Operação prendeu empresários e afastou secretário na Prefeitura de Paulista — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Uma operação contra fraudes em licitação e corrupção na prefeitura de Paulista, no Grande Recife, prendeu dois empresários, nesta terça-feira (28). A Justiça determinou também o afastamento das funções de um secretário municipal, de um responsável por pregões e de três servidores. São investigados contratos que totalizam R$ 600 mil na compra de alimentos.

Os presos são os empresários Norberto Pessoa Brito e Aluísio Mendes de Araújo. Ficam afastados das funções na administração municipal o secretário de Políticas da Juventude e Esportes, José Augusto da Costa, e mais quatro pessoas que não tiveram nomes divulgados.

De acordo com o delegado Jean Rockfeller, diretor de Polícia Especializada, os empresários se uniram para fraudar a compra de alimentos para abrigos de acolhimento para idosos e dependentes químicos. “Eles se uniam para direcionar as licitações”, afirmou o policial.

Ao todo, a Vara Criminal da Comarca de Paulista expediu 15 mandados de busca. Segundo Jean Rockfeller, na casa do responsável pelas licitações, a polícia apreendeu R$ 230 mil. Também foram apreendidos cinco carros.

“Identificamos que os empresários não entregavam os alimentos ou forneciam produtos sem qualidade e até vencidos”, observou.

A investigação, que resultou na operação desta terça, começou em janeiro deste ano e está sob a responsabilidade do delegado Diego Pinheiro, do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Draco).

Denominada Convescote, a ação desta terça mira um grupo criminoso ligado a fraudes em licitações, falsidade ideológica, corrupção passiva e ativa.

Ao todo, 80 policiais civis do estado foram escalados pela ação, entre delegados, agentes e escrivães. Os presos e apreensões são encaminhados à sede do Draco, no bairro de Tejipió, no Recife.

As drogas foram encontradas com a ajuda de um cão farejador / Foto: Divulgação/PRF

JC Online

Uma carga de 30,7 quilos de maconha foi apreendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na noite dessa segunda-feira (27) na BR-232, em Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a PRF, a droga era transportada na mala de um carro e foi encontrada no quilômetro 405 da rodovia, com o apoio de um cão farejador.

O motorista de 24 anos foi abordado pelos Grupos de Patrulhamento Tático e Operações com Cães da PRF e apresentou informações contraditórias. Ele chegou a dizer que estava transportando mudas de roupa, mas o cão indicou que havia algo suspeito no porta-malas.

Trinta tabletes de maconha foram encontrados na mala. O homem informou que havia sido contratado para transportar a droga de um povoado próximo a Serra Talhada até Gravatá, mas não revelou quem fez a encomenda.

Além disto, ele não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e estava fazendo aniversário no dia. O carro não possuía registro de roubo, mas estava em nome de outra pessoa. O homem foi detido e encaminhado junto com a droga para a delegacia de Polícia Civil da região.

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!