Segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde, os dois novos casos confirmados são de duas mulheres, uma de 55 anos e outra de 45 anos.

Os dois novos casos são de mulheres residentes em João Pessoa e tiveram contato com caso em investigação (Foto: Reprodução)

A Secretaria de Saúde da Paraíba confirmou nesta quarta-feira (25) mais dois casos de coronavírus no estado. Sendo assim, o total de casos confirmados na Paraíba subiu para cinco.

Segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde, os dois novos casos confirmados são de duas mulheres, uma de 55 anos e outra de 45 anos. As duas são residentes em João Pessoa e tiveram contato com caso em investigação. No entanto, não foi divulgado se se trata do mesmo caso ou a relação entre as duas.

Os exames analisados pelo LACEN-PB nesta quarta-feira (25) confirmaram os dois novos casos e descartaram outros 17 suspeitos. As duas mulheres com novos casos confirmados de coronavírus estão em isolamento domiciliar, sendo acompanhadas pela vigilância municipal.

LEIA MAISBrasil tem 57 mortes e 2433 casos confirmados de Covid-19, diz Ministério da Saúde

Internações

Até as 17h desta quarta-feira (25) a Paraíba contava 31 internações de pacientes com suspeita de coronavírus, sendo oito em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). De acordo com a Secretaria de Saúde, estão registradas internações em leitos regulares nas cidades de Cajazeiras, Monteiro e João Pessoa. Já os pacientes internados em UTIs estão nas cidades de Sousa, Patos, Cajazeiras, Piancó e João Pessoa, sendo quatro deles em hospital privado.

Governo da Paraíba

Secretaria de Estado da Saúde

Atualização COVID-19 25/03 | 18h

Casos Confirmados: 05
Casos Descartados: 117
óbitos confirmados: 0

Dentre as amostras analisadas pelo LACEN – PB nesta quarta, 25, foram descartados 17 casos e confirmados mais 2 casos para COVID-19, com informações a seguir:

Mulher, 55 anos, residente em João Pessoa, com histórico de contato com caso em investigação. Segue em isolamento domiciliar acompanhada pela vigilância municipal.

Mulher, 45 anos, residente em João Pessoa, com histórico de contato com caso em investigação. Segue em isolamento domiciliar, acompanhada pela vigilância municipal.

Pacientes internos com suspeita de infecção pelo COVID-19:
Internação em UTI: 8
Internação em leito regular: 23

Até às 17h a Paraíba possuía 31 pacientes internados suspeitos de Coronavírus, sendo 23 em leitos de internação regular (nos municípios de Cajazeiras, Monteiro e João Pessoa) e 8 em UTI (nos municípios de Sousa, Patos, Cajazeiras, Piancó e João Pessoa), 4 destes estão em hospitais privados na capital.

Mourão defende isolamento social. “O presidente não se expressou da melhor forma”

A posição do governo é de “isolamento e distanciamento social”, disse nesta quarta-feira (25) o vice-presidente Hamilton Mourão.

“O presidente não se expressou da melhor forma. O que ele buscou colocar é a preocupação com a segunda onda da pandemia, que são os efeitos econômicos. A posição do governo ainda é de isolamento”, declarou.

O vice-presidente anunciou nesta quarta-feira que o recém-criado Conselho da Amazônia realizará ações de combate à disseminação da Covid-19. O órgão, que contava com 14 ministérios e não incluía a pasta da Saúde, agora contará com uma subcomissão para lidar com a saúde da região. O colegiado irá instalar postos avançados de saúde nas fronteiras da Amazônia Legal.

A fala de Mourão contraria o que disse ontem, em cadeia nacional de rádio e televisão, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Na noite desta terça, Bolsonaro criticou as medidas de prevenção do novo coronavírus (COVID-19) adotadas por prefeitos e governadores.

“Algumas poucas autoridades estaduais e municipais devem abandonar o conceito de ‘terra arrasada’, com proibição do transporte, fechamento do comércio e confinamento em massa. O que se passa no mundo tem mostrado que o grupo de risco é o de pessoas com mais de 60 anos. Então, por que fechar escolas?”, questionou o presidente.

“O vírus chegou e brevemente passará. Nossa vida tem que continuar, os empregos devem ser mantidos e o sustento das famílias deve ser preservado. Devemos voltar à normalidade”, minimizou o presidente na fala de ontem.

Apesar de dizer que o vírus “brevemente passará”, na semana passada, a previsão do próprio ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, era de que a fase mais aguda da epidemia do novo coronavírus vai durar ao menos até julho.

Mortes por novo coronavírus sobem para 57 no Brasil 
Covid-19 tem a taxa de letalidade de 2,4% no Brasil

Agência Brasil

O número de mortes decorrentes do novo coronavírus (covid-19) chegou a 57, conforme atualização do Ministério da Saúde publicada hoje (25). Pela primeira vez desde o início da pandemia, foram registradas mortes fora dos epicentros do surto no país, São Paulo e Rio de Janeiro. Falecimentos em razão da covid-19 ocorreram em Pernambuco, no Rio Grande do Sul e no Amazonas.

O total de mortes marca um aumento de 11 em relação a ontem, quando a contabilização marcava 46 vítimas que vieram a óbito por conta da infecção. Na segunda-feira, eram 25 falecimentos.

Do total, 48 foram em São Paulo, seis no Rio de Janeiro, uma no Amazonas, uma no Rio Grande do Sul e uma em Pernambuco.

O total de casos confirmados saiu de 2.201 ontem para 2433 casos. O resultado de hoje marcou um aumento de 28% nos casos em relação ao início da semana, quando foram contabilizadas 1.891 pessoas infectadas.

Como local de maior circulação do novo coronavírus no país, São Paulo também lidera o número de pessoas infectadas, com 862 casos confirmados. Em seguida, o Rio de Janeiro (370), Ceará (200), Distrito Federal (160), Minas Gerais (133) e Rio Grande do Sul (123).

Também registram casos confirmados Santa Catarina (109), Bahia (84), Paraná (81), Amazonas (54), Pernambuco (46), Espírito Santo (39), Goiás (29), Mato Grosso do Sul (24), Acre (23), Sergipe (16), Rio Grande do Norte (14), Alagoas (11), Mato Grosso (oito), Maranhão (oito), Piauí (oito), Roraima (oito), Tocantins (sete), Pará (sete), Rondônia (cinco), Paraíba (três), e Amapá (um).

O Ministério da Saúde recomenda o isolamento a quem apresenta sintomas da covid-19 e a moradores da mesma residência do paciente sintomático, bem como a idosos acima de 60 anos, pelo prazo de 14 dias. Uma vez terminado esse período, não haveria mais necessidade da medida, a não ser em casos de uma condição médica específica.

Agência Brasil

 

 

 

 

Nível do lago de Sobradinho (BA) deve chegar a 81% da sua capacidade no dia 3 de abril

Foto: reprodução

A Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) comunicou as últimas previsões de cotas e vazões do Reservatório de Sobradinho (BA).

De acordo com informações da companhia, o lado deve chegar até o dia 3 de abril ao volume de 81% da sua capacidade. com operação de 800 metros cúbicos por segundo.

Devido à necessidade operacional ou por razões naturais, os valores e níveis informados poderão sofrer alterações não programadas.

Estado de Nova Iorque ultrapassa os 30 mil casos de coronavírus

Segundo Cuomo, o distanciamento social e o fechamento de negócios está contribuindo para reduzir as internações.

Nova Iorque receberia US$ 3,8 bi, enquanto a capital homônima teria direito a US$ 1,3 bi, o que Cuomo considera insuficiente diante do tamanho da crise provocada pelo coronavírus. “É uma gota em um oceano”, admitiu. (Foto: Reprodução)

O governador de Nova York, Andrew Cuoma, anunciou nesta quarta-feira que o Estado alcançou a marca de 30.811 casos de infecção pelo coronavírus. Até o momento, 285 pessoas morreram, 3.805 estão hospitalizada. Dessas, 888 estão em unidades de terapia intensiva.

Segundo Cuomo, o distanciamento social e o fechamento de negócios está contribuindo para reduzir as internações. O governador ainda criticou o pacote de ajuda econômica do governo dos Estados Unidos, no valor de US$ 2 tri, que o Congresso decidiu aprovar. O valor será usado para pagamento de salários, seguro desemprego, ajuda à empresas e grandes companhias em crise.

Nova Iorque receberia US$ 3,8 bi, enquanto a capital homônima teria direito a US$ 1,3 bi, o que Cuomo considera insuficiente diante do tamanho da crise provocada pelo coronavírus. “É uma gota em um oceano”, admitiu.

A estimativa é que o Estado sofra um rombo de US$ 15 bi, por isso, quer que os segmentos da economia com menor risco sejam retomados, e jovens pacientes recuperados possam circular pelas ruas.

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!