Policiais cumprem mandados em prefeitura da Paraíba (Foto: PF)

As ordens foram expedidas pelo TRF 5 e pela Justiça Federal de Campina Grande. A operação acontece nas cidades de João Pessoa, Campina Grande, Massaranduba, Lagoa Seca, Serra Redonda, Monteiro e Zabelê.

A Polícia Federal na Paraíba deflagrou, na manhã desta quarta-feira, 24, as Operações Famintos e Feudo, para combater fraudes em licitações, superfaturamento de contratos administrativos, corrupção e organização criminosa. Entre os alvos da PF, está a Prefeitura de Monteiro, por suspeita de desvios de recursos da merenda escolar. 

As operações, que são realizadas em conjunto com o Ministério Público Federal – MPF/PB e com a Controladoria-Geral da União – CGU/PB, contam com a participação de 260 policiais federais e 16 auditores da CGU. 

Considerando as duas Operações, estão sendo cumpridos 67 mandados de busca e apreensão em órgãos públicos e nas residências, escritórios e empresas dos investigados, bem como de 17 mandados de prisão, nas cidades paraibanas de João Pessoa, Campina Grande, Massaranduba, Lagoa Seca, Serra Redonda, Monteiro e Zabelê.

As ordens foram expedidas pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região e pela Justiça Federal de Campina Grande. 

A primeira investigação visa desarticular esquema criminoso de fraudes em licitações e contratações na cidade de Campina Grande/PB, nos anos de 2013 até 2019, com pagamentos vinculados a verbas do PNAE – Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Por seu turno, a segunda investigação também apura delitos relacionados a licitações fraudadas e contratações irregulares, mas, dessa feita, no Município de Monteiro, envolvendo empresas que fornecem merenda escolar.

Foi estipulado o bloqueio de bens e valores na ordem de R$ 13,5 milhões de reais, como uma estimativa preliminar do dano. 

Crimes

Os investigados responderão, de acordo com suas condutas, pelos crimes de fraudes em licitação, superfaturamento de contratos, lavagem de dinheiro e organização criminosa, cujas penas, somadas, poderão ultrapassar 20 (vinte) anos de reclusão.

Nome da operação

O nome da operação Famintos é uma alusão à voracidade demonstrada pelos investigados em direcionar as contratações para o grupo criminoso.

Já o nome Feudo remete ao vínculo familiar entre os integrantes do grupo criminoso atuante em Monteiro. 

Pinóquio:  ‘Eu amo o Nordeste’, diz Bolsonaro em visita à Bahia após polêmica que todos são paraíbas

Por G1

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (23) em evento em Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, que ama o Nordeste (veja vídeo acima). A declaração foi dada durante a cerimônia de inauguração do Aeroporto Glauber Rocha.

A viagem do presidente é a segunda ao Nordeste desde que ele tomou posse e a primeira após a polêmica causada por declaração sobre governadores da região. Em conversa informal com o ministro Onyx Lorenzoni na última sexta-feira (19), o presidente afirmou que “daqueles governadores de ‘paraíba’, o pior é o do Maranhão”.

Durante o discurso, Bolsonaro defendeu o respeito às religiões e voltou dizer que, embora o estado seja laico, ele é cristão. A afirmação já havia sido feita por Bolsonaro no início de julho, em evento no Senado, quando disse que indicaria um ministro evangélico para o Supremo Tribunal Federal.

Governador não participou de inauguração
O governador da Bahia, Rui Costa (PT), se recusou a participar do evento de inauguração do terminal aéreo nesta terça por considerá-lo restrito a poucos convidados, “como se fosse uma convenção político-partidária”. Desde o início da manhã, o terminal aéreo estava cercado por tapumes.

Durante o discurso, Bolsonaro disse lamentar que Costa não estivesse no evento e que não tem preconceitos em relação a partidos, mas que não aceitava quem quiser “impor a nós o socialismo ou o comunismo”.

Assim como o governador Rui Costa, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Nelson Leal (PP), também informou que não participaria da cerimônia em solidariedade à decisão de Costa. Além deles, a filha do cineasta baiano que dá nome ao terminal, Paloma Rocha, se recusou a ir ao evento.

Bolsonaro usa chapéu de vaqueiro
Em um segundo pronunciamento, Bolsonaro voltou a defender o Nordeste, disse ser uma honra ser nordestino naquele dia e vestiu um chapéu de vaqueiro, de couro.

“Não é qualquer um que usa um trem desses na cabeça, não. Somos todos paraíba, somos todos baianos. O que nós não somos é aqueles que querem puxar pra trás o nosso estado, o nosso Brasil. Aí nós não somos”, afirmou.

‘Quem concorda com o presidente Jair Bolsonaro levanta o braço’, diz Bolsonaro

 

Um governo virtual a realidade do País:

 

Novo boletim médico informa que Almir Rouche está no CTI

Em novo boletim médico divulgado na noite desta terça-feira (23) pela assessoria de imprensa de Almir Rouche, o artista, que sofreu hemorragia cerebral decorrente de ruptura de aneurisma, se encontra em estado de saúde grave após ser submetido ao procedimento de embolização e realizar exames neurológicos.
No entanto, a assessoria de Almir informou que o cantor está se recuperando bem, lúcido e já responde aos estímulos.
Na noite de ontem (22), Rouche deu entrada no Hospital Santa Joana Recife após desmaiar durante um encontro de casais da igreja na casa de um amigo. O cantor seguirá internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do hospital.
Boletim Médico
Recife, PE (23 de julho de 2019) – O Hospital Santa Joana Recife informa que o Sr. Almir Cavalcanti de Lima deu entrada na instituição na noite desta segunda-feira (22/7), após sofrer hemorragia cerebral decorrente de ruptura de aneurisma. O paciente foi submetido ao procedimento de embolização, exames neurológicos e seguirá internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do hospital. Seu estado de saúde é grave.
Hospital Santa Joana Recife

Morre em SP o jornalista Juarez Soares

 Morreu nesta terça-feira, em São Paulo, o jornalista esportivo Juarez Soares, de 78 anos. Ele lutava contra um câncer. “China”, como era conhecido, passou recentemente pela RedeTV! e também trabalhou na Globo, no SBT, na Bandeirantes e na Record.

Na TV Globo, Juarez Soares trabalhou como repórter e comentarista esportivo, entre 1974 e 1982. Ele também atuou na Rádio Globo e em outras emissoras de rádio do país.

Juarez Soares Moreira nasceu em São José dos Campos, na região do Vale do Paraíba, Estado de São Paulo, no dia 16 de julho de 1941. Filho de Adolfo Soares Moreira e Josefina Soares Moreira, formou-se em Pedagogia na Faculdade Oswaldo Cruz, de São Paulo, e foi casado por mais de 30 anos com a jornalista Helena de Grammont.

Em 1958, com 17 anos, começou a trabalhar na Rádio Cultura de Lorena, interior de São Paulo, transmitindo os jogos do campeonato da Segunda Divisão. Em 1961, transferiu-se para a capital, onde foi aprovado em testes nas Emissoras Associadas, passando a trabalhar como repórter esportivo. Até o ano de 1969, quando foi para a Rádio Globo a convite de Pedro Luís Paoliello, o então diretor de Esportes, Juarez Soares já havia passado também pelas rádios Tupi e Gazeta.

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!