações sanitárias. Mas ela, informou que a pactuação só foi feita com os ACSs da zona urbana e não com os da zona rural.

Ela também levantou algumas questões como a de agentes que da zona rural que moram a dez quilômetros do paciente a ser monitorado e disse ser “humanamente impossível” esse monitoramento. 

“Imagina um agente sair duas vezes por dia da sua casa para ir visitar um paciente que já está orientado a ficar em casa, se tiver alguma suspeita procurar o hospital de campanha? Nosso trabalho no dia a dia está sendo assim”, explicou. 

Ela disse ainda que o agente tem outras funções: “não estamos monitorando somente as pessoas que estão com covid-19”.

Já o ACS Jota Oliveira, foi mais duro na sua cobrança. Para ele é o monitoramento é desnecessário.

“Eu acho desnecessário que todo dia eu tenho que estar na casa de um cidadão dizendo pra ele ficar em casa porque está com covid-19, será que… pelo amor de Deus, gente! Que sociedade é essa? Que ser humano é esse que precisa, de manhã e de tarde até nos meus domingos, nos meus feriados, eu ter que estar na sua residência, dizendo que precisa ficar em casa, se os meios de comunicação já dizem isso todos os dias. Quando você vai testar é orientado a ficar em casa”, questionou Jota.

Outra reclamação da classe é sobre a demora da informação chegar aos agentes se o paciente está confirmado ou não pra covid-19. 

“Eu fui à casa do cidadão dizer pra ele ficar em casa e não estava e, aí, o que eu faço? Prendo ele? Me dê uma solução. Liguei pra minha enfermeira e informei: ‘a paciente que você me disse que estava com covid-19, não está em casa’. Ela ligou pra vigilância e a resposta que eu tive foi que a mulher já estava de alta”, relatou Jota. 

“Eu tenho 268 casas, 635 pessoas para acompanhar mensalmente, e o trabalho não diminuiu não. Eu tenho que acompanhar se idoso está tomando a medicação, se gestante está fazendo pré-natal, se criança está vacinada, agora, a covid-19 sobrecarrega a gente. Jogam o problema, mas não procuram saber as nossas dificuldades”, desabafou o agente. 

Jota também reclamou da falta de condições para que agentes que tem pacientes longe possam estar fazendo as visitas. “Tem agente que não tem carro, não tem moto. Aí precisa pagar mototáxi pra ir dizer a pessoa que está doente que tem que ficar em casa”, reclamou.

O ACS Alisson, concordou com as colocações do colega Rogério e disse que a classe não pode ser responsabilizada por conta da covid-19.

“A gente não foge da nossa responsabilidade de orientar, e isso já foi dito aqui. Orientamos fazemos o nosso papel, inclusive não queremos nos esquivar da nossa responsabilidade nesse momento de pandemia, mas nos estamos fazendo um trabalho de auxiliar a Vigilância Sanitária do município, não somos os responsáveis, direto, mas orientar as pessoas, dizer que fiquem em casa, que faça o tratamento correto, que procure o centro de reabilitação quando estiver com alguns dos sintomas, isso a gente já faz todo dia”, disse Alisson.

“Sabemos que existem pessoas teimosas, que mesmo diante de um momento como esse são orientadas a ficar em casa, elas ainda vão pra rua, tem contato com outras pessoas, fazem viagens, ou seja, não somos nós que vamos mudar o estilo de vida dessas pessoas, mas a orientação está sendo feita” relatou Alisson.

Nesta terça-feira (01/09), O Ministério Público faz nova reunião com os ACSs, da zona urbana e rural, para tentar fechar a questão da pactuação do monitoramento.

 

https://www.jcnoticias.com.br/assets/uploads/files/1d7d5-recha.jpg

Um novo terremoto foi registrado em algumas cidades do Recôncavo baiano na madrugada desta segunda-feira (31). De acordo com a Defesa Civil do estado, o tremor foi sentido por volta das 3h40 da manhã por moradores dos municípios de Amargosa e São Miguel das Matas, Laje e Santo Antônio de Jesus. Não há registro de ocorrências graves ou feridos até o momento.

O fenômeno foi classificado com a magnitude 3.5 na escala Richter. Pesquisadores do Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (USP) informaram que a região do Recôncavo baiano tem histórico significativo de sismicidade, e que 9 tremores foram registrados entre 2018 e 2019. 

A região registrou no domingo (30) movimentações de terra em pelo menos 80 municípios, com magnitude de 4.6. Os relatos foram reportados na página do Centro de Sismologia da USP entre 7h e 9h. Pesquisadores informaram que o motivo do tremor está sob análise. Mais tarde, tremores mais leves foram registrados novamente.

Aderson Nascimento, coordenador do Laboratório de Sismologia (LabSis) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), explicou o fenômeno e disse que episódios como este não são comuns no Brasil, o que pode afetar psicologicamente a população. No entanto, ele garantiu que o monitoramento é essencial para o acompanhamento das movimentações das placas tectônicas

Aglomerações continuam sendo flagradas na região do Pajeú

Apesar das medidas restritivas perdurarem na região, com risco inclusive de fechamento de estabelecimentos que já tiveram autorização para atuar, os órgãos de fiscalização tiveram trabalho neste fim de semana com denúncias de aglomerações em várias cidades da região. Alguns bares estavam descumprindo na sede e zona rural os protocolos de distanciamento social.

Segundo a Vigilância Sanitária e Secretaria de Saúde de Afogados da Ingazeira, uma chácara chegou a ser interditada por conta do total descumprimento das medidas de distanciamento. Estabelecimentos dessa natureza estão proibidos de funcionar. Em um vídeo nas redes sociais, uma briga é flagrada em um bar de um bairro da cidade. Uma pessoa teria sido esfaqueada.

Essa semana, ao condenar a aglomeração flagrada em um evento que deveria ser exclusivamente uma live da Chácara Vitóriah e teve flagrantes de aglomeração, o prefeito José Patriota  disse ainda que um erro não justifica outro. “O que não deve é porque fulano fez uma coisa errada eu também querer fazer”. Organizadores reconheceram em nota que o episódio não se repetirá.

Patriota mostrou preocupação justamente com a juventude e disse que o comércio em linhas gerais tem feito sua parte. “Os jovens transmitem mais adoecem também. Hoje eu não sei mais quem é de risco e quem não é”, disse. 

 

Sandrinho e Daniel Valadares na boca do povo e com a simpatia do grupo

Em Afogados da Ingazeira, segundo o que se comenta em todos os cantos é que a chapa majoritária da frente popular será composta por Alessandro Palmeira como pré-candidato a prefeito e o então Vereador Daniel Valadares como o seu Vice na chapa. 

Sandrinho já vinha sendo cotado a meses como o sucessor de Patriota mas ao decorrer do trabalho nomes foram sendo cotados tanto a sucessão como também a vice, chegando até o momento os nomes mais citados e que segundo se fala, já caiu na boca do povo. 
Hoje Daniel já conquistou a simpatia da maioria dos vereadores e dos partidos da Frente Popular ao seu favor, há o que se falar nessa eleição de 2020, pois contará com os maiores nomes da política Afogadense apoiando a chapa, o atual e duas vezes prefeito, presidente da AMUPE José Patriota e o seu aliado o Ex prefeito Totonho Valadares que foi por 3 vezes prefeito do município e outras várias lideranças no mesmo palanque, vamos aguardar os próximos capítulos dessa história.
Romero Mais PAJEÚ

A decisão foi do Tribunal Regional Eleitoral, durante uma sessão virtual realizada nesta quinta-feira (27).

O prefeito Jurandi Gouveia Farias e o vice-prefeito Francisco Antônio da Silva Filho da cidade de Taperoá, na Paraíba tiveram os mandatos cassados pela prática de conduta vedada, abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio. A decisão foi do Tribunal Regional Eleitoral, durante uma sessão virtual realizada nesta quinta-feira (27).

Com a cassação, o TRE determinou a realização de eleição indireta no município. O relator do processo, juiz Arthur Monteiro, disse que a decisão terá cumprimento imediato após a publicação do acórdão. 

O prefeito e o vice tiveram como pena a cassação dos diplomas, com novas eleições; multa no valor de 101 mil Ufir e pena de inelegibilidade do prefeito Jurandi Gouveia pelo prazo de oito anos. Os advogados do prefeito e do vice informaram que vão recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Com a decisão do TRE, quem assume interinamente o município é o presidente do Legislativo Municipal local, Severino José de Brito. 

Auxílio emergencial: Caixa paga hoje benefício para 5,8 milhões de pessoas; veja quem recebe

Na quarta-feira (26), o Ministério da Cidadania liberou o pagamentos para três novos grupos e 57,3 mil aniversariantes de janeiro vão ter o dinheiro de alguma parcela depositada.

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. (Foto: Reprodução)

A Caixa Econômica Federal (CEF) paga hoje o auxílio emergencial de R$ 600 (1,2 mil para mães chefes de família) para 5,8 milhões de beneficiários: 3,9 milhões de nascidos em janeiro cadastrados pelo aplicativo, site ou do Cadastro Único do governo e 1,9 milhão do Bolsa Família com NIS de final 9 e que recebem a quinta parcela.

Novos aprovados

Na quarta-feira (26), o Ministério da Cidadania liberou o pagamentos para três novos grupos e 57,3 mil aniversariantes de janeiro vão ter o dinheiro de alguma parcela depositada na Poupança Social Digital criada pela Caixa.

O primeiro grupo reúne as pessoas que se cadastraram nas agências dos Correios entre 8 de junho e 2 de julho. O segundo grupo de novos aprovados inclui os trabalhadores que chegaram a ter o benefício negado mas pediram reavaliação entres 3 de julho e 16 de agosto.

O terceiro e último grupo contempla os que fizeram a contestação entre 3 de julho e 16 de agosto e que chegaram a receber a primeira parcela, mas tiveram pagamento suspenso em agosto.

Entenda o calendário do Ciclo 2 de pagamentos

Os depósitos que começam nesta sexta-feira (28) fazem parte do Ciclo 2 do calendário criado pelo Ministério da Cidadania e incluem o pagamento da quinta, quarta, terceira, segunda e primeira parcelas.

Este ciclo de depósitos em Poupança Social Digital vai até 30 de setembro e separa os 46,4 milhões de trabalhadores por mês de nascimento. Os saques e transferências vão de 19 de setembro a 27 de outubro (veja calendário completo abaixo)

Quem recebe nesta sexta-feira (28) e o que será pago?

  • Será paga a quinta parcela para quem recebeu a primeira parcela em abril
  • Quem recebeu a primeira parcela em maio vai ter depositada a quarta parcela
  • Os que receberam a primeira parcela em junho e até 4 de julho vão ter o crédito da terceira parcela
  • Os aprovados que tenham se cadastrado entre 17 de junho e 2 de julho recebem a segunda parcela
  • Novos aprovados que pediram a contestação por meio da plataforma digital entre os dias 24 de abril e 19 de julho de 2020 ou tiveram o pagamento reavaliado em julho recebem alguma parcela
  • Novos aprovados que se cadastraram em agências do Correio entre 8 de junho e 2 de julho recebem a primeira parcela
  • Novos aprovados que fizeram a contestação entre 3 de julho e 16 de agosto recebem a primeira parcela
  • Beneficiários que tiveram pagamento suspenso e reavaliados em agosto recebem todas as parcelas restantes

Dólar é cotado a R$ 5,5758 nesta manhã de sexta-feira

Enquanto isso, o Euro comercial está sendo vendido a R$ 6,59 e o Euro para o turismo é cotado por R$ 6,9191.

O dólar americano é a moeda dos Estados Unidos e tem sua emissão controlada pela Reserva Federal daquele país. (Foto: Reprodução)

O valor do dólar na manhã desta sexta-feira (28), está cotado no valor de R$ 5,5758. Já o valor do dólar para o turismo está sendo cotado a R$ 5,8536.

Enquanto isso, o Euro comercial está sendo vendido a R$ 6,59 e o Euro para o turismo é cotado por R$ 6,9191.

O dólar americano é a moeda dos Estados Unidos e tem sua emissão controlada pela Reserva Federal daquele país. O dólar é usado tanto em reservas internacionais como em livre circulação

Ministro Humberto Martins toma posse como novo presidente do Superior Tribunal de Justiça

Martins comandará o tribunal entre 2020-2022; na cerimônia, Jorge Mussi assumiu vice-presidência. Bolsonaro, Toffoli, Maia e Alcolumbre participaram da posse.

Ministro Humberto Martins, novo presidente do STJ — Foto: (Foto: Gustavo Lima/STJ)

O ministro Humberto Martins tomou posse nesta quinta-feira (27) como novo presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Martins comandará o tribunal entre 2020-2022. Durante a cerimônia, o ministro Jorge Mussi tomou posse como novo vice-presidente.

Humberto Martins assume a presidência do STJ no lugar do ministro João Otávio de Noronha, que estava à frente do tribunal desde 2018. Martins também passará a presidir o Conselho da Justiça Federal (CJF).

A cerimônia aconteceu na sede do tribunal, em Brasília. Participaram do evento autoridades como o presidente Jair Bolsonaro, o vice-presidente Hamilton Mourão, e os presidentes do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli; do Senado, Davi Alcolumbre; da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; e da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz.

O STJ é responsável por uniformizar a interpretação da lei federal em todo o Brasil. Também cabe ao tribunal a solução definitiva de casos civis e criminais que não envolvam matéria constitucional ou justiça especializada.

‘Gestão participativa’

No discurso de posse, Humberto Martins afirmou que fará uma “gestão participativa” no STJ. Disse que criará seis comitês temáticos para que os ministros possam discutir os assuntos relativos ao tribunal.

“Dedicarei todas as minhas forças para desempenhar a missão a mim confiada pelos meus pares para trabalhar por um Poder Judiciário forte, eficiente, célere, que atenda ao clamor por uma Justiça atuante na defesa da democracia e do estado de direito”, disse o ministro.

Humberto Martins também disse que a gestão se baseará em princípios como legalidade, moralidade, transparência e respeito com o cidadão.

“O dono do poder é o cidadão. A demora na prestação jurisdicional deve ser erradicada”, afirmou o novo presidente do STJ.

“Procurarei agir como sempre atuei, com a consciência de que o poder, inerente aos cargos, deve sempre ser utilizado para fazer o bem, distribuir a Justiça e contribuir para a promoção do respeito da dignidade humana”, completou.Defesa da democracia

Presente ao evento, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Felipe Santa Cruz, defendeu a democracia e o Poder Judiciário.

“Sua atuação [do STJ] é primordial para dirimir os efeitos das infecundas radicalidade e intolerância. As ruínas de uma democracia podem ser facilmente previstas quando identificamos o enfraquecimento das instituições republicanas e das liberdades individuais e coletivas”, disse Santa Cruz.

“Neste contexto, o termômetro democrático de uma sociedade está ligado diretamente à autonomia e à preservação do Poder Judiciário”, completou.

Felipe Santa Cruz disse que o ministro Humberto Martins carrega uma sensibilidade ética e uma eficiência jurídica irretocáveis e que “cumprirá com louvor a missão de garantir pluralidades jurídicas cada vez mais despolarizadas”.

“Uma decisão judicial tem o poder de instaurar uma consciência ética na sociedade e fomentar uma estrutura social pluralista sobretudo em tempos de tantas polarizações, onde ódio ganha cada vez mais espaço”, afirmou o presidente da OAB.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, lamentou as mortes de brasileiros pela Covid-19 e disse que o STJ estará pronto para servir a população.

A ministra Laurita Vaz, que discursou em nome de todos os ministros da Corte, disse que Humberto Martins assume o tribunal em uma “fase de provação” em que milhares de pessoas morrem, perdem seus empregos e precisam lidar com a “precariedade dos hospitais.

Quem é o novo presidente

Humberto Martins é ministro do STJ desde 2006, indicado pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O novo presidente do STJ foi corregedor nacional de Justiça e ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Formado em direito e em administração, Martins foi promotor de Justiça, procurador do estado de Alagoas, exerceu a advocacia privada e ocupou vaga de desembargador no Tribunal de Justiça de Alagoas.

Autor de vários livros e artigos jurídicos, recebeu o título de doutor honoris causa em direito pelo Centro Universitário Facol de Pernambuco.

Entre os casos de grande repercussão do STJ com atuação do ministro, estão o que considerou abusivo o marketing de alimentos para crianças; a proibição para que o poder público use a falta de recursos para negar vagas em creches; e o que definiu que ex-secretários estaduais possam ser julgados sem foro privilegiado em casos de improbidade administrativa.

Ministro Jorge Mussi, novo vice-presidente do STJ — Foto: Divulgação/TSE

Novo vice-presidente

Novo vice-presidente do STJ, Jorge Mussi foi indicado em 2007, também por Lula.

Mussi foi ministro do Tribunal Superior Eleitoral e corregedor-geral da Justiça Eleitoral. Formado em direito pela Universidade Federal de Santa Catarina, ocupou cadeira no Tribunal de Justiça de Santa Catarina. Foi governador de Santa Catarina por 11 dias em janeiro de 2006.

O ministro tem carreira dedicada à área criminal, sempre tendo atuado colegiados que julgam casos penais no STJ.

O voto de Mussi conduziu o entendimento da Corte no sentido de que é possível a aplicação da Lei Maria da Penha nas relações entre filhas e mãe e na definição da tese de que para a configuração do delito de extorsão mediante sequestro não é preciso ter a privação de liberdade da vítima por longo tempo. No TSE, o ministro se destacou no julgamento da na qual uma chapa foi cassada em razão da candidatura fictícia de mulheres.

Araripina registra mais 31 casos de Covid-19 e número de infectados chega a 1386

O município de Araripina confirmou mais 31 novos casos da Covid-19, segundo o boletim apresentado nesta quinta-feira (27) pela Secretaria Municipal de Saúde. Agora, o número de pacientes diagnosticados com a doença subiu para 1386.

Ainda de acordo com o boletim, não houve alteração no número de mortes que continua em 29. Até o momento 702 pessoas já se recuperaram da doença e 92 casos estão em investigação

O município já realizou 4.124 testes, sendo 765 pelo Laboratório Estadual de Saúde (Lacen) e 3.359 por testagem rápida.

No Sertão do Araripe já foram registradas 92 mortes decorrentes do novo coronavírus. Foram 29 em Araripina, 20 em Ipubi, 13 em Trindade, 12 em Ouricuri, 09 em Exu, 08 em Bodocó e 01 em Moreilândia.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quinta-feira (27.08), 1.069 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, apenas 52 (5%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 1.017 (95%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que já estavam curados, ou na fase final da doença. Agora, Pernambuco totaliza 122.147 casos já confirmados, sendo 25.349 graves e 96.798 leves.
Também foram confirmados 20 óbitos, ocorridos desde o dia 7 de julho. Do total de mortes do informe de hoje, 9 (45%) ocorreram nos últimos três dias, sendo 2 óbitos registrados no dia de ontem (quarta, 26/08), 6 em 25/08 e 1 em 24/08. Os outros 11 registros (55%) ocorreram entre os dias 07/07 e 23/08. Com isso, o Estado totaliza 7.480 óbitos pela Covid-19. Os detalhes epidemiológicos serão repassados ao longo do dia pela Secretaria Estadual de Saúde.

Anitta e Neymar aparecem cantando e dançando juntos em vídeo em Ibiza, na Espanha

 (FOTO: REPRODUÇÃO)
FOTO: REPRODUÇÃO
Anitta, 27, resolveu visitar o amigo Neymar, 28, em Ibiza, na Espanha. A cantora, que passou pela Croácia e Itália, curtiu a noite ao lado do grupo de amigos que tem em comum com o craque do PSG.

Os dois cantaram juntos o novo single de Anitta com Papatinho, que será lançado amanhã (28). A cantora carioca compartilhou o vídeo dos dois em seu Story do Instagram na noite de quarta (26).

A voz de “Vai Malandra” também publicou uma foto ao lado de um time de amigos durante um passeio de lancha e escreveu na legenda: “Patroa tá on muita coisa”. O jogador brasileiro Vinicius Jr., que joga no Real Madrid, que também estava na foto, comentou: “Muito on”.

Já Neymar, por sua vez, publicou um vídeo com o filho Davi Lucca curtindo um final de tarde ensolarado enquanto faz embaixadinhas com o herdeiro, fruto do seu breve relacionamento com Carol Dantas.

A amizade de Neymar e Anitta é de longa da data. Mas, no Carnaval de 2019 boatos de que os dois teriam se beijado surgiu após um vídeo circular na web. Nas imagens, os dois aparecem juntos em um momento íntimo em um camarote na Sapucaí, Rio de Janeiro.

Na época, Anitta desmentiu os boatos e ainda afirmou que não tinha amizade com a atriz Bruna Marquezine, ex-namorado de Neymar, que também estava presente no camarote. “Gente, eu sou amiga do Neymar há muitos, muitos e muitos anos (…) Eu não sei onde Neymar terminou a noite dele, mas sei que a minha terminou aqui em casa”, disse a cantora.

Laura atingiu nesta quinta-feira as costas da Louisiana, sul dos Estados Unidos, como um furacão “extremamente perigoso” de categoria 4, o que forçou a evacuação de centenas de milhares de pessoas neste estado e no vizinho Texas devido à ameaça de “inundações catastróficas”.
“Extremamente perigoso, o furacão de categoria 4 Laura tocou o solo perto de Cameron (Louisiana)”, afirmou o Centro Nacional de Furacões (NHC) em um boletim de 6H00 GMT (3H00 de Brasília).
“Tempestade catastrófica, ventos extremos e inundações repentinas estão acontecendo em partes da Louisiana”, advertiu o NHC, que informou que Laura registra ventos máximos de 240 km/h.
Somadas à maré alta, essas ondas – que podem avançar cerca de 50 km terra adentro – podem fazer com que as águas subam entre 4,5 e 6 metros acima do nível normal.
Os moradores da região deixaram o local em ônibus após receberem ordem de retirada obrigatória devido ao risco de enchentes. 
Fugir da rota do furacão
O governador do Texas, Greg Abbott, pediu aos residentes que evacuem suas casas. “Eles têm apenas mais algumas horas para escapar dos danos”, disse ao Weather Channel.
“Esta é uma tempestade muito perigosa, mais forte do que a maioria que já cruzou” as costas do estado, acrescentou, insistindo para que a população faça “tudo possível para sair do caminho” de Laura.
O presidente Donald Trump pediu aos moradores das áreas afetadas que “ouçam as autoridades locais”. “Laura é um furacão muito perigoso e está se intensificando rapidamente”, publicou Trump no Twitter. “Meu governo continua colaborando totalmente com os gestores de emergência estaduais e locais”.
Jimmy Ray estava entre os que receberam ordem de evacuação em Lake Charles, no estado de Louisiana. A princípio “íamos tentar aguentar dentro de casa, mas vimos que o furacão ia ser muito forte”, disse à AFP.
Outra evacuada da cidade, Patricia Como, contou que seus irmãos, primos e outros membros da família decidiram ficar, mas ela não queria correr o risco. “Não vou brincar com Deus”, disse.
Craig Brown, o prefeito da Ilha de Galveston, no Texas, que sofreu o furacão mais mortal da história dos Estados Unidos em 1900 com milhares de vítimas fatais, disse que as autoridades estão “monitorando de perto” a situação.
“Tivemos uma boa cooperação de nossos residentes na evacuação”, disse ele. “Se eles quiserem ficar, nós permitiremos”, mas “se eles ficarem, é possível que não tenham nenhum serviço de emergência disponível”, esclareceu.
Evitar contágios
Angela Jouett, que lidera a operação de evacuação em Lake Charles, informou que novos protocolos foram implementados devido à pandemia do coronavírus. “As pessoas que entram (nos centros de evacuação) usam desinfetante nas mãos”, passam por “controles de temperatura” e mantêm entre elas uma distância física de dois metros.
O governador Abbott – cujo estado sofre uma onda significativa de infecções por Covid-19 – pediu àqueles que podiam pagar por isso que se refugiassem em hotéis e motéis “para se isolarem”.
Em Nova Orleans, devastada em 2005 pelo furacão Katrina, de categoria 5, o histórico Bairro Francês estava sem turistas, e sacos de areia foram empilhados diante de portas e janelas. Os edifícios de arquitetura colonial foram protegidos com chapas de madeira.
“Não estou preocupado com a água que entra com a tempestade, mas sim com a chuva e as bombas sem funcionar. É isso que vai causar as enchentes”, disse à AFP Robert Dunalp, empresário que não se esquece do Katrina, que deixou mil mortos e danos enormes.
Laura passou na segunda-feira como tempestade tropical por Cuba, onde provocou fortes chuvas e alguns danos. No fim de semana, a tempestade provocou 25 mortes no Haiti e República Dominicana.
A temporada de tempestades no Atlântico, que vai até novembro, deve ser uma das mais severas. O NHC prevê até 25 fenômenos, e Laura é o 12º até o momento. 

 

 

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na noite desta terça-feira (25), que poderá decidir o novo valor do auxílio emergencial até sexta-feira (28/8). O presidente já havia informado que prorrogaria o pagamento das parcelas do auxílio emergencial até dezembro. No entanto, Bolsonaro ainda não bateu o martelo sobre a quantia praticada, que deverá ficar entre R$ 250 e R$ 400.

O mandatário citou ainda uma reunião com a equipe econômica na tarde de hoje. Ele defendeu que a “economia tem que pegar” até o fim do ano.

“Pretendemos prorrogar até o fim do ano, não com este valor que está aí, que pode até ser pouco para quem recebe, mas é muito para quem paga. Quem paga somos todos nós. E não é dinheiro que o governo tem. Isso vem de endividamento. Então, estamos negociando. Hoje teve mais uma reunião com equipe econômica. Demos mais um passo no tocante a isso daí. Acreditamos que teremos mais um endividamento, não na ordem de R$ 50 bilhões por mês, como é este auxílio emergencial no momento, de R$ 600, mas diminuir um pouco este valor para ver se a economia pega. Nós temos que pegar. A economia tem que pegar”, declarou durante a abertura do 32° Congresso Nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

Bolsonaro completou que ainda não se chegou a um consenso sobre o valor. “Outras coisas foram discutidas, logicamente não batemos o martelo ainda. A gente espera que até sexta-feira esteja quase tudo definido para darmos mais uma ajuda, não é favor não, é uma obrigação nossa. É obrigação nossa ajudar o Brasil a sair da crise que ainda temos e venhamos então voltar à normalidade”, concluiu.

O governo pretendia anunciar ainda hoje, juntamente com o pacote do programa Pró- Brasil, os novos valores do auxílio. Porém, como os valores não foram fechados, o pacote foi adiado a pedido do presidente.

No último dia 19, Bolsonaro afirmou que o valor seria menor do que os R$ 600 já pagos. Na data, o chefe do Executivo justificou que o atual valor do auxílio custa aos cofres públicos mais de R$ 50 bilhões mensais. Em referência ao ministro Paulo Guedes, o presidente apontou que “alguém na equipe econômica” sugeriu R$ 200, quantia que Bolsonaro considera pouco, apesar de ter elencado o mesmo valor quando a medida foi aventada. Bolsonaro completou dizendo que é possível chegar a um “meio termo”.

“Então R$ 600 é muito, o Paulo Guedes fa…, alguém da economia falou em R$ 200, eu acho que é pouco. Mas dá pra chegar em um meio termo e nós buscarmos que seja prorrogado por mais alguns meses, talvez até o final do ano de modo que consigamos sair dessa situação e fazendo com que os empregos e formais e informais voltem à normalidade e nós possamos então continuar naquele ritmo ascendente que terminamos e começamos o início desse ano, que a economia realmente estava apontando para os melhores do mundo para o Brasil depois de algumas décadas de patinação”, declarou. (Fonte: Diario PE)


NOTA OFICIAL

A diretoria do Afogados da Ingazeira FC informa, que o Técnico Pedro Manta, o Auxiliar Técnico, Allan Max e o Preparador Físico, Deivison Combé não fazem mais parte do clube.
A decisão foi tomada em comum acordo em reunião realizada na manhã desta quarta-feira. O clube agradece aos profissionais pelos serviços prestados à instituição e deseja sucesso em suas carreiras.
Os três fizeram parte direta nas grandes conquistas do Afogados nos últimos anos, escrevendo seus nomes na história do nosso clube. OBRIGADO!

Goleiro Wallef pede demissão do Afogados FC

“ Comunico a todos os amigos que pedi meu desligamento do @afogadosfcoficial , encerro essa passagem com sentimento de dever cumprido , sempre que entrei em campo foi sempre em da o meu melhor e honrar a camisa do clube , agradeço principalmente aos torcedores pelo carinho que sempre teve por mim e a cidade de Afogados por ter me acolhido tão bem desde a minha chagada em 2016 até a minha saída no dia de hoje , volto a reintegrar que foi uma decisão minha , desejo sorte ao clube e aos meus companheiros que ficaram no clube… “

Wallef, ex-goleiro do Afogados

O dado oficial do PIB brasileiro, que será divulgado no próximo dia 1º de setembro, deve mostrar uma contração de até 10% na economia.

A estimativa atual é que economia brasileira mostre um tombo recorde em torno de 8% a 10% no 2º trimestre, frente aos 3 meses anteriores, o que colocará o país oficialmente em recessão (Foto: Reprodução)

Apesar da projeção de tombo recorde no 2º trimestre, o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil caiu menos do que o da maioria das economias da zona do euro e de outros países da América Latina como México, Colômbia, Chile e Peru, segundo levantamento da Austin Rating. O dado oficial do PIB brasileiro, que será divulgado no próximo dia 1º de setembro, deve mostrar uma contração de até 10% na economia.

A prévia do ranking do desempenho do PIB das maiores economias do mundo mostra que em 18 países a queda no 2º trimestre foi superior a 10% na comparação com os primeiros 3 meses do ano. Em diversos países a retração foi recorde, em meio aos abalos e restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus.

As maiores quedas entre os 38 países do ranking que já divulgaram dados oficiais do período entre abril a junho foram no Peru (27,2%) e Reino Unido (20,4%). Na zona do euro, os países com retração mais drástica da atividade econômica foram a Espanha (-18,5%), Portugal (-13,9%) e França (13,8%). Nos Estados Unidos, o recuo foi de 9,5% e, na Alemanha, o tombo foi de 9,7%. Já na China, houve alta de 11,5%.

A estimativa atual é que economia brasileira mostre um tombo recorde em torno de 8% a 10% no 2º trimestre, frente aos 3 meses anteriores, o que colocará o país oficialmente em recessão. Levantamento do G1 mostrou que, de 12 consultorias e instituições financeiras consultadas, 10 esperam um tombo de até 10% – patamar em linha com o da última projeção do governo.

A Austin estima uma queda de 10,1% do PIB do Brasil no 2º trimestre, o que deixaria o Brasil na 23º posição do ranking, considerando também as projeções para outros países que ainda não divulgaram os números oficiais. No 1º trimestre, o Brasil teve retração de 1,5% e ficou na 16ª posição no comparativo entre as maiores economias.

“Se o resultado oficial vir abaixo de 9% como espera parte do mercado, a queda será menor também que a registrada pelos Estados Unidos”, afirma Alex Agostini, economista-chefe da agência classificadora de risco de crédito, que faz periodicamente o ranking.

Veja a prévia do ranking do PIB dos países no 2º trimestre:

  1. China: 11,5%
  2. Hong Kong: -0,1%
  3. Taiwan: -1,4%
  4. Finlândia: -3,2%
  5. Coréia do Sul: -3,3%
  6. Indonésia: -4,2%
  7. Lituânia: -5,1%
  8. Letônia: -7,5%
  9. Japão: -7,8%
  10. Israel: -8,1%
  11. Eslováquia: -8,3%
  12. República Tcheca: -8,4%
  13. Holanda: -8,5%
  14. Suécia: -8,6%
  15. Polônia: -8,9%
  16. Estados Unidos: -9,5%
  17. Alemanha: -9,7%
  18. Tailândia: -9,7%
  19. Bulgária: -9,8%
  20. Ucrânia: -9,9%
  21. Áustria: -10,7%
  22. Chipre: -11,6%
  23. Bélgica: -12,2%
  24. Romênia-12,3%
  25. Itália: -12,4%
  26. Cingapura: -13,1%
  27. Chile: -13,2%
  28. França: -13,8%
  29. Portugal: -13,9%
  30. Hungria: -14,5%
  31. Colômbia: -14,9%
  32. Filipinas: -15,2%
  33. Malásia: -16,5%
  34. México: -17,3%
  35. Espanha: -18,5%
  36. Tunísia: -20,4%
  37. Reino Unido: -20,4%
  38. Peru: -27,2%

Perspectivas

Entre os fatores que explicam uma queda menos acentuada do PIB do Brasil no 2º trimestre, a Austin cita o bom desempenho da agropecuária, a alta das commodities metálicas e também o socorro do governo às empresas e famílias, que ajudaram a atenuar os efeitos da pandemia, que já deixou mais de 115 mil mortos no país.

No Brasil, as despesas autorizadas para gastos relacionados à pandemia já somam mais de R$ 510 bilhões e devem alcançar, segundo cálculos do banco Itaú, 7,9% do PIB, percentual superior ao desembolsado por outros países.

“Mas também é importante registrar que o país demorou para fazer a quarentena, bem como saiu mais rápido que os demais países”, destaca Agostini, citando a abertura prematura de setores da economia no Brasil.

Apesar da reação de diversos segmentos nos últimos meses, analisas têm alertado para o risco de perda de fôlego da economia brasileira na reta final do ano e de até mesmo uma retração no 4º trimestre, em meio ao encerramento ou enxugamento de medidas de alívio dos reflexos da pandemia no país e desemprego em alta. A avaliação é que o PIB só deverá recuperar o patamar pré-pandemia em 2022.

Para o ano de 2020, o mercado reduziu a previsão para o tombo PIB do Brasil de 2020, revisando a estimativa de uma redução de 5,52% para 5,46%, segundo última pesquisa Focus do Banco Central divulgada nesta segunda-feira (24). Para 2021, a projeção é de um avanço de 3,5%.

A Austin estima queda de 5,1% em 2020 e expansão de 3,3% no ano que vem.

“Infelizmente, a recuperação no Brasil será mais lenta em relação as demais economias, com destaque para as economias emergentes, em virtude de o Brasil estar algum tempo em processo de recuperação fraca devido aos desarranjos do lado fiscal, que acumula déficit anual desde 2014, bem como os entraves entre Executivo e Legislativo que afetam a aprovação das reformas estruturantes, além das recentes discussões sobre a manutenção do teto de gastos”, avalia.

O edital para o processo seletivo foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (26).

Trauma de João Pessoa abre vagas para médicos (Foto: Walla Santos)

O Governo da Paraíba abriu inscrições para selecionar médicos para atuar nos Hospitais de Trauma de João Pesssoa e de Campina Grande. O edital para o processo seletivo foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (26).

Confira o edital a partir da página 7De acordo com o edital serão selecionados médicos nas especialidades de Neurocirurgia, Cirurgia Vascular e Cirurgia Torácica. 

Os interessados deverão se inscrever através do site do Portal da Cidadania. As inscrições poderão ser realizadas nas seguintes etapas: 1ª ETAPA: no horário de 00h do dia 26 de agosto de 2020 às 23h59min do dia 01 de setembro de 2020; 2ª ETAPA: no horário de 00h do dia 04 de setembro de 2020 às 23h59min do dia 10 de setembro de 2020; 3ª ETAPA: no horário de 00h do dia 16 de setembro de 2020 às 23h59min do dia 22 de setembro de 2020.

O Processo de Seleção será realizado através de Avaliação de Titulação e Experiência Profissional, de caráter eliminatório e classificatório.

O contrato de trabalho terá validade de 180 dias, podendo ser prorrogado por igual período a contar da data da assinatura do contrato individual, ou a critério da necessidade da Administração Pública.

Os resultados finais serão publicados no Diário Oficial do Estado da Paraíba e divulgados nos sites: http://www.paraiba.pb.gov.br/www.paraiba.pb.gov.br; da http://espep.pb.gov.br/; e da Secretaria de Estado da Saúde https://paraiba.pb.gov.br/dire… e no http://portaldacidadania.pb.gov.br.

Mega-Sena pode pagar R$ 47 milhões nesta quarta-feira

O sorteio ocorre às 20h deste quarta-feira (26) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo.

Mega Sena realiza nesta quarta sorteio (Foto: Reprodução)

O concurso 2.293 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 47 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h deste quarta-feira (26) no Espaço Loterias Caixa, no terminal Rodoviário Tietê, na cidade de São Paulo. 

A aposta mínima custa R$ 4,50 e pode ser realizada pela internet – saiba como fazer.

Para apostar na Mega-Sena

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 4,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Dólar é cotado a R$ 5,5267 nesta quarta-feira

Enquanto isso, o Euro comercial está sendo vendido a R$ 6,54 e o Euro para o turismo é cotado por R$ 6,8656.

O dólar americano é a moeda dos Estados Unidos e tem sua emissão controlada pela Reserva Federal daquele país. (Foto: Reprodução)

O valor do dólar na manhã desta quarta-feira (26), está cotado no valor de R$ 5,5267. Já o valor do dólar para o turismo está sendo cotado a R$ 5,8264.

Enquanto isso, o Euro comercial está sendo vendido a R$ 6,54 e o Euro para o turismo é cotado por R$ 6,8656.

O dólar americano é a moeda dos Estados Unidos e tem sua emissão controlada pela Reserva Federal daquele país. O dólar é usado tanto em reservas internacionais como em livre circulação.

Padrasto é preso suspeito de abusar da enteada de dez anos em Cabedelo

A mãe da criança descobriu o crime e denunciou o companheiro.

O padrasto foi preso suspeito de abusar da enteada (Foto: Reprodução)

Um homem foi preso na noite desta terça-feira (25), suspeito de abusar sexualmente da enteada de 10 anos, na cidade de Cabedelo, na Paraíba. A mãe da criança descobriu o crime e denunciou o companheiro.

A Polícia ainda não afirmar por quanto tempo a criança era abusada pelo homem.  A prisão dele aconteceu na presença da Guarda Municipal de Cabedelo e do Conselho Tutelar.

A criança está bem e sob os cuidados da mãe e do Conselho Tutelar.

O suspeito preso negou as acusações. O caso deve ser encaminhado para a Delegacia da Mulher de Cabedelo.

Ministro do STJ suspende inquérito contra jornalista que escreveu artigo com título “por que torço para que Bolsonaro morra”

De acordo com a defesa, não há justa causa para a persecução criminal, já que o artigo não ofenderia a integridade corporal ou a saúde do presidente da República, tampouco caracterizaria calúnia ou difamação.

Hélio Schwartsman seria ouvido pela Polícia Federal nesta quarta-feira (26) e esse fato, segundo o ministro Mussi, revela o perigo na demora – um dos pressupostos para a concessão da liminar. (Foto: Reprodução)

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Jorge Mussi suspendeu nesta terça-feira (25) o inquérito policial aberto para investigar possível crime do jornalista Hélio Schwartsman ao escrever o artigo “Por que torço para que Bolsonaro morra”, publicado em julho pelo jornal Folha de S.Paulo, após o presidente da República informar que havia contraído o novo coronavírus.

Confira aqui.

Segundo o ministro Jorge Mussi, ainda que possam ser feitas críticas ao artigo, não é possível verificar, em análise preliminar, que tenha havido motivação política ou lesão real ou potencial aos bens protegidos pela Lei de Segurança Nacional, capazes de justificar o eventual enquadramento de Schwartsman – o que recomenda a suspensão do inquérito até a análise do mérito do habeas corpus impetrado em favor do jornalista.

Hélio Schwartsman seria ouvido pela Polícia Federal nesta quarta-feira (26) e esse fato, segundo o ministro Mussi, revela o perigo na demora – um dos pressupostos para a concessão da liminar.

Segundo as informações processuais, com base na Lei de Segurança Nacional (Lei 7.170/1983), o ministro da Justiça e Segurança Pública solicitou à polícia a abertura de inquérito para investigar supostas ofensas à honra e à dignidade do presidente Jair Bolsonaro contidas no artigo de Schwartsman.

De acordo com os advogados do jornalista, não há justa causa para a persecução criminal, já que o artigo não ofenderia a integridade corporal ou a saúde do presidente da República, tampouco caracterizaria calúnia ou difamação. Para a defesa, o pedido feito pelo ministro da Justiça e Segurança Pública atinge a liberdade de expressão e de imprensa.

Requisitos cumulativos

Jorge Mussi destacou que, de acordo com a jurisprudência dos tribunais superiores, a incidência da Lei 7.170/1983 pressupõe a presença de dois requisitos cumulativos: um subjetivo, consistente na motivação e na finalidade política do agente, e outro objetivo, referente à lesão real ou potencial à integridade territorial, à soberania nacional, ao regime representativo e democrático, à federação ou ao Estado de Direito.

“No caso dos autos, não obstante as críticas que possam ser feitas ao artigo publicado pelo paciente, de uma breve análise de seu conteúdo, não é possível extrair a sua motivação política, tampouco a lesão real ou potencial à integridade territorial, à soberania nacional, ao regime representativo e democrático, à federação ou ao Estado de Direito, circunstância que revela o fumus boni iuris e recomenda o deferimento da cautela requerida”, concluiu o ministro.

Jorge Mussi encaminhou o habeas corpus para manifestação do Ministério Público Federal. Não há previsão de data para o julgamento do mérito do pedido.

 

O abono é pago anualmente a trabalhadores com carteira assinada que ganham até dois salários mínimos Foto: Divulgação

As discussões para a criação do Renda Brasil chegaram a um novo impasse ontem depois de o presidente Jair Bolsonaro sinalizar ao ministro da Economia, Paulo Guedes, não estar disposto a acabar com o abono salarial.

O benefício pago a trabalhadores que recebem até dois salários mínimos é a principal fonte de financiamento proposta pela equipe econômica para o novo programa social, que irá substituir o Bolsa Família.

Bolsonaro também teria relatado ao ministro que o fim do abono sofre resistências dentro do Congresso.

O abono salarial beneficia cerca de 23,2 milhões de trabalhadores e deve custar aos cofres federais, neste ano, um total de R$ 18,3 bilhões. Esses recursos respondem por 83% do valor estimado para custear o Renda Brasil por um ano.

O presidente também quer um valor médio do programa superior ao proposto pela equipe econômica, que está em torno de R$ 270.

A equação que os técnicos do governo precisam fazer é complexa, diante dos pedidos de Bolsonaro e da necessidade de cumprir o teto de gastos, regra que limita o avanço das despesas públicas à variação da inflação.

Negociação com líderes

Para atender aos pedidos feitos pelo presidente e não mexer no abono salarial, a equipe de Guedes trabalha numa proposta de ampla desindexação de despesas do Orçamento federal.

Em busca de apoio de deputados e senadores à proposta, a equipe econômica deve começar a apresentar os detalhes do plano aos líderes aliados nesta semana. A ideia de encontros diretos com os parlamentares foi do próprio presidente, que quer assegurar apoio dentro do Congresso para o novo Bolsa Família.

A equipe econômica ainda enfrentará um outro obstáculo no Parlamento. O plenário do Senado aprovou ontem, por unanimidade, um requerimento convidando Guedes para prestar esclarecimentos sobre a declaração que deu, na semana passada, quando a Casa derrubou um veto de Bolsonaro a reajustes do funcionalismo. O ministro classificou a medida como um “crime contra o país”. A data para a possível audiência ainda não foi marcada.

Uma das preocupações de Bolsonaro é garantir que o Renda Brasil ofereça um benefício maior e atenda um número mais amplo de famílias do que o universo abarcado atualmente pelo programa criado no governo Luiz Inácio Lula da Silva.

O Bolsa Família paga, em média, R$ 190, e atende 14 milhões de famílias. Segundo fontes do governo ouvidas pela reportagem, Bolsonaro quer um benefício acima de R$ 300 e 20 milhões de famílias atendidas. Dessa forma, ele iria superar a marca registrada pelo PT.

Unificação de benefícios

Para caber nos limites do teto de gastos, técnicos levantaram a possibilidade de unir 30 programas sociais, entre os quais o abono salarial, que sozinho poderia garantir R$ 18 bilhões por ano.

— A unificação pode trazer ganhos, mas não é uma panaceia que resolverá a desigualdade brasileira, que deverá ser ampliada com a pandemia, afirma Letícia Bartolomeu, especialista em política pública do Ipea.

Guedes compara o Renda Brasil a um jogo de montar. Cada peça inserida ou removida dele interfere no resultado final do benefício.

As informações são coletadas diretamente com as Secretarias de Saúde estaduais. O balanço é fechado diariamente às 20h.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) — O Brasil registrou nesta terça-feira (25) 1.215 mortes pela Covid-1 e 46.959 casos da doença. O país chegou a 116.666 óbitos e a 3.674.176 infecções pelo novo coronavírus desde o início da pandemia.

Os dados são fruto de colaboração inédita entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são coletadas diretamente com as Secretarias de Saúde estaduais. O balanço é fechado diariamente às 20h.

A Folha de S.Paulo também divulga a chamada média móvel. O recurso estatístico busca dar uma visão melhor da evolução da doença, pois atenua números isolados que fujam do padrão. A média móvel é calculada somando o resultado dos últimos sete dias, dividindo por sete.

De acordo com os dados coletados até as 20h, a média de mortes nos últimos sete dias é de 980, o que mantém uma posição de estabilidade nos dados, embora com números elevados.

O Brasil tem uma taxa de cerca de 55,7 mortos por 100 mil habitantes. Os Estados Unidos, que têm o maior número absoluto de mortos, e o Reino Unido, ambos à frente do Brasil na pandemia (ou seja, começaram a sofrer com o problema antes), têm 54,6 e 62,5 mortos para cada 100 mil habitantes, respectivamente.

O México, que ultrapassou o Reino Unido em número de mortos, tem 48,2 mortes para cada 100 mil habitantes. Recentemente, a Índia, com 58.390 óbitos, também passou o Reino Unido em número de mortos.

Na Argentina, onde a pandemia desembarcou nove dias mais tarde que no Brasil e que seguiu uma quarentena muito mais rígida, o índice é de 16,6 mortes por 100 mil habitantes.

Dados do Ministério da Saúde, divulgados nesta terça-feira (25), mostram que o Brasil registrou 47.134 casos de contaminação pelo novo coronavírus e 1.271 mortes em decorrência da Covid-19 nas últimas 24 horas.

Desde o início da pandemia, já são 116.580 óbitos acumulados e 3.669.995 casos confirmados no país.

A iniciativa do consórcio de veículos de imprensa ocorre em resposta às atitudes do governo Jair Bolsonaro (sem partido), que ameaçou sonegar dados, atrasou boletins sobre a doença e tirou informações do ar, com a interrupção da divulgação dos totais de casos e mortes. Além disso, o governo divulgou dados conflitantes.

Volta às aulas presenciais em PE não deve passar de outubro, diz secretário

O secretário de Educação de Pernambuco, Frederico Amâncio, falou que a volta às aulas presenciais no Estado não deve passar do mês de outubro. O pronunciamento aconteceu em um evento online sobre o ensino no Brasil, nessa segunda-feira (24). 
De acordo com ele, as aulas devem voltar para de evitar prejuízos emocionais, sociais e de aprendizado para crianças e adolescentes.
Na ocasião, ele também disse que, nas periferias, os estudantes não estão mais em casa e que ele acredita que estariam mais seguros na escola. O anúncio do secretário criou ainda mais expectativa sobre essa retomada. 
Influência
Mesmo o secretário falando apenas da rede estadual, caso seja confirmada a volta para outubro, por exemplo, a decisão pode influenciar também no recomeço das aulas presenciais em escolas particulares.
Recentemente, em entrevista à Rádio Jornal, Fred Amâncio também disse que as escolas iriam reabrir gradativamente e a prioridade será dos alunos do ensino médio. (NE 10)
Morre Gessner Caetano, médico e empresário paraibano, vítima de covid-19
Gessner Caetano foi diagnosticado com insuficiência renal e pneumonia causadas pelo covid-19.

Gessner Caetano foi candidato a a deputado federal da Paraíba em 1994, sendo um dos favoritos para a disputa daquele ano. Com raízes em Patos e Campina Grande, Gessner se destacou na Paraíba como empresário. (Foto: Reprodução/Facebook)

O empresário e médico paraibano Gessner Caetano morreu nesta terça-feira (25), vítima de covid-19. Ele estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital privado no Recife, em Pernambuco. Nesse fim de semana, seu quadro de saúde foi classificado como ‘gravíssimo’.

Gessner Caetano foi diagnosticado com insuficiência renal e pneumonia causadas pelo covid-19. Ele foi submetido a procedimento de hemodiálise e, a princípio, estava se recuperando bem até apresentar um quadro infeccioso grave, com sangramento nasal.

Gessner Caetano foi candidato a a deputado federal da Paraíba em 1994, sendo um dos favoritos para a disputa daquele ano. Com raízes em Patos e Campina Grande, Gessner se destacou na Paraíba como empresário.

Padre Robson admite pagamentos de extorsão com dinheiro da Afipe e sem aval da polícia: ‘Se agi mal, agi de boa-fé’

Em depoimento ao MP, ele revelou ao menos dois repasses sem monitoramento. Em um dos casos, pegou R$ 500 mil diretamente do fluxo diário da entidade.

Padre Robson admitiu ter feito pagamentos a chantagistas com dinheiro da Afipe — (Foto: Reprodução/Instagram)

Em depoimento ao Ministério Público de Goiás (MP-GO) no processo de extorsão do qual foi vítima, padre Robson admitiu que fez repasses aos chantagistas sem o monitoramento da polícia e usando dinheiro da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe). O intuito dos pagamentos, de mais de R$ 2,9 milhões, segundo o sacerdote, era evitar que fossem a público supostos casos amorosos dele.

A defesa do padre Robson disse que “reforça que todo o conteúdo das mensagens é falso, o que comprova que ele foi vítima de criminosos de altíssima periculosidade”. Salienta ainda que “os responsáveis já foram condenados pelo Judiciário e cumprem rigorosas penas. Por fim, destaca que o religioso “não tem e nunca teve nenhum patrimônio”.

 

Foi este processo que originou a Operação Vendilhões, deflagrada pelo MP-GO e que apura desvio de R$ 120 milhões doados por fiéis à Afipe, entidade que o padre fundou e presidia até pedir afastamento.

De acordo com a Justiça, o conteúdo usado para fazer a chantagem cita dois supostos casos amorosos do pároco, sendo um deles com o próprio hacker acusado da extorsão. Do total repassado ao grupo, pelo menos R$ 550 mil, conforme relato do próprio pároco, não tiveram anuência a polícia.

Em depoimento, o pároco relatou a invasão de hackers em seu celular e contas de e-mail. Ele relata que foi ameaçado de ser exposto como um “promotor de adultério” e justificou suas atitudes em relação ao episódio.

“São todas insídias muito fortes, causam intimidação e também muita confusão na cabeça. Se eu agi mal em alguma coisa, eu agi de boa-fé colocando as coisas na tentativa de se resolver”, diz o padre em trecho do depoimento.

Cinco pessoas envolvidas no esquema de chantagem foram condenadas, com penas que variam de 9 a 16 anos de prisão, em 2019. O padre relatou que recebeu um primeiro e-mail avisando sobre o pedido de R$ 2 milhões para não revelar informações pessoais dele. Ele, então, revelou que combinou um pagamento de R$ 700 mil com os chantagistas e, só depois, avisou a polícia. Este valor foi recuperado.

“O valor eu já estava combinando com eles. Tanto que eu falei que ia levantar possibilidade dos valores, não o valor determinado. Parece-me que foi R$ 700 mil que eu tinha dito a ele”, afirmou.

Irritados, os hackers voltaram a ameaçar o padre, cobrando o valor integral pedido inicialmente. O padre, então, autorizou duas transferências bancárias, mas o valor acabou sendo bloqueado. A corporação, apesar de avisada, não concordou com o repasse.

“A polícia não concordando, mas eu dizendo para eles que era uma saída e que isso iria voltar para a associação que estava sendo também prejudicada”, afirmou.

O MP questionou a existência de um e-mail enviado ao banco em que o padre mudou de posição e autorizou o pagamento do depósito. Porém, o religioso disse que “não tinha conhecimento desse e-mail”.

Promotores cumprem mandado na casa do padre Robson — Foto: MP-GO/Divulgação

Repasses sem aval da polícia

Novamente, o padre relatou que foi procurado por um dos hackers alegando receber “ameaças pesadas”. Ele contou que resolveu repassar R$ 500 mil para o grupo.

“A polícia discordou totalmente [do repasse] (…) Não, acho que não, os R$ 500 [mil] não foram [repassados com monitoramento policial]”, afirmou.

O dinheiro, em espécie, foi deixado dentro de um carro vermelho, em frente a um condomínio fechado, em Goiânia. O padre contou que o montante nem precisou ser sacado e foi retirado do fluxo diário do caixa da Afipe.

“A gente tem nas economias internas nossas, cotidianas ali, que a gente vai juntando. São valores de vendas de santinho, de dinheiro que chega lá, mais de três mil cartas [formas de doações à Afipe em que a pessoa recebe em casa o pedido de doação]. Então, às vezes, tem dinheiro aqui, dinheiro ali e a gente vai juntando”, destaca.

Novamente, ele foi questionado se a polícia acompanhou a entrega. “Eu realmente não acredito que tenha participado”, respondeu.

Houve ainda um repasse de R$ 80 mil aos hackers sob alegação de que o tio de um deles estava “precisando”.

Momento em que servidora da Afipe entrega pacote com dinheiro para chantagistas — Foto: Reprodução/TV Globo

A partir daí, o padre disse que começou a “negociar” e sugeriu a seguinte proposta: repassar R$ 50 mil mensais. Foram seis depósitos, totalizando R$ 300 mil.

Os pagamentos foram feitos no estacionamento de um shopping de Goiânia. Um deles foi flagrado por câmeras de segurança, quando uma funcionária da Afipe deixa o pacote dentro de uma caminhonete. Em seguida, o motorista deixa o local.

“A primeira entrega ainda não teve a participação da polícia. Mas eles estavam acompanhando depois, posteriormente, em cada uma das entregas”, recorda.

O padre é perguntado sobre o prejuízo que a associação e ele próprio tiveram, ele nega ter qualquer bem e que nada foi recuperado. “A associação [teve prejuízo]. Eu não tenho nada. Não [chegou a recuperar alguma coisa]. Uns R$ 980 mil [não teve ressarcimento]”.

De acordo com a investigação do MP, o prejuízo foi de R$ 1,2 milhão. A defesa do padre disse ao G1 que o valor usado nos pagamentos foi recuperado e está depositado em conta judicial, aguardando liberação para retornar às contas da Afipe.

Dinheiro foi apreendido na casa do padre Robson durante operação que apura desvios na Afipe — Foto: MP-GO/Divulgação

Entenda o caso

  • No dia 21 de agosto, o MP deflagrou a Operação Vendilhões, que apura desvios de verba e lavagem de dinheiro na Afipe
  • A ação apura o uso de dinheiro da Afipe – em sua grande maioria doado por fiéis – na compra de fazendas, casas de praia e outros imóveis de luxo. O MP afirma que eram usados “laranjas” e empresas de fachada para a prática dos crimes
  • Um processo de extorsão sofrido pelo padre Robson originou a ação do MP. A Justiça afirma que um hacker extorquiu o pároco tinha um romance com ele e ameaçava expor casos
  • A investigação aponta que a Afipe movimentou cerca de R$ 2 bilhões na última década. Ao menos R$ 120 milhões teriam sido desviados
  • Fundador e presidente da Afipe, padre Robson se afastou do cargo por conta da operação. Ele era o responsável por gerir um orçamento de R$ 20 milhões mensais

Ponte vence e se classifica. Afogados sai da competição de cabeça erguida e entrada de Jeferson Danilo nos emocionou

A Ponte Preta confirmou o bom momento na temporada e também favoritismo contra o Afogados-PE na Copa do Brasil. Depois de ter vencido por 3 a 0 em Campinas, ainda em março, a Macaca poderia perder por até dois gols na tarde desta terça-feira, no Sertão de Pernambuco, mas voltou a ganhar, desta vez por 2 a 0, e carimbou a vaga para a quarta fase. Zé Roberto e Guilherme Lazaroni, um em cada tempo, marcaram no Vianão.

Mas a desclassificação não tirou o brilho do time do Afogados na competição ao qual participou pela primeira vez, indo a terceira fase e eliminando o gigante Atlético Mineiro.
Nos do blog Mais Pajeú apaixonados pelo esporte e por nossa terra ficamos emocionados com a entrada do goleiro Jeferson Danilo, morador do Residencial Laura Ramos, um rapaz humilde e querido por todos.
Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!