O Brasil registrou 793 mortes por Covid e 14.532 casos da doença, nesta quarta-feira (15). A média móvel de mortes teve um aumento, em relação aos dias anteriores, e agora é de 597 óbitos por dia.

Por um problema técnico, Roraima não teve todos os dados divulgados.

Com os números dessa quarta, o país chegou a 588.640 óbitos e 21.032.268 pessoas infectadas pelo Sars-CoV-2 desde o início da pandemia.

A média móvel de casos permanece na casa dos 15 mil registros diários e agora é de 15.196, queda de 32% em relação a duas semanas atrás.

Mesmo com números inferiores aos muito elevados dados anteriores, o momento merece atenção e cuidado. O país já tem circulação comunitária da mais transmissível variante delta, que vem causando aumentos expressivos de casos em outros países.

Os dados do país, coletados até 20h, são fruto de colaboração entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são recolhidas pelo consórcio de veículos de imprensa diariamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

A iniciativa do consórcio de veículos de imprensa ocorreu em resposta às atitudes do governo Jair Bolsonaro (sem partido), que ameaçou sonegar dados, atrasou boletins sobre a doença e tirou informações do ar, com a interrupção da divulgação dos totais de casos e mortes. Além disso, o governo divulgou dados conflitantes.

Papa reprova cardeais ‘negacionistas’ que não querem ser vacinados

Foto: Tiziana Fabi/Pool/AFP

Francisco esclareceu que dentro do Vaticano ‘todos estão vacinados, exceto um pequeno grupo”, então “estamos estudando como ajudá-los’

AFP

O Papa Francisco condenou nesta quarta-feira (15) os cardeais “negacionistas”, que se recusam a serem vacinados contra a covid-19 e depois são infectados, em uma alusão a um de seus principais opositores.

“No colégio cardinalício há alguns negacionistas. Um deles, coitado, estava infectado com o vírus”, disse o pontífice no avião que o levava de volta de sua viagem apostólica de quatro dias à Eslováquia, na Europa Central.

Francisco estava se referindo ao ultraconservador cardeal americano Raymond Burke, um de seus mais ferozes críticos, que adoeceu em agosto devido a covid-19.

O papa argentino esclareceu que dentro do Vaticano “todos estão vacinados, exceto um pequeno grupo”, então “estamos estudando como ajudá-los”, acrescentou, durante uma coletiva de imprensa a bordo do avião papal.

O pontífice, ferrenho defensor da vacinação contra a covid-19, reconheceu que não entende os motivos de tanto ceticismo em relação às vacinas.

“É um pouco estranho, porque a história da humanidade com as vacinas tem se mostrado uma amiga”, disse ele, referindo-se a décadas de campanhas para proteger as crianças do sarampo e da poliomielite.

“Devemos esclarecer a questão e falar com calma”, aconselhou, embora admitisse que a diversidade das vacinas e sua reputação desigual podem ter gerado incerteza ou medo.

 

Empresa de energia solar dar calote de mais de R$ 3 milhões de reais em Salgueiro

Está próximo de serem concluídas as obras de uma das maiores usinas de energia solar do Sertão de Pernambuco, trata-se do parque UFV Salgueiro I, II e III, que se estende em terras dos municípios de Salgueiro e Terra Nova. O valor da obra não foi divulgado, no entanto a mesma é financiada pelo Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE).

A obra foi iniciada no ano de 2019 e já empregou muita gente, ainda há muitos trabalhadores em atividade. No entanto, a principal empresa responsável pela execução das obras, já não está mais na região e saiu com débitos gigantescos que ultrapassa os R$ 3 milhões de reais. Fornecedores estão na bronca com a empresa SNEF Energia e Telecomunicação Ltda.

Em Salgueiro e todo Sertão de Pernambuco, não se fala em outra coisa a não ser no calote da empresa de energia solar. A SNEF deve aos fornecedores de diferentes tipos de prestação de serviços, como aluguel de banheiros químicos, máquinas pesadas e geradores de energia, sem falar no fornecedor de alimentação que ficou no prejuízo com vultoso volume de dinheiro.

Um dos empresários que tem quantia significante para receber da SNEF Energia e Telecomunicação Ltda, relatou que tem pouco mais de R$ 100 mil reais pra receber da empresa. Ele disse ainda que tem gente pra receber mais de R$ 1 milhão de reais. As informações são do Blog de Didi Galvão.