Foto reprodução da polícia

CÍNTIA CIBELE- Acusada

DIEGO MARQUES DA SILVA -Acusado

RENATO PANTA BATISTA- Acusado

Os dois foram liberados dia seguinte, 

O caso teve repercussão em todo estado de PE pelo programa Balanço Geral 

Telefones recuperados pela polícia

 

Veja a ocorrência oficial registrada pelo delegado Carlos Couto, delegada Camaragibe-PE, Dra. Euricelia.

SDS/PCPE/DIM/4a DESEC/D.P JARDIM SÃO PAULO

COMBATE AOS CRIMES CONTRA O PATRIMÔNIO/PRISÃO EM FLAGRANTE DELITO

Policiais da delegacia de Jardim São Paulo, coordenados pelo Delegado CARLOS COUTO, na noite de ontem, efetuaram a prisão em flagrante delito de DIEGO MARQUES DA SILVA, RENATO PANTA BATISTA (Cafú) da cidade de Afogados da Ingazeira-PE e CÍNTIA CIBELE SOARES DE MACEDO por receptação qualificada. Os suspeitos do sexo masculino foram encontrados em poder de 16 (dezesseis) smartphones que haviam sido subtraídos no assalto da filial 890 do Magazine Luiza (Centro de Camaragibe), ocorrido no dia 08/10/2019, fato noticiado no BOE

n 19E0127007161. A compra dos aparelhos celulares teria sido intermediada por CÍNTIA CIBELE entre os autuados (que vieram do sertão pernambucano para operacionalizar a compra no valor de R$ 4.500,00 – quatro mil e quinhentos reais) e o assaltante conhecido pelo epíteto de “LACRADO” (vulgo porque o suspeito só “trabalha” com aparelhos com embalagem selada). No momento da apreensão, os produtos ainda foram encontrados no saco e logo do Centro de Distribuição da empresa vítima.

Após os procedimentos de praxe, os suspeitos serão encaminhados à audiência de custódia do Tribunal de Justiça do estado de Pernambuco.

CARLOS COUTO
Delegado titular de Jardim São Paulo

MAURO CABRAL
Gestor da 4a DESEC

 

Liberados:

As informações oficiais que os dois foram atuados em flagrante por receptação qualificada, e foram liberados na audiência de custódia, dia seguinte no Tribunal de Justiça mediante pagamento de fiança individualmente, dentre outras condições impostas pela justiça,  Em relação a mulher Cíntia Cibelle, teve prisão em flagrante convertida em preventiva, uma vez que a mesma tinha antecedentes pelo crime de reptação.  

 

CONFIRA DECISÃO DA AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA: 

“OFICIE-SE à VEPA e a 19ª Vara Criminal da Capital (proc.8786-55.2018.8.17.0001), com a finalidade de informar acerca desta nova prisão da autuada e da decisão proferida em audiência de custódia. Relativamente aos outros dois autuados RENATO PANTA BATISTA e DIEGO MARQUES DA SILVA, a meu ver, há de se frisar que a prisão preventiva não se afigura como prisão pena, mas sim como prisão processual. Desta forma, para que a mesma seja decretada, hão de ser analisados requisitos de ordem processual, ou seja, verificar se o autuado reúne condições de tumultuar ou dificultar a colheita da prova ou atabalhoar a ordem pública. Conforme pesquisa realizada no Judwin, ambos os autuados não registram antecedentes criminais. Assim sendo, são primários e detentores de bons antecedentes. Ademais, possuem endereço fixo nos autos e indicaram trabalho lícito. Por fim, registro, tenho que a medida mais gravosa são se faz necessária em face dos autuados, pelo menos por ora. Destarte, não vislumbrando razões para a prisão preventiva dos autuados, considerando a situação econômica dos presos, que se trata de pessoas com trabalho certo e renda regular, nos termos do art. 325, § 1º, II do CPP, fixo-a no valor de CINCO (05) SALÁRIOS-MÍNIMOS a fiança, a qual deverá ser recolhida no prazo de 48 horas. Ciente os flagranteados e seus advogados, que deverão fazer prova do recolhimento da fiança arbitrada junto à vara criminal para onde o presente flagrante for distribuído. Diante do exposto, concedo LIBERDADE PROVISÓRIA A RENATO PANTA BATISTA e DIEGO MARQUES DA SILVA, MEDIANTE FIANÇA, ORA FIXADA EM CINCO (05) SALÁRIOS-MÍNIMOS, nos termos acima, EXPEÇA-SE O ALVARÁ DE SOLTURA. Sujeitando-o, também, às obrigações constantes no art. 319 do mencionado diploma legal, quais sejam: a) Deverão comparecer a todos os atos e termos do processo, bem como, mensalmente, em juízo, e, nos 05 (cinco) primeiros dias úteis, até o seu término, para informar e justificar suas atividades, devendo a Secretaria proceder ao registro e acompanhamento em livro próprio; b) Não poderão mudar de residência sem prévia permissão do Juízo processante, medida que se impõe para conveniência da instrução criminal. Expeça-se os competentes ALVARÁS DE SOLTURA devendo os autuados serem postos em liberdade, salvo se por outro motivo estiverem presos. Intime-se. Cumpra-se. Nos termos da Resolução 380 de 10/08/2015 remeta-se o presente Auto de Prisão em Flagrante para o Setor de Distribuição. Nada mais houve determinou a MM Juíza o encerramento do presente termo que lido e achado conforme vai assinado pelos presentes. Eu, Mariana G. Daher Teixeira, o subscrevo. Juíza de Direito”

 

 

 

Leia; Matéria do último dia (08) fato que aconteceu o assalto 

ASSALTO NA MAGAZINE LUIZA

Fonte: Por Jc Oline

Por volta das 7:30 da manhã desta última terça (8), três elementos armados abordaram o gerente e funcionários da loja Magazine Luiza localizada na avenida Dr. Belmiro Gouveia, Camaragibe, e fizeram o gerente e o estoquista de reféns durante a ação.

De acordo com os funcionários os suspeitos chegaram a pé, se passando por clientes quando renderam o motorista do caminhão que descarregava as mercadorias na calçada em seguida levaram vários celulares e  três televisores.

Após a investida os assaltantes fugiram do local levando as câmaras e o circuito interno de segurança também  o carro do gerente  que posteriormente foi localizado por traz da Arena Pernambuco pela Polícia Militar

Policiais foram acionados e conseguiram localizar o veículo roubado, abandonado nas proximidades da Arena Pernambuco porém, sem as mercadorias roubadas.

 

Neste domingo (13), às 5h da manhã em Brasília (10h em Roma), a soteropolitana Maria Rita de Sousa Brito Lopes Pontes (1914–1992), nominada como Irmã Dulce desde 1933, torna-se a primeira santa nascida no Brasil reconhecida pela Igreja Católica Apostólica Romana. Torna-se Santa Dulce dos Pobres.

A canonização ocorre nove anos após o colegiado de cardeais e bispos da Congregação para a Causa dos Santos, da Cúria Romana, atestar o primeiro milagre atribuído à Irmã Dulce descrito no processo de beatificação da religiosa iniciado pela Arquidiocese de São Salvador da Bahia. A decisão do colegiado é baseada em avaliação de peritos de saber científico (como médicos) e teólogos.

O milagre que levou à beatificação foi a intercessão da freira, a pedido de orações de um padre, para salvar a vida de uma mulher que deu à luz a um menino e estava desenganada por causa de uma hemorragia depois do parto, que os médicos não conseguiam conter. O caso ocorreu nove anos após a morte de Irmã Dulce (2001), em uma cidade do interior de Sergipe.

Para a canonização, a Constituição Apostólica exige a comprovação de um segundo milagre e semelhante ritual processual e comprobatório. A segunda graça, conforme publicado pela Arquidiocese de Salvador, foi a recuperação da visão do músico e maestro José Maurício Bragança Moreira, após 14 anos sem enxergar por causa do glaucoma.

“Eu fui paciente de glaucoma muito grave que me cegou durante 14 anos. No dia do milagre, 10 de dezembro de 2014, o meu coral ia cantar, mas a minha esposa nem me deixou sair de casa por causa do derrame que eu tive nos olhos devido a uma conjuntivite viral. Eu passei a noite sem conseguir dormir e por volta das 4h eu peguei a imagem de Irmã Dulce, que fica na cabeceira da minha cama, a coloquei nos meus olhos e pedi que ela aliviasse a minha dor”, descreve Moreira em relato publicado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

De acordo com o músico, após colocar o santinho impresso sobre os olhos, sentiu sono e adormeceu. “Quando eu acordei de manhã, a minha esposa me deu umas compressas de gelo e foi quando eu comecei a enxergar o gelo e a ver a minha mão, e aos poucos a visão foi voltando. O momento que começou o retorno da visão foi pouco tempo depois da oração. É um milagre”, afirma. Após o reconhecimento do milagre pela Igreja, o Papa Francisco anunciou a canonização de Irmã Dulce.

Vocação social

A vocação religiosa de Irmã Dulce é revelada ainda na adolescência sob influência de uma tia paterna. Ela tornou-se freira no começo da década de 1930 pela Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, em São Cristóvão (Sergipe).

Formada como professora, teve como primeira missão ensinar a crianças em colégio de sua congregação em Salvador. A vocação para as causas sociais teve início naquela década quando passou a prestar assistência à comunidade pobre de Alagados, e a participar da União Operária São Francisco.

Em 1937, funda o Círculo Operário da Bahia, juntamente com Frei Hildebrando Kruthaup. Em 1939, Irmã Dulce inaugura o Colégio Santo Antônio, escola comunitária voltada para operários e filhos de operários.

Dez anos depois, ocupa um galinheiro ao lado do Convento Santo Antônio de Salvador para acolher 70 doentes. Em 1959, é instalada oficialmente as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) e no ano seguinte é inaugurado o Albergue Santo Antônio.
Celebração
O Santuário de Irmã Dulce, em Salvador, ao lado da sede das Osid permanecerá aberto durante toda noite de sábado (12) e a madrugada de domingo para a vigília à espera das canonizações que o Papa Francisco presidirá no Vaticano.

Junto com a santa brasileira, serão canonizados os beatos John Henry Newman (1801-1880), cardeal, fundador do Oratório de São Filipe Néri na Inglaterra; Giuseppina Vannini, Madre Josefina (1859-1911), italiana, fundadora das Filhas de São Camilo; a Maria Teresa Chiramel Mankidiyan (1876-1926), indiana, fundadora da Congregação das Irmãs da Sagrada Família; e Margherita Bays (1815-1879), suíça, da Ordem Terceira de São Francisco de Assis.

A primeira missa em honra à Santa Dulce dos Pobres ocorrerá em Roma na igreja San’t Andrea della Valle, segunda-feira(14), 24 horas depois da canonização. No dia 20 de outubro, domingo, em Salvador, haverá a celebração pela canonização da Santa. Será no estádio de futebol Arena Fonte Nova, com abertura dos portões ao meio-dia. Os ingressos gratuitos estão à disposição nas diversas paróquias da Arquidiocese de Salvador e começaram a ser distribuídos no início deste mês.

 

 

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!