FUTEBOL:

A histórica eliminação do Paris Saint-Germain para o Barcelona pode chegar, inclusive, à Justiça brasileira, por conta de uma publicação do jornal Aqui PE, de Pernambuco. O Náutico tomará as “medidas cabíveis” contra o meio de comunicação.

Na capa da edição desta quinta-feira, o jornal chamou o clube francês de “Náutico de Paris”, por conta da derrota por 6 a 1. Segundo o texto escrito pelo periódico, “o Paris Saint-Germain viveu um dia de Náutico ontem na Liga dos Campeões. Mesmo com a vantagem de ter vencido o jogo de ida por 4 a 0, o clube francês amarelou, tal qual o Timbu na Batalha dos Aflitos”.

O jornal fez alusão à decisão da Série B do Campeonato Brasileiro de 2005, quando o alvirrubro pernambucano esteve muito perto de vencer o Grêmio e subir à elite, mas acabou perdendo por 1 a 0, mesmo com os gaúchos terminando a partida com apenas sete jogadores em campo.

Jornal Aqui PE provocou o Náutico

A repercussão foi intensa nas redes sociais, com os torcedores do Timbu se revoltando contra o Aqui PE. Sendo assim, o clube pernambucano resolveu se manifestar, anunciando que, “por amor e respeito a nossa apaixonada torcida”, tomará as medidas necessárias perante o caso.

Leia a nota oficial do Náutico:

O Náutico se sente muito honrado em ser comparado ao Paris Saint-Germain, atual campeão francês. Afinal, todos os clubes têm orgulho das suas conquistas, mas apenas os grandes são lembrados pelas suas derrotas. Sobre a publicação, por amor e respeito a nossa apaixonada torcida, o clube irá tomar as medidas cabíveis.

Fonte: Gazeta Press

 

Seguindo em busca do título, Náutico usa como exemplo jogo da Liga dos Campeões

Apesar da boa vantagem nos primeiros 90 minutos da final da Série C, o discurso no Náutico, como esperado, é de pés no chão. E para exemplificar isso, o volante Jhonnatan revelou que, logo após a vitória por 3 a 1, o técnico Gilmar Dal Pozzo tratou de dar exemplo acerca de viradas no futebol. E citou a semifinal da última edição da Liga dos Campeões da Europa entre Liverpool e Barcelona, onde a equipe inglesa conquistou uma reviravolta de forma épica.

Gol é com eles! Veja números do duelo entre Gabigol e Cebolinha

 

A semifinal da Libertadores, entre Flamengo e Grêmio, nesta quarta-feira (2), terá em campo dois dos maiores craques do futebol brasileiro na atualidade: de um lado, Gabigol, o artilheiro do Brasileirão; e, de outro, Everton Cebolinha, um dos destaques da seleção na última Copa América. O R7 traz alguns números que explicam os motivos do duelo ser imperdível:

Goleador Rubro-Negro
Gabriel tem uma média de 0,75 gols por jogo na temporada e é o atual artilheiro do Campeonato Brasileiro. Com 18 gols, o atacante está a apenas três de igualar Zico em números de tentos no Brasileirão. Em 1980, o então camisa 10 do time carioca fez 21 gols no nacional em apenas uma temporada

Goleador da Copa América
Everton também tem feito uma temporada brilhante. O camisa
11 do Grêmio fez um total de 17 gols pelo Tricolor, uma média de 0,40 gols por
partida. Cebolinha também foi o artilheiro, junto com o peruano Paolo Guerrero, da última Copa América, com três gols marcados

Sede de títulos
Ainda sonhando com mais duas taças (Libertadores e Brasileiro), Gabigol já sentiu o gostinho de ser campeão pelo Flamengo neste ano ao vencer o Campeonato Carioca

Rei Gaúcho
Enquanto isso, Everton Cebolinha já tem três títulos em 2019. No primeiro semestre, ele ajudou o Grêmio a levar o Campeonato Gaúcho e a Recopa Gaúcha. Pela seleção brasileira, ele foi fundamental para a conquista da Copa América

Valor de mercado
Gabigol está emprestado ao Flamengo pela Inter de Milão. Se o clube carioca quiser comprar os direitos do craque, terá que pagar R$ 137 milhões. Segundo o site Transfermarkt, ele está avaliado em R$ 82 milhões

Valor de mercado
Após o título da Copa América, Everton teve seu valor aumentado consideravelmente. Segundo dados do Transfermarkt, o atacante, que foi muito especulado no futebol europeu, mas acabou permanecendo no Grêmio, vale R$ 182,4 milhões

Jejum contra o Grêmio
Gabigol já atuou 12 vezes em sua carreira contra o Grêmio, todas elas pelo Santos. Ao longo desses jogos, o centroavante fez apenas um gol e venceu
duas vezes, acumulando ainda cinco empates e outras cinco derrotas

Nunca perdeu para Gabigol
Por outro lado, em 11 jogos que Everton jogou contra o Flamengo, o craque gremista marcou três vezes, e saiu com a vitória em quatro partidas. Ele ainda empatou duas vezes e perdeu cinco. Everton e Gabigol já se enfrentam três vezes, e Cebolinha nunca perdeu, com duas vitórias e um empate

 

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!