Cultura

O evento ganhará transmissão ao vivo pelo canal Univision. O show será exibido diretamente da Times Square.

A cantora Anitta, 27, será uma das principais artistas que vão cantar no Réveillon de Nova York, nos Estados Unidos. O evento ganhará transmissão ao vivo pelo canal Univision.

O show será exibido diretamente da Times Square. Apresentado por Raúl de Molina e Alejandra Espinoza, em Nova York, e por Rafael Araneda e Angélica Vale, em Miami, o especial de três horas contará ainda com performances musicais de nomes como Pitbull, Gloria Gaynor e Andra Ray.

Pelas redes sociais, a artista celebrou. “Meu Réveillon será na Times Square, em Nova York. A gente não confirmou antes porque tinha muita burocracia para resolver, mas agora está tudo certo. Exames feitos, tudo maravilhoso. Vai ser diferente, óbvio, por conta da Covid. Só felicidade”, disse.

Os shows serão fechados ao público e contarão com todos os protocolos de segurança por causa da pandemia do novo coronavírus.

Dentre os demais nomes que vão se apresentar estão Greeicy, Mike Bahía, Cali y El Dandee, Camilo, Carmen DeLeon, Chesca, Joss Favela, Kany García, Matisse, Joey Montana e Natalia Jiménez.

O público poderá interagir e participar da festa utilizando as hashtags #AmorEnNavidad, #NuestraNavidad e #Feliz2021 no Facebook e no Instagram. O especial também estará disponível no app da Univision e no Univision NOW.

Graças a um processo coletivo e democrático de discussão, envolvendo todos os segmentos artísticos de Afogados, todo o recurso será empregado, não sendo necessária a devolução de nenhum centavo do que foi destinado ao município.
O montante de recursos é da ordem de R$ 284.724,79, divididos em 26 premiações de 3 mil Reais cada, contemplando espaços culturais, grupos e coletivos de artistas. Além de 111 artistas que receberão via chamada pública, cada uma no valor de R$ 1.800,00. Nessa categoria estão inclusos músicos, cantores, artesãos, poetas/escritores e artistas plásticos. 
Para o recebimento, o beneficiado precisa cumprir o que determina o edital no tocante à comprovação. Segundo o Secretário de Cultura e Esportes de Afogados, Edygar Santos, basta o beneficiário levar um pen-drive, ou outro arquivo de mídia digital, com a comprovação do evento/atividade realizada, dentro do que consta nas regras do edital.
Os primeiros pagamentos foram realizados, simbolicamente, pelo Prefeito José Patriota, durante uma das lives/apresentações que reuniu diversos artistas. “Quero agradecer o empenho e a dedicação dos nossos artistas, que nos ajudaram a, de forma participativa, construir a execução da Lei Aldir Blanc em Afogados. Nesses tempos difíceis em que ora vivemos, esse auxílio será de grande valia para os nossos artistas,” destacou o Prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, que entregou cheque simbólicos, dando o “start” para o início dos pagamentos. 
Segundo o Secretário de Cultura, Edygar Santos, os três objetivos do planejamento foram atendidos: que o dinheiro não voltasse, que beneficiasse o maior número de artistas e grupos culturais possíveis, e que não houvesse injustiça na definição dos valores. “Outro ponto muito positivo foi que conseguimos mapear os fazedores de cultura em Afogados, passamos de 75 para 320 cadastrados. Isso vai ajudar muito à futura gestão no planejamento das atividades culturais em nossa cidade,” destacou Edygar Santos.

Belém do São Francisco: PF identifica grupo que aplicava golpes em beneficiários do Auxílio Emergencial

Por G1 Petrolina

A Polícia Federal (PF) em Salgueiro, no Sertão de Pernambuco, conseguiu desarticular um possível grupo criminoso que vinha aplicando golpes em beneficiários do auxílio emergencial, pago pelo Governo Federal em razão da pandemia de Covid-19, no município de Belém do São Francisco. A operação Ágio Emergencial foi realizada na sexta-feira (4) e o resultado foi divulgado na noite do domingo (6).

De acordo com a PF, as investigações indicaram que, desde o último mês de abril, um funcionário de uma casa lotérica estava cobrando indevidamente 10% dos valores do auxílio emergencial para que os beneficiários não enfrentassem filas. Em seguida, marcavam em local fora do estabelecimento para fazer a entrega do dinheiro.

“Os envolvidos estavam cobrando e obtendo vantagem indevida em detrimento de pessoas de baixa renda, em situação de miserabilidade, por meio de um serviço público delegado pela Caixa Econômica Federal às casas lotéricas”, destaca a nota da PF.

Durante a operação, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal da 20ª Vara/PE, todos no sertão pernambucano. As investigações apontaram que um funcionário de lotérica, de 26 anos, pagava para um motoboy, de 43 anos, a quantia de R$ 100 para que ele pudesse encontrar beneficiários interessados no saque do auxílio emergencial, coletar os cartões das vítimas, bem como suas respectivas senhas.

Caderno com anotações de saques encontrados na casa do principal suspeito — Foto: Divulgação / Polícia Federal

Caderno com anotações de saques encontrados na casa do principal suspeito — Foto: Divulgação / Polícia Federal

Após o saque, o mototaxista entregava a seus proprietários a quantia restante, depois de ter abatido o valor dos serviços ilícitos. Após ter sido descoberto pelo dono da lotérica sobre a irregularidade, o suspeito passava também a fazer os saques em outras agências bancárias de Salgueiro e Cabrobó.

A Polícia Federal informou que na casa do principal suspeito foram encontrados e apreendidos um aparelho celular, um caderno com anotações dos saques, diversos comprovantes bancários de saques do auxílio emergencial, 27 cartões de benefício do Bolsa Família e do cidadão.

Os envolvidos vão responder pelo crime de corrupção passiva (crime pratica por funcionário contra a administração) prevista no artigo 317 do código penal e caso sejam condenados poderão pegar penas de até 12 anos de prisão. A operação recebeu o nome do Ágio Emergencial por fazer alusão a um valor adicional cobrado em operações financeiras.

Biden escolhe latino-americano para chefiar Secretaria de Saúde

Xavier Becerra, cujos pais são mexicanos, é o segundo latino-americano na equipe de Joe Biden: o titular da pasta de Segurança Interna é um homem que nasceu em Cuba.

No cargo de procurador-geral da Califórnia, Becerra lidera uma coalizão de estados que são favoráveis ao plano de saúde de Obama, que é questionado na Justiça dos EUA. (Foto: Reprodução)

Joe Biden deverá nomear o atual procurador-geral da Califórnia, Xavier Becerra, como secretário de Saúde e Recursos Humanos dos Estados Unidos, de acordo com reportagens da imprensa americana nesta segunda-feira (7).

Becerra nasceu na cidade de Sacramento, na Califórnia, mas seus pais são mexicanos. Ele é a segunda pessoa de origem latino-americana no governo de Biden: no mês passado, o presidente eleito anunciou que Alejandro Mayorkas, que nasceu em Cuba, mas se mudou ainda criança para a Califórnia, vai ocupar o Departamento de Segurança Interna (DHS, na sigla em inglês).

Foram canal NBC, o jornal “The New York Times” e outros meios de comunicação que informaram os planos de Biden para nomear Becerra, citando fontes anônimas próximas ao presidente eleito.

Antes de ser procurador-geral da Califórnia, Becerra foi deputado pelo estado. No legislativo, ele defendeu pautas dos direitos dos latino-americanos e o programa de saúde do ex-presidente Barack Obama, uma política que foi muito atacada por Donald Trump e pelo Partido Republicano.

No cargo de procurador-geral da Califórnia, Becerra lidera uma coalizão de estados que são favoráveis ao plano de saúde de Obama, que é questionado na Justiça dos EUA.

Becerra, de 62 anos, foi eleito procurador-geral da Califórnia em 2016 e sucedeu Kamala Harris, que foi eleita para o Senado naquele ano. Ela é a vice-presidente eleita.

Nascido em Sacramento (Califórnia) e de origem mexicana, ele foi o primeiro latino a ocupar o cargo.

Antônio Fernando fica com a 1ª suplência na escolha da mesa diretora da ALEPE

Nesta sexta-feira (4), a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) elegeu a nova composição da Mesa Diretora da Casa sendo reconduzido a cadeira de presidente do deputado Eriberto Medeiros (31 votos x 14 votos) e Romero Albuquerque (23 votos x 22 votos) se saíram melhor. O deputado Antônio Fernando ocupará a primeira suplência na secretaria.

A Mesa Diretora é composta de sete cargos titulares e sete suplentes, sendo os mais cobiçados os postos de presidente e 1º secretário.

Confira como ficou a composição da nova Mesa Diretora:

PRESIDÊNCIA
DEPUTADO ERIBERTO MEDEIROS – 31 votos

1ª VICE-PRESIDÊNCIA
DEPUTADO AGLAILSON VICTOR – 36 votos

2ª VICE-PRESIDÊNCIA
DEPUTADO MANOEL FERREIRA – 40 votos

1ª SECRETARIA
DEPUTADO CLODOALDO MAGALHÃES – 43 votos

2ª SECRETARIA
DEPUTADO PASTOR CLEITON COLLINS – 38 votos

3ª SECRETARIA
DEPUTADO ROGÉRIO LEÃO – 42 votos

4ª SECRETARIA
DEPUTADA ALESSANDRA VIEIRA – 42 votos

SUPLENTES

1ª SUPLÊNCIA
DEPUTADO ANTONIO FERNANDO – 43 votos

2ª SUPLÊNCIA
DEPUTADA SIMONE SANTANA – 44 votos

3ª SUPLÊNCIA
DEPUTADO JOEL DA HARPA – 38 votos

4ª SUPLÊNCIA
DEPUTADO HENRIQUE QUEIROZ FILHO – 37 votos

5ª SUPLÊNCIA
DEPUTADA DULCI AMORIM – 42 votos

6ª SUPLÊNCIA
DEPUTADA FABIOLA CABRAL – 42 votos

7ª SUPLÊNCIA
DEPUTADO ROMERO ALBUQUERQUE – 23 votos

 

Ibope divulga última pesquisa antes do 1° turno em João Pessoa e Cícero lidera com 22% seguido por Nilvan, com 15%

A pesquisa Ibope contratada pela TV Cabo Branco, registrada no TSE sob o código PB-09109/2020, ouviu 602 entrevistados e foi executada entre os dias 8 e 14 de novembro.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. A margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou para menos. (Foto: Divulgação/Edição ClickPB)

O Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope) divulgou, neste sábado (14), a última pesquisa eleitoral antes do primeiro turno com as intenções de votos para a Prefeitura Municipal de João Pessoa. Cícero Lucena lidera com 22% dos votos totais, seguido por Nilvan Ferreira, que tem 15%.

Ruy Carneiro soma 13% das intenções de voto, seguido por Edilma Freire, com 10%, Ricardo Coutinho (8%) e Wallber Virgolino (7%). João Almeida tem 3%, Raoni Mendes soma 2% e Camilo Duarte e Rafael Freire tiveram 0%.

Brancos e nulos somam 12% e os que não souberam ou não responderam são 7% do total. Anísio Maia, Rama Dantas, Italo Guedes e Carlos Monteiro não foram citados.

Conforme apurou o ClickPB, a pesquisa Ibope contratada pela TV Cabo Branco, registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código PB-09109/2020, ouviu 602 entrevistados e foi executada entre os dias 8 e 14 de novembro. O nível de confiança da pesquisa é de 95%. A margem de erro é de quatro pontos percentuais, para mais ou para menos.

Confira o resultado da pesquisa Ibope:

Cícero Lucena (PP): 22%

Nilvan Ferreira (MDB): 15%

Ruy Carneiro (PSDB): 13%

Edilma Freire (PV): 10%

Ricardo Coutinho (PSB): 8%

Wallber Virgolino (Patriota): 7%

João Almeida (Solidariedade): 3%

Raoni Mendes (DEM): 2%

Camilo Duarte (PCO): 0%

Rafael Freire (UP): 0%

Brancos e nulos: 12%

Não souberam ou não responderam: 7%

Anísio Maia (PT), Rama Dantas (PSTU), Italo Guedes (PSOL) e Carlos Monteiro (REDE) não foram citados.

Primeira pesquisa

Na primeira pesquisa Ibope, divulgada no início de outubro, os candidatos mais lembrados pelos eleitores entrevistados foram o ex-prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena (PP), o radialista Nilvan Ferreira (MDB) e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB). Ricardo Coutinho também liderou no índice de maior rejeição, com 43%.

 

 

 

 

Agentes da Polícia Federal chegaram hoje a Arcoverde, no Sertão do Estado, para reforçar a segurança e o combate aos crimes eleitorais, como compra de votos, até o próximo domingo, quando os mais de 46 mil eleitores arcoverdenses vão às urnas. A equipe da PF já chegou pondo fim a uma manifestação da campanha de um candidato a vereador da coligação de Wellington da LW na Praça da Bandeira.

Munidos de drones, a Polícia Federal vai monitorar as denúncias de compras de votos e a segurança do pleito em si, no domingo. Os equipamentos já estão aqui e serão utilizados de forma permanente.

A vinda da PF para Arcoverde faz parte de um pedido apresentado à Justiça Eleitoral por um grupo de dez advogados e advogadas, em nome da coligação Muda Arcoverde. Para isso, o grupo se baseou nos autos do Pedido de Providências n.º 0600509-24.2020.6.17.0057, em trâmite na 57ª Zona Eleitoral. Por ele, são relatados exemplos de compra de votos, a exemplo da entrega de marmitas no Residencial Maria de Fátima pela diretora da Policlínica, Rita Lima; até mesmo da entrega de carrinho de mão pela servidora da saúde, Ivanilda de Lima, conhecida por Suzy da Saúde; além das reuniões realizadas pela prefeita, secretários e o candidato Wellington da LW no Buffet Arte de Fazer, com promessas em troca de apoio político eleitoral.

Diante dos fatos, os advogados pediram o acionamento da Polícia Federal para atuação nas eleições municipais de 2020 até o encerramento da votação com a apuração dos votos e a intensificação das atividades da Polícia Militar nos bairros da cidade de zona rural.

Afogados da Ingazeira registra o 17º óbito por Covid-19

A Secretaria de Saúde de Afogados da Ingazeira informa em seu boletim epidemiológico, que neste sábado (14), foram registrados 14 casos para covid-19 no município. Todos já estavam em investigação.

São oito pacientes do sexo feminino com idades entre 21 e 51 anos; e seis pacientes do sexo masculino, com idades entre 18 e 96 anos. Entre as mulheres, quatro agricultoras, uma atendente, uma recepcionista, uma do lar e uma auxiliar de serviços gerais. Entre os homens, dois agricultores, um bibliotecário, um estudante, um funcionário público e um aposentado.

Entram em investigação os casos de 18 pacientes do sexo feminino, com idades entre 1 e 99 anos; e os de 22 pacientes do sexo masculino, com idades entre 1 mês e 82 anos. Hoje, 36 pacientes apresentaram resultados negativos para Covid-19 no município.

Óbito – Paciente do sexo masculino, 64 anos, apresentava outras comorbidades e estava internado no Hospital Geral Eduardo Campos, em Serra Talhada, desde o dia 7 de novembro. “Nossos sentimentos aos familiares e amigos”, destaca a Prefeitura na nota.

Neste sábado, 7 pacientes apresentaram cura após avaliação epidemiológica e clínica. O município atingiu a marca de 1.242 pessoas (92, 41%) recuperadas para covid-19. Atualmente, 85 casos estão ativos.

O município atingiu a marca de 6.618 pessoas testadas para covid-19, o que representa 17,76 % da população testada.

Casos leves x SRAG/covid- 19: Leves (1.288 casos), 95,83% SRAG (56 casos), 4,17%

Última pesquisa afirma vitória de Wellington da LW para prefeito de Arcoverde

O candidato a prefeito de Arcoverde Wellington da LW (MDB), não só virou como ultrapassou o adversário Zeca Cavalcanti (PTB) na última pesquisa divulgada neste sábado, 14, pelo Instituto Múltipla. Com 44% das intenções de voto contra 40% do trabalhista Wellington da LW já pode se considerar prefeito de Arcoverde.Os números mostram o favoritismo do povo ao candidato e demonstram que a campanha do prefeirurável segue firme e com força total, mesmo diante das investidas jurídicas por parte de Zeca Cavalcanti para barrar a campanha de Wellington da LW. Considerando a margem de erro de 4,8%, Welington da LW tem entre  39,2% e 48,8% das intenções de voto e Zeca Cavalcanti entre 35,2% e 44,8%. O que reafirma a vitória do emedebista nas eleições do próximo dia 15.

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br. (Foto: Reprodução)

A Caixa Econômica Federal (CEF) libera nesta quinta-feira (8) saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial para 4 milhões de beneficiários do programa que não fazem parte do Bolsa Família nascidos em julho, que tiveram o dinheiro creditado em poupança social digital no último dia 18 de setembro.

Os saques são de parcelas do benefício original, de R$ 600. Os beneficiários já podiam usar os recursos para pagamento de contas e compras por meio do cartão virtual.

Parcelas extras de R$ 300
No final de setembro, o governo divulgou as datas de pagamento das parcelas extras do Auxílio, de R$ 300, para beneficiários fora do Bolsa Família. Veja aqui como ficou o calendário, e aqui para tirar dúvidas sobre as novas parcelas.

VEJA QUEM PODE SACAR A PARTIR DESTA QUINTA:

Trabalhadores do Cadastro Único e inscritos via site e app poderão sacar ou transferir:

4 milhões de nascidos em julho:

– aprovados no primeiro lote poderão sacar a quinta parcela;
– aprovados no primeiro lote, mas que tiveram o benefício suspenso, poderão sacar a quinta parcela
– aprovados no segundo lote poderão sacar a quarta parcela;
– aprovados no terceiro lote poderão sacar a terceira parcela;
– aprovados no quarto lote poderão sacar a terceira parcela;
– aprovados no quinto lote poderão sacar a segunda parcela;
– aprovados no sexto lote poderão sacar a segunda parcela;
– aprovados no sétimo lote poderão sacar a primeira parcela;
– reavaliados (que tiveram o benefício suspenso em agosto) poderão sacar todas as parcelas já recebidas em poupança digital

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta segunda (05) foram registrados 09 casos para covid-19 em nosso município. Todos já estavam em investigação. 
São 08 pacientes do sexo feminino, com idades de 14, 20, 22, 25, 34, 36, 44 e 67 anos; e 01 do sexo masculino, de 32 anos. As mulheres são: 03 agricultoras, 02 de profissão não informada, 01 estudante, 01 aposentada e 01 dona de casa. O homem é biomédico. 
Entram em investigação os casos de 11 mulheres, com idades entre 05 e 53 anos; e os de 04 homens, com idades entre 17 e 61 anos. 
Hoje, 23 pacientes apresentaram resultados negativos para covid-19. 
Nesta segunda, 33 pacientes apresentaram cura após avaliação clínica e epidemiológica. O município atingiu a marca de 789 pessoas recuperadas (92,49%) para covid-19 em nosso município. Atualmente, 51 casos estão ativos. 
Afogados atingiu a marca de 4.469 pessoas testadas para covid-19. 
Semana Epidemiológica: 
Na última SE 41 foram detectados 62 casos para covid-19. Pela primeira vez, conseguimos encerrar todos os casos da semana dentro do período da análise. Ao analisar às últimas 05 semanas, nota-se uma tendência de estabilidade. Avaliação de casos por SE: SE 36 (107), SE 37 (75), SE 38 (66), SE 39 (46) e SE 40 (62). Ao avaliar a média móvel, durante as semanas epidemiológicas em questão, nota-se um cenário estável, o qual irá ser observado durante as próximas semanas. Média Móvel: SE 36 (15,28), SE 37 (10,71), SE 38 (9,42), SE 39 (6,57) e SE 40 (8,85).

São José do Egito registra mais 4 novos casos positivos para covid-19

Nessa segunda-feira (5), nossas unidades de saúde realizaram 36 testes para detecção do novo coronavírus, até o momento, foram feitos 2.581 exames como esses em nossa cidade. Nas últimas 24hs, 3 pessoas que contraíram o vírus e estavam cumprindo isolamento em suas residências, finalizaram o tratamento e estão livres da doença. Tivemos a confirmação de 4 novos casos de covid-19 em nosso município. Atualmente, 86 pessoas que testaram positivo, estão em isolamento domiciliar e 3 estão internados na UTI da UPA/COVID, todos sob os cuidados da nossa equipe multidisciplinar.

Petrolina:  Miguel lidera com folga em Petrolina

Via: Blog do Carlos Britto, um dos mais acessados do Nordeste.

Hoje, ele publicou a primeira pesquisa de intenções de votos em parceria com o Instituto.

O levantamento é composto por 400 entrevistas realizadas entre os dias 30/09 e 03/10 deste ano. O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro, para mais ou para menos, é de 4,9%.

A pesquisa foi registrada sob o nº PE 06837/2020. A soma das respostas que não totalizarem 100% é decorrente de arredondamento do programa. 

Na pesquisa estimulada, em que são oferecidas as opções para o eleitor, o prefeito e candidato à reeleição Miguel Coelho tem 66,8% das intenções de voto, contra 10,5% de Odacyr Amorim, o segundo colocado.

Depois, Júlio Lóssio, com 5,8%, Gabriel Menezes, com 2,3%, Dr Marcos, com 0,3% e  Deomiro Santos, com 0,3%. Indecisos são 11,3% com brancos e nulos 2,5%. Não sabem ou não opinaram 0,5%. Veja gráfico:

Tabira: seis homicídios em 20 dias

Depois de noticiar a morte de Gilberto Melo, choveram mensagens cobrando solução paraa onda de violência que vive Tabira.

Isso porque nos últimos 20 dias, foram seis homicídios na Cidade das Tradições.

É  no momento a cidade com maior média de mortes per capita, quando comparados os crimes em relação à população do município.

Uma situação absolutamente preocupante. Nem a Covid tem intimidado os crimimosos.

A morte de Gilberto tem características parecidas com parte dos demais: crime de execução. É preciso uma resposta das autoridades.

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) absolveu, ontem (26), o ex-tesoureiro do PT Paulo Ferreira, condenado pelo ex-juiz Sergio Moro em primeira instância pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa no âmbito da Lava Jato.
A decisão dos três desembargadores que compõem a Oitava Turma do TRF4, João Pedro Gebran Neto (relator), Leandro Paulsen e Carlos Thompson Flores, foi unânime. Eles consideraram não haver provas na denúncia de que ele teria participado em desvios na construção do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes), da Petrobras.
Paulo Ferreira, que chegou a ficar preso por cerca de seis meses em 2017, foi um dos três tesoureiros do PT condenados pelo ex-juiz Sergio Moro em diferentes casos da Lava Jato. Os outros foram Delúbio Soares e João Vaccari Neto, que também já teve uma condenação em primeira instância revertida pelo TRF4.
Também por unanimidade, os desembargadores absolveram o presidente da empreiteira Construcap, Roberto Ribeiro Capobianco, das irregularidades na construção do Cenpes. Também foi extinta a punibilidade do ex-diretor da Petrobras Renato Duque, devido à prescrição do crime de corrupção passiva pelo qual havia sido condenado.  
O TRF4 manteve, contudo, a condenação por corrupção ativa e associação criminosa do diretor a Construbase, Genésio Schiavinato Jr. Também foram mantidas as condenações por corrupção ativa de Léo Pinheiro e Agenor Franklin Medeiros, ex-executivos da empreiteira OAS. Outros seis envolvidos tiveram mantidas as condenações por associação criminosa.
Nesta semana, uma outra condenação de Moro foi revertida, dessa vez pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que anulou sentença proferida contra o doleiro Paulo Roberto Krug no caso Banestado.

A Afogados da Ingazeira Futebol Clube venceu o Retrô por 1×0 na Arena Pernambuco na noite deste domingo (26).

O gol:  Rodrigo recebe passe na esquerda, leva na velocidade e bate rasteiro para o meio. Bola passa pela defesa do Retrô e sobra para Júnior Mandacaru, que pega forte de primeira. Pancada no gol!!!
Com a vitória o Afogados vai enfrentar o Salgueiro na semifinal da competição na próxima quarta.
 

O objetivo é examinar se a troca do farelo de milho pelo de mandioca, na alimentação dos peixes, irá deixar a carne deles com menos gordura e o filé mais cristalino.

O peixe-panga é uma excelente espécie para a aquicultura. (Foto: Pescados Vemar/Reprodução)

O projeto “Uso de Farelo da Raiz Integral de Mandioca na Alimentação de Pangasius”, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), utilizará farelo de mandioca para desenvolver filé da carne de peixe-panga com baixo teor de gordura e mais cristalina. 

De acordo com a coordenadora do projeto, professora Alda Amancio, a ideia surgiu após uma conversa com o gerente de produção da empresa Aquavita, que produz ração para peixes. 

“Ele relatou que os produtores do Rio Grande do Norte estão tendo problemas com a qualidade do filé da espécie Pangasius [conhecido popularmente como peixe-panga]. Os peixes estão acumulando gordura e ficando com o filé amarelado”, conta Alda. 

O objetivo do projeto da UFPB é examinar se a troca do farelo de milho pelo de mandioca, na alimentação dos peixes, irá deixar a carne deles com menos gordura e o filé mais cristalino. 

“O preço do filé de Pangasius é maior quando a carne está mais clara. Além disso, os produtores de mandioca da região poderão ter uma boa oportunidade para comercializar o produto. Em Guarabira, existe uma fábrica de ração para peixes que poderá absorver a produção”, destaca a professora. 

Alda Amancio afirma que a escolha pela espécie Pangasius, considerado um peixe exótico, deu-se pelo fato de a carne dele ter relevante aceitação no mercado e apresentar vantagens significativas para a produção. 

“Na Paraíba, a espécie só é permita em experimentos e a produção em escala comercial ainda não foi autorizada. Mas, no Rio Grande do Norte, já existem produtores de carnes dela. O Pangasius é um peixe originário da Ásia e possui carne macia e sem espinhas, geralmente comercializado em forma de filés”, explica a professora. 

Segundo o projeto da UFPB, do ponto de vista zootécnico, o peixe-panga é uma excelente espécie para a aquicultura. Ele não necessita de altos índices de proteína na ração e tem o hábito alimentar onívoro, assim como a tilápia. 

“O preço do filé de peixe está atrelado à cor da carne. Dessa forma, há a necessidade de fontes alternativas de ingredientes energéticos que não possuam caroteno [pigmentos coloridos] para substituir o farelo de milho”, distingue a professora. 

Os experimentos do projeto serão realizados no Laboratório de Aquicultura, do Centro de Ciências Humanas, Sociais e Agrárias, campus de Bananeiras da UFPB. Além da professora Alda Amancio, a iniciativa conta com a pesquisadora Maria da Piedade Nero e o técnico do laboratório João Alberto Ferreira. 

Proposta prevê destinação de R$ 3,6 bilhões para o setor

O plenário da Câmara dos Deputados pode votar nesta terça-feira (26) a Lei de Emergência Cultural. O projeto prevê a destinação de R$ 3,6 bilhões da União para estados, Distrito Federal e municípios, na aplicação de ações emergenciais de apoio ao setor cultural durante o período de isolamento decorrente da pandemia do novo coronavírus.

O projeto prorroga por um ano a aplicação de recursos oriundos do Poder Executivo para atividades culturais já aprovadas. Também concede moratória de débitos tributários com a União por seis meses a pequenas empresas do setor cultural. Os débitos deverão ser pagos em 12 meses a partir do fim da moratória, com correção monetária.

O texto proíbe o corte de água, energia elétrica e serviços de telecomunicação, como internet, de empresas do setor cultural, durante o período de calamidade pública em virtude da covid-19.

A proposta prevê que os recursos do Programa Nacional de Apoio à Cultura (Pronac) e de outros programas federais de apoio ao setor devem priorizar atividades que possam ser transmitidas pela internet. Para viabilizar as despesas, o projeto prevê uso de recursos do Fundo Nacional da Cultura (FNC) e de 3% da arrecadação das loterias federais.

Renda emergencial

O projeto garante uma renda emergencial de R$ 600, retroativo a 1º de maio para os trabalhadores informais do setor cultural com rendimentos médios comprovados de janeiro de 2019 a fevereiro de 2020 de até três salários mínimos (por família). A proposta abrange artistas, produtores, técnicos, curadores, oficineiros e professores de escolas de arte.

Para receber o benefício, o trabalhador precisa comprovar a realização de atividades culturais no período e a falta de outra de fonte de renda, incluídos benefícios como o Bolsa Família ou o Benefício de Prestação Continuada (BPC). O benefício será pago em dobro para mães solteiras (R$1.200).

Espaços culturais

O texto prevê subsídios para manutenção de espaços artísticos e culturais, micro e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações culturais comunitárias que tiveram as suas atividades interrompidas por força das medidas de isolamento social. O valor destinado será definido pelo gestor local e pode variar entre R$ 3 mil e R$ 10 mil por mês.

A proposta inclui os seguintes espaços: pontos e pontões de cultura; teatros independentes; escolas de música, de dança, de capoeira e de artes; circos; cineclubes; centros culturais, casas de cultura e centros de tradição regionais; museus comunitários, centros de memória e patrimônio; bibliotecas comunitárias; espaços culturais em comunidades indígenas; centros artísticos e culturais afrodescendentes; comunidades quilombolas; espaços de povos e comunidades tradicionais; festas populares de caráter regional, inclusive a cadeia produtiva do carnaval; teatro de rua, e demais expressões artísticas e culturais realizadas em espaços públicos; livrarias, editoras e sebos; empresas de diversões e produção de espetáculos; estúdios de fotografia; produtoras de cinema e audiovisual; ateliês de pintura, moda, design e artesanato; galerias de arte e de fotografias; feiras de arte e artesanato; espaços de apresentação musical.

Como contrapartida, esses espaços deverão garantir, após o reinício de suas atividades, a realização de uma atividade cultural mensal destinada, prioritariamente, aos alunos de escolas públicas ou em espaços públicos de sua comunidade. Essas atividades deverão ser realizadas gratuitamente, pelo mesmo período em que receber o benefício.

Linhas de crédito

O projeto prevê ainda linhas de crédito para trabalhadores do setor cultural e às pessoas jurídicas que tenham finalidade cultural. O empréstimo será destinado ao fomento de atividades e aquisição de equipamentos, e terá condições especiais para renegociação de débitos.

Fazedores de cultura

Segundo a relatora da proposta (Lei de Emergência Cultural), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), a medida é fundamental para os profissionais do setor cultural do país. Com as medidas de isolamento social, a área está com atividades restritas. Parte dos artistas nacionais têm realizado apresentações via internet, inclusive para arrecadar doações tanto para comunidades carentes quanto para as próprias equipes.

“Todo mundo sabe da importância da arte e da cultura nas nossas vidas. Mas, nesse momento de pandemia, os fazedores de cultura tiveram total impacto econômico, da mesma forma que muitos outros trabalhos. Nesse momento, sejam os que estão na boca de cena ou na coxia, na frente das câmeras ou atrás delas, precisam muito que nós olhemos para essa dimensão do seu trabalho”, defende a deputada.

Segundo a parlamentar, as medidas terão impacto para todo setor, incluindo os artistas e os espaços culturais. “São iniciativas importantes, não só para os fazedores (de cultura), mas também para os espaços culturais e para os editais de fomento para as atividades. Muitos têm feito isso voluntariamente, mas temos que ver isso como um trabalho e a dimensão econômica desse setor”, argumenta Jandira.

Agência Brasil

No ar desde 2017, a Rádio Globo FM 94.1 vai encerrar sua operação em São Paulo no próximo dia 31. A emissora saiu do ar, em fevereiro, na frequência 1100 AM.

Com a saída, a transmissão em rede também será encerrada, e o Sistema Globo de Rádio estará presente em São Paulo apenas pela CBN FM 90.5.

“No próximo dia 31 de maio, a Rádio Globo encerra a sua operação em São Paulo no FM 94.1 e fecha o ciclo de desmobilização da rede de transmissão para todo o Brasil”, diz a emissora em comunicado.

A Rádio Globo terá a sua operação totalmente voltada ao mercado do Rio de Janeiro, onde está em evolução de audiência desde o final de 2019.

Rádio que revelou Silvio Santos encerra suas atividades em São Paulo

A Rádio Globo, responsável por revelar o apresentador Silvio Santos para o mundo das comunicações, anunciou nesta terça (12/05) que vai encerrar suas atividades em São Paulo no próximo dia 31 de maio.

Nas frequências da emissora, que ainda se chamava Rádio Nacional, vários artistas importantes despontaram em suas carreiras, como Silvio Santos, Hebe Camargo, Eli Corrêa, Gilberto Barros, entre outros.

 

 

Assista:

 

Quem é Assisão?

A carreira do forrozeiro teve início em 1962, com a gravação do compacto gravado na indústria de LP´s Rozenblit, com quatro canções próprias, quando participava do grupo Azes do Baião. Nos anos 70, com a ascensão nacional, Assis se tornava Assisão.

Entre as letras, são destaques “Pau nas Coisas”, “Forró Ferruado”, “Peixe Piaba”, “Fogueirinha”, “Alambique de Barro” e “Pequenininha”. Só esta última teve mais de 250 regravações no País.

.

Mas para muitos, ele não convenceu. 

Depois de ter as suas redes sociais invadidas por sertanejos revoltados com uma brincadeira cheia de mal gosto e preconceito contra o forrozeiro Assisão,o comediante Murilo Couto se desculpou.

O ponto de partida foi a tentativa de “fazer humor ” com expressões preconceituosas contra o artista que fez uma live semana passada, arrecadando alimentos para famílias carentes.

Assisão,  conhecido como o Rei do Forró,  tem mais de 50 anos de carreira e mais de 700 composições,  muitas gravadas por grandes nomes da MPB.

O vídeo gerou inúmeras mensagens de repúdio de sertanejos contra o perfil do humorista.

Ele disse ter tido suas redes sociais invadidas e ter se surpreendido.  Primeiro, pediu desculpas ao Assisão,  depois respondeu aos críticos pela postagem.

“Agora descobri que é um velho cabeludo, com visual engraçado é lenda do forró “, disse. Em seguida destacou a importância de Assisão para a música e reforçou o “desculpa Assisão”.

Ele discordou de quem o criticou por tratar uma “pessoa de idade com desrespeito”, parte dos questionamentos. “Não foi uma coisa específica com Assisão e muito menos por ele ser do Nordeste”.

No final ainda fez referência à aparência do cantor com um cachorro da raça Cocker Spaniel e citou outro artista. “Retiro  o que eu disse. Quem parece é o Robert Plate, do Led Zepelin”.

Mas para muitos o pedido de desculpas não resolveu. Ao contrário,  piorou a situação, pois reiterou algumas críticas ironizando o artista.

Solidariedade de artistas a Assisão: Uma certeza é a de que Assisão teve grande solidariedade. Além de inúmeros políticos e representantes de entidades, artistas como Elba Ramalho,  Alcimar Monteiro, Santana e entidades condenaram o humorista.

“Acabei de ver um vídeo de um pseudo humorista que de forma deselegante,  desagradável,  preconceituosa, destila veneno e farpas sobre um de nossos grandes artistas nordestinos que é o nosso mestre Assisão”, disse Elba Ramalho .

E seguiu: “Presta atenção Murilo, da forma que você age sem conhecimento, sem cultura, sem informação e  com a língua tão afiada você certamente não chegará na metade do caminho que Assisão chegou. E com respeito, com capacidade, com honra”.

 

Durante o isolamento da pandemia do novo coronavírus Gusttavo Lima já havia feito uma live com alto número de público e grande repercussão nas redes sociais.

O cantor Gusttavo Lima fez mais uma live com show em casa para os seguidores. Na noite deste sábado (11), o artista transmitiu suas interpretações com o repertório sertanejo que agrada a multidões pelo Brasil.

Durante o isolamento da pandemia do novo coronavírus Gusttavo Lima já havia feito uma live com alto número de público e grande repercussão nas redes sociais, principalmente por suas piadas, brincadeiras e estado alcoólico.

Os espectadores virtuais brincaram, nesta e na live anterior, sobre a ‘sofrência’ que o repertório traz e compartilharam diversas publicações nas redes sociais bebendo e escutando as músicas cantadas por Gusttavo.

 

Covid-19: Saúde libera mais R$ 4 bilhões para estados e municípios; Afogados da Ingazeira receberá R$ 886 mil

Mandetta diz que chegaram a “limpar gavetas” mas continua no cargo ...

O Ministério da Saúde liberou mais R$ 4 bilhões a estados e municípios para ações de combate à covid-19. O valor é um adicional ao que já recebem para custeio de ações e serviços relacionados à saúde e pode ser utilizado para compra de materiais e insumos, abrir novos leitos e custear profissionais. A Portaria nº 774/2020 com a liberação foi publicada ontem (9) em edição extra do Diário Oficial da União. O valor corresponde a uma parcela mensal extra do que cada estado ou município já recebe para ações de média e alta complexidade ou atenção primária.

Em mensagem nas redes sociais, o ministro da Saúde, Henrique Mandetta, disse que os recursos já foram depositados nas contas dos fundos estaduais e municipais de saúde. “A gente acha que, com isso, eles [os gestores de saúde] podem adquirir os equipamentos de proteção individual (EPIs) que a gente começa a trazer da China. Está começando o mercado chinês a se organizar, estamos conseguindo trazer”, disse.

O município de Afogados da Ingazeira receberá o valor de R$ 500 mil em emendas, sendo duas emendas de R$ 100 mil e uma de R$ 300 mil, e mais R$ 386 mil de recursos do Bloco de Custeio das Ações e dos Serviços Públicos de Saúde.

Ex-prefeito celebrou a vitória da Águia de Ouro no Carnaval 2020 de São Paulo

O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), usou a vitória da escola de samba Águia de Ouro no Carnaval 2020 paulista para ironizar o ódio do presidente Jair Bolsonaro ao educador Paulo Freire. A escola vencedora homenageou o patrono da educação brasileira em seu desfile deste ano.

“Quem sabe o Bolsonaro se anima, lê um livro do Paulo Freire e alfabetiza seu ministro. Parabéns Águia de Ouro: campeã do Carnaval 2020 de São Paulo”, escreveu Haddad, em referência ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, famoso por cometer erros de português nas redes sociais.

Sob o tema “O Poder do Saber – Se saber é poder… quem sabe faz a hora, não espera acontecer”, a Águia de Ouro contou a história da evolução do conhecimento humano. Um dos setores foi dedicado especialmente à educação, com um carro em formato de escola que prestava homenagem a Paulo Freire através da frase do educador “não se pode falar de educação sem amor”.

Apesar de seu reconhecimento internacional, o educador é constantemente atacado pelo clã Bolsonaro. Em um dos ataques mais recentes, durante transmissão ao vivo nas redes sociais em janeiro, o presidente Jair Bolsonaro e seu ministro da Educação, Abraham Weintraub, comentaram sobre os resultados do Brasil no último ranking do Pisa, que avalia a qualidade da educação em diferentes países do mundo, e culparam o ex-presidente Lula pela colocação brasileira.

Fernando Haddad

@Haddad_Fernando

Quem sabe o Bolsonaro se anima, lê um livro do Paulo Freire e alfabetiza seu ministro. Parabéns Águia de Ouro: campeã do Carnaval 2020 de São Paulo. https://www.uol.com.br/carnaval/2020/noticias/redacao/2020/02/25/aguia-de-ouro-e-a-campea-do-carnaval-2020-de-sao-paulo.htm  via @UOLEstilo @UOL

Águia de Ouro é a campeã do Carnaval 2020 de São Paulo

Águia de Ouro é a grande campeã do Carnaval 2020 de São Paulo após levar para a avenida um…

Documentário brasileiro é um dos cinco indicados a Melhor Documentário em Longa-metragem

O documentário “Democracia em Vertigem”, da diretora Petra Costa, garantiu um lugar na lista de indicados ao Oscar na categoria Documentário em Longa-Metragem. Com produção da Netflix, o longa revê os últimos anos da política brasileira, do governo Lula ao impeachment de Dilma Rousseff, sob uma ótica pessoal. A premiação acontece no dia 9 de fevereiro, em Los Angeles. 

O longa concorre com “American Factory” (Estados Unidos), “The Cave” (Irlanda e Tailândia), “Honeyland” (Macedônia) e “For Sama” (Reino Unido e Síria).

O filme é o primeiro brasileiro a ser indicado na categoria. Anteriormente, quatro filmes nacionais haviam sido indicados ao prêmio de melhor filme estrangeiro: O Pagador de Promessas (1963), O Quatrilho (1996), O Que É Isso, Companheiro? (1997) e Central do Brasil (1999). Em 2016, o filme O Menino e o Mundo foi indicado à categoria de melhor animação. Uma História de Futebol, de Paulo Machline, foi indicado ao prêmio de melhor curta-metragem em Live-action em 2001.

Cidade de Deus, de Fernando Meirelles, foi o filme com mais indicações. Em 2004, o longa concorreu em quatro categorias (melhor diretor, melhor roteiro adaptado, melhor edição e melhor fotografia). Além dos sete filmes listados, outras oito coproduções brasileiras já concorreram à estatueta.