É o primeiro lançamento tripulado dos EUA em nove anos. Nave Dragon Crew levará tripulantes da Nasa à Estação Espacial Internacional (ISS).

A Terra vista do espaço sideral (Foto: Reprodução/SpaceX)

O foguete da SpaceX partiu neste sábado (30) do Cabo Canaveral, na Flórida, com dois astronautas da Nasa a bordo. É o primeiro lançamento tripulado dos Estados Unidos em nove anos.

Inicialmente previsto para quarta-feira, a viagem da nave Dragon Crew foi adiada para este sábado devido ao mau tempo. Novamente, as condições meteorológicas poderiam atrapalhar a missão nesta segunda tentativa, afirmou o dono da SpaceX, Elon Musk. Porém, o lançamento foi confirmado momentos antes da partida.

O presidente dos EUA, Donald Trump, acompanhou o lançamento ao lado do vice, Mike Pence.

Às 16h35 (de Brasília), a espaçonave Dragon Crew se desacoplou do foguete para seguir viagem rumo à estação espacial.

Os astronautas Douglas Hurley e Robert Behnken foram os escolhidos para tripular a missão e viajar até a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).

Behnken e Hurley são astronautas da Nasa desde 2000 e já foram ao espaço duas vezes em ônibus espaciais. Estão entre os membros mais experientes da equipe da agência, segundo a BBC, e foram treinados como pilotos de testes (o que tem sido crucial para preparar a nova aeronave).

Hurley, de 53 anos, já passou 28 dias e 11 horas no espaço, e Behnken, de 49, acumula 29 dias e 12 horas, incluindo 37 horas de caminhada espacial (fora do veículo ou da estação).

Ambos têm esposas astronautas: Behnken é casado com a oceanógrafa e engenheira aeroespacial Megan McArthur, que tem quase 13 dias de missões no espaço, segundo a Nasa. Já Hurley é casado com a ex-astronauta da agência Karen Nyberg, engenheira com 180 dias de missões espaciais.

Os astronautas da NASA Douglas Hurley e Robert Behnken posam para foto durante ensaio para o lançamento no Kennedy Space Center no Cabo Canaveral, na Flórida, EUA, neste sábado (23) — Kim Shiflett/NASA/Divulgação via Reuters

Manifestante e policial morrem durante protestos nos EUA 

protestos nos EUA

Um jovem de 19 anos morreu após ser baleado por uma pessoa que passava de carro atirando contra os manifestantes. Um oficial do Serviço de Proteção Federal também morreu após ser baleado em Oakland, na Califórnia.

 Outros dois homens morreram na noite de sexta-feira (29), que marca a quarta noite consecutiva de manifestações contra a morte de George Floyd, um homem negro de 46 anos sufocado em Minnesota por um policial branco. Além das vítimas, um manifestante e um policial, aconteceram também centenas de prisões nos EUA. 

O manifestante que morreu era um jovem de 19 anos, atingido por uma pessoa que passou atirando de dentro de um carro contra a multidão que protestava no centro de Detroit, no Michigan, acrescenta a reportagem.

Um oficial do Serviço de Proteção Federal também morreu após ser baleado durante as manifestações em Oakland, na Califórnia. De acordo com as autoridades, cerca de 7,5 mil pessoas participaram das manifestações na cidade.

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!