Novas mensagens divulgadas sugerem articulação entre procuradores, ministros e, inclusive, políticos investigados pela Operação Lava Jato

O procurador Deltan Dallagnol usou do prestígio que ganhou como coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba para fazer lobby com ministros do governo Bolsonaro (PSL), senadores e ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e emplacar seu aliado no Ministério Público Federal (MPF), o procurador regional da República Vladimir Aras, como o novo comandante da Procuradoria-Geral da República (PGR).

É o que apontam novas mensagens divulgadas nesta sexta-feira pelo UOL e enviadas por fonte anônima ao site The Intercept Brasil. Tais diálogos atribuídos ao procurador e Aras revelam seu engajamento pessoal na campanha do aliado e, ao mesmo tempo, receio que sua ajuda viesse a público. “bom ficamros [sic] na sombra”, disse Deltan a Aras.

Quem é Vladimir Aras?

O procurador Vladimir Aras é o atual coordenador do Grupo de Apoio ao Tribunal do Júri Federal da 2ª Câmara de Coordenação e Revisão do MPF. Ele já ocupou os postos de: secretário de Cooperação Jurídica Internacional da PGR na gestão do ex-PGR Rodrigo Janot e fez parte dos GTs (Grupos de Trabalho) de Crime Organizado e de Lavagem de Dinheiro e Crimes Financeiros da PGR.

Qual é a função do PGR?

Só o procurador-geral da república pode processar o presidente da República e membros do Congresso Nacional. Além disso ele é responsável por comandar a estrutura administrativa do MPF, atuar junto ao STF e acusar a inconstitucionalidade de leis, decretos e outras medidas legislativas ou o descumprimento de alguma prática inconstitucional. Ainda cabe ao PGR criar e renovar o funcionamento das forças-tarefa, como a Lava Jato.

A atual PGR é Raquel Dodge, nomeada por Michel Temer. A decisão de quem será o procurador da república é do presidente. Porém, desde 2001 os membros do MPF, sugerem três integrantes como sugestão após votação direta. Vladimir Aras ficou fora da chamada lista tríplice por ter obtido apenas 346 votos, o quinto mais votado.

Confira mensagens

Ambos começaram a articulação da candidatura antes do período eleitoral. Após a votação expressiva de Bolsonaro no primeiro turno, os procuradores começaram a planejar abordagens em torno do candidato, inclusive por meio do atual ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, e o chefe da Advocacia-Geral da União, André Luiz Mendonça. Além de envolver, ainda, políticos investigados pela Lava Jato.

11 de outubro de 2018

Vladimir: Fala com Moro sobre minha candidatura a PGR

Com Bolsonaro eleito, vou me candidatar

Deltan: Pra ter contexto, qual o objetivo de falar com ele agora? Pedir o apoio dele qnd for ministro do STF ? rs

Ver o que ele acha?

Vladimir: Precisamos ter continuidade na PGR Eu já falei com ele

Ele disse que sou bom candidato

Mas achava que era requisito ser Sub

Ele já tem prestigio agora Onyx será Casa Civil

Ele vai ser ouvido pelo presidente na indicação

Deltan: conseguimos articular sua indicação

Temos várias pessoas pra chegar lá

Várias pessoas que se associaram a nós na luta contra a corrupção

e que estão por perto dele

No dia 14 de abril, às 15h33, Deltan fala: ‘Peço reserva, mas Moro confirmou pra mim que Vc é o candidato que ele vai defender.’

No dia 19 de fevereiro, Aras pede a ajuda de Dallagnol para ter acesso à cúpula do judiciário. ‘Vc poderia me apresentar a Barroso e Fachin?”, questionou. “Preciso de aliados no STF’, disse.

Quem participa do lobby?

Em 4 de março, Deltan envia para Aras uma lista de senadores em postos de liderança que deveriam ser procurados em busca de apoio.

‘Olha o plano de conversas que o Eduardo propôs’, avisou. Foram listados 20 parlamentares, vários citados em delações da Lava Jato. É o caso de Eduardo Braga (MDB-AM); Humberto Costa (PT-PE); Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE); e Alvaro Dias (Podemos-PR). Também figurava na lista de senadores Randolfe Rodrigues (Rede-AP), líder da oposição no senado que, de acordo com diálogos divulgados em 7 de agosto, participou de uma articulação de Deltan.

JC Online – Com informações do UOL

Resultado de imagem para charge moro e deltan

Lei de abuso de autoridades só atinge quem passa do limite, diz Maia

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse nesta sexta-feira (16), que o projeto de lei de abuso de autoridades, aprovado na última quarta-feira (14), só vai causar dificuldades para servidores públicos que extrapolam os limites de suas funções. “Não tem problema para quem não passa do limite das leis”, enfatizou após palestra sobre a reforma tributária em evento promovido pelo Grupo Líderes Empresariais (Lide).

Maia disse ainda que o texto, de autoria do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), foi amplamente debatido no Congresso. “O projeto de abuso [de autoridades] gera uma polêmica para quem não leu. Esse projeto foi discutido, foi debatido, atinge os Três Poderes”, acrescentou. O texto foi encaminhado para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Ex-prefeito de Machados conhece experiência inovadora de Jaboatão

Foto: Matheus Britto

O ex-prefeito do município de Machados, Dr. Cido reuniu-se com o prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, com quem tratou sobre experiências de quando administrou o município do Agreste e o que vem acontecendo na atual gestão na segunda maior cidade do Estado. “Já tinha ouvido muitos elogios ao Complexo Administrativo de Jaboatão e como ex-prefeito tinha a curiosidade de conhecer. Fiquei impressionado com o ambiente. É uma experiência inovadora do prefeito Anderson Ferreira, que valoriza o servidor e garante uma produção mais efetiva da administração. Podemos ver muitas ações sendo desenvolvidas na cidade e quem ganha com isso é a população”, ressaltou Dr. Cido.

O ex-prefeito lembrou que, quando estava à frente da Prefeitura de Machados entre os anos de 2005 e 2012, atuou muito nas áreas social e de infraestrutura. “Erradicamos as casas de taipa e construimos de alvenaria. Também levamos água à Zona Rural, beneficiando mais de três mil pessoas. Com isso, reduzimos os índices de doenças em Machados e oferecemos qualidade de vida”, contou.

Durante a conversa, Anderson Ferreira relatou a Dr. Cido a sua preocupação em garantir moradias dignas, com a entrega de conjuntos habitacionais, pavimentação de ruas e investimento na iluminação pública com luzes de LED. Também destacou a melhora dos índices do ensino e as ações sociais que vem imprimindo, nestes dois anos e oito meses de gestão. “Dr. Cido tem um olhar especial pelo social e teve seu trabalho reconhecido em Machados. Por isso, a sua visita tem um significado importante para a nossa gestão”, disse o prefeito de Jaboatão.

Hospital Veterinário do Recife ganha o nome de Robson Melo

Foto: Andrea Rego Barros

Para deixar marcado o trabalho desenvolvido pelo ex-secretário de Direitos dos Animais, Robson Melo, o prefeito Geraldo Julio prestou uma justa homenagem nesta sexta-feira (16) e descerrou a placa que nomeia o Hospital Veterinário do Recife com o nome do ex-secretário e primeiro diretor do Hospital. Robson faleceu em março deste ano e a gestão municipal enviou projeto de lei para batizar o espaço com o nome do ex-auxiliar. Formado em veterinária, ele foi um dos principais responsáveis pela inauguração do primeiro hospital público de animais do Norte e Nordeste. Participaram da solenidade amigos e familiares do ex-secretário.

“Essa homenagem é muito verdadeira. Uma homenagem da cidade a Robson, que foi a pessoa que fez essa unidade existir. As obras estavam em andamento, mas era muito necessário fazer o que ele fez. Tomar para si, decidir e colocar para funcionar, cuidar de cada detalhe e deixar tudo bonito como ficou aqui. Cuidar dos equipamentos e materiais e do engajamento dos profissionais. E isso ele sempre fez com muito carinho e animou as pessoas a prestarem um bom atendimento”, afirmou o prefeito Geraldo Julio.

A família do homenageado estava bastante emocionada com o gesto. O irmão de Robson, Roberto Melo, afirmou que ficaram todos lisonjeados com a homenagem. “A gente acompanhava de perto o trabalho dele desde a fundação desse hospital. Ele abraçou a causa e desempenhou com muito empenho essa função. É uma homenagem muito importante para nós”, contou Robson.

O atual secretário de Defesa dos Animais, João Marcelo Figueiredo, rememorou a luta e as noites de trabalho para tirar o Hospital Veterinário do papel. “Essa é uma luta que temos desde o início da gestão Geraldo Julio, ele soube escutar a população, que carece desse serviço de atenção aos animais. Essa é uma luta que estamos consagrando também para o nosso amigo Robson Melo, foi muito tempo de trabalho para poder consolidar esse espaço. A luta é grande, mas não para”, destacou.

O HVR, primeiro hospital público de animais do Norte e Nordeste, foi inaugurado em junho de 2017. Em pouco mais de dois anos de funcionamento, já realizou 59 mil atendimentos, mais de 12 mil castrações, 3,6 mil cirurgias e aplicou mais de 1,4 mil vacinas antirrábicas nos animais do Recife.

Robson Melo era veterinário formado pela UFRPE e fez parte da equipe da secretaria-executiva dos Direitos dos Animais desde a sua criação, em 2013. Em 2016 assumiu a função de secretário-executivo dos Direitos dos Animais e participou ativamente da implantação de uma política pública de Direitos dos Animais na cidade.

HVR – Desde junho de 2017, os animais do Recife podem contar com um importante aliado da sua saúde: o Hospital Veterinário do Recife oferece gratuitamente atendimentos de urgência, consultas ambulatoriais, cirurgias, exames hematológicos e de imagem, além de tratamentos ortopédicos. O equipamento é localizado na Avenida Professor Estevão Francisco da Costa, s/n, Cordeiro e seu funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

Via: Edmar Lira

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!