Monthly Archives: junho 2016

 

 

 

imagem

O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE) voltou a ter o seu nome citado como um dos envolvidos no esquema de arrecadação de recursos irregulares para campanhas eleitorais. Desta vez, FBC aparece como um dos investigados pela Operação Turbulência, deflagrada pela Polícia Federal nesta terça-feira (21) e que apura, entre outros casos, a arrecadação ilícita de recursos para a campanha de reeleição de Eduardo Campos (PSB) ao governo de Pernambuco em 2010 e à Presidência da República em 2014. FBC é pai do atual ministro das Minas e Energia, Fernando Filho (PSB-PE).

“O que temos na nossa investigação, através dos dados cruzados com o STF (Supremo Tribunal Federal), é que Fernando Bezerra Coelho teria sido a pessoa encarregada de colher os valores do percentual devido para a campanha de Eduardo Campos”, afirmou a delegada Andrea Pinho em entrevista coletiva na Superintendência da Polícia Federal em Pernambuco.

O nome do senador já havia aparecido durante depoimento de delação premiada feito do ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa. Costa afirmou á Justiça que FBC teria recebido R$ 20 milhões que seriam destinados à campanha de reeleição de Campos em 2010. Na ocasião, FBC negou as acusações e afirmou que não trabalhou na coordenação da campanha que reelegeu Campos para o Palácio do Campo das Princesas. (Pernambuco 247

 

 

 

 

 

 
Uma corrida de táxi quase termina em trágedia no Piauí. Dois suspeitos, que fingiram ser clientes, abordaram o taxista Antônio Cláudio de Sousa- natural da cidade de Barras- que foi amarrado e colocado no porta-malas do veículo. Durante a fuga o veículo entrou em combustão e a vítima só não foi queimada viva porque conseguiu se desamarrar e fugir.
 
A vítima conta que foi contratada por Antônio Francisco Paiva da Cruz, 19 anos, para fazer uma corrida para Tiangua- CE, alegando ir à sua cidade natal pegar alguns documentos. Na volta para o Piauí, subiu no táxi o comparsa identificado como Nelson Raylandre da Cruz Cavalcante, também de 19 anos, natural de Sobral-CE.
 
“No meio do caminho, na altura da comunidade Alto Alegre, em Piracuruca, eles colocaram a faca no pescoço da vítima e disseram para ele não reagir porque só queriam o carro. Então, o amordaçaram, amarraram aos mãos e os pés do taxista e colocaram-no dentro do porta-malas do veículo”, acrescenta o delegado Jorge Terceiro, responsável pela delegacia regional e o 1º DP de Piripiri.
 
 
O taxista só conseguiu se desamarrar e pular do carro em movimento na cidade de Piripiri, na entrada da Rampa da Bananeira, BR-222. A Polícia Civil acrescenta que a vítima relatou que o táxi apresentava problemas mecânicos, que podem ter ocasionado o incêndio.
 
“Quando a vítima conseguiu fugir o carro já estava quase parando devido a esse problema. Em seguida, o carro incendiou, provavelmente, devido a essa falha. Porém será investigado se o incêndio foi intencional. O crime não pode ser caracterizado como sequestro, mas como roubo majorado, uma vez que eles mantiveram a vitima em cárcere mais que o tempo necessário para efetivar o roubo”, explica Terceiro. Segundo a Polícia Civil, a intenção era roubar o veículo para cometer crimes.
 
O delegado acrescenta que a dupla foi presa na rodoviária de Piripiri quando tentava embarcar para outra cidade. Um deles já prestou depoimento e o outro ainda será ouvido nesta terça-feira (21). Os dois ficarão temporariamente na cadeia pública da cidade, que está em condições precárias e onde já estão custodiados 10 presos.
 
A pena pelo crime de roubo majorado é de até 15 anos.

 

Assaltante é preso com mais de R$ 20 mil em Salgueiro, PE

 

 
Do G1 l Foto: Divulgação / Polícia Militar
 
Um homem de 27 anos foi preso, nesta segunda-feira (20), após realizar um assalto na cidade de Salgueiro (PE). De acordo com o 8º Batalhão de Polícia Militar (8º BPM), ele é suspeito de ter roubado mais de R$ 20 mil de um homem próximo a um banco.
 
Ainda segundo a Polícia Militar, a vítima, que trabalha em uma distribuidora de bebidas, foi abordada por dois homens armados quando levava malotes de dinheiro para depositar em uma agência bancária da cidade.

 

A polícia foi acionada e conseguiu montar um cerco aos assaltantes. Mas, apenas um dos homens foi preso. Com ele foi encontrada a moto utilizada no assalto, a arma e a quantia de R$ 20.105 em espécie, que havia sido roubada. A PM está atrás do segundo envolvido.
 

Ator Edson Celulari é diagnosticado com câncer

 

 
Nesta segunda-feira (20), colunistas do jornal O Globo publicaram a informação de que o ator Edson Celulari, de 58 anos foi diagnosticado com um linfoma não-Hodgkin, um tipo de câncer que afeta o sistema de defesa do organismo.
 
O ator comentou sobre a descoberta e mostrou estar preparado para enfrentar a doença: “Reuni minhas forças, meus santos, um punhado de coragem… coloquei tudo numa sacola e estou indo cuidar de um linfoma não-Hodgkin. Foi um susto, mas estou bem e ao lado de pessoas amadas. A equipe médica é competente e experiente. Estou confiante e pensando positivo. Com determinação e fé, sairei deste tratamento ainda mais forte. Todo carinho será bem-vindo.”, afirmou.
 
Edson Celulari recebeu várias manifestações de carinho e apoio nas redes sociais: “Força Edson, estaremos contigo sempre em fortes orações”, disse uma seguidora. “Você é muito maior que tudo isso, estaremos todos orando por você”, falou outra.

 

MACHADO PROVARÁ ENCONTRO COM TEMER NA BASE AÉREA

 

imagem

O presidente interino, Michel Temer, nega ter se encontrado com o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, na Base Aérea de Brasília, mas o delator da Lava Jato promete levar ao Ministério Público Federal uma série de provas da reunião. A informação é da jornalista Vera Magalhães, da coluna Radar Online.

Machado está prestes a descobrir e a informar a data exata do encontro, por exemplo, com base em informações da locadora do veículo. Ele também pode ter o testemunho do motorista que o levou até a Base Aérea em setembro de 2012 e disse que, se for necessário, pedirá à Justiça a quebra de sigilo telefônico para fins de localização.

Na ocasião, Machado diz que Temer pediu a ele ajuda para a campanha de Gabriel Chalita à Prefeitura de São Paulo daquele ano. O delator diz que o repasse ocorreu no valor de R$ 1,5 milhão e por meio da empreiteira Queiroz Galvão, que doou oficialmente para o diretório nacional do PMDB.

Na última semana, o presidente interino negou ter participado do encontro. Em nota, ele afirmou na quarta-feira 15 que mantinha “relacionamento apenas formal e sem nenhuma proximidade com Sérgio Machado”. O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, reforçou a defesa ao Planalto: “Não teve esse encontro

 

 

 

 

SÓCIO DE EDUARDO CAMPOS TERIA FEITO DELAÇÃO PREMIADA QUE DESENCADEOU OPERAÇÃO TURBULÊNCIA

 

Apontado como chefe do esquema que operava a “Lavagem” dos recursos que irrigaram campanhas do PSB e de partidos aliados, em Pernambuco e outros Estado, o ex-presidente da Copergás e sócio do ex-governador Eduardo Campos, Aldo Guedes, teria feito a delação premiada que possibilitou a prisão dos empresários e demais operadores do mesmo esquema João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho, Eduardo Freire Bezerra Leite (Ventola), Apolo Santana Vieira e Arthur Lapa Rosal, pela Operação Turbulência, que desbaratou a negociata que viabilizou a compra, por meio de “laranjas”, do jatinho utilizado na campanha presidencial de Eduardo Campos e Marina Silva.

 

Quatro pessoas foram detidas. Dois helicópteros, um avião e quatro carros de luxo foram apreendidos
 
Informações foram repassadas pela Polícia Federal no Recife
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
JC Online
Com informações da repórter Marcela Balbino
O avião que transportava o ex-governador Eduardo Campos durante a campanha presidencial de 2014 foi comprado por empresas fantasmas. Eduardo morreu em acidente aéreo em Santos no dia 13 de agosto de 2014. A informação foi repassada pela Polícia Federal nesta terça-feira, que investiga as movimentações financeiras feitas a partir da aquisição da aeronave Cessna Citation PR-AFA. Quatro pessoas foram detidas. Dois helicópteros, um avião e quatro carros de luxo foram apreendidos.

 

 
A PF constatou que essas empresas eram de fachada, constituídas em nome de ‘laranjas’, e que realizavam diversas transações entre si e com outras empresas fantasmas, inclusive com algumas empresas investigadas no bojo da Operação Lava Jato. As empresas atuavam em um regime de mescla, quando combinavam atividades lícitas e ilícitas.
 
Os empresários Apolo Santana Vieira (dono da empresa Bandeirantes Companhia Pneus), Arthur Roberto Lapa Rosal, João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho (filho do ex-deputado socialista Luiz Piauhylino) e Eduardo Freire Bezerra Leite foram alvos de mandados de prisão preventiva.
 
Os dois primeiros foram detidos no Recife, Apolo Santana estava malhando em uma academia no momento da prisão. Os outros dois foram localizados quando desembarcavam em São Paulo e estão sendo trazidos de volta para o Recife. O quinto mandado de prisão foi expedido para Paulo César de Barros Morato, que está foragido.
 
Há suspeita de que parte dos recursos que transitaram nas contas examinadas serviam para pagamento de propina a políticos e formação de ‘caixa dois’ de empreiteiras. O esquema criminoso teria movimentado R$ 600 milhões desde 2010. 
 
Segundo a delegada regional de combate ao crime organizado da PF, Andréa Pinho, a investigação identificou que houve movimentações volumosas de recursos desde 2010 e o volume se intensificou em 2014, desacelerando após a queda do avião.
 
“As empresas de fachada não se limitaram a compra da aeronave. O esquema era muito maior. Primeiro, porque elas faziam muitas transações entre si, o que já é bastante suspeito. Segundo, porque uma empresa de pescado, em nome de um pescador, ter adquirido um avião é suspeito. Em terceiro lugar, empresas de pequeno porte e empresas pequenas adquirido aviões com valores milionários também é suspeito”, afirmou a delegada. “Nós também detectamos que as empresas inicialmente tinham movimentações bastante volumosas desde 2010, tendo se intensificado bastante no ano de 2014 e, coincidentemente ou não, depois da queda da aeronave, houve um declínio na movimentação das empresas, embora não tenha se esgotado por aí. Na verdade, foram abertas novas empresas de fachada para serem usadas pela organização criminosa”, acrescentou. 
ACIDENTE – O ex-governador e candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB) morreu no dia 13 de agosto de 2014, após a aeronave onde ele estava, um Cessna 560 XL, cair em Santos, litoral de São Paulo. Os dois pilotos Geraldo da Cunha e Marcos Martins, Pedro Valadares Neto (assessor), Carlos Augusto Leal Filho, conhecido como Percol (assessor de imprensa), Marcelo Lyra (cinegrafista) e Alexandre Severo (ex-fotográfo deste JC) também morreram no acidente. Por coincidência, Eduardo faleceu no mesmo dia do avô, o ex-governador Miguel Arraes, morto em 2005.

 

 
Operação Turbulência: Quatro presos por lavagem de dinheiro ligada a avião de Eduardo Campos
 
 
A ação da PF ocorre no Recife e em Goiás e quatro pessoas já foram presas, sendo duas em São Paulo: João Carlos Lyra e Eduardo Freire – eles devem chegar ao Recife entre 9h e 10h em um voo comercial. Também tiveram a prisão preventiva decretada Apolo Santana Vieira, Arthur Roberto Lapa Rosal e Paulo César de Barros Morato.
 
 
A PF constatou que empresas de fachada, constituídas em nome de “laranjas”, realizavam diversas transações com outras empresas fantasmas, inclusive com algumas investigadas no bojo da Operação Lava Jato. Há suspeita de que parte dos recursos que transitaram nas contas examinadas serviam para pagamento de propina a políticos e formação de “caixa dois” de empreiteiras.
 
O esquema criminoso estava ativo desde o ano de 2010. Cerca de 200 policiais federais dão cumprimento a 60 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão, 22 de condução coercitiva e os cinco de prisão preventiva. Também estão sendo cumpridos mandados de indisponibilidade de contas e sequestro de embarcações, aeronaves e helicópteros dos principais membros da organização criminosa. (Via: Folha PE)

 

 Âncora
Uma carreta saiu da pista e capotou na rodovia BR-232, no quilômetro 359, próximo a Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, nesta segunda-feira (20).
O acidente vitimou o motorista Alderico Fernandes de Souza, 40 anos, natural de Salgueiro que conduzia uma carreta de cerveja da empresa Itaipava.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu às 4h da manhã, quando  o motorista cochilou ao volante próximo ao Sítio dos Nunes, em Flores. A vítima ainda foi socorrida para o Hospital Regional Professor Agamenon Magalhães (Hospam), mas não resistiu aos ferimentos.
Segundo a PRF, a carga transportada vinha de Itapissuma, na Região Metropolitana do Recife, e seguia em direção ao município de Petrolina, no Sertão.
 
 

Empresário morre em acidente na BR-232, próximo à Salgueiro

 
 
Empresário morre em acidente na BR-232, próximo à Salgueiro
 
Um empresário de 71 anos morreu, nesta segunda-feira (20), em um acidente de trânsito, na BR-232, próximo ao município de Salgueiro, no Sertão de Pernambuco. O homem morreu na hora.
 
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a vítima seguia de Verdejante com destino a Salgueiro quando perdeu o controle do veículo. O carro saiu da pista e capotou.
 
A PRF afirmou que a vítima trabalhava no ramo de postos de combustíveis e com concessionárias de veículos no Sertão Central.
 
Do G1 Petrolina
 

 

 

Elementos furtam fábrica de salgados em Afogados

 
A Guarnição ordinária foi acionada pela Central de Operações do 23º BPM para averiguar uma ocorrência de furto. Chegando ao bairro Brotas, a vítima relatou que o local é utilizado para fabricação de “salgados”, e que ao chegar, encontrou o portão da murada com o ferrolho quebrado, bem como observou a grade da porta interna também danificada; informou ainda que haviam subtraído do interior da residência 03 (três) botijões de gás, e 01 (um) aparelho de DVD marca Sony. A ocorrência foi passada à delegacia de polícia local para serem tomadas as providências legais cabíveis
 

 

MOTOTAXISTA MORRE APÓS CAIR EM RIBANCEIRA NA PE 275 EM SÃO JOSÉ DO EGITO

Na madrugada de ontem, a  GT Ordinária de São José do Egito, foi informado pela central da 3ª COM, de um possível acidente na Rodovia Estadual PE 275, entre São José do Egito e Tuparetama. Chegando ao local, localizaram a vítima M.G.S., Mototaxista, de 28 anos, já sem vida. Testemunhas informaram que a vítima conduzia a motocicleta Honda/XRE 300, preta, ano 2011, de placa LPT 8245 RJ, chassi 9E2ND0910BR009040, e provavelmente perdeu o controle numa curva, saindo da pista de rolamento, e caindo na ribanceira, ocasionando várias lesões, onde a vítima não resistiu aos ferimentos, chegando a óbito no local. Foi encontrado com a vítima a quantia de R$1.120,00 (mil duzentos e vinte reais), e um celular Motorola/Moto G, que foram entregues na DP local. A polícia Civil esteve no local e realizou todos os procedimentos, logo após, o corpo foi encaminhado ao hospital local. A ocorrência foi passada à disposição da DP local para serem tomadas as medidas cabíveis

 

Acidente de trânsito no centro de Afogados

A Patrulha do Bairro se deparou com um acidente de trânsito envolvendo dois homens no centro da cidade, onde na ocasião, um deles conduzia uma motocicleta Honda CG 125 Fan, o qual colidiu com o veículo Fiat Strada, conduzido pelo segundo envolvido, causando apenas danos materiais. No entanto, o condutor da motocicleta informou não possuir CNH, bem como apresentava visíveis sinais de embriaguez alcoólica, fato este comprovado pelo teste do “bafômetro”, obtendo como resultado 1.18 mg/l. O outro envolvido também se submeteu ao teste, obtendo 0.00 mg/l. Diante do exposto, a ocorrência foi registrada na delegacia local, onde foi confeccionado o auto de prisão em flagrante contra o imputado. Posteriormente a motocicleta utilizada pelo mesmo foi recolhida a 24ª CIRETRAN por estar em situação irregular.

Os mandados judiciais estão sendo cumpridos em bairros do Recife e outras cidades pernambucanas

 

 

Cerca de 200 policiais federais dão cumprimento a 60 mandados judiciais. Foto: PF/Divulgação

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta terça-feira a Operação Turbulência contra um grupo especializado em lavagem de dinheiro, em Pernambuco e Goiás, que teria movimentado mais de R$ 600 milhões desde 2010.

 
A investigação começou, segundo a PF, a partir da análise de movimentações financeiras suspeitas detectadas nas contas de algumas empresas envolvidas na aquisição da aeronave Cessna Citation PR-AFA. Esse avião transportava o ex-governador de Pernambuco e então candidato à Presidência da República, Eduardo Campos, em seu acidente fatal, ocorrido em agosto de 2014.
 
A PF constatou que essas empresas eram de fachada, constituídas em nome de “laranjas”, e que realizavam diversas transações entre si e com outras empresas fantasmas, inclusive com algumas empresas investigadas no bojo da Operação Lava Jato.
 
Há suspeita de que parte dos recursos que transitaram nas contas examinadas serviam para pagamento de propina a políticos e formação de “caixa dois” de empreiteiras. O esquema criminoso sob apuração encontrava-se ativo, no mínimo, desde o ano de 2010.
 
Cerca de 200 policiais federais dão cumprimento a 60 mandados judiciais, sendo 33 de busca e apreensão, 22 de condução coercitiva e cinco de prisão preventiva. Também estão sendo cumpridos mandados de indisponibilidade de contas e sequestro de embarcações, aeronaves e helicópteros dos principais membros da organização criminosa.
 
Os mandados judiciais estão sendo cumpridos nos bairros de Boa Viagem, Cordeiro, Espinheiro, Alto Santa Terezinha, Ibura, Várzea, Imbiribeira e Pina e no Aeroporto Internacional dos Guararapes, no Recife e em outras cidades pernambucanas Jaboatão dos Guararapes (Piedade, Barra de Jangada, Muribeca e Prazeres), Paulista (Pau Amarelo), Jaboatão dos Guararapes, Vitória de Santo Antão, Moreno e Lagoa de Itaenga, além de Goiânia e Aparecida de Goiânia, em Goiás.
 
Já foram presos os empresários João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho, Eduardo Freire Bezerra Leite e Apolo Santana Vieira, apontados como donos do avião, além de Arthur Roberto Lapa Rosal. Há ainda um quinto mandado de prisão expedido, mas o nome do suspeito não foi divulgado. 
 
Os presos e os conduzidos de forma coercitiva serão levados para a sede da Polícia Federal no Recife. Os envolvidos responderão, na medida de seu grau de participação no esquema criminoso, nos crimes de organização criminosa, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica.
 

 

 

O Governo do Estado, através da Secretaria de Defesa Social e da Secretaria de Administração, convoca 3.500 candidatos aprovados na primeira etapa do concurso para soldado da Policia Militar realizado em 2016. A lista está publicada blogmarcosmontinely. no sitewww.upenet.com.br.
 
A relação determinará quem irá continuar na segunda fase do certame e participará do teste físico para o provimento de 1,5 mil vagas para o cargo.
 
A prova ocorreu no dia 29 de maio de 2016 e foi marcada por uma série de polêmicas. A falta de organização prejudicou o andamento do certame. O Ministério Público recebeu as denúncias formais feitas por alguns candidatos e as analisa. Outro grupo de concurseiros não quer a anulação da prova.
 
Confira lista: CLIQUE AQUI

 

imagem

No romance “The Strange case of Dr. Jekyll and Mr Hyde”, publicado em 1886 e popularizado nos países de língua portuguesa como “O Médico e o Monstro”, o escritor Robert Louis Stevenson narra a história de um médico, Dr. Jekyll, que, após beber uma fórmula secreta, tem seu lado demoníaco revelado.

Neste fim de semana, a revista Época, dos irmãos Marinho, da Globo, compara o interino Michel Temer a Dr. Jekyll. Ele teria feito boas escolhas na economia, com nomes como Henrique Meirelles, na Fazenda, e Ilan Goldfajn, no Banco Central, mas o restante de sua administração provisória seria digna de um filme de terror.

“Abalroado pelas revelações de Sérgio Machado, o presidente interino Michel Temer não consegue se desvencilhar da Operação Lava Jato e fazer seu governo decolar”, diz a reportagem de Ana Clara Costa.

Na semana passada, Temer perdeu seu terceiro ministro, Henrique Eduardo Alves, e foi acusado por Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, de pedir uma propina de R$ 1,5 milhão para a campanha de Gabriel Chalita em São Paulo, no ano de 2012.

A capa de Época deste fim de semana chega até a deformar os traços físicos de Temer para que ele, na imagem, se transforme numa figura monstruosa.

 

:

 Em depoimento à PF, o executivo Vinicius Veiga Borin, um dos apontados como operadores de offshores do chamado “departamento de propina” da Odebrecht, disse que a empresa controlou 42 contas fora do país sendo que a maioria foi criada após a aquisição da filial de um banco, o Meinl Bank Antigua, no fim de 2010.

Ele cita transferências “suspeitas” que somam ao menos US$ 132 milhões, segundo reportagem do Estado,  afirma que o marqueteiro João Santana recebeu US$ 16,6 milhões pela offshore Shellbill Finance.

A delação que está sendo negociada pela empreiteira de Marcelo Odebrecht com os procuradores envolve os nomes de 175 deputados federais e senadores. Conforme o 247 já havia noticiado, também devem ser envolvidos o presidente interino Michel Temer e 13 governadores.

 

Bancários do BB hostilizam “Paulinho da Farsa Sindical”

:

 

Um dos maiores aliados de Eduardo Cunha, o deputado Paulinho da Força (SDD-SP) foi alvo de um protesto organizado por mais de 50 bancários do Banco do Brasil em um voo que seguia de São Paulo para Brasília; um deles começou a discursar que entre os passageiros estava “Paulinho da Farsa Sindical”; e emendou: “Golpistas, fascistas, não passarão”; o deputado Beto Mansur (PRB-SP) que ameaçou defender o colega, também foi hostilizado; os dois ainda foram seguidos pelo saguão do aeroporto aos gritos 

 

 

temermachado

Um levantamento da Folha mostra que as doações eleitorais das empreiteiras Queiroz Galvão, Camargo Corrêa e Galvão Engenharia, nos anos de 2010, 2012 e 2014, coincidem com os relatos de Sérgio Machado.

“Ao menos 14 dos 25 citados receberam doações que sustentam a fala de Machado de que parte dos recursos ilícitos chegou a políticos por meio de doações oficiais.”

Considerando que Machado já pensava em delação em dezembro de 2015, é razoável supor que tenha feito uma consulta prévia às prestações de contas disponíveis no site do TSE.

 

Inclusive a parte que cita a delação fruto da conversa de Michel Temer com Machado. Temer negou o encontro e qualquer pedido de campanha para Gabriel Chalita. Mas os dados do TSE indicam que a primeira doação foi de exatamente R$ 1,5 milhão – valor citado pelo delator como pedido por Temer – em 28 de setembro de 2012, mais doações de R$ 1 milhão e R$ 500 mil, respectivamente

 

Vereadores do Recife têm direito a R$ 3 mil para gastos com alimentação

 

 

 

O que você faria se tivesse à disposição, todos os meses, R$ 3 mil para gastos com alimentação, além do salário? A cifra é uma realidade para os vereadores do Recife desde o ano de 2006. Enquanto a maior parte dos recifenses, assim como os demais brasileiros, precisa readequar seu orçamento para garantir a feira do mês, os legisladores da capital pernambucana desfrutam de uma situação privilegiada, se consideramos a delicada situação da economia nacional.

Por mês, cada um dos 39 vereadores recifenses tem direito a exatos R$ 3.095,86, valor que não é descontado do contracheque de R$ 15 mil (valor bruto) que cada um recebe – por mês, o benefício custa à Câmara R$ 120,7 mil e, por ano, R$ 1,4 milhão. Com essa quantia, os parlamentares podem destinar o que acharem adequado entre as duas modalidades disponíveis: refeição, para uso do legislador em restaurantes, e alimentação, na qual são contabilizados gastos em supermercado para uso exclusivo no gabinete. Vale salientar que cada gabinete pode ter, no máximo, 23 assessores.

É aí onde está o principal problema. Os gastos com alimentação para os gabinetes incluem comidas não preparadas, como açúcar, água, bolacha, café, entre outros. Naturalmente, além de atender a equipe de cada vereador, os alimentos também são destinados aos cidadãos que visitam as salas. No entanto, os vereadores que recebem o benefício não precisam prestar contas dos gastos realizados.

IMG-20160618-WA0044

Em Tabira o PRB mantém o projeto de disputar a Prefeitura Municipal com a candidatura de Edgley Freitas. Ontem, como o blog anunciou, foi  iniciada pelo Bairro das Missões o projeto das Reuniões Plenárias para ouvir os pleitos da população em busca de uma Tabira melhor, como disse o próprio Freitas.

O encontro da primeira  noite aconteceu na Praça da Comunidade.  “O povo participou, deu ideias para nosso projeto. Graças a Deus foi um sucesso”, disse Edgley ao blog. Segundo ele, ficou claro que há uma revolta com a classe política e com alguns nomes que não fizeram nada pra valer por Tabira.

“Foram várias sugestões nas áreas de educação, saúde, cultura, esporte, obras, segurança, meio ambiente, geração de renda. Cerca de 80 pessoas participaram.  Queria ver os políticos atuais numa plenária dessa. Não iriam sair vivos”, brincou. “Falamos muito pouco, só mais escutando os anseios da população”, concluiu.

O PRB mantém as conversações com outros partidos para fortalecer a aliança para a sucessão 2016. O nome do vice de Edgley será tirado dos partidos que se aliarem ao PRB. O slogam da campanha de Edgley já foi escolhido: “A mudança começa agora”.

 

 PGR denuncia Henrique Eduardo Alves ao Supremo por conta na Suíça mais um golpista

 

16075162

G1

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou ao Supremo Tribunal Federal o ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) por crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas em razão de conta atribuída a ele na Suíça.

Alves pediu demissão do cargo na última quinta (16), um dia depois da divulgação de que havia sido citado por recebimento de propina na delação do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado.

Em nota oficial divulgada na noite de sexta (17), após informações de que ele teria deixado o cargo em razão da existência de contas no exterior, Henrique Alves negou ligação com recursos e disse que não foi citado para prestar esclarecimentos, mas que está a disposição da Justiça.

Em reportagem publicada neste sábado (18), o jornal “O Estado de S.Paulo” informou que a Suíça localizou conta de Alves e que os valores foram bloqueados naquele país. A TV Globo apurou que os dados foram recebidos pelas autoridades brasileiras e originaram a denúncia.

A investigação, iniciada na Suíça e transferida para o Brasil, identificou uma conta ligada a Alves com saldo de 800 mil francos suíços – cerca de R$ 2,8 milhões.

A transferência da investigação foi realizada para autoridades brasileiras nos mesmos moldes como ocorreu com o presidente afastado da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDb-, após a Suíça identificar contas ligadas ao deputado, à mulher dele e uma das filhas.

Como Henrique Alves não pode ser extraditado para a Suíça para responder a processo porque é brasileiro nato, a transferência do caso para o Brasil assegura a continuidade da investigação.

Ele já era alvo de dois pedidos de abertura de inquérito no Supremo. Um deles pede a inclusão do nome dele no principal inquérito da Lava Jato, o que apura se existiu uma organização criminosa para fraudar a Petrobras.

O outro pedido é baseado em mensagens apreendidas no celular do ex-presidente da OAS José Adelmário Pinheiro, o Léo Pinheiro, nas quais o empreiteiro trata com Eduardo Cunha de doações a Henrique Alves – a suspeita é de que Alves tenha recebido dinheiro desviado da estatal em forma de doação oficial para campanha.

A denúncia feita pela Procuradoria Geral da República teria ocorrido em um procedimento já instaurado, que apurava outros fatos, que não a existência das contas na Suíça. No entanto, os elementos que chegaram foram suficientes para embasar uma acusação formal contra o ex-ministro pos crimes tributários e lavagem.

Como Henrique Alves deixou o governo e perdeu o foro privilegiado, terá que ser analisado agora se o caso continuará no Supremo ou se será enviado à primeira instância.

 

Blog do Tião Lucena

Nesses tempos de corrupção impregnada no meio político nacional, causa espanto o que foi decidido pelos vereadores do município de Água Branca, no Sertão da Paraíba. Em sessão ordinária do último dia 17, foi aprovado pelo plenário que os vereadores ganharão o salário mínimo e o presidente da Câmara, por conta da representação do cargo, terá subsídios de dois salários mínimos, e ainda terão descontados desse salário, 10% por faltas não justificadas, o Projeto de Resolução aprovado passa a vigorar no quadriênio 2017/2020.

Governada por um prefeito que faz da gestão um exemplo de dignidade, probidade e capacidade, Água Branca agora dá exemplo ao Brasil, um exemplo que, dificilmente será seguido ou copiado pelos espertalhões que fazem da política um meio de ficarem mais afortunados.

Tomara que essa medida não seja motivada pela proximidade da eleição.

 

http://3.bp.blogspot.com/-j9VNFooTVpg/VmYr7h8oyBI/AAAAAAAABNA/DSP2zVz0enQ/s1600/Dep%2BZeca%2BCavalcanti.jpg

A Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados aprovou substitutivo do deputado Zeca Cavalcanti (PTB-PE) propondo penas mais rígidas para crime de agressão contra pessoa idosa. O texto altera diversos artigos do Estatuto do Idoso (Lei 10.741/03). Além de vedar a aplicação de penas alternativas para quem agride idoso, o substitutivo do deputado Pernambuco permite ao juiz determinar:

a) A suspensão de empréstimo feito pelo idoso para garantir sua subsistência;

b) O encaminhamento do agressor para tratamento médico, psicológico ou psiquiátrico;

c) O fim da curatela, se o agressor for o “cuidador”. A Lei Maria da Penha (11.340/06) deverá ser aplicada subsidiariamente em crimes contra a idosa.

O texto aprovado substitui o projeto original de autoria ex-deputado Henrique Oliveira e mais duas outras duas propostas apensadas à anterior. O texto original impedia o abrandamento de pena nos casos de os crimes contra idosos terem sido julgados em juizados especiais. Outra proposta apensada, que tornava obrigatória a criação de varas judiciais exclusivas para idosos, já previstas no Estatuto do Idoso, foi rejeitada.

Para Zeca Cavalcanti, vedar completamente a possibilidade de conciliação entre as partes “está em descompasso com a política criminal contemporânea”.

“Seria desproporcional, por exemplo, inadmitir transação penal para um motorista de ônibus, réu primário e com bons antecedentes, que lesionou culposamente um ancião ao frear bruscamente o veículo”, afirmou.

Assim, o substitutivo proíbe a transação penal, mas apenas em crimes contra o idoso com pena superior a dois anos, julgados em juizados especiais. Cavalcanti ressaltou que a transação penal e a suspensão condicional do processo, quando bem usados, ajudam na solução rápida e consensual de uma questão que pode ser absolutamente isolada no histórico do infrator. A proposta do petebista prevê também o aumento da pena máxima de um para dois anos de detenção para quem expõe o idoso a perigo de saúde e integridade.

Em caso de lesão corporal grave, a pena mínima de reclusão sobe de um para dois anos. O texto prevê ainda a criação de estrutura especializada para atender os idosos, como serviço de assistência judiciária e equipe de atendimento multidisciplinar para atuar junto às varas especializadas para idosos. A União, os estados e os municípios poderão criar centros de atendimento integral e multidisciplinar, casas abrigos, delegacias, núcleos de defensoria pública, serviços de saúde e centros de perícia médico-legal especializados no atendimento à pessoa idosa em situação de violência.

 

 

IMG_2563

Em visita a quatro municípios do Sertão pernambucano neste final de semana, o senador Armando Monteiro (PTB) ressaltou o papel de destaque que o partido visa obter nas eleições de outubro.

O petebista se reuniu com aliados e lideranças em Serra Talhada, no sábado, e em Betânia, Santa Cruz da Baixa Verde e Custódia, neste domingo.

“Essa campanha será feita com os recursos que a lei permite que sejam utilizados. Nós temos recursos modestos do fundo partidário e algumas contribuições de pessoas físicas que nós seguramente iremos mobilizar. Mas eu diria que contamos, sobretudo com o entusiasmo, com a motivação política dos nossos companheiros, porque eleição se ganha primeiro com uma causa justa para defender, quando a gente tem de um compromisso com a comunidade e deseja servir e atender às expectativas da população”, afirmou o senador.

A agenda do senador começou no sábado, em Serra Talhada, onde Armando conversou com o grupo de Nega Magalhães, pré-candidato pelo PTB à prefeitura do município. Neste domingo, o primeiro compromisso foi com Mário da Caixa (PTB), também postulante ao Executivo municipal.

Em seguida, Armando esteve com os prefeitos de Santa Cruz da Baixa Verde, Tássio Bezerra (PTB), e de Custódia, Luiz Carlos Gaudêncio (PT) – ambos candidatos à reeleição. A agenda foi acompanhada pelo deputado federal Silvio Costa (PTdoB) e pelo deputado estadual Augusto César (PTB).

“Essas agendas foram de grande significado. O PTB possui hoje 70 pré-candidaturas a prefeito em todo o Estado. São pessoas que indiscutivelmente dispõem de credenciais para se apresentarem aos seus conterrâneos e se tornarem legítimos representantes no Executivo municipal. De nossa parte, eles terão toda a nossa solidariedade nessa caminhada. Estaremos juntos para construirmos grandes vitórias em outubro em todo o Estado”, comemorou Armando Monteiro Neto.

“Tenho muito orgulho de ter raízes sertanejas. Meu avô Agamenon Magalhães saiu dessa terra e percorreu todas as posições de destaque na vida pública brasileira. Governou Pernambuco, foi ministro do Trabalho e da Justiça, e deu exemplos de que é possível fazer a vida pública com dignidade, compromisso, honradez e bravura, que é a marca do povo sertanejo. A partir dessas raízes que a eleição tem um significado muito grande para nós. Por isso, estamos nos somando com essa frente política que se desenha nesta região. Vamos estar juntos na campanha e queremos estar, sobretudo juntos para que possamos realizar grandes obras à frente das prefeituras”, concluiu o senador.

 

Governo fará supercruzamento de dados de programa sociais para eliminar acúmulo de benefícios

http://calendariobolsafamilia2016.com/wp-content/uploads/2015/09/13.jpg

Com uma conta de R$ 550 bilhões por ano para pagar em benefícios sociais, o governo fará uma varredura completa para encontrar pessoas que acumulam benefícios ou que não deveriam ser contempladas pelas regras dos programas. O supercruzamento de dados foi determinação do Ministério do Planejamento, disse o ministro interino da Pasta, Dyogo Oliveira.

Todos os ministérios responsáveis por cada uma das ações terão que abrir suas bases de dados para os demais órgãos, excetuando informações protegidas por sigilo fiscal. A medida vai possibilitar, por exemplo, descobrir quem recebe Bolsa Família mas também embolsa o abono salarial ou um beneficiário do seguro-defeso (benefício pago a pescadores artesanais no período da piracema) que também é um microempreendedor individual.

“Se economizarmos 1%, já é muito. Com R$ 5,5 bilhões, já conseguimos pagar quase um programa inteiro”, disse Dyogo. “Com certeza, teremos impacto já este ano, mas é difícil estimar o tamanho das fraudes em cada um dos programas”, afirmou.

Essa é uma das primeiras ações do Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais (CMAP), instituído pelo governo federal em abril deste ano, ainda com a presidente afastada Dilma Rousseff. Com caráter interministerial, o comitê, que deve se reunir novamente nesta segunda-feira (20), faz a avaliação da eficácia do impacto das políticas e de programas selecionados. Também propõe alternativas de ajustes nos desenhos.

Farmácia Popular, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), subsídios agrícolas e construção de creches também estão passando por supervisão, além das vitrines do governo petista, como Minha Casa Minha Vida e Bolsa Família.

Com queda da arrecadação e sem dinheiro no caixa, não restou outra alternativa à área econômica de Dilma a não ser reavaliar os programas sociais para reduzir o volume de subsídios, além de colocar mais “critérios” para ter acesso aos benefícios. O movimento, no entanto, sofreu forte resistência do PT e não avançou como se esperava para garantir uma melhoria do resultado fiscal.

O governo de Dilma foi responsável por cortar recursos para o programa educacional Ciência Sem Fronteiras, mexer nas regras do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que banca empréstimos para estudantes do ensino superior em instituições de ensino privadas, e diminuir dinheiro para o Pronatec de qualificação profissional dos trabalhadores.

 

 

 

A Ponte da Morte, localizada na saída na PE-177, saída da cidade de Canhotinho sentido Angelim, foi mais uma vez palco para uma tragédia. O trecho ganhou esse fúnebre nome por conta da alta incidência de acidentes com vitimas fatais no local. 
 
Uma triste estatística que só cresce, fruto tanto do excesso de velocidade por parte de alguns condutores, como da falta de uma melhor sinalização sobretudo de colocação de lombadas que forcem os motoristas a reduzirem a velocidade antes de contornarem a sinuosa curva. 
 
Por volta das 06:00 deste domingo dia (19), um veículo modelo Ford Fiesta de cor preta, placas de São José do Egito, no sertão de Pernambuco, perdeu o controle da direção, passou reto na curva que dá acesso à ponte e caiu de uma altura de seis metros. Populares observam o trabalho da polícia e Bombeiros na remoção dos corpos.
 
Ainda de acordo com informações, seis pessoas viajavam no veículo e todas faleceram no local. Das seis vítimas fatais, duas mulheres e quatro homens, todos da mesma família. 
 
As vitimas residiam no Povoado Quatro Bocas, na zona rural de Angelim, as vítimas foram identificadas como sendo:
 
1. ADELSON FRANCISCO OLIVEIRA, de 44 anos,
2. IRENILDA OLIVEIRA, de 40 anos,
3. LEIGILA OLIEVIRA, de 15 anos, (pai, mãe e filha),
4. ALEX DA SILVA OLIVEIRA, de 17 anos,
5. ANDERSON HENRIQUE MADEIRA, de 20 anos,
6. JOSENILDO BERNARDO DE SOUZA, de 41 anos. 
 
O Blog apurou que a placa do carro era de São Jose do Egito, segundo relatos, seriam 3 VITIMAS de Brejinho e as outras vítimas  do povoado Quatro Bocas, município de Angelim.
 
No grave acidente de trânsito registrado por volta das 06h00 de hoje (19.06.16) na PE 177, na ponte de Canhotinho, a conhecida “Ponte da Morte”.
Envolvendo um Fiesta de cor preta, de placa MOF 6953-São José do Egito-PE, deixou um saldo de 06 vitimas fatais, sendo 04 homens e 02 mulheres, todos da mesma família, as vitimas residiam no Povoado Quatro Bocas, Zona Rural de Angelim, as vitimas foram identificadas como sendo:
 
1. ADELSON FRANCISCO OLIVEIRA, 44 anos,
2. IRENILDA OLIVEIRA, 40 anos,
3. LEIGILA OLIEVIRA, 15 anos, (pai, mãe e filha),
A família era de Brejinho-PE.
Josenildo Bernardo era de Brejinho.

WJREFINARIA50 - PE - 10/12/2014 - (((EMBARGADO E EXCLUSIVO))) ABREU E LIMA/OPERAÇÃO ESPECIAL DOMINICAL PARA ECONOMIA OE – Especial sobre a Refinaria Abreu e Lima (FOTO), a principal obra investigada pela Operação Lava Jato e que coleciona denúncias de superfaturamento, erros de projeto e trapalhadas na execução. A refinaria fica em Suape, na região metropolitana de Recife (PE), e é a primeira construída no País em 30 anos. Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

Refinaria Abreu e Lima (FOTO), a principal obra investigada pela Operação Lava Jato e que coleciona denúncias de superfaturamento. A refinaria fica em Suape, na região metropolitana de Recife (PE), e é a primeira construída no País em 30 anos. Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

Segundo Pedro Patente, novo presidente da Petrobras, a refinara Abrel e Lima, localizada no porto do Suape, região metropolitana de Recife (PE), saiu de um orçamento de R$ 2 bilhões para cerca de 18 bilhões. Uma variação de mais de 30% no custo de qualquer empreendimento já é motivo de avaliação criteriosa.

No caso de Abreu e Lima que já custou nove vezes mais que o previsto é motivo de uma investigação profunda.

O indício de desvios, (grandes desvios), na refinaria Abreu e Lima pode fazer muitos dos envolvidos deixarem Pernambuco para morar no presídio em Curitiba.

 

Araripina:Tico de Roberto deixa Alexandre Arraes e declara apoio ao médico Aluízio Coelho

 
Depois do grande suspense sobre qual decisão tomaria o vereador Tico de Roberto (PRB), que acabou gerando uma grande polêmica dentro do grupo do prefeito Alexandre Arraes (PSB) e do grupo de Aluízio Coelho (PP), Tico resolveu se decidir e declarou apoio à pré-candidatura a prefeito do médico Aluízio Coelho (PP) numa entrevista na manhã de hoje (17), contrariando o prefeito Alexandre Arraes, que vai apoiar Tião do Gesso (SD) para prefeito. 
 
A repercussão da ida de Tico de Roberto (PRB) para Aluízio Coelho (PP), não foi vista com bons olhos por aqueles que estavam desde o começo acompanhando o médico, a exemplo do pré-candidato a vereador Idelfonso do Mel, que desde que Aluízio se propôs como pré-candidato a deputado em 2014, ele estava lá ao seu lado, acreditando na proposta do “Novo” que  Aluízio tanto prega nos quatro cantos de Araripina, mas pelo visto o pré-candidato a prefeito Aluízio Coelho está deixando de lado o seu slogan de “o novo vem aí”, o que podemos chamar de “o novo misturado com os velhos políticos e com boa parte da massa que até então estavam com Alexandre”, que só tomam certas decisões no intuito de dar continuidade aos seus projetos pessoais. 
 
Será que esse é o novo em Araripina? 

Após ter bens bloqueados, Cunha é multado pela Receita Federal

 

 

Cunha3O presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi multado em cerca de R$ 100 mil pela Receita Federal, por inconsistências em sua declaração de rendimentos do ano de 2010.

No dia 6 de junho, o peemedebista já tinha sido multado em R$ 1 milhão pelo Banco Central por ter omitido a existência de contas secretas no exterior.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, a multa aplicada pela Receita resultou de um auto de infração aberto em dezembro do ano passado: os auditores do órgão apontaram que houve gastos de Cunha que não estavam cobertos pelos seus rendimentos declarados em 2010. A defesa do peemedebista já entrou com recurso e o processo foi enviado ao Conselho Administrativo de Recursos Fiscais.

Essa foi a primeira derrota sofrida por Cunha na Receita Federal, que já havia quebrado seus sigilos por determinação do Supremo Tribunal Federal e enviado os dados à Operação Lava Jato.

Mas as multas aplicadas pela Receita e pelo Banco Central não foram os únicos revezes financeiros que Cunha sofreu neste mês. No dia 14, a Justiça Federal do Paraná decretou a indisponibilidade dos bens de Cunha e de sua mulher, a jornalista Cláudia Cordeiro Cruz. A decisão também quebrou o sigilo fiscal de Cunha desde o ano de 2007 e bloqueou os bens de empresas ligadas ao casal, como a C3 Produções Artísticas e Jornalística Ltda e C3 Atividades de Internet Ltda.

A ação que deu origem ao bloqueio dos bens de Cunha investiga a compra de direitos de exploração de poços de petróleo no Benin, em 2011, pela Petrobras. Segundo o Ministério Público Federal, o deputado recebeu US$ 1,5 milhão para que o negócio fosse concretizado.

Por meio de nota, o deputado Eduardo Cunha classificou a ação de “absurda”. A defesa do deputado já protocolou no Supremo Tribunal Federal um recurso pedindo que a decisão do juiz Augusto César Pansini, da 6ª Vara Federal em Curitiba, seja suspensa. O pedido está sob a relatoria do ministro Teori Zavaski.

O peemedebista já é réu em um processo da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, no qual é acusado de receber propina do esquema na Petrobras. Também já foi alvo de duas denúncias ao Supremo, também sobre o recebimento de propinas.

Nesta semana, Cunha teve a cassação do mandato aprovada no Conselho de Ética por 11 votos a 9. A decisão final caberá ao plenário da Casa.

Temer também pode aparecer na delação da Odebrecht, diz jornal

 

 
Depois de ser mencionado na delação do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, o presidente interino Michel Temer (PMDB) também pode ser citado no acordo de colaboração dos dirigentes da Odebrecht. Segundo a coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, intensificou-se o debate entre os advogados que estão negociando o acordo de como Temer aparecerá nos depoimentos. A Odebrecht deu recursos ao PMDB na campanha presidencial de 2014, quando Temer era candidato a vice-presidente na chapa de Dilma Rousseff. Os valores podem chegar a 50 milhões de reais, segundo a coluna. O PT teria participado da negociação sobre os repasses ao PMDB.
 

 

Em seu acordo de delação, Sérgio Machado relatou aos investigadores da Lava Jato que Temer combinou recursos ilícitos para a campanha do então peemedebista Gabriel Chalita para a prefeitura de São Paulo, em 2012. Temer refutou as acusações, dizendo que a citação à sua pessoa é “leviana, mentirosa e criminosa”. Veja .com

 

imagem

Procuradores da República que atuam na Operação Lava Jato em Curitiba já estão convictos de que os episódios que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não têm indícios suficientes para justificar a sua prisão.

A opinião tem se firmado a partir das investigações já realizadas pela Polícia Federal (PF) e também da denúncia feita contra Lula pelo Ministério Público de São Paulo, informa nesta sexta-feira 17 o jornalista Humberto Trezzi, colunista do jornal Zero Hora.

Os procuradores da República estão decididos a agir com cautela. Primeiro porque não existem, no entender deles, indícios que justifiquem a prisão do ex-presidente. Ele não chegou a intimidar testemunhas ou mover dinheiro no exterior, nem tentou eliminar provas, como ocorreu com outros réus da Lava Jato, ponderam.

Para os investigadores, o único caso contra Lula que poderia justificar um pedido de prisão seria o da tentativa de nomeá-lo ministro, feita pela presidente Dilma Rousseff antes de ser afastada do cargo. Mas o principal indício de que a nomeação era “proteção” a Lula, um diálogo telefônico entre ele e Dilma interceptado pela PF, foi invalidado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o que fere mortalmente o argumento de que Lula interferiu na Lava Jato e, mais ainda, o embasamento para um pedido de prendê-lo.

Em tese, o ex-presidente pode responder por corrupção passiva (dois a 12 anos de prisão) e lavagem de dinheiro (três a 10 anos de reclusão) nos casos do sítio em Atibaia (SP) e do triplex no Guarujá (SP). Abundam indícios coletados pela PF no inquérito.

Nesta semana, Lula e sua família ingressaram na Procuradoria-Geral da República com ação contra o juiz Sérgio Moro por abuso de autoridade no caso da divulgação dos grampos

Senadora diz que documento do BB atesta que não houve pedaladas fiscais

 

imagem

A Comissão Processante do Impeachment retomou os trabalhos, após uma hora de intervalo, nesta tarde (17) com o comunicado por parte da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) de que o Banco do Brasil (BB) enviou à comissão um ofício informando que a presidenta afastada Dilma Rousseff não praticou atos para a liberação do Plano Safra. Dilma é acusada, entre outras coisas, de ter feito uma operação de crédito com o banco para o pagamento do programa, o que é vedado pela lei.

“Nós já começamos a receber respostas a alguns requerimentos de informações aprovados aqui. Um deles, por exemplo, chega do Bando do Brasil, dizendo que não há atos praticados diretamente pela presidenta afastada, Dilma Rousseff, na liberação dos pagamentos para o Plano Safra. O Banco do Brasil mandou essa informação. Então, se não há ato dela, onde está o dolo? Não há o dolo”, disse Vanessa.

A senadora disse que o ofício do banco atesta que a operação em que a instituição financeira arcou com o pagamento dos benefícios do plano, recebendo o repasse em atraso do tesouro nacional com juros, não configura uma operação de crédito

PACTO PELA A VIDA OU PACTO PELA SOBREVIVÊNCIA?

 

 
 
Dois jovens envolvidos em assaltos na cidade de Araripina foram encontrados mortos em rituais parecidos. Um deles de 22 anos foi encontrado morto, na segunda-feira (9), todo perfurado de arma branca e com a cabeça totalmente estraçalhada a pedradas. Os suspeitos do crime são também prováveis protagonistas da onda de assaltos que vêm acontecendo constantemente em Araripina. Apenas em uma noite no Bairro do Alto da Boa Vista, um dos mais populosos da cidade, oito assaltos consecutivos aconteceram na comunidade e a população está em alerta porque a cada instante os grupos do whatsapp, os portais de notícias, são informados de mais  ação criminosa que colocou Araripina em polvorosa.
 
Terça-feira (10), um salão de beleza na Rua 11 de Setembro foi assaltado por vários bandidos. Três suspeitos foram presos e, segundo a Polícia Militar foram encontrados com eles 8 gramas de maconha, uma arma caseira, dois celulares e outros objetos, frutos de roubos. Um menor de 15 anos também estava envolvido no crime. A proprietária contou que a todo o momento o bandido empunhava uma arma e a ameaçava pressionando a mesma sobre a sua cintura e que, forçou dois clientes a entregar os celulares e o dinheiro. Ela também foi obrigada a entregar o celular e o lucro do dia.
 
Assaltos de motos, de celulares, de lojas, hoje mesmo dia (18), um supermercado e uma drogaria foram também alvo dos bandidos que criaram na cidade uma onda de terror e arrastão, e a tensão tem provocado na população uma insegurança como nunca visto na história do Município. Não existem mais horário para os crimes, os furtos e a delinquência, seja de manhã, de tarde ou noite, Araripina está novamente refém da bandidagem.
 
O empresário Juvenal Ângelo dos Reis, o “Lunga”, dono de postos de gasolina na região, foi assaltado na segunda-feira (16), em frente ao Banco do Brasil, no centro da cidade. O empresário foi rendido por vários homens fortemente armados e encapuzados, quando a vítima ia entrando na Agência Bancária para efetuar depósito.
 
Em entrevista em uma emissora de Rádio no começo do ano, a delegada Katianna Muniz da 24ª Delegacia Seccional de Polícia Civil – DESEC – de Araripina falou que é preciso uma preocupação maior dos governantes com a segurança pública, principalmente em deslocamento de efetivo que tem sido para ela na 24ª uma necessidade mais que urgente. Segundo a delegada, são 05 delegados para atender 10 municípios, uma delegacia de homicídios e a 24ª que administra todas as outras.
 
Fala-se em 90 policiais militares para cobrir todo o município, desde os distritos, povoados, toda zona rural e zona urbana, e o Governo de Pernambuco e a Secretaria de Desenvolvimento Social – SDS, e até agora não deram sinal de que vão resolver o problema de imediato. Os vereadores informaram que já estiveram no departamento por duas vezes acompanhados de outros parlamentares da região, cobrando urgência na solução das prioridades relacionadas à segurança pública, e até agora nem uma resposta positiva veio do Governo.
 
A criminalidade tomou conta da cidade
A sociedade põe a culpa nas autoridades
(Trecho da Música de Gabriel – O Pensador)
 
Para o deputado Sílvio Costa Filho (PRB), “O governo não tem a humildade de reconhecer a necessidade de reformular o Pacto pela Vida para tentar conter o aumento de violência no Estado”.
 
Já para Waldemar Borges (PSB) líder da bancada governista, tentou minimizar o cenário, inclusive afirmando que o Estado vem mantendo o combate à violência, em níveis melhores de que alguns estados ricos.
 
Enquanto isso, nós que não estamos morando no jardim de flores do senhor Borges, e nem estamos acreditando no tal Pacto pela Vida, mas pelo Pacto de Sobrevivência, com medo de sair de casa depois das 18 horas, e de madrugada, viramos reféns da bandidagem local e flutuante que aterroriza nossa Araripina.
 
O efetivo policial é pequeno, as viaturas parecem carros da série Fred e Barney, e enquanto isso, as viagens ostentativas dos representantes municipais, provam que além de um governo inoperante do PSB no Estado, temos um governo que sempre foi uma fraude, à frente de uma terra que hoje está totalmente abandonada pelos poderes públicos e com a criminalidade assustando a sua população.
 

 

Estamos vivendo perigosamente numa cidade que antes era pacata. A certeza da impunidade tem deixado a sociedade com medo, e os bandidos mais audaciosos

 

 

 

 

Prefeito Patriota divulgou  hoje (18), em primeira mão no programa rádio vivo do comunicador Anchieta Santos,  a programação oficial dos artistas contratados  para expoagro 2016.

A maior festa do município de Afogados da Ingazeira,   em tempos de crise ficou evidente o quanto foi cortado com gastos públicos em relação ao ano passado uma iniciativa louvável pelo executivo  o mesmo teve o aval dos ouvintes que participaram reconhecendo como boa a programação, curioso que inicialmente  pelas palavras do prefeito e a surpresa do apresentador do Programa que não esperava que o prefeito fosse divulgar toda grade, como também ficou a sensação que o prefeito ao eliminar a coletiva em divulgar logo para evitar mais especulações,  veio a surpresa   pelo telefone  onde os  ouvintes da Rádio Pajeú  aprovaram as atrações para este ano da Expoagro 20016 confira:

 

http://jornalpequeno.com.br/wp-content/uploads/2016/02/dorgival-dantas-02.jpg

Dogival Dantas

 

Dia 30

Maria da Paz

Dogival Dantas

Edson Lima e Gatinha Manhosa

Dia 1° Julho  aniversário da cidade,

Alceu Valença 

Maciel Melo

Banda Capital do Sol

Dia 02

Lindomar

Mateus Fernandes

Forrozão das Antigas 

http://i0.statig.com.br/bancodeimagens/89/wj/jw/89wjjwv4ci9o2ejz1nyjn41ke.jpg

A pernambucana Yane Marques encara a primeira semana da maratona de viagens que fará até os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Na última terça-feira, ela embarcou para a Itália, onde realiza um camping de treinamento e participará de um torneio nacional do esporte no país. A missão da pentatleta é novamente ajustar detalhes da esgrima, esporte que é mais tradicional na Europa. Lá, ela tem contato com outros atletas, podendo trabalhar o esporte com outros competidores locais.

A viagem que começa na Itália só terminará após sua competição no Rio-2016. “Agora eu só paro depois da Olimpíada. É a reta final de fato. A cabeça está toda voltada para essa competição e não tem como ser diferente”, garantiu a pernambucana de Afogados da Ingazeira. Ela será a única representante brasileira na categoria feminina dos Jogos. No masculino, o também pernambucano Felipe Nascimento será o nome nacional na disputa entre os homens.

Depois da Itália, Yane volta ao Recife por uma semana e logo em seguida embarca para os Estados Unidos. Assim como no Velho Continente, o território norte-americano é mais  um destino conhecido da pentatleta, que frequentemente realiza campings para aprimorar seu nível técnico.

Atualmente, Yane é pentatleta de número 12 do mundo, ficando fora do Top 10 pela primeira vez depois de meses. No Rio-2016, ela busca repetir o desempenho que apresentou na edição dos Jogos de Londres- 2012, quando faturou a medalha de bronze. Ela persegue o sonho de novamente subir ao pódio olímpico. “Para isso, eu não quero milagre. Não canso de falar isso. Estou trabalhando para chegar o dia e repetir na prova o que venho realizando nos treinos. Quero fazer por merecer”, falou Yane, que ainda tem uma viagem para Curitiba em seu calendário.

A disputa feminina do pentatlo moderno na Olimpíada está marcada para o dia 19 de agosto. Ela aporta na capital carioca com bastante antecedência para fazer a aclimatação visando à competição.

 

 

16169739

Em documentos da Lava Jato no Supremo tornados públicos nesta sexta-feira (17), o procurador-geral, Rodrigo Janot, afirma que há indícios de recebimento de propina pelo atual ministro da Educação, Mendonça Filho, do DEM de Pernambuco.

Segundo Janot, imagens de um dos celulares de Walmir Pinheiro, ex-diretor da UTC, registram a conta para doações da campanha de Mendonça, em 2014.

O procurador diz que é curioso observar que, na prestação de contas do agora ministro, há doação de R$ 100 mil da Odebrecht e da Queiroz Galvão.

Mendonça Filho declarou que não recebeu doação da UTC na campanha para deputado em 2014. Ele disse que, na ocasião, foi procurado por interlocutores da UTC oferecendo doação legal de R$ 100 mil.

 

Mas que recusou e sugeriu que fosse feita ao partido. Ele diz que a empresa fez a doação ao DEM e o valor foi declarado à Justiça Eleitoral.

Motorista que perder CNH ficará seis meses sem dirigir a partir de novembro

 

Suspensão do direito de dirigir

Do Portal do Trânsito

A Lei 13.281/16 que, na maioria dos seus artigos, entra em vigor em novembro trouxe mais uma alteração que afeta diretamente os infratores do trânsito. Hoje, quem tem a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) suspensa porque atingiu 20 pontos em seu prontuário fica, no mínimo, um mês sem dirigir. A partir de novembro, ficará, no mínimo, seis meses.

A penalidade de suspensão do direito de dirigir é imposta sempre que o infrator, no período de doze meses, atinge 20 pontos na CNH ou por transgressão às normas cujas infrações preveem a penalidade de suspensão direta do direito de dirigir, como é o caso de dirigir sob efeito de álcool, disputar racha, forçar passagem entre veículos que estejam ultrapassando, entre outras.

Novos prazos

Atualmente quem atinge 20 pontos na CNH, no período de um ano, está sujeito à penalidade de suspensão do direito de dirigir a partir de um mês. Com a nova lei, o prazo mínimo será de seis meses e, em caso de reincidência no período de um ano, o prazo será de oito meses a dois anos.

Já se o condutor cometer uma das 19 infrações que levam a suspensão direta do direito de dirigir (veja aqui quais são elas), o prazo passará a ser de dois até oito meses e, em caso de reincidência em um ano, os prazos serão de oito a 18 meses.

Para acelerar esse processo a lei trouxe outra mudança. Nos casos em que a penalidade esteja prevista na própria infração de trânsito, o processo deverá ser instaurado concomitantemente ao processo de aplicação da penalidade de multa; portanto, nestes casos, a aplicação da penalidade de suspensão será muito mais rápida.

 

Ângelo Ferreira confirmado como nome da oposição em Sertânia

 

Ângelo e correligionários: candidato lançado

Ângelo e correligionários: candidato lançado

A Frente Popular de Sertânia realizou o lançamento da pré candidatura do Deputado Ângelo Ferreira para a prefeitura Sertânia, como   antecipou o blog.

O , 40 com presidentes de partidos, lideranças políticas, simpatizantes e militantes do grupo contou com grande número de filiados e simpatizantes que lotaram o espaço da Escola Mundo Mágico.

Houve discursos inflamados e não faltou o foguetório após o anúncio . Ângelo, que além de Deputado, foi Secretário de Agricultura, busca voltar à prefeitura de Sertânia no enfrentamento contra o atual prefeito, Guga Lins, do PSDB.

 

Praticamente 99,9% das bolsas de apostas no município já indicavam que o candidato seria ele. A levar em conta as últimas pesquisas, o Deputado é  nome mais forte para enfrentar o atual prefeito.

Ainda eram cotados  o vereador Antonio Henrique (Fiapo), Paulo Roberto, Presidente da CDL, Claudinha Ferreira, Professor Ivan e Paulo Henrique Ferreira.

 

Agora, desses nomes deve sair o candidato a vice, com três mais fortes na disputa: Professor Ivan, vereador do PDT, Paulo Roberto, presidente da CDL, filiado ao PSB e Antônio Almeida, vereador filiado ao PV.

 

 

 

 

O governo interino do presidente e Michel Temer não concedeu o reajuste de 9% previsto para este mês aos beneficiários do Bolsa Família. A informação foi confirmada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, responsável pela gestão do programa, que atende 13,9 milhões de famílias no país –sendo metade delas no Nordeste. 

O anúncio do reajuste aos beneficiários foi feito pela presidente Dilma Rousseff durante ato no dia 1º de maio, em São Paulo, poucos dias antes de ser afastada pelo Senado.  

“O governo Dilma ficou dois anos sem dar reajuste no Bolsa Família. Estamos fazendo uma avaliação nos cortes promovidos pelo governo anterior, que chegam a R$ 1,6 bilhão, para poder conceder o reajuste”, informou o ministério. O texto diz ainda que não há data para a conclusão de estudos sobre as possibilidades de reajuste do benefício.

Apesar da promessa da promessa de reajuste feita enquanto ainda exercia o cargo, Dilma não editou decreto autorizando e determinando o reajuste no benefício. O presidente interino, Michel Temer também não editou decreto nesse sentido.

O pagamento dobenefício do mês de junho começou nesta sexta-feira (17), contemplando as famílias com número final de inscrição “1”. Ao todo, o pagamento do programa social ocorre em dez datas diferentes. Este mês, o calendário oficial vai até o dia 30 de junho, quando são pagos os beneficiários com número final “0”.

O governo interino do presidente e Michel Temer não concedeu o reajuste de 9% previsto para este mês aos beneficiários do Bolsa Família. A informação foi confirmada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, responsável pela gestão do programa, que atende 13,9 milhões de famílias no país –sendo metade delas no Nordeste. 

O anúncio do reajuste aos beneficiários foi feito pela presidente Dilma Rousseff durante ato no dia 1º de maio,  em São Paulo, poucos dias antes de ser afastada pelo Senado.  

 

 
Segundo Machado, que na época era líder do PSDB no Senado, o dinheiro saiu de um fundo criado por ele junto com Aécio e o então presidente do PSDB, senador Teotonio Vilela, a fim de financiar a bancada do PSDB na Câmara e no Senado. O plano era “eleger a maior bancada federal possível na Câmara para que pudessem viabilizar a candidatura de Aécio Neves à presidência da Câmara no ano 2000”.
 
Segundo Sérgio Machado, a divisão resultaria “entre 100 mil e 300 mil a cada candidato” (cerca de 50 deputados) e “a maior parcela dos cerca de R$ 7 milhões de reais arrecadados à época foi destinada ao então deputado Aécio Neves, que recebeu R$ 1 milhão de reais em dinheiro”. O tucano “recebia esses valores através de um amigo de Brasília que o ajudava nessa logística”, informou ainda o delator.
 
Dos R$ 7 milhões arrecadados, R$ 4 milhões vieram da campanha de Fernando Henrique Cardoso à presidência – que se reelegeu em 1998 – e o restante de empresas. Parte do dinheiro também veio do exterior, de acordo com Machado. O ex-presidente da Transpetro também disse na delação que parte do dinheiro da campanha que viabilizou a eleição de Aécio à presidência da Câmara veio de propina em Furnas

Em São José do Egito, Zé Marcos e Romério Guimarães batem o martelo

O ex-deputado José Marcos de Lima (PR) e o prefeito de São José do Egito Romério Guimarães (PT) bateram o martelo, e definiram a chapa de situação naquele município.
 
O candidato a prefeito será Romério Guimarães, que foi eleito em 2012 com o apoio de José Marcos. Ele tentará a reeleição. A vice ficará com o PR, e o nome mais cotado é do vereador Bal de Riacho do Meio.
 
O entendimento aconteceu após uma reunião entre os dois. O presidente do Partido da República em Pernambuco, Sebastião Oliveira foi consultado e autorizou a aliança. 
 
A notícia corre nos bastidores da política do berço imortal da poesia, mas ainda não ganhou o anúncio formal. José Marcos e Romério Guimarães farão uma coletiva de imprensa para anunciar a chapa que vai enfrentar o ex-prefeito Evandro Valadares (PSB).

 

imagem

Ao discursar, na noite de ontem, em João Pessoa, a presidente Dilma Rousseff colocou o dedo na ferida dos políticos que lideraram, contra ela e contra a democracia brasileira, uma conspiração golpista. Segundo ela, o impeachment nada mais foi do que uma tentativa de se fazer com que a Lava Jato não atingisse os caciques do PMDB (saiba mais aqui).

Depois da delação de Sergio Machado, revelada ontem, fica difícil questionar essa avaliação. Soube-se, por exemplo, que o principal beneficiário do golpe, o interino Michel Temer, aparece como responsável de um pedido de propina de R$ 1,5 milhão ao ex-presidente da Transpetro para a campanha de seu pupilo Gabriel Chalita (leia aqui).

Na companhia de Temer, despontam os demais sócios do impeachemnt. O derrotado Aécio Neves (PSDB-MG), que colocou o Brasil em guerra ao não aceitar o resultado das urnas, em 2014, aparece em sua décima delação, como beneficiário de um pagamento de R$ 1 milhão em dinheiro vivo e também como pagante de propinas a parlamentares para se eleger presidente da Câmara (leiaaqui).

Se isso não bastasse, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), por sua vez, corre o risco de receber uma tornozeleira eletrônica e devolver R$ 100 milhões aos cofres públicos. Além disso, Machado relatou pagamentos de propinas à cúpula do PMDB que chegam a R$ 100 milhões, apenas no capítulo Transpetro.

Em meio a esse terremoto político, só a presidente Dilma Rousseff não aparece em nenhum esquema. E fica cada vez mais claro que ela foi vítima de uma assembleia de bandidos, presidida por um bandido, como definiu o escritor português Miguel Souza Tavares – e não pelas chamadas “pedaladas fiscais”.

A única questão relevante, agora, é: que horas ela, Dilma, e a democracia voltam ao Brasil? 

 

 
O empresário e narcotraficante Jorge Rafaat Toumani foi executado com vários disparos após cair em uma emboscada no início da noite de ontem quarta-feira (15), aproximadamente às 18h45, nas imediações do Mercado Municipal em Pedro Juan Caballero – cidade que faz fronteira com o Brasil.
 
Informações do jornal paraguaio ABC Color apontam que Rafaat seguia em uma Hammer blindada, porém, o veículo não suportou o calibre das munições usadas e ele acabou sendo atingido e morto no local.
 
Equipes da Polícia Nacional do Paraguai estão no local. O ABC Color afirma que pelo menos sete pessoas foram feridas, entre elas um agente policial identificado como Jorge Espinola.
 

 

A Guerra
 
De acordo com as informações da Policia Nacional os atiradores usaram um metralhadora .50, que é usada para abater aeronaves e foi adaptada para ser usada no veiculo, os policiais informaram que foram disparados mais de 250 tiros.
 
 
Seguranças que o acompanhavam reagiram, fazendo com que houvesse intenso tiroteio na região. Ainda não há número oficial de mortos e feridos, nem detalhes como ocorreu o crime que, por enquanto, acredita-se estar relacionado a disputa pelo controle do tráfico na fronteira entre o Brasil e o Paraguai.
 
Após o crime, aconteceu uma grande perseguição policial resultando na detenção de 07 pessoas.
 

 
Condenação
 
Conhecido também por organizar promoções para compras em Pedro Juan – inclusive, com congelamento da cotação do dólar -, Jorge Rafaat foi condenado por Odilon, juiz da 3ª Vara Federal de Ponta Porã, em 30 de abril de 2014, quando além dele, outros sete traficantes da fronteira foram sentenciados.
 
Rafaat foi condenado a várias penas que, somadas, totalizam 47 anos de prisão em regime fechado, além de multa de R$ 403,8 mil. O irmão dele, Joseph Rafaat Toumani, também foi condenado a pena de 15 anos de prisão e multa de R$ 83,2 mil. Aviões, veículos, fazendas e outros imóveis também foram sequestrados pela Justiça Federal.
 
 

 

 

 

 

 
 
São várias as mudanças nos prazos, no registro de candidaturas, no financiamento de campanhas nestas eleições municipais. O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE), Antônio Carlos Alves da Silva, e o assessor dele Henrique Melo estiveram no Sistema Jornal do Commercio na terça-feira (14) para explicar essas alterações. Ao contrário de pleitos anteriores, em que os candidatos tinham até três meses para fazer propaganda, a divulgação este ano só começa em 16 de agosto, um dia depois do fim do prazo para o registro de candidatos.
 
Outros prazos também estão mais próximos do primeiro turno, que será em 2 de outubro; a preparação das urnas eletrônicas, antes feita desde o início do mês anterior à votação, desta vez será a partir do dia 15. As convenções partidárias, em que são escolhidos oficialmente os candidatos de cada legenda, poderão ser realizadas de 20 de julho a 5 de agosto.
 
É justamente até o dia 20 que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai divulgar o limite de gastos de campanha para cada cargo, em cada lugar. Este ano está proibido o financiamento de campanha por empresas, só sendo permitido aos candidatos receber dinheiro ou bens de pessoas físicas. As prestações de contas serão sempre até 72 horas após o recebimento do valor ou do objeto, além de uma geral no dia 15 de setembro e outra até 30 dias após o segundo turno. Os candidatos que forem para o segundo turno terão até 20 dias após a votação para o procedimento. As contas deverão estar julgadas até três dias antes da diplomação, que deve ser até 19 de dezembro, antes do recesso do Judiciário.
 
A propaganda eleitoral também passou por alterações para este ano. As inserções em rádio e televisão começarão no dia 26 de agosto, mas desta vez com menos aparições dos candidatos a vereador. Como está acontecendo na pré-campanha, será proibido patrocinar publicações nas redes sociais. Bandeiras fixas e cavaletes também não poderão estar nas ruas.
 

 

Mais informações sobre o calendário eleitoral e sobre as regras de propaganda estão disponíveis no site do TRE-PE.
Do G1
 
O ator mexicano Rubén Aguirre Fuentes, conhecido por interpretar o Professor Girafales em “Chaves”, morreu nesta sexta-feira (17) aos 82 anos. A informação foi publicada no Twitter de Edgar Vivar, que fazia o Senhor Barriga no mesmo programa. “Meu professor favorito, descansa em paz… Hoje meu grande amigo Rubén Aguirre parte deste plano. Sentirei muito sua falta”, escreveu Vivar na mensagem. 
 
Aguirre, que há duas décadas tomava medição para controlar diabetes e problemas renais, havia passado recentemente 11 dias internado no México por causa de uma pneumonia.
 
Durante a internação, Aguirre usou o Twitter para agradecer aos fãs e chegou a brincar com boatos de sua morte. “Já começaram os rumores. Digo-lhes que estou vivinho e tuitando. Taaaa, taaa, ta,ta!”, escreveu em 1º de junho, usando um bordão do Professor Girafales.
 
Rubem Aguirre estava aposentado dos palcos desde o fim de 2007, depois que ele e a esposa, Consuelo Reyes, sofreram um acidente de carro. Consuelo perdeu as pernas após a batida. Ela e o marido passaram a usar cadeira de rodas.
 
Nascido em 15 de junho de 1934, na cidade de Saltillo, no México, Rubén Aguirre Fuentes era formado em engenharia agrônoma e começou a carreira artística como locutor de rádio e TV. Seu perfil no Facebook informa que, desde 1976, ele fazia apresentações em circos interpretando o Professor Girafales.
 
Aguirre era casado com Consuelo Reyes desde 1960 e deixa sete filhos, além de netos.
 
Problemas de saúde e financeiros
 
Sem poder trabalhar na TV, no teatro ou no circo desde o acidente de 2007, Ruben Aguirre passou a enfrentar também problemas financeiros. Exatamente um ano atrás, em junho de 2015, ele divulgou uma carta em que dizia ter “sérios problemas de saúde” e pedia apoio para pagar seus gastos.
 
Intitulado “E agora, quem poderá me defender?” (referência ao personagem Chapolin), o texto reivindicava assistência médica da Associação Nacional de Atores do México (Anda).
 
“Como muitos de vocês sabem, nos últimos tempos meu estado de saúde e de minha esposa se debilitaram (…) Minhas forças se acabaram. Tenho lutado há dez anos por esse direito, porque há dez anos preciso dele. Tenho 81 anos e, repito, tenho sérios problemas de saúde”, escreveu.
 
Na época, uma de suas filhas, Verónica Aguirre, afirmou à BBC: “Meu pai se aposentou faz nove ou dez anos, mas nunca pediu ajuda à associação. Ele pagou tudo do próprio bolso, mas, de uns tempos para cá, tem precisado do auxílio de seu sindicato”. Dois meses depois, a Anda quitou a dívida, segundo informou o próprio ator.
 
Em 2014, ele já havia sido internado no México com quadro de desidratação e anemia. Em 2015, foi hospitalizado por causa de cálculos na vesícula e problemas na coluna. Mas os cálculos não puderam ser removidos na época justamente por causa de uma dívida hospitalar.
 
‘Não temo a morte. Temo estar morrendo’
 
Em agosto de 2015, dois meses depois da carta aberta, Rubén Aguirre comentou seu delicado estado de saúde em entrevista ao canal Telemundo, emissora mexicana nos Estados Unidos.
 
Fumando charuto, afirmou: “Não estou totalmente bem: uso uma cadeira de rodas, não posso caminhar, não tenho força nas pernas… Não temo a morte. Temo estar morrendo. Isso, sim, me dá muito medo”.
 

 

Aguirre disse que um dos filhos de Roberto Bolaños (1929-2014), criador e protagonista de “Chaves”, teria oferecido ajuda. Os outros colegas de elenco, no entanto, não teriam feito o mesmo. “Nem Carlos [Villagrán, o Quico], nem Maria Antonieta [de las Nieves, a Chiquinha], nem Edgar [Vivar, o Senhor Barriga], ninguém se aproximou para me dar apoio. Mas eu entendo”, declarou.
 

 

 
 
 

 

 

A retirada de uma barraca da Praça Winston Siqueira, da viúva  Suetone Veras, Dona Nadir Veras, que há 28 anos comercializa no local, fruto de ação da Prefeitura, causou revolta nas redes sociais. Com o dinheiro da barraca, além de ganha-pão, ela  pagava a faculdade da filha.

O curioso é que a ação não visava limpar toda a área. O “Maria Gulosa”, já conhecido da comunidade, coincidentemente não foi afetado pela reforma da praça. A questão rende críticas à socialista Madalena Britto (PSB).

A questão de Dona Suetone é um retrato do que acontece não só em Arcoverde, mas em inúmeros espaços públicos na região, quando ao longo do tempo não há medidas para coibir a ocupação de áreas da cidade.

A Praça reformada será entregue neste sábado, cuja reforma  custou de mais de R$ 650 mil. O choro de Dona nadir está sendo compartilhado nas redes sociais, com mais de 33 mil visualizações e comentários que condenam o governo da Prefeita Madalena Britto (PSB).

nadir 2

 

Disse a prefeitura: “Importante também esclarecer que, mesmo antes da determinação legal para a retirada do ponto comercial, a Prefeitura de Arcoverde ofereceu opção à dona do estabelecimento como alternativa consensual para prosseguir com suas atividades de venda de lanches. Para tanto, foi oferecida a relocação para outro local, com mesmo potencial de vendas e clientela. Mas, infelizmente, a proprietária foi irredutível, não aceitando a proposta”.

 

 

 

 

A equipe da ROCAM foi acionada pela Central de Rádio do 23º BPM informando que haviam tentado roubar o comércio de Zé de Narcísio. Chegando ao local a vítima relatou que estava no caixa quando R. de L. F. anunciou o assalto, e com uma faca peixeira em punho obrigou a vítima a colocar todo dinheiro em uma sacola, após pegar a quantia o acusado tentou fugir, sendo detido por populares que conseguiram imobilizá-lo. Em seguida uma equipe da Polícia Civil que passava no local nesse momento realizou a condução do mesmo até a delegacia. A ocorrência foi registrada e repassada à autoridade competente para as providências cabíveis

 

Jovem é preso com 33 kg de maconha escondidos em sacos no Sertão de Pernambuco

 

Maconha estava com jovem de 26 anos em Floresta, no Sertão (Foto: Divulgação/Polícia Militar)

Um jovem de 26 anos foi preso nesta quinta-feira em Floresta, no Sertão de Pernambuco, com 33 kg de maconha. De acordo com a Polícia Militar, a droga estava separada em 32 tabletes – escondidos dentro sacos, no banco traseiro de um carro. O suspeito foi abordado na PE-360, após um bloqueio policial.

A PM informou que o jovem foi parado pelos policiais enquanto saía de uma estrada de barro. Com ele, a polícia encontrou uma pequena quantidade de maconha – os 33 kg da droga foram descobertos após revista realizada no automóvel. O suspeito disse que não sabe quem é o vendedor da maconha. Com ele, foram encontrados ainda R$ 1.074.

O suspeito foi levado para o Departamento de Polícia Federal e em seguida encaminhado para o Presídio de Salgueiro.

 

 

MELLO FRANCO: TEMER FALOU, MAS NÃO EXPLICOU NADA

 

 

 
MELLO FRANCO: TEMER FALOU, MAS NÃO EXPLICOU NADA
 
Para o colunista Bernardo Mello Franco, faltou ao presidente interino esclarecer o teor das acusações de Sérgio Machado: “Temer se recusou a responder perguntas e saiu apressado assim que terminou a declaração oficial. Deixou de falar sobre questões como o relato da propina de R$ 1,5 milhão, o encontro na base aérea de Brasília e as ligações com o ex-presidente da Transpetro, novo homem-bomba da Lava Jato”
 
Para o colunista Bernardo Mello Franco, faltou ao presidente interino esclarecer o teor das acusações de Sérgio Machado:
‘Apontado como beneficiário do esquema de corrupção na Petrobras, o presidente interino se disse indignado e passou a acusar o acusador. Apresentou-se como vítima de um depoimento “irresponsável”, “leviano”, “mentiroso” e “criminoso”’, diz.
 
“Sobrou retórica, mas faltou esclarecer o teor das acusações. Temer se recusou a responder perguntas e saiu apressado assim que terminou a declaração oficial. Deixou de falar sobre questões como o relato da propina de R$ 1,5 milhão, o encontro na base aérea de Brasília e as ligações com o ex-presidente da Transpetro, novo homem-bomba da Lava Jato”, afirma.
Ele também comenta a queda do terceiro ministro de Temer. “Um embaraço e tanto para quem está há apenas 36 dias no cargo”
 

 

Machado rebate Temer e confirma pedido de doações para campanha de Chalita

 

 

Sem título

Uol

O ex-presidente da Transpetro e delator da Operação Lava Jato Sérgio Machado divulgou uma nota nesta quinta-feira (16) na qual rebate as alegações feitas pelo presidente interino, Michel Temer (PMDB), de que ele não teria feito pedido de verbas a Machado para a campanha à Prefeitura de São Paulo de Gabriel Chalita (hoje no PDT) em 2012.

Em sua delação, Machado disse que Temer lhe pediu doações para a campanha de Chalita e que repassou R$ 1,5 milhão à campanha por meio de doações cuja origem eram dinheiro de propina. Ainda de acordo com Machado, o contexto da conversa “deixava claro que o que Michel Temer estava ajustando com o depoente (Machado) era que este solicitasse recursos ilícitos das empresas que tinham contratos com a Transpetro”.

Na última quarta-feira (15), a Secretaria de Imprensa da Presidência da República divulgou uma nota negando que Temer tenha pedido recursos a Machado.

Nesta quinta-feira, no Palácio do Planalto, Temer se manifestou oficialmente sobre ao assunto, classificando as declarações de Machado como “levianas”. “Se tivesse cometido delito, não teria condições de presidir o Brasil”, afirmou o presidente interino.

Em nota, Machado voltou a afirmar que se encontrou com Michel Temer na base aérea de Brasília e que, durante o encontro, Temer “solicitou doação para a campanha eleitoral de Chalita”.

Em outro ponto da nota, Machado diz que todos os políticos que o procuravam em busca de doações sabiam que essas demandas seriam repassadas a fornecedores da Transpetro.

“O vice-presidente e todos os políticos citados sabiam que a solicitação seria repassada a um fornecedor da Transpetro, através de minha influência direta. Não fosse isso, ele teria procurado diretamente a empresa doadora”, diz Machado.

Questionado sobre as declarações de Sérgio Machado, o ex-deputado federal Gabriel Chalita (PDT-SP) negou ter recebido doações intermediadas por Machado durante sua campanha à Prefeitura de São Paulo em 2012.

“Jamais pedi nada a ele. Já recebi doações de empreiteiras, mas nunca tive nenhum acesso à Queiros Galvão”, disse Chalita na última quarta-feira (15). Segundo Machado, a Queiroz Galvão fez doações à campanha de Chalita após Michel Temer ter feito um pedido ao delator. Em nota, Chalita disse que jamais pediu recursos a Machado. “Não conheço Sérgio Machado. Portanto, nunca lhe pedi recursos ou qualquer outro tipo de auxílio à minha campanha.”

Confira a íntegra da nota divulgada por Sérgio Machado.

“1) Quando se faz acordo de colaboração assume-se o compromisso de falar a verdade e não se pode omitir nenhum fato; falo aqui sob esse compromisso;

2) Em setembro 2012 fui procurado pelo senador Valdir Raupp (PMDB-RO), presidente em exercício do partido, com uma demanda do então vice-presidente da República, Michel Temer: um pedido de ajuda para o candidato do PMDB a prefeito de São Paulo, Gabriel Chalita, porque a campanha estava em dificuldades financeiras;

3) Naquele mesmo mês, estive na Base Aérea de Brasília com Michel Temer, que embarcava para São Paulo. Nos reunimos numa sala reservada;

4) Na conversa, o vice-presidente Michel Temer solicitou doação para a campanha eleitoral de Chalita;

5) O vice-presidente e todos os políticos citados sabiam que a solicitação seria repassada a um fornecedor da Transpetro, através de minha influência direta. Não fosse isso, ele teria procurado diretamente a empresa doadora;

6) Após esta conversa mantive contato com a empresa Queiroz Galvão, que tinha contratos com a Transpetro, e viabilizei uma doação de R$ 1,5 milhão feita ao diretório nacional do PMDB; o diretório repassou os recursos diretamente à campanha de Chalita. A doação oficial pode ser facilmente comprovada por meio da prestação de contas da campanha do PMDB ;

7) É fato que nunca estive com Chalita“.

Casa Civil pretende acelerar terceirização

 

http://og.infg.com.br/in/19465182-ab8-fed/FT1086A/420/2016-913539298-201606021513389735.jpg_20160602.jpg

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que o País precisa caminhar no rumo da terceirização. A declaração, feita ontem durante evento para empresários e executivos em São Paulo, gerou uma salva de aplausos. Nas estimativas do ministro, a reforma trabalhista deve ocorrer junto da reforma da Previdência ou logo depois, mas ambas estão no horizonte deste ano. Segundo ele, seria necessário fomentar a produtividade e revisar o sistema educacional para aprimorar a formação da mão de obra.

“Temos que modernizar tecnologicamente nosso processo produtivo, empresarial e empregatício. Temos que formalizar o emprego e caminhar no rumo da terceirização”, destacou.

Padilha agradou também a plateia ao afirmar que aquele projeto que está no Senado deve ser votado com alguma rapidez. O projeto foi aprovado pela Câmara no início do ano passado, permitindo que empresas privadas contratem funcionários terceirizados para qualquer tipo de atividade. O texto desagradava ao governo Dilma Rousseff.

Antes de seguir para o Senado, onde tramita ainda, o texto recebeu alterações como a que esclarecia que podem ser contratadas como terceirizadas cooperativas, empresas individuais, sociedades e fundações.

RETOMADA

Atendendo a um pedido feito na terça-feira pelo presidente interino, Michel Temer, o presidente do Senado, Renan Calheiros, decidiu retomar os trabalhos da comissão no Senado que avalia a chamada Agenda Brasil – conjunto de propostas apresentadas em agosto de 2015 para a recuperação da economia na gestão de Dilma Rousseff.

A aliados Renan afirmou que poderia reiniciar os trabalhos do grupo ainda esta semana. A rediscussão sobre regras de terceirização do trabalho está entre os projetos contemplados na relação a ser abordada, assim como a simplificação de regras para licenciamento ambiental e a Lei de Licitações.

Sobre reforma da Previdência, o ministro disse que já teve seis rodadas de reuniões com as centrais sindicais e representações dos empresários com o objetivo de costurar um consenso.

 
 

 

 

 

Sarah Lima será uma das representantes do Sertão do Pajeú na 61° edição do Miss Pernambuco, que acontece no dia 21 de julho. A estudante de Design com ênfase em moda foi eleita pelo município de Tabira. Com 1,71 m de altura e 60 cm de cintura, em seu currículo, a jovem de 19 anos carrega trabalhos de modelo com desfiles em passarela, além de cursos na área. Segundo Sarah, os hábitos saudáveis e a prática de exercícios são seus bons aliados para manter a forma. “Agora meu foco é a preparação para o Miss Pernambuco 2016. Quero aproveitar essa experiência da melhor forma possível e ganhar o tão almejado título para representar nosso Estado no Miss Brasil”, comenta.

Veja a Ficha Técnica de Sarah Lima:

19 anos

1,71 m de altura;

85 cm de busto;

60 cm de cintura;

88 cm de quadril;

Curso: Design. 

 

 
 
Após ser citado na delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), pediu demissão do cargo na tarde desta quinta-feira 16, informou a assessoria do Palácio do Planalto; Alves, que quase deixou o governo no último escândalo dos áudios, mas acabou sendo mantido por Michel Temer, é o terceiro ministro do governo interino a cair em pouco mais de um mês; governo interino derrete com os escândalos de corrupção
 
O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), pediu demissão do cargo na tarde desta quinta-feira 16, informou a assessoria de imprensa do Palácio do Planalto.
 
Alves decidiu deixar o governo depois de ter sido citado na delação premiada do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado. De acordo com o delator, o peemdebista recebeu R$ 1,55 milhão em propina entre 2008 e 2014.
 
O ministro quase deixou o governo há cerca de dez dias por conta das denúncias, mas acabou sendo mantido no cargo por Michel Temer. Com o pedido de demissão, ele é o terceiro ministro do governo interino a cair em pouco mais de um mês por conta de escândalos de corrupção.
 
Leia mais na reportagem da Agência Brasil:
 
Henrique Eduardo Alves é o terceiro ministro de Temer a pedir demissão
 
Ivan Richard – Após ser citado na delação premiada do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, pediu hoje (16) demissão do cargo. A informação foi confirmada pela Assessoria de Imprensa da Presidência da República.
 
O ex-presidente da Câmara Henrique Alves teria recebido, segundo Machado, R$ 1,55 milhão em doações eleitorais com recursos ilícitos.
 
Ele é o terceiro ministro, após pouco mais de um mês do governo interino de Michel Temer, depois de denúncias relacionadas à Operação Lava Jato. Romero Jucá, que foi ministro do Planejamento, e Fabiano Silveira, da Transparência, Fiscalização e Controle, saíram dos cargos após divulgação de trechos da delação de Machado, em áudio, em que eles criticavam a operação.
 
Alves enviou uma carta com o pedido de demissão a Temer, mas o teor não foi divulgado. Na noite de ontem (15), o ministro esteve no Palácio do Planalto reunido com o presidente interino.
 
 
O sigilo dos depoimentos de Sérgio Machado à força-tarefa da Operação Lava Jato foi retirado pelo ministro do Supremo Tribunal Federall (STF) Teori Zavascki, relator dos inquéritos da operação na Corte. Machado citou o presidente interino Michel Temer e mais de 20 políticos, entre eles o presidente do Senado, Renan Calheiros, os senadores Aécio Neves (PSDB-MG) e Romero Jucá (PMDB-RR), além do ex-deputado Cândido Vaccarezza (PT) e do ex-presidente José Sarney (PDMB-AP). Os políticos negaram as acusações.

CAI O TERCEIRO MINISTRO DE TEMER: HENRIQUE ALVES

 

 

 
 
 
Augusto detalha agenda de Armando Monteiro e diz que Sebastião deu “nocaute no próprio PR”
 
Segundo o deputado o PR não tem nome para apresentar. 
 
O vice-presidente da Alepe – Assembleia Legislativa de Pernambuco, Augusto César do PTB, ao falar com Júnior Campos, nesta quarta-feira (15), detalhou a agenda do Senador Armando Monteiro, do mesmo partido, que aterrissa na Capital do Xaxado para turbinar a pré-campanha de Dr. Nena Magalhães, que ainda comemora a segunda colocação, na corrida rumo às eleições municipais.
 
Segundo a sondagem, o petebista que lançou recentemente sua pré-candidatura a prefeito de Serra Talhada, aparece com 23,3% das intenções de voto, desbancando o então pré-candidato republicano, Dr. Fonseca de Carvalho do PR, que acabou desistindo da disputa.
 
“Armando estará em Serra Talhada, às 18h30, lá no Clube do Matuto onde teremos um evento do PTB, presidido por Armando Monteiro, onde estaremos eu, Dr. Nena, as lideranças locais, provavelmente Silvo Costa pai e lideranças da região que estarão presentes. No domingo, ás 9h estaremos em Betânia, fazendo um encontro com Mário da Caixa e o grupo político dele, ás 11h30 Santa Cruz da Baixa Verde, sendo recebido pelo ex-prefeito Zé Bezerra e o filho, como suas lideranças e vereadores, aonde inauguraremos lá um escola, logo após o encontro”, detalhou o deputado com exclusividade.
 
O deputado estadual, ainda aproveitou para comentar a desistência de Dr. Fonseca de Carvalho da disputa, que segundo Augusto, o próprio deputado federal licenciado Sebastião Oliveira teria dificultado e alimentado à queda do médico.
 
“Já tinha um anúncio, um prenúncio de que, como o PR estava encarando a candidatura pra prefeito, a cada dia que se passa um nome estava sendo especulado. Fonseca já tinha ido para lá, com intuito de ser o candidato do PR; ele saiu do PTB pra ser o candidato do PR e acabou perdendo, quando o líder do PR começou inventar e criar novos nomes sem sucesso; e isso enfraqueceu a candidatura de Fonseca, evidentemente dentro do grupo, e culminou dentro grupo…eu acho que tem muita dificuldade, hoje, dentro do grupo do PR uma nova candidatura, a não ser que seja o próprio Sebastião Oliveira, que tanto cogitou que fazendo o que ele fez, dando nocaute no próprio PR”, ironizou o deputado.

 

Acidente tira a vida de Miminho, filho de Lulu Taxista

 

Faleceu na noite desta quarta-feira, 15 de junho de 2016, Vilmar de Souza Siqueira, conhecido popularmente por Miminho, filho de Lulu Taxista.
 
Miminho, ele deslocava-se de Tabira para Afogados na PE 320, nas proximidades da churrascaria Na Fazenda, quando perdeu o controle do veículo e capotou várias vezes após ultrapassar uma motocicleta.
 
Seu corpo está sendo velado na Avenida Elvércio Lima, próximo da AABB, seu sepultamento acontecerá às 17hs no cemitério Parque da Saudade.

Mulheres com Dilma: Ato na Praça do Carmo acontece amanhã

19042016-_TUK4072-Editar

Nesta sexta-feira (17), na Praça do Carmo, no Recife, vai acontecer um  ato público com a participação da presidenta Dilma Rousseff. O evento, com concentração marcada para as 15h, está sendo organizado pela Frente Brasil Popular e a pela Frente Povo Sem Medo, tendo como tema: Mulheres Pela Democracia e Contra a Violência.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-PE), Carlos Veras, reafirma a importância da luta feminista contra a violência e que o ato também terá o caráter de reivindicar o restabelecimento da democracia, com o retorno da presidenta eleita ao cargo.

Antes do ato com as mulheres, a presidenta Dilma Rousseff estará na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) às 13h.

A presidenta Dilma está no Nordeste desde ontem (15), onde se encontrou com milhares de pessoas em João Pessoa, capital da Paraíba, em uma audiência pública convocada pela Assembleia Legislativa do Estado. Dilma esteve na companhia do Governador do Estado Ricardo Coutinho (PSB) e do Governador do Pauí Wellington Dias (PT). No evento em João Pessoa, ela teve a oportunidade de falar sobre a democracia brasileira.

Nesta quinta-feira (16), Dilma passa por Salvador, local que vai receber o título de cidadã baiana, na Assembleia Legislativa. Seguindo para outras atividades no Palácio de Ondina e participa de um ato cultural no Pelourinho.

Pleno do TCE mantém multa e rejeição da Gestão Fiscal de 2013 do prefeito Dêva Pessoa de Tuparetama

 

 

O Pleno do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) julgou os Embargos de Declaração e manteve irregular nesta quarta (15) a Gestão Fiscal da Prefeitura de Tuparetama, relativa ao 3º quadrimestre do exercício financeiro de 2013. Com a decisão do Pleno, a multa de R$ 10.800,00 que foi aplicada ao prefeito, Deva Pessoa, permanece.
 
A Segunda Câmara do TCE havia julgado irregular, o prefeito recorreu mas mesmo assim não obteve êxito.
 
O Relatório de Auditoria aponta que o Poder Executivo Municipal de deixou de ordenar ou de promover, na forma e nos prazos da LRF, a execução de medida para a redução do total excedente em relação ao limite máximo da sua despesa total com pessoal, referente ao 3º quadrimestre do exercício de 2013, em razão do desenquadramento ocorrido no 1º semestre de 2012, configurando-se hipótese de abertura de processo de Relatório de Gestão Fiscal, nos termos dos artigos 13 e 14 da Resolução TC nº 04/2009.

 

TRE e Abert debatem em Recife novidades das eleições 2016 e o “pode e não pode” para imprensa

 

Henrique Melo, assessor especial da Presidência do TRE

Henrique Melo, assessor especial da Presidência do TRE

Em Recife, acompanhei seminário sobre as regras da legislação eleitoral e as vedações para rádios, blogs e TVs.

Para o assessor especial da Presidência do TRE, Henrique Melo, uma das idéias é reduzir a judicialização do processo eleitoral. Dia 7 de julho, o Tribunal realiza encontro com todos os juízes eleitorais sobre as mudanças no jogo com base na lei 13.165.

Dentre as novidades, estão proibidos cavaletes, faixas, outdoors, pinturas de muros, banners, camisas, bonecos e 

IMG_20160616_102631740_HDR

envelopamento de veículos.

Permitidos cartazes ou adesivos para imóveis de meio metro quadrado, adesivos de 50×40 e para vidros traseiros dos carros, bandeiras seguradas por pessoas, carro de som e a tradicional mídia nas rádios e TVs, a partir de agosto.

Em parceria com a PM, o TRE promete acabar com sujeira nas ruas através de santinhos na véspera de campanha. O Tribunal também vai lançar o aplicativo Pardal, para denúncias via celulares e smartphones.

Henrique Melo alertou emissoras e sites para evitar campanha antecipada. “Não há candidatos. Existem pré candidaturas. Ninguém pode falar como se há estivesse em campanha. Já no período eleitoral, vale a isonomia, o tratamento igualitário para radios e blogs”, disse.

A partir de 1 de julho está proibida propaganda ou favorecimento a partidos e candidatos. A partir de 6 de agosto, postas as candidaturas oficialmente, tratamento isonômico a candidatos.

Ricardo Alves, assessor jurídico da Abert, falou das regras para rádios, TVs e blogs. A partir de 1 de julho, por exemplo, está proibida a propaganda institucional de prefeituras e Câmaras, mesmo que o prefeito ou presidente de Câmara não seja candidato este ano.

(Afogados Online)
 
Com o retorno das investigações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o juiz Sergio Moro, decidido pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, a força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba finaliza um pacote de até três denúncias contra Lula por crimes descobertos no petrolão. A força-tarefa afirma possuir provas para denunciar Lula por corrupção passiva e lavagem de dinheiro por favores recebidos das empreiteiras Odebrecht e OAS e do pecuarista José Carlos Bumlai pelo sítio em Atibaia, pelo aluguel de contêineres para o transporte de acervo de Lula de Brasília para o sítio e pela reserva do apartamento tríplex de Guarujá.
 
Os procuradores da República já veem razões para formular acusações criminais contra o ex-presidente pelos três atos distintos. Embora ainda em discussão, é pouco provável a apresentação de uma só denúncia contra Lula, pois haveria excesso de testemunhas e maior lentidão no julgamento. Cada ato de corrupção passiva e de lavagem de dinheiro implica, respectivamente, em três anos e dois anos de prisão. Por isso, na hipótese mais otimista, o Ministério Público pode pedir que Lula seja condenado a pelo menos 15 anos de prisão. Outras acusações criminais também estão em análise, em vista do material apreendido na Operação Aletheia, deflagrada no dia 4 de março contra o ex-presidente, aliados e familiares. Há outros favores de empreiteiras em investigação.
 
Adquirido por dois amigos e sócios de Fábio Luís da Silva, filho de Lula, o sítio de Atibaia foi reformado com mão de obra das empreiteiras Odebrecht e OAS. O Instituto Lula já negou inúmeras vezes que o local seja propriedade de Lula; afirma que o presidente apenas o frequenta. Em fevereiro, ÉPOCA mostrou que Lula foi 111 vezes ao sítio em quatro anos. O apartamento tríplex em Guarujá foi construído pela Bancoop, a cooperativa do Sindicato dos Bancários, que quebrou. Assumido pela OAS, o imóvel foi reservado e reformado ao gosto de Lula e sua família. Em meio à Operação Lava Jato, Lula desistiu de ficar com o imóvel.
 
Mais de um mês após o afastamento de Dilma, o ministro Teori decidiu que, por Lula não ter mais foro privilegiado, as denúncias contra ele deveriam voltar à primeira instância – no caso, a cargo do juiz Sergio Moro. Teori ainda não decidiu, no entanto, o destino do processo no qual Lula já foi denunciado como mandante da compra de silêncio de Nestor Cerveró. Por enquanto, a ação se mantém no Supremo. Lula deve responder ainda por participação ou chefia da organização criminosa do petrolão.
 
 

Morre Matheus Oliveira, filho da cantora gospel Eyshila

 

 
Morreu na noite de terça-feira (14) o adolescente Matheus Oliveira, filho da cantora gospel Eyshila. O adolescente de 17 anos estava internado há seis dias no hospital Samaritano, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio, com o quadro de Meningite viral. A informação foi confirmada pela cantora em suas redes sociais.
 
“O Senhor deu, o Senhor tomou. Louvado seja o nome do Senhor. Obrigada a todos que nos cobriram com suas orações. Ele está com o Senhor! Não cabe a nós questionar. Deus é soberano e nós vamos seguir adorando e servindo a esse Deus perfeito em sua soberana vontade. Ele sabe o que faz! Salmos 116:15 – Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos. Um dia nos veremos Matheus. Na eternidade eu vou te ver. Deus no controle. O céu é de verdade. Jesus venceu a morte. Matheus está vivo. Jesus vive”, escreveu Eyshila.
 
Várias correntes de orações foram feitas no Brasil e no mundo em prol da saúde do filho caçula da cantora, que também é mãe de Lucas. Muitos cantores evangélicos também compartilharam pedidos de orações para o adolescente nas redes sociais como Fernanda Brum, Aline Barros e Bruna Karla. 
 
A cantora divulgou também na web, a última foto que fez com o filho. Nos comentários, vários fãs lamentaram a perda do menino. “Matheus descansou! Essa foi a última foto que batemos antes da cirurgia”.
 

IMG-20160616-WA0000

 

Evento realizado na zona rural no Sítio Vitória, onde aconteceu uma reunião para definição dos nomes Mário Viana e Chico Bandeira como pré-candidatos  na cidade de Ingazeira-PE,  acabou provocando atenção pela grande quantidade de pessoas, carros e motos a chegada na cidade levantou um questionamento não se sabe se por medo ou apenas para tentar barrar na justiça a chapa de  Mario Viana e Chico Bandeira, segundo informações o bloco da situação estaria entrando com uma representação contra chapa de oposição, a pergunta é porque o bloco da situação está com tanto medo ao ponto de tentar entrar com uma representação contra o simples  fato onde  pessoas  livres  e  espontâneas que estavam chegando na sua cidade nos seus veículos sem identificação nenhuma de candidaturas seja alvo de representação segundo eles foram realizado uma carreata.

 

 A eleição ainda nem começou, já tem gente  tomando para se um banho de água fria, diante de uma simples chegada de pessoas retornado as suas casas vindo de uma comunidade para seus lares,isso ficou claro conforme as fotos, pelo jeito tentar barrar os Pré-candidatos em um momento que nem começou as eleições isso no mínimo demonstra a grande preocupação com a chapa de oposição do município sem contar no grande favorecimento a Mario e Chico,  a vontade de barrar de impedir na justiça eleitoral pelo simples fato de pessoas estarem  chegando no mesmo horário em sua cidade,  assim o  povo só tende a dizer estão com medo, ou não!   essa atitude de denunciar contra Mario e Chico deu foi mais visibilidade conforme várias pessoas questionadas pela nossa redação, vamos aguardar o resultado da Justiça eleitoral caso a chapa do prefeito  insista em um fato tão irrelevante, pelo jeito o grupo de oposição  já está incomodando.e muito…

 

 

 

 

 

As informações preliminares ao blog que por volta das 3:30hs. da madrugada desta quinta (16) moradores ouviram grandes estrondos vindos da direção do banco e que poucos minutos após, foi visto também uma caminhonete Frontier de cor prata com elementos fortemente armados evadindo-se do local. A  explosão danificou as instalações da agência  comprometendo  a estrutura física, populares assustados testemunharam a informação  do grande estrondo pela madrugada mais niguém teve coragem de confirmar de perto o fato.

O policiamento foi acionado e estiveram no local minutos depois do ato. Não há informações ainda de quanto os assaltantes conseguiram levar em dinheiro e de como chegaram e agiram no local. O grupo tomou destino ignorado em um veiculo Frontier pela Rodovia Estadual PE 292.

A  policia militar e CIOSAC estão em diligências na região no intuito de capturar os meliantes.

Em seu discurso durante audiência pública, realizada na tarde desta quarta-feira (15), no Espaço Cultural, em João Pessoa, a presidente afastada, Dilma Rousseff (PT) afirmou que “a árvore da democracia está infestada de parasitas”.
 
“Parasitas que sugam a democracia”, afirmou.
 
Dilma comparou a democracia a uma árvore. “E o golpe é como um machado, que corta a árvore”, avaliou.
 
A petista ainda afirmou que não possui contas na Suíça e que não cometeu crimes.
 
Dilma destacou que a Paraíba sempre esteve presente nos momentos decisivos da história do país, agradeceu à Assembleia Legislativa, ao governador Ricardo Coutinho e ao povo da Paraíba pela recepção. Ela ainda considerou Ricardo um parceiro importante.
 
Com gritos de “volta querida”, ela foi recebida no Espaço Cultural. A petista chegou acompanhada pelo governador do Estado, Ricardo Coutinho (PSB).
 
O requerimento para realização da audiência pública, que discute a política e cenário político atual, foi apresentado pelo deputado Jeová Campos (PSB).

 

MISSIONÁRIA ANA CLÁUDIA QUE ATUAVA EM CARNAIBA MORRE AOS 36 ANOS NO RECIFE

 

Faleceu vitima de Aneurisma Cerebral por volta das 16h30 desta quarta feira 15, a Missionária Ana Cláudia Gomes Lopes Guimarães, aos 36 anos de vida, no Hospital da Restauração em Recife onde estava internada desde a ultima segunda feira 13, quando passou mal em Carnaiba. 
A Missionária que é natural de Petrolina, também atuou em Betânia, na região do Moxotó e depois veio para Carnaiba, onde morou e trabalhou pelos ultimos dois anos na Igreja Evangélica Batista Missionária, no Bairro de Carnaiba Velha. 
Era casada com Deyvesson Guimarães Santos Lopes e tinha uma filha recém nascida. O seu corpo será traslado de Recife para Petrolina na manhã desta quinta feira 16, onde será velada e sepultada. 
Evangélicos de Carnaiba lamentam a morte da Missionária e afirmam ser uma grande perca para a comunidade evangélica de Carnaiba. 
(Cauê Rodrigue)

 
 
 

Agricultor leva picada de cobra ‘jararaca’ e morre por falta de soro antiofídico no Hospam, em Serra Talhada

Há cerca de quinze dias um agricultor natural do município de Carnaubeira da Penha, no Sertão Central, levou uma picada de cobra jararaca e foi socorrido para o Hospital Regional Agamenon Magalhães, em Serra Talhada, porém, ao chegar na unidade deparou-se com a falta do soro antiofídico e foi transferido para o Recife, porém ao chegar no município de São Caetano veio a óbito. 
Na sessão da Câmara de Vereadores dessa segunda-feira (13), vereador Pessival Gomes (PHS) alertou sobre a ocorrência e também a falta de ambulâncias a disposição do povo serra-talhadense. “O agricultor levou uma picada de cobra (jararaca) e ao chegar no Hospam, informaram que não tinha soro (antiofídico), depois o transferiram para o Recife, mas o paciente morreu no caminho, próximo de São Caetano”, disse, lamentando a triste realidade da saúde pública no município. 
O vereador Pinheiro do São Miguel (PTB) reclamou do Governo do Estado de Pernambuco, apontando que uma cidade do porte de Serra Talhada, e que tem um hospital regional não pode ficar sem o soro antiofídico. “O governo do Estado precisa dar respostas para estes problemas e não deixar se acumular”. 

DISTRIBUIÇÃO 
O soro que o paciente precisava está sendo disponibilizado apenas para as cidades de Caruaru, Arcoverde, Salgueiro, Petrolina e Recife. A Lei n° 12.283 foi aprovada pela Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) em 18 de novembro de 2002 pelo presidente Romário Dias, afirma que “ficam obrigadas todas as instituições de saúde estaduais, classificadas como de nível secundário e recebedoras de soro antiofídico polivalente, a repassarem 25% (vinte e cinco por cento) de seus estoques de ampolas aos hospitais de nível primário”

. (Âncora.do Sertão)

Olinda: Teresa Leitão inscreve candidatura no PT

 

IMG_20160615_174053A deputada estadual Teresa Leitão cumpriu na manhã desta quarta-feira (15/6), o processo formal de inscrição de sua candidatura à prefeitura de Olinda, junto ao diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT).  O prazo partidário para a inscrição de candidaturas se encerra hoje.

A deputada cumpriu o rito de exigências previstas pelo partido, que previa a apresentação de uma lista de assinaturas de militantes políticos partidários, com no mínimo 10% do número de pessoas que participaram do Processo de Eleição Interna (PED) do partido; a apresentação de um termo de compromisso partidário e o formulário de inscrição padrão preenchido. Teresa destacou que reuniu 150 assinaturas de apoiadores, quase o dobro do necessário e que junto à documentação anexou uma Carta política em que se dispõe a manter o diálogo interno no PT, em busca do consenso em torno de uma única candidatura do partido em Olinda.

Questionada sobre se acredita que o PT de Olinda enfrentará prévias para a escolha do candidato do PT, Teresa disse que buscará um consenso interno, pelo momento político que o partido está atravessando.

“Se puder evitar, esse é o melhor caminho e estou aberta para o diálogo”, registrou.  A deputada vem conversando com as forças políticas do PT de Olinda e disse que já conta com o apoio da maioria das correntes do partido no município e de 19, dos 23 pré-candidatos a vereador pela legenda.

Teresa acrescentou que já está agendando uma reunião com o ex-presidente Lula e com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, para tratar sobre Olinda e que pretende conduzir o processo com tranquilidade e debatendo com todos.

“Temos a maioria no partido, mas não queremos simplesmente atuar com o voto da maioria. Queremos construir um diálogo, porque respeitamos todas as outras pré-candidaturas”, disse.

Em relação ao apoio de outros partidos à sua candidatura, Teresa acrescentou que já conta com o apoio do PTB e do PTN e que estará conversando nos próximos dias com o PCR e o PT do B.

Quando ao discurso que adotará ao se candidata em oposição ao PC do B na cidade, a deputada destacou sua relação próxima com o partido durante sua trajetória sindical e com a deputada federal Luciana Santos , mas externou que o déficit administrativo que Olinda enfrenta, seja na área administrativa, de infra estrutura, ou na área de políticas sociais, remete para o PT a responsabilidade de se apresentar como alternativa.

“Temos uma militância enraizada nos movimentos sociais, com presença organizada na cidade e somos cobrados pelas pessoas e essa cobrança terá que ser muito bem trabalhada. Queremos nos colocar como alternativa, com o conhecimento que temos da cidade, com o apoio de setores importantíssimos da cidade. De setores que fazem a cidade fluir e que estão achando que ela está emperrada”, pontuou.

Complementando, Teresa disse que sua candidatura não pode ter ataques vazios.

BELMONTE, AFOGADOS E TABIRA FARÃO PROTESTO CONTRA MICHEL TEMER

Vários sindicatos estarão nesta quinta-feira realizando  um protesto em frente aos postos do INSS em cidades como São Jose do Belmonte,  Tabira e Afogados da Ingazeira-PE, movimento  intitulado FORA TEMER, NÃO AO GOLPE, NENHUM DIREITO A MENOS.
 Segundo o movimento, a menos de um mês de aplicação do golpe, a conta ja chegou para os trabalhadores do Brasil, O Presidente ilegitimo e golpista Michel Temer, não esconde o que estava atras do afastamento ilegal da presidenta Dilma: Reforma da previdência, com arrocho nos direitos dos trabalhadores, desvinculação do orçamento da educação e saúde, desmonte do SUS, privatização dos bancos públicos e da Petrobrás, suspensão de programas sociais como Minha Casa Minha Vida, Bolsa Familia, FIES, Prouni e Pronatec, criminalização e perseguição dos movimentos sociais. 
Os sindicatos dos trabalhadores rurais e a FETAPE, articularam o movimento no Pajeu, que contará com o apoio das associações rurais e outras organizações.
 
As informações são de Anchieta Alves

 

 

imagem

67% dos brasileiros avaliam de forma negativa o governo interino do vice-presidente, Michel Temer, 32% acham que ele é pior do que esperavam e o futuro não é nada animador: o desemprego vai aumentar (52%), os direitos trabalhistas (55%) vão piorar e medidas como idade mínima para aposentadoria vão prejudicar muita gente (77%). Essas são as conclusões da última pesquisa CUT-Vox Populi realizada entre os dias 7 e 9 de junho.

Clique aqui para ler a pesquisa completa.

Para 34% dos entrevistados o desempenho de Temer é negativo – 33% acham que é regular, 11% positivo e 21% não souberam ou não responderam. O Nordeste é a Região do País onde o vice tem pior avaliação – 49% negativo, 41% regular e 10% positivo. Em segundo lugar vem o Sudeste com 45% negativo, 42% regular e 13% positivo. No Centro-Oeste, 39% consideram o desempenho negativo, 43% regular e 18% positivo. No Sul, 31% negativo, 45% regular e 24% positivo.

Trabalhadores e os mais pobres serão mais prejudicados

Com um mês de governo interino, pioraram todos os percentuais de avaliação sobre a gestão golpista com relação a classe trabalhadora e as pessoas que mais necessitam de políticas públicas para ter acesso à saúde, moradia, educação e alimentação digna

 

27495487681_2d6bacdc07_z

A aprovação do parecer pela cassação de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente suspenso da Câmara dos Deputados, no Conselho de Ética da Casa foi comemorada pelo líder do Governo Dilma no Senado, Humberto Costa (PT-PE), que acompanhou atentamente o trâmite do processo desde o seu início, há mais de 220 dias – recorde de demora no Legislativo.

Para Humberto, a derrota de Cunha, nesta terça-feira (14), reforça a tese de que o processo contra a presidenta está ferido de morte, pois é viciado desde a sua origem, e deveria ser anulado.

“O processo que resultou no afastamento da presidenta estava maculado desde o início, irremediavelmente viciado, fruto de uma clara vendeta desse delinquente com o qual jamais aceitamos negociar, ao contrário do PSDB, do DEM e do próprio Michel Temer, que o utilizaram como um idiota-funcional para a consecução dos seus objetivos de derrubar Dilma do cargo”, afirmou.

O senador ressaltou que Cunha é um dos principais aliados de Michel Temer (PMDB) e o grande responsável por articular o impeachment de Dilma Rousseff – processo admitido pelo então presidente da Câmara no mesmo dia em que o PT anunciou que votaria a favor de sua cassação no Conselho de Ética.

Cunha é réu em processo no STF por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro por acusação de ter recebido US$ 5 milhões em propina do esquema investigado pela Operação Lava Jato. Além disso, a Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu a prisão dele. A Suprema Corte analisa o pedido.

“Ao longo da apreciação da denúncia contra Dilma na Câmara e no Senado, desmontamos de forma técnica, ponto a ponto, esse grosseiro processo e mostramos, sob o viés político, o quanto esse impeachment está maculado pelo jogo sujo e pelo sentimento de vingança daquele facínora”, disse.

Na opinião de Humberto, Cunha fez de tudo para se manter no poder, incluindo chantagens a ameaças, e conseguiu atrasar absurdamente a análise do parecer que recomendou a sua cassação. “Ele começou a perder força quando o STF o afastou do mandato parlamentar e da presidência da Câmara por utilizar a posição de presidente da Câmara para obstruir investigações contra ele”, observou.

O deputado Marcos Rogério (DEM-RO) recomendou a cassação do mandato de Eduardo Cunha por quebra de decoro por ter mentido à CPI da Petrobras ao declarar que não possuía contas no exterior. Segundo o relatório, a partir de documentos do STF e do Banco Central, “os trustes instituídos pelo deputado Eduardo Cunha representam instrumentos para tornar viável a prática de fraudes”.

O parecer pela cassação de Cunha no Conselho de Ética foi aprovado por 11 votos a 9 e será votado, agora, no plenário da Câmara.

Estudante de Petrolina é premiado nacionalmente por criar aplicativo que chama mototáxi

 

 

Um jovem estudante desenvolveu um aplicativo gratuito que pode tornar mais prática, rápida e segura à solicitação de mototáxi em várias cidades do país, inclusive em Petrolina. Trata-se do “Motaxis”, um sistema que possui apenas mototaxistas que são cadastrados e atuam dentro da lei.

Criado por Mateus Carvalho, o aplicativo facilita a conectividade entre o passageiro e o profissional. “Nos depoimentos de alguns usuários percebemos a importância que a plataforma desempenha, principalmente em cidades onde o transporte público é escasso, tornando o moto­táxi umas das principais opções para se locomover”, relata o estudante.

Para Mateus, a facilidade e a segurança que o aplicativo proporciona são fundamentais para o sucesso da ferramenta. “Para trabalhar com o aplicativo o mototaxista envia sua documentação e permissão (alvará), emitida pela prefeitura ou órgão competente, onde seu cadastro é passado por uma validação para depois ser aprovado. No momento o aplicativo é totalmente gratuito e não gera nenhuma receita, mas ainda para esse ano estamos vendo possibilidades para rentabilizar”, explicou. 

O Motaxis ganhou o prêmio de melhor aplicativo na categoria Facilidades do Campus Mobile 2016, evento realizado em São Paulo pelo Instituto Claro Embratel.

 

 

 

INCRÍVEL: A lente de contato que grava o que se vê e reproduz vídeos

 

 

 
INCRÍVEL: A lente de contato que grava o que se vê e reproduz vídeos
 
A tecnologia do futuro, até pouco tempo vista somente em filmes de ficção científica, é cada vez mais real e já é parte do nosso mundo.
A Sony criou uma lente de contato capaz de gravar e reproduzir imagens e vídeos – tudo isso ao ser colocada no olho humano. 
Os usuários serão capazes de passar rapidamente através de diferentes comandos com o piscar de um olho, como o comando para tirar fotos. Serão capazes de diferenciar entre o consciente e inconsciente piscando por meio de diferenças na duração da piscada. Você pode não estar esperando muito da câmara em termos de qualidade, mas a Sony diz que ela será capaz de ajustar o zoom, foco e abertura, da mesma maneira que a tecnologia da câmera de um smartphone atual. Graças à sua conexão sem fio, é possível também enviar e receber documentos, além de carregar o aparelho. 
Talvez a promessa mais excitante e ambiciosa da lente é a capacidade de gravar e reproduzir vídeos. Uma vez que a lente possui armazenamento interno e sua própria tela, você vai efetivamente ser capaz de voltar a ver momentos de sua vida, simplesmente fechando os olhos. 
O pedido de patente da Sony em relação a essa ideia ainda tem de ser revisto, de modo que é necessário considerar se essa invenção vai resultar em algo que fucione ou não, especialmente porque não está provado o quanto a tecnologia existe atualmente. No entanto, há alguns indícios de que a tecnologia das lentes de contato está rapidamente se tornando parte da corrida “armamentista” entre as empresas de tecnologia. Foi revelado no mês passado que a Samsung registrou uma patente para lentes de contato inteligentes e que a Google também tem uma patente semelhante na manga. 
Fonte: IFLScience
Imagem: Shutterstock.com

 

Prefeito Sebastião Dias admite coligação com PSB para sucessão em Tabira

 

Uma entrevista bem ao estilo Sebastião Dias (PTB) de fazer política! Em menos de 20 minutos falando a Rádio Cidade FM o gestor tabirense diante dos questionamentos do apresentador sobre as ações desenvolvidas durante três anos e meio, já havia soltado algumas pérolas como: “ainda falta fazer muito”; “são poucas coisas que precisam ser feitas do que foi prometido na campanha”; “falta fazer tudo”. Ou seja, sobrou contradição.

Sobre o Jingle: O que é que falta fazer mais? – ele só disse que critica quem não entende de poesia. Lembrado que ele mesmo já cantou o tema para o ex-prefeito na época quando aliado Dinca Brandino, se irritou e pediu para que o nome do hoje adversário não fosse citado.

Reclamou de duas folhas atrasadas que recebeu para pagar, pagamentos de precatórios e renegociação de R$ 42 milhões de débitos deixados pelo ex-gestor.

Destacou obras de calçamento, reforma de hospital, construções de Creche, UBS, Centro de Monitoramento da Guarda, construção de estradas e outras ações. Pela primeira vez agradeceu os recursos do Governo Paulo Câmara.

A respeito das 11 ruas que esperam pelos recursos da emenda Armando Monteiro para serem calçadas e asfaltadas, o poeta disse: “o dinheiro da Caixa tem que sair até a eleição”.

Falando da pesquisa Multipla que lhe coloca em 3º lugar atrás de Nicinha de Dinca e do ex-secretário Edgley Freitas, e em primeiro lugar no quesito rejeição com 44%, o Prefeito disse respeitar os números, mas diz que está revertendo os números.

Sobre sucessão, Sebastião Dias reafirmou a candidatura, mais admitiu um entendimento com o PSB, onde se submeteria ao resultado de uma pesquisa. E completou: “Sou candidato a reeleição sim com o propósito de evitar que voltem gestores que quebraram Tabira”.

 

Sérgio Machado. Foto: Marcos de Paula/Estadão

Estado de S.Paulo

Em sua delação premiada na Lava Jato, o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado listou os nomes de 20 políticos que teriam recebido propinas no esquema de corrupção na subsidiária da Petrobrás e também o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) que, segundo o delator, teria pedido a ele recursos ilícitos para a campanha de Gabriel Chalita (PMDB) à Prefeitura de São Paulo em 2012.

Segundo o delator, todos os políticos citados por ele “sabiam” do funcionamento do esquema de corrupção capitaneado por ele na estatal e “embora a palavra propina não fosse dita, esses políticos sabiam, ao procurarem o depoente, não obteriam dele doação com recursos do próprio, enquanto pessoa física, nem da Transpetro, e sim de empresas que tinham relacionamento contratual com a Transpetro”. Ainda segundo Machado, nenhuma das doações solicitada por ele às empresas era lícita.

De acordo com Machado, empreiteiras que mantinham contrato com a estatal realizavam pagamentos mensais de propinas para políticos, parte por meio de entrega de dinheiro vivo e parte por meio de doações oficiais como forma de garantir os contratos com a estatal que era área de influência do PMDB. O delator assumiu a presidência da estatal em 2003, por indicação do presidente do Senado Renan Calheiros, dos senadores Jader Barbalho, Romero Jucá e Edison Lobão e do ex-presidente José Sarney, todos da cúpula do PMDB e que foram beneficiados com propinas do esquema.

Ele admitiu ainda que administrava a estatal visando “extrair o máximo possível de eficiência das empresas contratadas pela estatal, tanto em qualidade quanto em preço” e que outros políticos, além dos responsáveis por sua indicação ao cargo, também se beneficiaram do esquema criminoso.

“O depoente também repassou propina, via doação oficial, para os seguintes: Cândido Vaccarezza (PT), Jandira Feghali (PC do B), Luis Sérgio (PT), Edson Santos (PT), Francisco Dornelles (PP), Henrique Eduardo Alves (PMDB), Ideli Salvatti (PT); Jorge Bittar (PT), Garibaldi Alves (PMDB), Valter Alves, José Agripino Maia (DEM), Felipe Maia (DEM), Sergio Guerra (PSDB, morto em 2014), Heráclito Fortes (PMDB), Valdir Raupp (PMDB); que Michel Temer pediu ao depoente que obtivesse doações oficiais para Gabriel Chalita, então candidato a prefeito de São Paulo”.

Em delação premiada, Sérgio Machado envolveu diretamente o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) e outros 20 políticos em propinas da estatal. O delator revelou uma suposta operação de captação de recursos ilícitos, envolvendo Temer e o senador Valdir Raupp (PMDB-RR), para abastecer, em 2012, a campanha do então candidato Gabriel Chalita (PMDB) para a Prefeitura de São Paulo.

“O contexto da conversa deixava claro que o que Michel Temer estava ajustando com o depoente era que este solicitasse recursos ilícitos das empresas que tinham contratos com a Transpetro na forma de doação oficial para a campanha de Chalita”, revelou Machado à Procuradoria-Geral da República.

De acordo com o delator, Michel Temer lhe disse que estava com problema no financiamento da candidatura do Gabriel Chalita e perguntou se ele poderia ajudar.

“O depoente disse que faria um repasse através de uma doação oficial no valor de R$ 1,5 milhão.”

O delator apontou o nome de uma empreiteira que teria feito repasse. “Ambos acertaram o valor, que ficou em R$ 1,5 milhão; que a empresa que fez a doação – no valor ajustado – foi a Queiroz Galvão”.

 

 
IMAGEM ILUSTRATIVA
 
Agricultor é executado com armas de calibre 12, 44 e 765; Serra Talhada registra o 19º homicídio
 
1 comentário em Agricultor é executado com armas de calibre 12, 44 e 765; Serra Talhada registra o 19º homicídio
 
Serra Talhada registrou o 19º homicídio do ano na manhã desta terça-feira (14). A morte aconteceu no sítio Carnaubinha, na região de Serrinha, na zona rural. De acordo a Polícia Civil, em conversa o FAROL, a vítima foi identificada como Cícero Sebastião Leite, 58 anos. Ele foi alvejado com pelo menos 13 tiros de diferentes calibres. A esposa de Cícero também estava na casa, mas os suspeitos pouparam sua vida.
 
Ao FAROL, o comissário de polícia, Cornélio Pedro da Costa informou que a polícia não descarta a hipótese de um crime de vingança. “No local encontramos pelo menos 13 cápsulas espalhadas no local do crime com os calibres 12, 44 e 76.5. O crime teria sido executado por três elementos mascarados e vestidos de preto que chegaram na residência por volta de 1h da manhã quebrando tudo, arrombaram a porta. A esposa da vítima estava na casa, mandaram ela sair e o mataram”.
 
No dia 30 de maio Serra Talhada registrou a 18º morte vitimando Geovane Bernardo da Silva, 24 anos. O corpo dele foi encontrado nas proximidades do bairro da Cohab 

 

Assaltantes explodem banco em São José da Tapera, no Sertão de AL

 
 
Assaltantes explodem banco em São José da Tapera, no Sertão de AL
 
Um grupo criminoso explodiu a agência do Bradesco da cidade de São José da Tapera, no Sertão de Alagoas, na madrugada desta terça-feira (14), danificando o prédio onde funciona o banco.
 
O bando seria formado por pelo menos dez pessoas, que chegaram na cidade com pelo menos três veículos. Por volta das 3h, a explosão no interior da agência acordou moradores das proximidades do banco. Segundo informações, a quantidade de explosivos usada pelo grupo pode ter sido excessiva, porque, além de destruir os caixas eletrônicos, toda a área interna da agência bancária ficou danificada.
 
 
Durante a fuga, os criminosos incendiaram uma picape próximo a uma das saídas no município. Há suspeitas de que o veículo seria um dos utilizados pela quadrilha no crime e que o incêndio teria sido provocado para impedir uma possível perseguição policial e fazer com que os assaltantes ganhassem tempo na fuga. Até o início da tarde de ontem, o proprietário do veículo incendiado não havia sido identificado.
 
O incêndio do veículo leva a polícia a suspeitar que a quadrilha que roubou o Bradesco em São José da Tapera é a mesma que foi responsável por uma tentativa de assalto à agência do mesmo banco no município de Jacaré dos Homens, na segunda-feira da semana passada. Na ocasião, os explosivos colocados pelos criminosos nos caixas eletrônicos falharam e a quadrilha não conseguiu efetuar o roubo. Durante a fuga, os assaltantes incendiaram um veículo para impedir a chegada de reforços da polícia no município.(Via: Gazeta Alagoas)

Sebastião Oliveira garante que PR terá nome para representar projeto do grupo

 

Sebastião-Oliveira-1O Presidente estadual do PR, Sebastião Oliveira emitiu nota esta noite sobre a desistência do candidato Fonseca Carvalho à prefeitura de Serra Talhada.

A notícia foi duplamente desafiadora para Sebastião. Primeiro, porque Serra é uma cidade estratégica para as pretensões estaduais do partido. Segundo, porque cria um imbróglio para o próprio Oliveira resolver, por ter como principal base a Capital do Xaxado.

“Quando convidei Dr. Fonseca para ser nosso candidato confiei na sua imagem, como candidato honesto, trabalhador e disposto resolver os grandes desafios da nossa terra. Conseguimos, durante esse período, a sintonia e apoio do governador Paulo Câmara, do deputado Inocêncio Oliveira e de diversos líderes políticos serratalhadenes, assim como presidentes de partidos aliados”, disse.

Oliveira lamentou o anuncio. “Lamento sua desistência, pois confiavamos plenamente em sua eleição. Mas é certo porém que não podemos exigir de ninguém sacrifícios, mesmo sabendo que a tarefa política é uma verdadeira peleja e um permanente sacrifício pessoal. Reafirmo que o PR tem a honra em contar com um quadro brilhante como doutor Fonseca e deseja toda sorte de bênçãos para ele e os seus”.

Sebastião disse esperar que ele contribua com a construção de uma sociedade mais justa e com oportunidades que possam transformar a vida das pessoas pra melhor. “Esse é sonho e a alma do PR, o partido irá se reunir ainda esta semana para escolher um candidato que possa representar o nosso projeto e principalmente os anseios da população da nossa querida Serra Talhada’.

Concluiu a nota: “Encerro ainda, utilizando-me do livro mais sábio da da Bíblia Sagrada, o livro de Eclesiastes capítulo 9, versículos, 11 e 12a:

Nas minhas investigações debaixo do sol, vi ainda que a corrida não é para os ágeis, nem a batalha para os bravos, nem o pão para os prudentes, nem a riqueza para os inteligentes, nem o favor para os sábios: todos estão à mercê das circunstâncias e da sorte. O homem não conhece sua própria hora.”

 

 

cozinha

No último dia 8 de junho o prefeito Luciano Duque (PT), inaugurou, com direito a fogos de artifícios, a cozinha comunitária do bairro Bom Jesus. A construção do equipamento se arrastou desde o governo Carlos Evandro e foi apelidada de ‘caveira de burro’ por demorar tanto a ser inaugurada.

Nessa terça-feira (14), uma semana após a inauguração, a reportagem do Farol de Notíciasvisitou o local com a expectativa de encontrar pessoas se alimentando. Mas nada feito. A cozinha encontra-se fechada e, por enquanto, sem serventia, contrastando com a sua finalidade

 

 

O que Eduardo Cunha ainda vai enfrentar

 

http://infogbucket.s3.amazonaws.com/infopapelaba/psd/o-que-cunha-vai-enfrentar/cunha-desk.jpg

 

‘Já arquivei cinco pedidos de impeachment contra Janot, esse vou avaliar’, afirma Calheiros

Renan Calheiros (PMDB-AL)

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), deu a entender que não rejeitará de pronto um pedido de impeachment contra o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que foi protocolado nesta segunda-feira (13), no Senado. “Nos últimos meses, já arquivei cinco pedidos de impedimentos do procurador-geral da República, eu entendi que as petições eram ineptas. Essa, eu vou avaliar”, disse.

O pedido foi feito por duas advogadas ligadas ao movimento pró-afastamento de Dilma Rousseff. Elas argumentam que Janot deu tratamento diferenciado a políticos do PT e do PMDB que estariam envolvidos em “situações análogas” na Lava Jato.

Em geral, Renan rejeita de imediato pedidos de impeachment contra ministros do Supremo e contra o procurador-geral, que devem ser protocolados obrigatoriamente no Senado e cuja aceitação é avaliada monocraticamente pelo presidente da Casa. Recentemente, Renan foi flagrado em um diálogo em que chamava Janot de “mau-caráter”.

Em abril, Renan fez forte discurso no plenário do Senado após recusar um pedido de impeachment do ministro do Supremo Marco Aurélio Mello, feito por integrantes Movimento Brasil Livre (MBL), que também defende o afastamento de Dilma Rousseff.

 “Não podemos ser levianos com a democracia, nem subestimar a importância da separação dos poderes da República. É hora de o Legislativo ser Legislativo, de o Judiciário atuar como Judiciário e de o Executivo se portar como Executivo”, disse à época.

Inquérito

Ao ser questionado sobre o pedido de impeachment de Janot, Renan se confundiu e entendeu que a pergunta era sobre o novo inquérito que o Supremo abriu nessa terça contra ele e outros membros da cúpula do PMDB. O presidente do Senado acabou dando uma declaração inesperada. “Lamento essa obsessão comigo”, disse desconsertado. 

Mais cedo, Renan evitou comentar sobre a abertura de novo inquérito. As declarações foram feitas antes de o ministro do STF, Teori Zavascki rejeitar seu pedido de prisão feito pela PGR.

 

 

 

 

Veículo sem documentação apreendido em São José do Egito: A GT local realizava a Operação Duas Rodas quando foi acionada pela central da 3ª CPM, informando que na Av. Central, V. S. estava trafegando no ciclomotor Shineray sem placa. Durante a abordagem o mesmo informou não possuir CNH ou PPD. Também não portava os documentos do veículo. O ciclomotor foi recolhido ao SETRANS local. A operação contou com o apoio da ROCAM.
 
Jovens flagrados com drogas em Carnaíba: Ao realizar a Operação Fecha Batalhão , nas proximidades da Escola Municipal Cônego Luiz Gonzaga Vieira de Melo, a equipe da GT Local observou J. E., 24 anos e um adolescente de 16 anos em atitude suspeita. Ao realizar uma busca pessoal foi encontrado escondido na cueca de J. E. aproximadamente 29 gramas da droga conhecida com maconha, acondicionada em três sacos plásticos, e com o adolescente também escondida em sua cueca aproximadamente 30 gramas da mesma droga, acondicionadas em 11 sacos plásticos (papelotes). A testemunha se encontrava em companhia dos mesmos, porém, no momento da abordagem nada de ilícito foi encontrado em seu poder. Todos os envolvidos juntamente com o material apreendido foram repassados a delegacia de polícia local.
 
Violência doméstica e apreensão de arma de fogo em Santa Terezinha: A GT local foi solicitada pela vítima na parte da amanhã de ontem (14), informando que teria sido vitima de uma agressão sofrida do companheiro no dia anterior por volta das 23h30min. D. R., 45 anos, teria agredido a vítima no interior da sua residência, resultando em hematomas no braço direito e na perna direita além, de um ferimento na testa que foi provocado por uma coronhada de espingarda. Após as informações da vítima foram feitas diligências, sendo o agressor localizado no centro da cidade, deslocando a guarnição a casa do mesmo, foi encontrado uma espingarda de cal. 28, marca BOITO, nº de série 899820, com 06 (seis) munições deflagradas, mais 28 intactas. O policiamento verificou que a arma apresentava registro vencido desde 2014. Diante dos fatos as partes foram conduzidas a delegacia de polícia local, onde foi informado pelo o agente plantonista que seria adotado o procedimento administrativo da arma vencida e um flagrante de violência doméstica em portaria.
 
Motociclista desobedece policiamento e foge em Brejinho: A GT local estava em patrulhamento quando se deparou com um indivíduo conduzindo uma motocicleta CG 125 Titan, em alta velocidade. Quando o efetivo conseguiu se aproximar do condutor foi dada a ordem de parada que não foi obedecida pelo mesmo, que empreendeu em fuga adentrando em um lugar com muitas árvores abandonando assim a motocicleta e fugindo do policiamento. Não foi possível identificar o homem. Foram realizadas notificações administrativas de trânsito, e o veículo removido para o depósito do DETRAN em Afogados da Ingazeira.
 
Desacato em Tabira: A ROCAM realizava rondas quando se deparou com J. R., 20 anos, que ao perceber a presença do policiamento, agiu de forma suspeita. Realizou-se uma abordagem com revista pessoal, momento em que, o imputado desacatou as ordens, como ameaçou a guarnição. Diante da resistência foi necessário o uso da força e a utilização de algemas para conduzir o imputado a Depol local para ser confeccionado um TCO.
Cidades Acessando Blog

Panificadora Samuel
Escola Monteiro Lobato
 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!

Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

Siteemonteirolobato.com.br

Dr. Jamildo Carvalho
Desfile Cívico Escola M.L

AABB

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!