Na noite desta quarta (22), uma comissão do Tribunal Militar decidiu, por três votos a dois, negar o pedido de prisão do presidente e o vice-presidente da Associação de Cabos e Soldados (ACS), Alberisson Carlos e Nadelson Leite. A Polícia Militar acusou os dois  por crime militar, por organizarem a greve da categoria. 

O julgamento ocorreu no Fórum Rodolfo Aureliano, em Joana Bezerra. Na tarde desta quarta (22), perto dali, mulheres de policiais militares realizaram um ato em repúdio às “condições de trabalho” da classe. Um grupo chegou a ser recebido por uma comissão do Governo do Estado, após caminhada que seguiu da avenida Agamenon Magalhães, no Centro, para o bairro o fórum. 

“Estamos reivindicando um direito nosso e de toda a sociedade, por conta da violência e contra o que o Governo tem feito contra os policiais militares, que perderam o direito de estar em casa”, disse a assistente social e esposa do policial, Nires Cardoso.

 

Durante o protesto, por diversas vezes, o presidente Alberisson Carlos puxou gritos de ordem contra o secretário de Defesa Social, Ângelo Gioia, e contra o governador Paulo Câmara. Além disso, gritou repetidas vezes que “bandido bom é bandido morto”, com apoio do movimento Direita Pernambuco, que também se inseriu no protesto com camisas de apoio ao deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ).

Decreto: Pelo decreto, a jornada extra dos praças (soldados, cabos, sargentos e subtenentes) passará de R$ 120 para R$ 200 – mesmo patamar a que chegarão os agentes da Polícia Civil. Os oficiais (tenentes, capitães, majores, tenentes-coronéis e coronéis), delegados e peritos criminais receberão R$ 300 contra os atuais R$ 270. “Estamos melhorando o incentivo com o objetivo de ampliar o efetivo das forças de segurança a serviço da população de Pernambuco”, explica o secretário de Defesa Social, Ângelo Gioia, em nota enviada pelo Governo na última semana.

No comunicado, o gestor acrescentou: “É importante a gente sempre lembrar a função do PJES, criado em 1999 e depois aprimorado em 2012. Ele surgiu como uma forma de dar a oportunidade aos policiais de melhorarem sua remuneração trabalhando para o Estado, cumprindo sua missão, uma vez que a Constituição exige deles dedicação exclusiva ao poder público”. (Via: Folha PE)

 

 

 

Alepe aprova projeto que garante em lei mais verbas de gabinete

 

 
Em tempo recorde, a Assembleia Legislativa de Pernambuco – Alepe, aprovou um projeto que garante em lei mais verbas de gabinete para integrantes da Mesa Diretora, presidentes de comissões, líderes e vice-líderes de bancadas. Agora passa a ser lei benesses que antes estavam sustentadas apenas em decretos legislativos. A regra beneficia todos os 49 deputados, pois eles ou integram a Mesa Diretora, ou comandam comissões ou ainda lideram partidos ou blocos partidários.
 
A proposta foi aprovada em apenas dois dias. Publicada no Diário Oficial do Legislativo na última terça-feira (21), o texto passou no plenário na mesma tarde. Ontem, foi aprovado em segunda votação. A tramitação a toque de caixa não teve questionamentos, ao contrário da votação do reajuste dos militares, que a oposição pretende barrar na Justiça após o Carnaval.
 
Atualmente, além do salário de R$ 25 mil, o deputado tem direito a R$ 90 mil de verba de gabinete, R$ 15 mil de verba indenizatória e R$ 4,3 mil de auxílio combustível. É sobre esses R$ 90 mil da verba de gabinete que incide os novos percentuais aprovados ontem (22).
 

 

Agora é garantida por lei que o presidente da Alepe, Guilherme Uchoa (PDT), tenha direito a 100% a mais de gastos com seu gabinete em comparação ao gasto ordinário de um parlamentar. Para a primeira-secretaria, o gasto será 90% a mais. Os demais cargos da Mesa e líderes do governo e da oposição ficam com 70% a mais.
 
O ponto é que nenhum deputado é um parlamentar sem cargos. Tirando os 11 membros da Mesa, o ouvidor e os 16 presidentes de comissão, a Alepe tem 18 líderes de bancada e 14 vice-líderes. Pelo menos quatro parlamentares são líderes de si mesmos, já que representam partidos com apenas uma vaga no Legislativo: Priscila Krause (DEM), Edilson Silva (PSOL), Joel da Harpa (PTN) e André Ferreira (PSC).
 
Na justificativa da proposta, a Mesa Diretora da Alepe, que apresentou o texto, diz em uma linha que ela busca “se adequar ao ordenamento jurídico atual” e não incide em aumento de despesas.
 
Relator do texto em duas comissões, Tony Gel (PMDB) diz que o projeto faz apenas adequação de nomenclaturas para os assessores que servem o Legislativo, já que essas despesas já eram realizadas. “Apesar de já ter havido alguns ajustes anteriormente da lei de lá de trás, de 1991, houve uma resolução em 2008, houve depois uma correção em 2012. Mas, mesmo assim, ainda não estava adequado ao regimento e à realidade atual da legislação”, diz.

 

O peemedebista defende que a proposta é simples, pois não há aumento de estrutura, nem de despesas. “Os cargos são os mesmos. O número de assessores são os mesmos. A única mudança é a nomenclatura. Não altera percentuais de gratificações e nem valores, nem aumento de despesa. E zero de aumento de pessoal”, garante.

 

‘Carnaval antecipado’: deputados e senadores esvaziam Brasília

 

 
O feriado de Carnaval começou no início da tarde desta quarta-feira (22). Pelo menos para a maioria dos 581 deputados e senadores.
 
Plenários, corredores e gabinetes já estão praticamente vazios em um dia que costuma ser o mais movimentado da semana, tendo inclusive votações que avançam pela madrugada.
 
Apenas a comissão da reforma da Previdência na Câmara teve audiência pública com a presença de alguns integrantes do colegiado. O Senado chegou a agendar uma sessão de votação para esta e a próxima quinta-feira, no entanto, os próprios parlamentares declararam ser remotas as possibilidades de serem realizadas.

 

 

Rotina: Bandidos explodem caixa eletrônico de uma agência do Bradesco em Orobó

 

 
Bandidos explodiram um caixa eletrônico de uma agência do Bradesco em Orobó, no Agreste de Pernambuco, durante a madrugada desta quinta-feira (23). De acordo com a Polícia Militar (PM), por volta das 3h30, cerca de oito homens invadiram o posto de atendimento, que fica na Rua Professor Mariano De Aguiar, no centro comercial do município, e tentaram assaltar a unidade.

 

Ainda segundo a PM, os suspeitos não conseguiram levar o dinheiro do caixa eletrônico nem chegaram a trocar tiros com a polícia ou fazer reféns, já que, no momento da explosão, não havia ninguém nas proximidades. Câmeras de segurança de estabelecimentos próximos à agência vão ajudar nas investigações. (Via: G1 Caruaru)

 

 

 

Enquanto isso: Charge dos agradecimentos

 

 

 

Sertão de PE: Pai é assassinado a tiros e dois filhos ficam baleados em Salgueiro, um deles em estado grave

 

 

Na noite desta quarta-feira dia (22), um homicídio foi registrado na cidade de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. O crime aconteceu próximo a CEASA, e as vítimas foram identificadas como Janilson Ricarte Neto, deficiente físico, de 31 anos, que estava em um carro com dois filhos quando foi surpreendido por dois elementos em uma motocicleta modelo Honda Bros, de placa não anotada. 
 
Os algozes efetuaram vários disparos de arma de fogo e fugiram tomando destino ignorado. Janilson morreu no local e os dois filhos foram socorridos para o Hospital Regional de Salgueiro. Uma das crianças foi atingida na cabeça e encontra-se em estado grave. A outra foi atingida em uma das pernas e se encontra internada no hospital em observação. Ainda não há informações sobre a motivação do crime e a Polícia Civil investiga o caso.

Deixe uma resposta