Na noite desta domingo dia (27), a GT de Tuparetama foi informada por populares sobre um acidente de trânsito do tipo atropelamento na PE 275, na ponte que liga a cidade a Vila Bom Jesus. Ao chegar ao local, a vítima Rafaela Soares, de 29 anos, moradora do centro de Tuparetama, no Sertão pernambucano, já havia sido socorrida por populares para o hospital local, no entanto, devido à gravidade dos ferimentos e por não haver médico de plantão, a mesma foi transferida para o hospital de São José do Egito, aonde veio a óbito.
 
O policiamento foi informado por testemunhas, que a vítima trafegava de carona na garupa de uma motocicleta Honda CG 125, de cor vermelha, os demais dados não foram informados, momento em que passava pelo local acima mencionado e caiu da referida moto, sendo que um veículo Parati, de cor prata, placa MUR 0278 que trafegava no mesmo sentido, havia passado por cima dela, causando-lhe várias lesões. Os envolvidos no acidente, condutor da moto e da Parati, logo fugiram sem prestar socorro à vítima. 
 
Não foi localizada a motocicleta nem o condutor, apenas a Parati que foi abandonada no local. Policiais realizaram diligencias no intuito de localizar os envolvidos, porém não obtiveram êxito. A ocorrência foi repassada à DP local juntamente com a Parati para serem tomadas as medidas cabíveis.

Doze cidades paraibanas podem ficar sem prefeitos

 

16654936280003622710000

A homologação do resultado das eleições de prefeitos em 12 municípios paraibanos ainda depende do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os candidatos eleitos estão com registros questionados.

Se a palavra final da Justiça Eleitoral for pelo indeferimento de suas candidaturas, eles não serão diplomados e quem vai assumir o comando das Prefeituras serão os presidentes das Câmaras, até que a Justiça Eleitoral convoque eleições suplementares.

Conforme levantamento Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) dos 16 recursos que subiram para o TSE questionando registros de candidaturas dos eleitos, apenas quatro tiveram os recursos julgados e liberados: Lemoar Benício (PTB), de Catolé do Rocha; Dr. Verissinho (PMDB), de Pombal; Cláudio Freire (PMDB), de Gurinhém, e José Maurícelio (PSB), de São João do Rio do Tigre.

Com exceção de Emerson Panta (PSDB), eleito em Santa Rita, que teve o registro barrado pelo TRE e ainda aguarda o julgamento de seu recurso, todos tiveram as candidaturas liberadas pela Corte Eleitoral paraibana, mas houve a interposição de recurso contra o deferimento para o TSE, por parte coligação adversária e/ou do Ministério Público Eleitoral.

Além de Panta, estão com registros deferidos com recurso ainda pendentes de julgamento no TSE vários candidatos eleitos em municípios paraibanos.

Na lista Alhandra, Renato Mendes (DEM); Amparo, Inácio Luiz Nóbrega (DEM); Caturité, José Gervásio (PSD); Gurinhém, Cláudio Freire (PMDB); Massaranduba, Paulo Oliveira (PSDB); Maturéia, José Pereira (PDT); Picuí, Olivanio Dantas (PT); Riachão do Poço, Maria Auxiliadora; São José da Lagoa Tapada, Cláudio Antonio, o Coloral (PSD); Serraria, Petrônio de Freitas (PSD); e Uiraúna, João Bosco (PSDB).

PREFEITURA DE AFOGADOS ORGANIZA SEMANA INTEIRA VOLTADA PARA O EMPREENDEDORISMO

 

patrio

A partir de hoje (28) até o próximo sábado (03), Afogados da Ingazeira vai vivenciar uma semana inteira de atividades direcionadas ao empreendedorismo local. É a segunda edição da feira do empreendedorismo, uma parceria da Prefeitura com o SEBRAE e a Rádio Pajeú. Na programação, cursos, palestras, oficinas e feira de negócios dos segmentos de serviços, comércio, agropecuária e indústria.

A utilização das redes sociais para alavancar os negócios, atendimento ao cliente, crédito e cobrança, elaboração de projetos e captação de recursos, startup, culinária natalina e liderança corporativa são algumas das opções de cursos e palestras.

A partir do dia primeiro, uma feira de negócios, com a presença confirmada de 70 empreendimentos, tomará conta da Praça Arruda Câmara, sempre a partir das 19h. a programação cultural ficará por conta do projeto Quinta Cultural, com as apresentações de Lindomar Souza e da Orquestra Sanfônica de Carnaíba. “Queremos convocar todos os Afogadenses para participarem das atividades. A atividade empreendedora é fundamental para o fortalecimento da nossa economia, sobretudo nesses tempos de crise econômica,” afirmou o Prefeito José Patriota. Na A programação, também haverá aulas de aeróbica e desfile da grife “moda matuta”.

Hoje tem início o curso de culinária natalina, na carreta do SENAC, a partir das 8h; e palestra sobre redes sociais, na sala do empreendedor, a partir das 19h. A sala do empreendedor fica no prédio da Secretaria de Assistência Social, na Rua Senador Paulo Guerra, no edifício do antigo fórum.
PROGRAMAÇÃO

Oficinas, Cursos, Palestras e Dia de Campo

28/11 
Palestra: Redes Sociais
Horário: 19h às 22h
Local: Sala do Empreendedor
Consultor: Camilo Melo
Investimento: R$ 10,00

28/11
Curso: Culinária Natalina
Horário: 08h às 12h
Local: Carreta do SENAC
Consultora: Rosane Correia
Investimento: R$ 60,00

29/11
Oficina: Atendimento ao Cliente
Horário: 08h às 12h
Local: Centro de Artesanato/Mercado Público
Consultora: Marisa Sarinho
Investimento: R$ 10,00

29/11
Palestra: Você! Dono do Seu Futuro
Horário: 14h às 16h
Local: IFPE
Inscrições Gratuitas

29/11
Palestra: Crédito e Cobrança
Horário: 19h às 22h
Local: Sala do Empreendedor
Consultor: Severino
Investimento: R$ 10,00

30/11
Palestra: Liderança
Horário: 19h às 22h
Local: Sala do Empreendedor
Consultora: Marisa Sarinho
Investimento: R$ 10,00

01 e 02/12
Curso: Elaboração de Projetos e Captação de Recursos
Horário: 08h às 18h
Local: Sala do Empreendedor
Consultora: Sônia Jerônimo
Investimento: R$ 60,00

01/12/2016
Dia de Campo: Manejo da Caatinga
Horário: 07h
Local de Saída: Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Afogados da Ingazeira
Público-alvo: Criadores de Caprinos e Ovinos da Agricultura Familiar de Afogados da Ingazeira
Vagas: Até 35 participantes

01/12/2016
Palestra: Como fazer negócios participando de startup
Horário: 19h
Local: Sala do Empreendedor
Consultor: Zenuel Costa Xavier Lins (Gestor de TI da Tambaú e Promotor do Weekend Startup Sertão)
Inscrições Gratuitas: Sala do Empreendedor

02/12/2016
Palestra: Produção da Piscicultura na Agricultura Familiar
Horário: 09h
Local: Auditório da Secretaria Municipal de Educação
Consultor: Gilmar Aguiar de Arruda (Engenheiro de Pesca, Especialista em Educação Ambiental)
Inscrições gratuitas: Secretaria Municipal de Agricultura / Sala do Empreendedor

02/12/2016
Palestra: Como elaborar projetos e captar financiamento coletivo
Horário: 19h
Local: Sala do Empreendedor
Consultora: Dora Dimenstein (Gestora do Pague pra ver Ideias Criativas)
Inscrições gratuitas: Sala do Empreendedor

 

 

 

Ex-comandante-geral da PM critica PLC do governo Paulo Câmara em relação aos militares

 

 
Em texto divulgado neste final de semana, o ex-comandante-geral da PM-PE, coronel Carlos Pereira, critica o Projeto de Lei Complementar nº 1144/2016 que o governador Paulo Câmara enviou recentemente à Assembleia Legislativa, porque, segundo ele, privilegia a Polícia Civil e discrimina a Polícia Militar.
 
Segundo ele, “o texto é longo, mas é proporcional ao tamanho do problema”. Confira abaixo:
 

 

De início, as melhorias dirigidas às categorias são justas. Todas merecem. No entanto, inexplicavelmente, os militares estaduais ficaram de fora desse pacote. Que mal teriam feito à sociedade pernambucana para merecerem tal tratamento?
 
Das categorias beneficiadas, a mais próxima, em termos de atividade, é a nossa co-irmã, Polícia Civil, a qual admiramos e parabenizamos pela articulação, mobilização e organização que resultaram nas conquistas encaminhadas à ALEPE.
 
No entanto, nos causa espécie o desdém com que a PMPE foi contemplada nesse momento.
 
Além do histórico tratamento desigual decorrente da Constituição Federal (o militar não pode fazer greve; se for eleito e diplomado em cargo político – vereador, prefeito, deputado, etc.- vai automaticamente para a reserva. Não tem direito a habeas corpus em caso de prisão administrativa, dentre outros. Desta vez, os militares foram humilhados em relação aos colegas policiais civis – tanto praças, quanto oficiais em vários pontos dos projetos de lei.
 
Enquanto a PM-PE possui 40 coronéis ativos, a Polícia Civil tem 230 delegados especiais. Nota: a PM tem um efetivo de cerca de 20 mil homens, enquanto a Polícia Civil tem menos de 5 mil;
 
Com a nova lei, um delegado especial passará a perceber cerca de R$ 8 mil reais acima de um coronel e um agente do último nível (que por analogia equivaleria a um Subtenente PM) vai para inatividade com um salário próximo ao de um Capitão da PM. A partir de 2018, um delegado com cerca de 3 anos de serviço ganhará mais que um coronel com 30 anos de serviço;
 
 No item promoção por merecimento, a nossa co-irmã terá um tratamento corretíssimo. Ficará UNICAMENTE responsável pela elaboração da lista de promoções e o Chefe da Polícia Civil despachará os atos diretamente com o governador, evidenciando o prestígio com o qual devem ser tratados os chefes e comandantes das forças de segurança. Na PM, as listas são feitas pelos coronéis, mas têm que ser “analisadas”, “ajustadas” e homologadas por uma Comissão Superior, fora da PM, e os atos de promoção são levados ao governador pelo Secretário de Defesa Social, acompanhado, ou não, pelo Comandante Geral.
 
Importante frisar que a proporção das promoções na Polícia Civil será de 01 por merecimento para 01de antiguidade. Quando passei pelo Comando Geral, compramos uma briga enorme com vários secretários, fomos à Assembleia Legislativa, à Procuradoria Geral do Estado e até ao governador para passar de 3×1 para 2×1, quando toda a tropa queria 1×1. Para a PM não pode, mas para a Polícia Civil, pode.
Clik link a baixo para continuar lendo
Não falo nas diferentes atividades de cada corporação, até porque ambas são diferentes por natureza e são fundamentais. Além disso, o ingresso em cada uma das instituições é voluntário. Entretanto, é preciso considerar que a PM:
 
a) Faz um trabalho tão importante quanto a Polícia Civil;
b) Faz parte da mesma Secretaria de Estado;
c) Está presente em todos os rincões de Pernambuco, fazendo policiamento ostensivo; fazendo a segurança de autoridades e dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público; apoiando as atividades da Secretaria da Fazenda (garantindo parte da arrecadação do Estado); assumindo as atividades da Secretaria de Ressocialização em boa parte das cadeias públicas no interior (por falta de agentes penitenciários); guardando urnas nos pleitos eleitorais (que é uma atividade da Justiça Eleitoral, portanto, responsabilidade federal); combatendo o tráfico de drogas (que, a priori, é responsabilidade da Polícia Federal); guardando em seus quartéis armas que integram processos judiciais (mesmo sem fazer parte de suas atribuições legais); policiando praças esportivas (onde todos ganham dinheiro – clubes, empresários, jogadores, técnicos, árbitros, imprensa, ambulantes – e onde a PM ganha as críticas e os inquéritos decorrentes de suas ações frente aos abusos das torcidas organizadas), além de outras atividades não menos importantes para a sociedade pernambucana.
 
Como, então, compreender esse tratamento explicitamente discriminatório para com essa categoria?  Importante lembrar que a iminente aprovação da PEC 55 engessará por 20 anos os reajustes salariais para servidores públicos, possibilitando, apenas, a reposição da inflação (que certamente também será pleiteada por nossos colegas da Polícia Civil, com razão).
 
Desculpem a extensão do texto, mas acho tratar-se de um assunto que interessa a toda categoria PM.
 
O problema já está na pauta da cúpula da PM e da ACS/PE. Acredito que o deputado Joel da Harpa, oriundo das nossas fileiras, também já está ciente e mobilizado no sentido de equacionar a situação, visto que esse episódio pode impactar muito negativamente na segurança pública do nosso Estado, que já está numa situação muito difícil, com aumento de homicídios, aumento de roubos, explosões de bancos, mortes de companheiros PMs, violência contra a mulher, tráfico de drogas etc.
 
Faço votos por uma solução adequada. Sou pernambucano, sou PM.

 

Coronel RR Carlos Pereira, ex- Comandante Geral da PM-PE.

Deixe uma resposta

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!