Criminosos explodem bancos em três cidades de Pernambuco durante madrugada
 
Durante a madrugada desta sexta-feira (12), quatro agências bancárias foram alvo de assaltantes em diferentes cidades de Pernambuco. Em três dos casos, foram utilizados explosivos nas unidades bancárias. A agência mais destruída foi a do Banco do Brasil do município de Condado, na Zona da Mata Norte do Estado. Por volta das 3h30, 10 suspeitos invadiram o espaço, usando explosivos e disparando tiros.
 
Apesar dos muitos disparos, não houve confronto entre policiais militares e os suspeitos. Os criminosos conseguiram explodir o cofre da agência, que ficou destruída. Pelo menos uma casa nas proximidades também foi danificada pelos efeitos do explosivo. De acordo com a polícia, os suspeitos utilizaram dois carros – que foram abandonados na zona rural do município, a cerca de 4 km de onde aconteceu a explosão, no centro de Condado.
 
As outras ações criminosas foram em Ribeirão, na Zona da Mata Sul, e em Inajá, no Sertão do Estado, como já noticiamos. Em Bairro Novo, Olinda, no Grande Recife, ainda houve uma tentativa de arrombamento a uma agência do banco Itaú.

Gestor que coagir servidor a votar nos seus candidatos pode pegar 6 meses de prisão e pagar multa de R$ 440 mil

 
 

 

prefeitura_Araripina_com_bandeiras-1-500x310

Para evitar abusos de autoridade a justiça eleitoral iniciou uma campanha para esclarecer aos servidores públicos que se verem coagidos por seus superiores a votar nos candidatos (as) indicados por seus chefes que os mesmos (servidores) podem recorrer ao poder judiciário e entrar com uma ação que pode ocasionar ao gestor público que cometer esse crime eleitoral uma pena de seis meses de detenção e pagar multa que pode chegar aos R$ 440 mil.

 O alerta recente da justiça eleitoral vale para o prefeito(a) que valer-se de sua autoridade para coagir um servidor público a votar ou não votar em determinado candidato ou partido o que é considerado crime eleitoral com pena de detenção de seis meses e pagamento de multa de R$ 1.759,80 a R$ 440.000,00.

 Os crimes na área eleitoral também são de ação penal pública, desta forma, apenas o Ministério Público está autorizado a oferecer denúncia ao Judiciário por crime eleitoral.

Os crimes eleitorais e as respectivas penas estão previstos nos artigos 289 a 364 do Código Eleitoral (Lei 4.737/65) e na Resolução do TSE nº 22.261, artigos de 34 a 38.

Os artigos 355 a 364 do Código Eleitoral definem como é o processo das infrações.

– See more at: http://araripinaemfoco.net/gestor-que-coagir-servidor-a-votar-nos-seus-candidatos-pode-pegar-6-meses-de-prisao-e-pagar-multa-de-r-440-mil/#sthash.xZRoxVYk.dpuf

 

Policia procura casal acusado de furtos em loja de Afogados da Ingazeira

A policia está a procura de um casal acusado de furtar na ultima sexta feira 05, uma sacola d e produtos com o equivalente a R$ 500,00 em compras da agricultora Maria José Vieira da Silva, conhecida por Branca, moradora do Povoado da Itã, municipio de Carnaiba.
 
Segundo Branca, em contato com a Redação do Blog do Cauê Rodrigues, a mesma estava na loja AM Modas, localizada na Avenida Manoel Borba, no centro da cidade de Afogados da Ingazeira, acompanhada de sua mãe, e após efetuar uma compra, deixou os produtos em uma sacola em cima do balcão da loja quando se aproximaram um casal de senhores que conversavam bastante e distraindo a atenção das pessoas acabaram levando seu produto como mostra o video abaixo. Quem conhecer o casal entrar em contato com o policiamento mais proximo

Prefeitura de Mirandiba, no Sertão, é invadida por funcionários com salários em atraso

 

Na manhã desta sexta-feira (12), funcionários públicos da Prefeitura de Mirandiba, no Sertão pernambucano, invadiram a sede administrativa do órgão para cobrar os salários atrasados.

Segundo os manifestantes, os mirandibenses vêm sofrendo com a forma que o atual prefeito vem gerindo os recursos do município.

Este ano, houve a contratação de duas bandas para as festividades do São João no valor de R$ 30.000,00. Inclusive, houve uma denúncia do MPPE de suposto superfaturamento do valor pago as bandas. Além dos shows, aconteceu a contratação de uma empresa para realizar um concurso público, no valor de R$ 250.000,00, a mesma empresa está envolvida em supostas fraudes na cidade.

No mês passado, a Prefeitura também fez o cancelamento da compra de fardamento escolar infantil. Contudo, em junho, foi exposto um esquema onde a gestão cometeu irregularidades nas instalações de energia elétrica da cidade e fez “gatos” para abastecer os prédios públicos.

 

 

Marisa e filho de Lula decidem se calar em depoimento, e PF lamenta

 

marisa-lulinha-

G1

Marisa Leticia Lula da Silva e Fábio Luis Lula da Silva, esposa e filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informaram que ficarão em silêncio no depoimento à Polícia Federal (PF). Ambos foram intimados a prestar esclarecimentos no inquérito que apura a propriedade de um sítio em Atibaia, no interior de São Paulo.

A força-tarefa da Operação Lava Jato suspeita que a propriedade seja do ex-presidente e que tenha sido omitida nas declarações de renda. Por outro lado, Lula afirma que ele e a família frequentam o espaço na condição de amigos dos proprietários – os sócio de Fábio Luis Lula da Silva, Jonas Leite Suassuna Filho e Fernando Bittar.

A Polícia Federal caracterizou a decisão como “lamentável”. “Apesar de sempre terem alegado estarem a disposição das autoridades para o esclarecimento dos fatos quando intimados, buscam evitar o comparecimento, notadamente diante de tantos fatos a serem esclarecidos”, diz o delegado Marcio Anselmo.

Na petição, a defesa de Marisa disse que, “tendo em vista o grande estardalhaço realizado pela imprensa a respeito dos fatos apurados”, a cliente pretende usar o direito constitucional de permanecer em silêncio. Os advogados dizem que, por essa razão, o deslocamento de Marisa a Curitiba, ou outro local, “se mostra inútil”.

A defesa voltou a afirmar que Marisa não é proprietária do imóvel investigado e que não tem conhecimento ou participação da utilização de recursos de origem ilícita relacionados ao sítio de Atibaia.

Assinada na quarta (10), a petição foi protocolada no processo eletrônico da Justiça Federal nesta sexta-feira (12).

Também por meio de petição, os advogados de Fábio Luis Lula da Silva informaram que ele, assim como a mãe Marisa, vai se valer do direito constitucional de permanecer em silêncio. Além de familiares de Lula, o pecuarista José Carlos Bumlai e os sócios de Fabio Luis Lula também foram intimados para prestar esclarecimentos sobre o sítio.

Deixe uma resposta

Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!